Arquivo Mensal

Julho 2017 - page 2

Destaques

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo/Opinião port
António Matias

Primeiro que tudo quero pedir desculpa por ter demorado tanto a redigir estes comentários, mas mais vale tarde que nunca. Por isso, vamos já direitos aos assuntos que me trouxeram aqui.

As nossas estrelas não nos têm faltado com emoções fortes: primeiro foi a vitória na Bélgica do José Gonçalves. Vencer no pelotão internacional não é para todos e esta vitória é para nós uma enorme alegria e um bom presságio para o que poderá mostrar-nos na Volta a Espanha. Mas antes da Vuelta, onde veremos certamente o José brilhar, acontecerá a Volta a Portugal, onde esperamos, ansiosamente, ver o Domingos Gonçalves “partir a loiça toda”. Ele já nos provou nos campeonatos nacionais que o melhor Domingos está de regresso. Foi maravilhoso o espetáculo que nos proporcionaste no, também maravilhoso, circuito de Gondomar. ”Obrigado Domingos“. Também no campeonato nacional, e nas corridas mais recentes, o João Matias mostrou que está a ficar um ciclista mais consistente, audaz e trabalhador, tendo merecido a confiança dos seus diretores e tê-lo-emos, por isso, presente pela primeira vez na Volta a Portugal, para trabalhar para o seu chefe de fila e eventualmente discutir uma ou outra etapa. “Força João!“ Conta connosco. Nós contamos contigo.

A.C.R. Roriz nos Campeonatos Nacionais

A equipa de cadetes de Roriz, sob o comando do Martinho Machado, deu uma “machadada” na concorrência, pela mão de Pedro Silva, o “matador de serviço”, que venceu no sprint final, num percurso que parecia desenhado à sua medida, com toda a eficiência e grande capacidade que todos lhe conhecemos; aliás, toda a equipa tem demonstrado uma unidade e solidariedade inquebráveis que nos fazem acreditar, a nós dirigentes e também aos patrocinadores certamente, que vale a pena investirmos tudo o que pudermos neste grande grupo de trabalho, tendo a certeza que o retorno desse investimento será sempre satisfatório. Nos juniores, com a falta de um grande sprinter na equipa, e num percurso plano com uma subida curta no final, era complicado para os nossos trepadores conseguirem chegar ao pódio. Foi neste contexto que apareceu o nosso Hélder “Sagan” Gonçalves a discutir uma posição no pódio, no sprint final. Não ganhámos nenhuma medalha mas, certamente, ganhámos um grande ciclista, para estar aqui na próxima época e levar a camisola de campeão para casa. Estou contigo, Hélder.




Quanto à Volta a Portugal de Juniores, não pude estar lá por motivos de saúde mas tendo em linha de conta a importância desta prova e a maneira quase profissional como todas as equipas portuguesas a encaram, não posso deixar de estar feliz pois, com o sexto lugar do Pedro Lopes, na geral individual, melhorámos o record da nossa melhor classificação de sempre, que pertencia ao Francisco Moreira, com o seu sétimo lugar no ano passado. Já agora, destaco aqui o nosso primeiro ciclista júnior a atingir o top-ten na volta, Ricardo Oliveira de seu nome, “Vilela” entre os amigos.

Em destaque no campeonato Nacional de juniores, esteve, sem dúvida, o Fábio Costa. Destaco-o, não só porque é barcelense mas, também, porque gosto da sua maneira de correr. O ciclismo precisa de corredores de ataque como tu, pois vocês são o “sal” do espetáculo monótono que é o ciclismo sem fugas. Tu foste campeão em Castelo de Vide! (haja quem me desminta.)

Saudações desportivas. Boas férias. Todos à Volta (de coisas boas)!

Por: António Matias*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Escuteiros de Barcelos a caminho do Acampamento Nacional, em Idanha-a-Nova

É já no próximo dia 31 de julho que arranca o 23º Acampamento Nacional do Corpo Nacional de Escutas (ACANAC) e o Núcleo de Escuteiros de Barcelos levará um contingente de cerca de 350 elementos para nele participarem, até dia 6 de agosto.

O evento, a maior atividade escutista a nível nacional, que se realiza de cinco em cinco anos, terá lugar em Idanha-a-Nova, no Centro Nacional de Atividades Escutistas, pela terceira edição consecutiva.

