Arquivo Mensal

Outubro 2017

Tertúlia Temática debate o Cancro e a sua prevenção

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

Ontem, dia 30 de outubro, pelas 21h00, na sede da Associação Comercial e Industrial de Barcelos (ACIB), realizou-se a tertúlia temática “Cancro e Prevenção”, que contou com a presença de várias pessoas que quiseram, não só, associar-se à iniciativa como, também, adquirir mais conhecimentos sobre o tema.



O evento foi desenvolvido no âmbito do Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama que o Projeto OPEN B – Oportunidades, Parcerias e Empreendedorismo no Núcleo de Barcelos, em parceria com a Unidade de Psico-Oncologia da Liga Portuguesa Contra o Cancro – Delegação de Barcelos.

A sessão de abertura contou com a presença do presidente de direcção da ACIB – Eng. João Albuquerque; com o presidente da direcção da ATAHCA – Prof. José da Mota Alves; e, ainda, com o coordenador da Delegação de Barcelos da Unidade de Psico-Oncologia da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) – Prof. Manuel Magalhães.

Esta atividade, que assinalou oMês de Outubro Rosa”, pretendeu, de acordo com a organização, “sensibilizar a comunidade para a importância da Prevenção na Luta Contra o Cancro da Mama” e contou com a presença de especialistas na área – Dr. Hugo Sousa (Médico e Investigador), Dra. Marta Gomes (Médica responsável pela Consulta de Oncologia – Hospital Sta. Maria Maior de Barcelos) e Dra. Patrícia Oliveira (Psicóloga Clínica). A moderação da Tertúlia esteve sob a responsabilidade do Dr. Renato Martins – Psicólogo/Coordenador da Unidade de Psico-Oncologia do Núcleo Regional Norte da LPCC e Coordenador Nacional do Centro de Formação da LPCC.

Dr. Hugo Sousa

Fonte e fotos: OPEN B.

Corta Mato de Barcelos volta a ser prova de seleção para o Campeonato da Europa

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

Realiza-se no próximo dia 12 de novembro o “Campos & Lopes Corta Mato de Barcelos”, uma prova que será, pelo terceiro ano consecutivo, de seleção para o Campeonato da Europa de Corta Mato. A prova vai ser de seleção no escalão Sub-23 masculinos e femininos e, por isso, esperam-se em Barcelos os melhores atletas nacionais. Os atletas selecionados para o Campeonato da Europa de Corta Mato competirão com as cores de Portugal no dia 26 de novembro em Espanha (Alcobendas).



A terceira edição da prova, organizada pelos Amigos da Montanha, com o apoio da Câmara Municipal de Barcelos e da Associação de Atletismo de Braga, decorre nos terrenos contíguos ao Estádio Cidade de Barcelos.

O percurso, completamente vedado, será composto por volta pequena de 1000 metros e volta grande de 2000 metros. Haverá, também, uma volta de 500 metros para os infantis masculinos e femininos.

O Corta Mato é constituído por várias corridas dedicadas aos escalões de formação e seniores femininos e masculinos, que competem em diferentes distâncias. Decorrerá, igualmente, uma prova aberta na distância de 8 000 metros.

As inscrições podem ser realizadas no site da Associação de Atletismo de Braga.

Fonte e imagem: AM.

Dia histórico: Barcelos considerada hoje cidade criativa da UNESCO

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo/Política port

Em decisão de hoje, dia 31 de outubro, Barcelos acaba de entrar para a Rede de Cidades Criativas da UNESCO, a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência a Cultura, na categoria do Artesanato e Arte Popular.



Barcelos integra, com 64 novas cidades de 44 países, a rede internacional em sete domínios criativos: Artesanato e Arte Popular, Design, Cinema, Gastronomia, Literatura, Música e Artes e Media.

Torna-se, com o selo de Cidade Criativa da UNESCO, uma referência mundial em artes e ofícios tradicionais, um título inédito entre cidades portuguesas, sendo também a única representante da Península Ibérica e a segunda da Europa (a par de Fabriano, no centro de Itália).