Dos vários agrupamentos do Núcleo de Barcelos partirão, então, mais de três centenas de elementos, para se juntarem aos 22 mil inscritos, que farão deste o maior acampamento nacional de sempre. Na edição anterior, que detém o recorde, estiveram 17 mil. Para se ter uma ideia, durante a semana do acampamento, a população local aumenta um terço.

Os escuteiros barcelenses partem na manhã do dia 31 de julho, em conjunto, num grupo de seis autocarros, sendo que todo o material necessário para a atividade (madeira para as construções, tendas, fogões, etc.) arrancam já no próximo sábado. Em Vila Frescaínha, hoje, pelas 21h30, estará um camião pronto a recolher o material dos escuteiros barcelenses e, de imediato, transportá-lo para Idanha-a-Nova.

Para o sucesso da participação barcelense no acampamento, foi decisivo o apoio da autarquia, parceira do Núcleo em várias atividades.




O Acampamento Nacional tem já quase 100 anos de história, dividida em 22 edições. A primeira aconteceu em 1926, em Aljubarrota, Leiria, tendo nove dias de duração.

O CNE – Corpo Nacional de Escutas – é a maior associação juvenil portuguesa, estando enquadrada na World Organization of the Scouts Moviment (WOSM), a associação que rege o escutismo mundial. Em Portugal, existem mais de 60 mil escuteiros e cerca de 13 mil dirigentes, adultos voluntários que trabalham em prol das crianças e jovens para o sucesso das suas atividades.

Fonte: NEB.

Imagens: DR.

IPCA: Diretoras das Escolas Superiores de Design e de Hotelaria e Turismo tomam posse

Atualidade/Concelho/Educação port

A Presidente do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), Maria José Fernandes, deu, ontem, posse às diretoras da recém-criada Escola Superior de Hotelaria e Turismo (ESHT), Alexandra Malheiro, e da Escola Superior de Design (ESD), Paula Tavares.

Em ambas as intervenções das tomadas de posse, Maria José Fernandes realçou que, no futuro, estas escolas terão um papel fundamental para o crescimento e a notoriedade do IPCA.

Relativamente à ESHT, a recém-empossada presidente do IPCA aproveitou a cerimónia para anunciar o acordo entre a Câmara Municipal de Guimarães e os proprietários da Quinta do Costeado, onde ficará instalada a futura Escola-Hotel. Um projeto ambicioso, que leva Maria José Fernandes a considerar que “a Escola Superior de Hotelaria e Turismo é, para os próximos quatro anos, a maior prioridade e a primeira aposta do IPCA”. Não só “porque é a mais nova, mas também porque terá de ser, obrigatoriamente, um projeto diferenciador num contexto em que o setor está em crescimento, mas onde também há muita concorrência”.

Daí que Maria José Fernandes tenha apelado ao esforço de todos para o sucesso deste projeto: “o sucesso da nova escola depende muito não só da diretora, Alexandra Malheiro, mas também de todos os docentes”.

Por seu turno, a diretora da ESHT fez questão de recordar, logo no início da sua intervenção, que “esta escola teve por base dois desígnios estratégicos estabelecidos no plano de ação do nosso anterior presidente [do IPCA], o estimado Prof. João Carvalho”. Ou seja, “a afirmação do IPCA na área do Turismo, por um lado, e também a sua implementação na região do Ave, efetivando a realidade de um verdadeiro Instituto Politécnico do Cávado e do Ave”.

Alexandra Malheiro realçou, igualmente, a parceria, desde o primeiro instante, com a Câmara Municipal de Guimarães que “acreditou neste projeto e tornou-se um aliado do IPCA na prossecução destes objetivos, nascendo assim a Escola Superior de Hotelaria e Turismo, que terá a sua sede em Guimarães”.

A nova e também primeira diretora da ESHT disse ter assim, em mãos, “o filho mais novo do IPCA, o que inspira sempre grandes cuidados”. E agradeceu à nova presidente da instituição, Maria José Fernandes, a confiança nela depositada ao entregar-lhe “este recém-nascido”.

Com plena consciência de que se trata do “maior desafio” que enfrenta no IPCA em 17 anos de serviço, Alexandra Malheiro afirmou que “este modelo de Escola-Hotel pretende afirmar-se no panorama nacional e internacional como uma escola de reconhecido mérito na formação de estudantes nas áreas da hotelaria, do turismo, da inovação alimentar e em áreas afins”.