A pretensão de Barcelos aderir à Rede de Cidades Criativas reconhecidas pela UNESCO, foi formalizada no passado mês de junho, numa iniciativa da Câmara Municipal que, de acordo com a mesma, “vem dar continuidade à aposta que tem vindo a ser feita na valorização do património material e imaterial do concelho. A candidatura foi sustentada no facto de a comunidade criativa local possuir um reconhecimento nacional importante, já que Barcelos é uma referência no artesanato, e desejar promover em redes internacionais as boas práticas e o ‘know-how’ adquirido ao longo dos séculos”.

Esta distinção é, para Miguel Costa Gomes, presidente da Câmara Municipal de Barcelos, “um motivo de orgulho” já que “esta chancela vem reconhecer e dignificar a comunidade criativa barcelense, os nossos produtos artesanais e o saber-fazer e a mestria dos nossos artesãos. É também um galardão que vem legitimar um concelho que se ergueu e se tem reinventado através da criatividade e o investimento que o Município de Barcelos tem vindo a fazer nesta área”. Com esta distinção, sublinha Miguel Costa Gomes, “sai reforçada a marca Barcelos, que sempre defendemos e acarinhamos como um património que nos foi legado e que temos de preservar para as gerações vindouras”. Defender “a marca Barcelos é defender a nossa cultura, uma tarefa que continuaremos a desenvolver com todo o nosso empenho e paixão”.

A terminar, Miguel Costa Gomes não esquece “aqueles que foram preservando as nossas tradições e que são, obviamente, os grandes homenageados”, dedicando o prémio a todos os barcelenses.

Criada em 2004, a Rede de Cidades Criativas visa estabelecer uma ligação e cooperação entre cidades que identificam a criatividade, a arte e a cultura enquanto fatores estratégicos para o desenvolvimento económico. Na prática, as cidades comprometem-se a colocar as indústrias criativas e culturais no centro da sua ação governativa.

A integração de Barcelos na Rede de Cidades Criativas da UNESCO vai permitir, entre outros, o reconhecimento internacional da tradição artesanal e da arte popular de Barcelos como um valor patrimonial, histórico e social, a criação de mais postos de trabalho, nomeadamente no turismo criativo e de experiências, o reforço da notoriedade e reputação da criatividade dos barcelenses nas suas diversas artes, a promoção da criação de estruturas de apoio à atividade artística e a valorização das oficinas criativas tradicionais e apoio a novas gerações de artesãos.

Barcelos figura, assim, entre a lista restrita de 36 cidades mundiais com distinção no domínio do Artesanato e Arte Popular. Vai juntar-se a Aswan (Egipto), Fabriano (Itália), Santa Fé (EUA), Icheon City (Coreia do Sul), Hangzhou (China), Paducah (EUA), Suzhou (China), Pekalongang (Indonésia), Nassau (Bahamas), Jingdezhen (China), Jacmel (Haiti), San Cristobal de Las Casas (México), Duràn (Equador), Lubumbashi (Zâmbia), Al Ahsa (Arábia Saudita), Isfahan (Irão), Bamiyan (Afeganistão), Jaipur (Índia) e Sasayama (Japão), Baguio City (Filipinas), Cairo (Egipto), Carrara (Itália), Chiang Mai (Tailândia), Chordeleg (Equador), Gabrovo (Bulgária), João Pessoa (Brasil), Kütahya (Turquia), Limoges (França), Madaba (Jordânia), Ouagadougou (Burkina Faso), Porto-Novo (Benin), Sheki (Azerbeijão), Sokodé (Togo), Tétouan (Marrocos) e Tunis (Tunísia).

A Rede de Cidades Criativas é agora formada por 180 membros de 72 países de todo o mundo. Em Portugal, existiam já dois municípios, desde 2015, com o título de Cidade Criativa – Óbidos, na área da Literatura, e Idanha-a-Nova, na área da Música. Barcelos conquista agora um lugar na Rede de Cidades Criativas da UNESCO, a par de Amarante, na área da Música, e Braga, na área de Artes e Media.

Fonte e imagem: CMB.

Foto: DR.

Presidente da Câmara inaugura relvado sintético da Associação Desportiva e Cultural de Carapeços

Atualidade/Concelho/Desporto port

No passado dia 29 de outubro, o Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Miguel Costa Gomes, inaugurou o relvado sintético da Associação Cultural e Desportiva de Carapeços, numa cerimónia que envolveu toda a comunidade local.



A inauguração oficial começou com o descerramento da placa, que contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal, Miguel Costa Gomes, do Presidente da Junta de Freguesia, Hélder Tomé, e do Presidente da ACD Carapeços, César Ferreira, seguindo-se depois a bênção solene pelo pároco da freguesia, João Antunes.

Nos discursos, o Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Miguel Costa Gomes, manifestou a sua satisfação ao inaugurar mais uma moderna infraestrutura desportiva e referiu que “este ato é motivo de grande orgulho, que muito nos honra”, assinalando que “ esta é uma obra da Câmara e dos carapecenses” e “que os jovens podem agora praticar desporto com mais segurança e mais comodidade.”

Por sua vez, o Presidente da Junta de Freguesia, Hélder Tomé, agradeceu ao Presidente da Câmara “que, desde o início deste projeto, convictamente, sempre acreditou que Carapeços precisava de um relvado sintético para permitir que os jovens e adultos tivessem condições para a prática desportiva”. Terminou, dizendo que “sem o apoio dos carapecenses, que se empenharam de forma árdua e persistente, tal feito não era possível com tanta brevidade ”.

O Presidente da Associação Desportiva e Cultural de Carapeços, César Ferreira, referiu que “ sempre acreditou na concretização do relvado sintético, mas que sem o apoio do Município e da população tal não seria possível. A freguesia de Carapeços e o Clube há muito mereciam este espaço para praticar desporto com qualidade”.

A entrada em funcionamento do novo recinto desportivo, um exemplo de equipamento que o Município pretende generalizar, representa a concretização de um sonho antigo da comunidade. A requalificação do Campo de Futebol da Associação Desportiva e Cultural de Carapeços teve um investimento de 100.000,00€, num acordo de colaboração pelo período de 4 anos (2017-2021).

Fonte: CMB.

Fotos: CMB e ADCC.

Barcelos Treino Militar inicia campanha solidária e recolha de bens para as populações afetadas pelos fogos deste ano

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

O grupo Barcelos Treino Militar iniciou uma campanha de solidariedade e de recolha de bens por forma a ajudar as populações afetadas pelo flagelo dos fogos que assolou várias localidades portuguesas, resultando na perda de vidas e de bens materiais.



“Tal como todos os portugueses nos últimos meses, temos estado em choque com o que aconteceu em diversos pontos do nosso país. Os fogos destruíram vidas, casas, empresas e bens como nunca antes se tinha visto”, “todos nós sofremos um pouco com eles”, referem os organizadores.

Agora que o pior parece ter passado, “o que importa é reconstruir o que há para reconstruir e apoiar, naquilo que for possível, o refazer de vidas que começam do zero, gostaríamos de apelar ao envolvimento de todos”, salientam.

Os organizadores contactaram pessoas que estão no terreno e foram-lhes indicadas as maiores necessidades dessas populações, como bens alimentares com prazo de validade muito longa; bens alimentares que substituam as culturas que foram dizimadas pelos fogos (batatas, cebolas, por exemplo); rações/alimento para animais (fardos de palha, etc…); mobiliário/eletrodomésticos (camas, colchões, cadeiras, mesas, fogões, frigoríficos, arcas, etc…), entre outros.

O Barcelos Treino Militar pretende ir recolhendo os bens desde já mas apenas os entregarão daqui a algumas semanas.

Segundo eles, “as instituições locais estão com pouca capacidade de armazenamento e têm receio que daqui a algum tempo as ajudas diminuam, mas as necessidades das populações se mantenham”.

Solicitam, a quem queira participar, que entre em contacto com eles, podendo fazê-lo através da sua página no Facebook (basta clicar no link):

https://www.facebook.com/barcelostreino.militar/?ref=br_rs.

Ou, então, pelos contactos pessoais de Pedro Vale Moreira (96 6412621; pedro.ismael@gmail.com) e/ou Francisco Fernandes (fernandes.francisco88@gmail.com).

Caso pretenda transmitir aquilo com que pode ajudar, pode utilizar, igualmente, o formulário que se segue (basta clicar):

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdC4ULTs64o3sv0u-oAJ7X3WZNnK2wbUHIUOkzaTB4LNvXxyQ/viewform.