“Pretendemos que seja uma escola aberta ao exterior, em permanente interação com a comunidade, quer pela prestação de serviços diários de hotelaria e restauração, quer na investigação aplicada que procure resposta para os problemas concretos das empresas do setor, quer na oferta formativa adaptada às exigências do mercado e constantemente adaptável às mudanças que nele forem ocorrendo”, acrescentou.




ESD leva o IPCA ao centro de Barcelos

Na tomada de posse de Paula Tavares, que continuará a desempenhar as funções de diretora da Escola Superior de Design (ESD), a presidente do IPCA disse esperar que a ESD “continue o seu caminho, com a muita qualidade e diferenciação que tem evidenciado ao nível da oferta formativa e da investigação aplicada”.

Recordando que a existência da Escola Superior de Design, criada há apenas dois anos, “muito se deve à luta e ao esforço” da sua diretora, a presidente do IPCA considerou que Paula Tavares “merece inaugurar, daqui a um ano, as novas instalações”, na antiga escola primária Gonçalo Pereira, fruto do acordo estabelecido com a Câmara Municipal de Barcelos. “A ESD vai ser uma grande aposta em termos de representação do IPCA no centro da cidade”, realçou Maria José Fernandes, aludindo ao projeto que está já aprovado para as novas instalações, situadas frente ao campo da feira de Barcelos.

Após o ato de tomada de posse para o novo mandato como diretora da ESD, Paula Tavares sublinhou ser “uma honra” fazer parte da nova equipa dirigente do IPCA e recordou, depois, a evolução em termos qualitativos e quantitativos da oferta educativa da escola desde a sua criação, há dois anos, bem como o aumento substancial do número de atividades promovidas.

“Já no campo da investigação fizemos uma conquista que esperamos que comece a dar frutos em breve, integrámos o centro de investigação em design e novos media, o ID+, em conjunto com a Universidade do Porto e a Universidade de Aveiro. Fazemos parte, portanto, de um consórcio na área da investigação em design com duas das maiores universidades portuguesas”, destacou.

Sublinhando ter consigo “uma equipa forte, de carreira e com sentido de responsabilidade para os próximos anos”, Paula Tavares anunciou para “muito em breve” o início da obra no novo edifício da ESD, mantendo no Campus os laboratórios. “É intenção uma maior ligação do IPCA a Barcelos, levando para o coração da cidade, não só o Design, mas a marca IPCA. Juntos somos, seremos, melhores e mais fortes”, concluiu.



Fonte e foto: IPCA.

10ª Corrida de Rolamentos em Macieira de Rates

Atualidade/Concelho/Desporto port

No próximo domingo, dia 30 de julho, a Viver Macieira – Associação Ambiental, Cultural e Desportiva de Macieira de Rates organiza a 10ª Corrida de Rolamentos, na “descida do picoto”.

A prova tem o início marcado para as 14h30 e contará com carrinhos de rodas de borracha e drif trike. As inscrições podem ser feitas através do contacto 96 728 33 07, pelo e-mail vivermacieira@gmail.com ou, mesmo, pela página da Associação no Facebook.

O evento conta com o apoio do Município de Barcelos, da Junta de Freguesia de Macieira de Rates, Fisiobal24H e Moto Clube Macieira de Rates.




Imagem: Facebook de VM.

Jogos do Rio 2017 terminam com muita animação e enchente no areal

Atualidade/Concelho/Cultura/Desporto port

Terminou, no último sábado, a edição de 2017 dos Jogos do Rio, uma organização dos Amigos da Montanha com o apoio da Câmara Municipal de Barcelos e da Junta de Freguesia de Barcelinhos, que pelo décimo nono ano consecutivo dinamizou o Areal de Barcelinhos, nos sábados de julho, chamando a este local milhares de pessoas.




E a jornada final dos Jogos do Rio não só voltou a colorir o areal de Barcelinhos, na tarde do último sábado, como teve, também, uma verdadeira enchente. A animação marcada para o encerramento prometia uma grande festa e foi isso que aconteceu, com o calor a marcar presença e a tornar essa tarde numa das mais animadas de sempre dos Jogos do Rio.