Como se pode constatar pela imagem de destaque, os pontos de recolha são a Junta de Freguesia de Galegos São Martinho, os Bombeiros Voluntários de Barcelos, o Armazém Central (Vila Frescaínha São Martinho), a APACI (Lijó) e a Associação Cultural e Recreativa de Chorente.

Fonte e imagem: BTM.

IPCA torna o seu Campus mais verde, saudável e seguro

Atualidade/Concelho/Educação port

No próximo ano prevê-se a abertura das novas instalações da Escola Superior de Tecnologia e da Biblioteca do IPCA no Campus do IPCA.



O IPCA “é uma instituição com preocupações no campo da responsabilidade intergeracional, vocacionada para a proteção do ambiente e a promoção de estilos de vida saudáveis. A política do IPCA assenta num Campus ‘amigo’ de todos, sem esquecer os que têm necessidades especiais, designadamente com a inexistência de barreiras arquitetónicas”, refere a instituição barcelense em nota enviada a este jornal

Os acessos, quer por via pedonal, quer pela via automóvel, que se encontram quase prontos, tornam o Campus ainda mais amplo e mais aberto à comunidade. Os espaços verdes, seguros e monitorizados, estão a crescer e a mobilidade sustentável começa a ganhar dimensão com a ciclovia e a futura promoção do uso de bicicletas através do projeto U-BIKE. A construção de um Pavilhão multiusos vai proporcionar a prática frequente de desporto no Campus, assim como o desenvolvimento de atividades laborais e lúdicas.

Desta construção, é de destacar a promoção da eficiência energética por sistema fotovoltaico, e consequente melhoria de eficiência energética dos edifícios ao nível da climatização e iluminação, que constituem um Campus seguro e responsável.

Nesse contexto, de acordo com o IPCA, o seu Campus “assenta em três linhas direcionais: CAMPUS VERDE, que ambiciona deixar uma pegada ecológica, através da criação de instalações eco-friendly, em que o consumo de energias fósseis e esgotáveis seja reduzido ao mínimo e em que sejam preservadas as características naturais do ecossistema envolvente; CAMPUS SAUDÁVEL, que aspira a ambientes de trabalho saudáveis, com condições propícias ao exercício das diversas atividades laborais, docentes e não docentes, nas melhores condições possíveis à promoção da saúde humana; CAMPUS SEGURO, nos termos do qual se pretende prover o Campus de condições de segurança e monitorização que permitirão a utilização dos espaços com à vontade, a qualquer hora do dia ou da noite”.

Para além da reconstrução do Campus destaque para as novas instalações da Escola Superior de Design, no centro da cidade de Barcelos, e da construção da Escola-Hotel (Escola Superior de Hotelaria e Turismo) que vai ficar situada no concelho de Guimarães, num edifício histórico.

Fonte e imagem: IPCA.

Equipa de Orientação dos Amigos da Montanha com destaques na Taça de Portugal

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

No passado fim de semana, a equipa da orientação dos Amigos da Montanha (AM) participou em mais uma prova de orientação pedestre a contar para o ranking da Taça de Portugal.



Destaque para a jovem atleta dos AM, Mariana São Bento (atleta à direita, na foto de destaque), de apenas 13 anos, que foi a melhor portuguesa no seu escalão, sendo apenas batida por uma atleta sueca e uma espanhola. Também em destaque esteve Rodrigo Lima, que venceu em H14.

Nos lugares do pódio ficaram, ainda, Jorge Silva, 2º classificado em H55, e Anabela Freitas, 3ª classificada em D40.

No sábado, em Grândola, disputou-se uma prova da distância média, num terreno limpo, com muitos detalhes técnicos, que permitia boa progressão, mas que exigia muita concentração, dado que não existiam caminhos ou outras referências que pudessem ajudar os atletas.

Já no domingo, a etapa de distância longa disputou-se em Santiago do Cacém num mapa bastante sujo de matos e onde a progressão se fazia preferencialmente por caminhos.

Fonte e foto: AM.

 

Programação de novembro do Teatro Gil Vicente marcada pela diversidade

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

Durante o próximo mês de novembro, o Teatro Gil Vicente trará animação, quase diariamente, à cidade. A destacar o teatro, havendo lugar também para música, cinema, dança, formações e conferências.



Nos dias 1, 4 e 5 realizam-se, em parceria com a ESMAE – Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo e A Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos, um conjunto de formações na área do Teatro, que têm continuidade até dezembro.

No dia 4, às 21h00, será inaugurada a Exposição de Fotografia de Marta Gaspar, “Urbanidades”.

A Associação ZOOM – Cineclube de Barcelos apresenta quatro noites de cinema: “Extensões do 25.º Curtas Vila do Conde”, no dia 2; “A Noiva estava de luto” de François Truffaut, no dia 16; “Weekend” de Jean-Luc-Godard, no dia 23, e “Hardly Working” de Jerry Lewis, no dia 30. As sessões têm início às 21h30, e têm entrada paga.

A música marca presença no Teatro Gil Vicente, no dia 17, às 21h30, com “Kether/Travo/Quadra/Malcontent”; no dia 8, às 15h00, com a atuação do Grupo de Cantares da Cruz Vermelha de Campo, uma ação incluída no Programa Sénior, e nos dias 24 e 25, às 21h30, com “O Encontro de Coros”, uma iniciativa no âmbito do Projeto Artístico.

O IPCA – Instituto Politécnico do Cávado e Ave promove várias iniciativas no decorrer do mês: no dia 3, às 22h00, a Noite de Serenatas, no âmbito do “XII Barca Celi – Festival de Tunas Cidade de Barcelos”; nos dias 10 e 11, às 9h00 e 18h00, o evento “Digicom 2017 – Conferência Internacional de Design e Comunicação Digital”, e no dia 22, às 21h00, terá lugar o espetáculo solidário “Aqui há Dança”, do Fundo de Emergência do IPCA.

A dança marca presença no dia 15, às 21h00, com as habituais sessões da Folk Sessions Barcelos, da Coreto – Associação para a Promoção de Artes e Culturas.

O teatro chega ao palco do Gil Vicente com espetáculos no âmbito do 30º Festival de Teatro de Barcelos: no dia 4, “As Férias no Algarve” apresentado pelo grupo Os Pioneiros da Ucha, às 21h30; no dia 5, “A Influência de Tanato”, pelo “Só Podia Teatrices&Companhia, às 16h00; no dia 11, “Noite de Núpcias de Gargalhadas”, pelo “Branselho” – Grupo de Teatro Amador da Pousa, às 21h30; no dia 12, “República de Mulheres”, pelo TPC – Teatro Popular de Carapeços, às 16h00; no dia 18, “Pequenos Crimes Conjugais”, pelo Teatro Fuori Rotta (Pádua-Itália), às 21h30; no dia 19, “O Genro Doutor”, pelo Teatro Experimental de Feitos, às 16h00; e, no dia 26, “Menina Júlia”, pela A Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos, às 16h00.

Mas estes não são os únicos dias em que o teatro passa pelo Gil Vicente. Nos dias 7 e 21, às 10h30 e 14h00, o Grupo de Teatro da APACI vai representar a peça infantil “O Principezinho”, um programa a pensar nos mais pequenos.

A grande maioria dos espetáculos tem entrada livre. Os bilhetes podem ser adquiridos no local, ou através de reserva por e-mail (tgv@cm-barcelos.pt) ou telefone (253 809 694).

Fonte e imagem: CMB.

Pré-venda do iPhone X esgotada, alta procura ou baixa produção?

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port
Diogo Sendim Lourenço

A pré-venda do iPhone X acabou de começar e…bem, se estás a ler isto,  fica a saber que já é tarde demais para tentar reservar o teu iPhone X há algum tempo – pelo menos para o lançamento.



Isto porque, embora a pré-venda ainda esteja aberta para o público em 55 países diferentes, aqueles que tentarem conseguir uma unidade do dispositivo terão que esperar para depois de 3 de novembro — ou seja, para depois do lançamento do smartphone em si. Obviamente, a Apple nunca iria revelar quantas unidades estavam disponíveis, mas o prazo para a entrega já deixa claro que as unidades em stock para o lançamento foram esgotadas.