Ao baloiçar das atividades sempre presentes nesta edição do “McDonald’s Barcelos XIX Jogos do Rio”, como por exemplo o muito concorrido slide e as piscinas, os insufláveis, as canoas e os workshops Água Segura (Águas de Barcelos) e Pinturas Faciais (McDonald’s Barcelos) e a saída de Campo para observação de fauna e flora do rio Cávado, juntaram-se as modalidades de crossfit, dinamizada pelo Crossfit de Barcelos, o karaté, pelo Clube de Karaté de Barcelos, e uma exibição de dança pelo Nico Dance Studio. E com muitas crianças e jovens a levarem ao rubro a animação no areal, a dança continuou com o Maximo Gymnasius e a disciplina de aerodance, conduzida pelo professor Nené, e, para finalizar num ambiente surpreendente, a novidade deste ano foi a festa da espuma que se viveu ao ritmo do zumba numa aula energizante com a instrutora Luciana Silva, a levar muita gente para o espaço e a conferir muito divertimento e convívio no final de tarde. E todos quiseram aproveitar até ao último momento, com os mais pequenos a deliciarem-se nesta animação.

Antes da aula de zumba, houve o sempre esperado momento da entrega de prémios às equipas em competição nos torneios feminino, masculino e de infantis. Para achar os vencedores, enquanto na zona de lazer se vivia esta grande animação com o programa a preencher por completo todos os momentos da tarde, nos campos jogaram-se as últimas partidas de futebol e voleibol, no torneio de seniores masculinos, onde se disputou ainda a prova de orientação.

No torneio de infantis, decorreram os últimos jogos de futebol, corrida de sacos e a competição de triatlo. Em femininos viveram-se os momentos finais do torneio com os jogos de futebol e voleibol e a corrida de sacos.

Em infantis, a classificação geral conferiu o título de vencedor ao FC Roriz. Em futebol e triatlo triunfou o Gil Vicente FC. Na corrida de sacos a vitória foi para o ADC Remelhe e na canoagem e atletismo para o ACD Alcaides de Faria.

Em femininos, a equipa vencedora da classificação geral foi o FC “Os Académicos”, que também triunfou na modalidade de corrida de sacos, atletismo e na canoagem dividiu o primeiro lugar com os “Laranjinhas”, equipa que arrecadou a vitória no futebol. O Barcelinhos Team ganhou no voleibol.



Em seniores masculinos, o grande vencedor da edição de 2017 foi o Fórum Jovem que ganhou, ainda, a modalidade de Canoagem. Em atletismo, triunfou a Juventude da Pousa, em orientação o Fairplay Cardoneiva e em voleibol e futebol, o E.Leclerc Júnior.

Na contagem de prémios, espaço ainda para o Fairplay e o Menino do Rio, que premeiam as equipas e o atleta em destaque nos torneios, e que estão entre os mais aguardados, até porque o fairplay é definido pelos Amigos da Montanha como o grande centro desta iniciativa. Em infantis, a ADC Remelhe levou para casa o título de fairplay e Rodrigo Machado, do AD Carreira, foi o “menino do rio”. No setor feminino, o troféu de fairplay foi entregue à equipa Alpha e Daniela Campos, do FC “Os Académicos”, foi a “menina do rio”. No torneio seniores masculinos, João Fernandes, do E.Leclerc Júnior, foi eleito o “menino do rio” e o prémio fairplay foi entregue a RTG Textiles.

As tardes dos dias 1, 8 e 17 e 22 de julho foram preenchidas com muito desporto, animação, música, dança e muitos outros divertimentos que todos podem encontrar nos Jogos do Rio e que têm participação gratuita. E é neste espírito de animação, lazer, desporto, ambiente e fairplay que os Amigos da Montanha já começam a pensar os Jogos do Rio 2018 que comemorarão o vigésimo aniversário.






Fonte e fotos: AM.

Gil Vicente apresenta Rui Miguel como novo reforço

Atualidade/Concelho/Desporto port

Hoje, por volta do final da tarde, o Gil Vicente Futebol Clube, através da sua página na rede social Facebook, apresentou o novo reforço para a frente de ataque gilista. Chama-se Rui Miguel e chega da Académica de Coimbra.

Rui Miguel Marinho dos Reis, conhecido no futebol por Rui Miguel, tem 33 anos, é um avançado de bom porte atlético, e já leva uma longa carreira no “desporto rei”.