Para piorar, o tempo de espera previsto já atingiu números absurdos: em apenas duas horas depois da pré-venda começar, o prazo para a chegada dos aparelhos foi para 5 a 6 semanas, nos EUA, segundo o BGR. E parece que o mesmo está a acontecer no resto do mundo.

Alta expectativa, baixa disponibilidade!

Se isso se deve à enorme expectativa do público para o poderoso e inovador aparelho? Certamente – afinal, como muitos esperavam pelas fracas vendas do iPhone 8, o público preferiu esperar algumas semanas para ter acesso ao modelo mais poderoso. Tudo isto, no entanto, reforça os rumores dos problemas de produção do iPhone X, que resultou numa disponibilidade de poucas unidades nas primeiras semanas do smartphone nas lojas.

A boa notícia, por fim, é que a Apple pelo menos garantiu que todas as suas lojas terão unidades do iPhone X em stock no dia 3 de novembro. Mas também recomenda que os interessados cheguem cedo às lojas para conseguirem adquirir o dispositivo – o que indica uma disponibilidade um tanto limitada.

Por: Diogo Sendim Lourenço*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Projeto “Be SOPRO” inicia em Barcelos

Atualidade/Concelho/Cultura/Educação/Mundo port

A SOPRO já iniciou o Projeto Be SOPRO em outubro, este que é um projeto financiado pelo Programa Erasmus+ e que tem em vista a receção de três voluntários, duas jovens de Itália e um jovem da Letónia, que estarão em Barcelos durante doze meses a organizar atividades desportivas, artísticas, culturais e de voluntariado para os alunos do Colégio La Salle e para a Comunidade de Barcelos.



O projeto Be SOPRO, aprovado pela Agência Nacional Erasmus+, Juventude em Ação, é um projeto de Serviço Voluntário Europeu (SVE) que iniciou com a chegada das duas voluntárias da SOPRO, que foram selecionadas por entre a candidatura de dezenas de voluntários italianos e em breve será a vez de um voluntário letão.

De acordo com nota enviada a este jornal, a SOPRO refere que “trabalha com três entidades parceiras, duas de Itália e uma da Letónia, que garantem o cumprimento das regras do programa Erasmus+, ajudam na seleção do jovem voluntário e fazem o acompanhamento dos jovens garantindo a sua integração e adaptação”.

O Serviço Voluntário Europeu faz parte do Programa Erasmus+ que aspira mudar a vida das pessoas e potenciar os projetos dos jovens, criando experiências e oportunidades, promovendo a mobilidade, impulsionando os resultados da aprendizagem, ligando pessoas através de laços culturais apoiados por um conjunto comum de valores, com base numa união de políticas de forma a promover o desenvolvimento social e o crescimento económico na Europa.

Oportunidades ERASMUS+ para jovens portugueses

A SOPRO, neste momento, tem duas vagas em aberto para jovens com idades compreendidas entre 18 e 30 anos, uma para a Letónia (11 meses) e outra para Itália (10 meses), com todas as despesas pagas pelo Programa Erasmus+

Projeto “Chocolate” em Gulbene, na Letónia, com a duração de 11 Meses

Tem como objetivo a organização de atividades com jovens para o desenvolvimento de competências nas áreas artísticas como: Dança, Teatro de Improviso, Workshops sobre criatividade, multimédia ou Música.

“The Power of the Care at the Community Service” em Recanati, Itália

Desenrolar-se-á por dez Meses, de 01/12/2017 a 30/09/2018. Procuram um(a) voluntário(a) com competências ao nível educativo, disponibilidade para trabalhar com crianças (4-10 anos) num contexto dinâmico e intergeracional. Tem como objectivo a organização de tarefas ecológicas, organizar atividades relacionadas com as Artes (música, arte, literatura, teatro e projetos audiovisuais), trabalhar as questões ambientais, desenvolvimento sustentável, promover a cidadania ativa e os princípios da comunidade europeia.

A SOPRO solicita aos interessados que os contactem através do 253 837 259, e-mail: voluntariado@sopro.org.pt; ou ainda, presencialmente de 2.ª a 6.ª feira, das 10H00 às 17H00, na Travessa Celestino Costa, Loja 10 em Barcelinhos.

Fonte e imagem: SOPRO.

1 2 3 10

Pin It on Pinterest

Ir Para Cima