Iniciou, nas camadas jovens, na Académica de Coimbra, onde começou como sénior. Depois, passou por Sporting de Pombal, Tourizense e deste clube, onde atuou por empréstimo dos “estudantes”, transferiu-se para a Bulgária, onde representou, sucessivamente, o Lokomotiv de Mezdra e o CSKA de Sófia. Teve uma breve passagem pelo Kilmarnock, da Escócia, voltando à “sua” Académica em 2011/2012. Desde então, já representou o Penafiel, o Moreirense e, de novo, a Académica, de onde se transfere para a equipa barcelense.




À página oficial do clube, no Facebook, Rui Miguel referiu que o projeto do Gil Vicente “é o melhor projeto para esta fase” da carreira dele

“Este é o melhor projeto para esta fase da minha carreira”, salientando que vem para uma equipa que tem um projeto bem definido, sendo que os objetivos da direção entusiasmaram o jogador. Em relação aos objetivos desportivos, refere que “vamos pensar jogo a jogo, na certeza que iremos ter um grupo focado e muito determinado”.

Foto: GVFC.

Arraial do Cruzeiro, dos Escuteiros de Silveiros, realiza-se no próximo sábado

Atualidade/Concelho/Cultura/Desporto port

Sábado, dia 29 de julho, o Agrupamento de Escuteiros 1150 – Silveiros, leva a cabo o seu já tradicional Arraial do Cruzeiro, sendo esta a XVI edição. Este evento realiza-se sempre no último mês de julho, sendo que este não “foge à regra” e a festa terá lugar no Largo da Igreja, em Silveiros.

Pelas 14h30, dá-se a abertura da Feira e meia hora após, a abertura do Bar. Por volta das 16h30, realiza-se uma aula de zumba, dirigida por Adriana Araújo, do Via Saudável Fitness Club.

Já ao entardecer, pelas 19h00, é hora do jantar, com feijoada e bifanas. Com o estômago “reconfortado”, os presentes poderão assistir, por volta das 22h00, ao espetáculo do grupo musical NortUcha.

O chefe de Agrupamento, Adelino Santos, em resposta ao Barcelos na Hora, referiu que o evento tem como “objetivos gerais criar e estreitar laços afetivos com a comunidade e, como objetivos específicos, angariar fundos financeiros para custear as despesas de funcionamento do Agrupamento e, este ano em particular, para as obras de conservação e manutenção da sede, que foi alvo de intervenção para reparar os estragos decorrentes da infiltração de água”.

Obviamente que os custos dessas obras serão consideráveis e o chefe Adelino Santos salienta que para “que este desiderato seja atingível, recorremos a este formato de evento porque tem sido colocado à prova ao longo destes 16 anos e tem tido muito sucesso”.

Questionado sobre se o Agrupamento teria outras ajudas, para além das institucionais, como o Município de Barcelos e a União de Freguesias de Silveiros e Rio Covo (Santa Eugénia), o referido Chefe disse que “a comunidade é generosa e doam-nos bens para vendermos na feirinha, que abre pelas 14h30, e é muito gratificante ver a quantidade de pessoas que a ela acorre”.




Adelino Santos quis destacar dois momentos do Arraial, “no período da tarde há sempre animação e este ano teremos uma aula de Zumba, com a participação da Adriana Araújo, do Via Saudável Fitness Club. Por volta das 22h00, entrará ‘ao serviço’ o grupo musical NortUcha, para animar as hostes e é muito bom ver a quantidade de pessoas ávidas por este momento de dança”.

Sobre o jantar, enalteceu “as mães” que ajudam nesse ponto do programa, referindo que “com as mãos generosas e doces das mães dos escuteiros, e outras mães sem ligação ao movimento, tem sido confecionada uma excelente e já afamada feijoada, servida ao jantar, pelos escuteiros, ao ar livre, no Largo da Igreja”.

São já 16 edições deste Arraial do Cruzeiro, 16 anos a prepararem e a organizarem este evento. O Chefe Adelino explica que um dos motivos para tal refere-se ao facto de “a grande quantidade de pessoas que adere é de tal forma elevada que tem-nos ‘empurrado’ para que esta iniciativa não pare”.

Por fim, Adelino Santos, e o seu Agrupamento, deixam um apelo aos leitores: “esta festa só existe porque as pessoas assim o querem e, por isso, lanço o convite para que apareçam sábado, em Silveiros, para poderem ver com os vossos olhos aquilo que sou incapaz de descrever por palavras”.

Imagem: AE1150-S.

Barcelos com bons resultados na eficiência financeira

Atualidade/Concelho/Política port

O concelho de Barcelos está entre os 100 melhores concelhos na eficiência financeira, segundo o ranking divulgado, no início desta semana, pelo Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses 2016.

O estudo, liderado pelo Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), é desenvolvido por especialistas independentes e coloca o Município de Barcelos em 11º lugar no ranking dos grandes municípios portugueses (com mais de 100 mil habitantes), no que diz respeito à eficiência global no ano de 2016.

No ranking global dos 14 municípios do distrito de Braga, o concelho de Barcelos obtém a terceira melhor pontuação global.

De acordo com o Município barcelense, o resultado “vem confirmar que o Município de Barcelos está no bom caminho em termos de gestão de recursos financeiros, numa lógica de execução orçamental assente no ajustamento da receita, mas, ao mesmo tempo, sem asfixiar o desenvolvimento do concelho”.




A posição obtida neste anuário reflete, segundo o Presidente da Câmara, “que o executivo tem feito as melhores opções em termos de modelo de gestão económica”.

Para Miguel Costa Gomes, estes resultados são conseguidos através de “um modelo de investimento descentralizador, que transfere competências para as freguesias”, dotando-as assim dos mecanismos necessários à realização de investimentos.

Fonte: CMB.

“Amo-te Barcelos” está de volta e promete animar as noites dos próximos fins de semana

Atualidade/Concelho/Cultura port

A partir do próximo sábado, dia 29 de julho, e até dia 2 de setembro, o Jardim das Barrocas é, de novo, o local onde se realiza o “Amo-te Barcelos” deste ano. O programa está repleto de muita animação e música.

Assim, dia 29 de julho, noite “Olha a Explosão”, atua MC Steven. Dia 4 de agosto é a vez da noite “Prata da Casa”, com a performance dos DJ’s AndRego e Daniel Garcia. A noite seguinte, “Kizomba”, traz Daduh King ao palco do “Amo-te”.

Passada uma semana, no dia 11 de agosto, noite “Gasosa”, é a vez de Laton Cordeiro abrilhantar a festa. Já na noite seguinte, “Brasil”, atua Rogerinho. No fim de semana seguinte, na noite “Yellow Worldwide Agency”, volta a palco o DJ AndRego e entra em ação o DJ Bruno R. Na noite seguinte, “Elas ficam loucas”, com Diego Faria e os All In DJS.

Já a chegar, infelizmente, ao final de agosto, na noite de 25, de “Arraial Minhoto”, atua Maria Leal para, na noite seguinte, “Despacito”, o espetáculo ficar a cargo de Stape & Arion. A noite de encerramento, dia 2 de setembro, coloca em palco Rafman / Cálculo e os All In DJS.




De salientar que estes últimos, assim como Lupper, Lee Faria, Mr. Kris, Joca, Marco Ferreira, Viktor Soul e Daniel Garcia serão os DJ’s residentes.

Festa de São Tiago em Cambeses

Atualidade/Concelho/Cultura port

Entre 28 e 30 de julho, realiza-se, em Cambeses, a festa em honra de São Tiago, num programa repleto de muita animação, música e religião.

No passado dia 25 de julho, realizou-se a missa cantada, no que deu início ao programa destas festas.

Sexta-feira, dia 28, pelas 21h00, realiza-se o sermão, procissão e eucaristia em honra de São Tiago. No dia seguinte, pelas 19h00, celebra-se a eucaristia solene em honra do Santo. Segue-se, pelas 22h00, a atuação do Grupo Folclórico de Viana do Castelo e do Rancho Folclórico e Recreativo Candoso S.Martinho, de Guimarães. Após a sessão de fogo de artifício, a noite será animada pelos DJ’s José Santos e Pedro Guimarães, com coreografias de Sílvia, da Sisi Animações.




No domingo, pelas 18h00, realiza-se a eucaristia e procissão em honra de São Tiago, procissão essa acompanhada pela Fanfarra dos Escuteiros de Cambeses. Pelas 21h30, realiza-se o espetáculo de Zé Amaro e sua Banda, encerrando a festa o fogo de artifício.

Fonte e imagem: AB.

Ir Para Cima