Arquivo Mensal

Fevereiro 2019

Semana de vitórias forasteiras

Atualidade/Concelho/Desporto/Opinião port
Luís Gonçalves

Olá, caros leitores do BnH!

Mais uma semana cheia de futebol popular, cheio de emoções!



O tónico desta semana foram as vitórias forasteiras, tanto na primeira, como na segunda divisão.

Na 1ª divisão, houve apenas uma vitória caseira, 3 empates e as vitórias forasteiras foram 5.

Começo pelo líder, Carapeços, que foi uma das equipas a vencer fora de casa, embora fosse em terreno que bem conhece pois, como sabemos, o Silva, quando joga em casa, fá-lo no terreno do Carapeços. A vitória foi de 0-3.

Na perseguição continua o Remelhe, que não se fez rogado e também venceu, por 0-3 e fora de casa, o Negreiros.

O Carvalhal foi a Fonte Coberta vencer por 2-4 e continua assim, também, na perseguição ao líder.

O Leocadenses foi a Balugães vencer, também por 0-3. As 4 equipas da frente foram, todas elas, vencer em terreno alheio e todas elas com 3 ou mais golos marcados.

A única equipa a vencer em casa foi o Oliveira, que recebeu e venceu o Leões da Serra, por 1-0. Continua, assim, tudo igual no que diz respeito à liderança e às perseguições.

Na próxima jornada, destaco o Carvalhal-Campo, Carapeços-Fonte Coberta e o jogo da jornada, o Remelhe-Oliveira.

Na segunda divisão, o líder Paradela empatou a 1, em casa, com o sempre difícil Águas Santas.

O Aborim foi a Cambeses vencer pela margem mínima; 1-2 foi o resultado final. Reduziu de 3 para 1 a diferença pontual para o Paradela.

O Lama não aproveitou o empate do líder e fez o mesmo resultado, só que a 2 bolas, frente ao Estrelas de São Pedro.

O beneficiado foi o Milhazes pois fez os trabalhos de casa. Digo isto pois foi a única equipa a vencer em casa e, com isto, aproveitou para subir ao 4º lugar, ultrapassando o Feitos, que perdeu perante o seu público frente ao Cristelo.

Continua a luta pela subida. Vai ser de roer as unhas até ao fim! E a próxima jornada não vai ser decisiva, mas com jogos que dá vontade de estar presente em todos eles. Senão vejamos: o dérbi São Martinho-Estrelas São Pedro, São Mamede-Feitos, Aborim-Milhazes e o Lama-Paradela. Que jogos fantásticos temos nesta 2ª divisão na próxima jornada!

À imagem do futebol profissional, o popular também terá jogos a meio da semana, mas a contar para a 2ª eliminatória da Taça, no dia 5 de março, terça-feira de Carnaval, logo pelas 10h00. O corso carnavalesco vai trazer aos aficionados do futebol popular os seguintes jogos: Oliveira – Feitos, Leões da Serra – Fragoso, Cristelo – Lijó, Carapeços – Pereira, Remelhe – Aborim, Campo – Negreiros, Silva – Sequeade e Carvalhal – Fonte Coberta.

Por esta semana é tudo.

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Festival Internacional de Teatro em destaque na programação de março do Teatro Gil Vicente

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

No próximo mês de março, o teatro está em destaque no Gil Vicente, com o FESTIBA – Festival Internacional de Teatro de Barcelos.



A programação do Teatro Gil Vicente inicia com o espetáculo “IPCA Solidário”, no dia 1 de março, às 21h30, espetáculo que reverte a favor da Associação de Apoio a Doentes com Leucemia e Linfoma. A entrada custa 3€ e destina-se a maiores de 6 anos.

O FESTIBA – Festival Internacional de Teatro de Barcelos é uma iniciativa organizada pela A Capoeira- Companhia de Teatro de Barcelos em colaboração com o Município e rege-se, não só, pela participação de grupos internacionais, mas também, pela apresentação de dramaturgias estrangeiras, deixando sempre espaço para o que é português. Uma linha de programação pensada para o público, com o objetivo de promover o interesse pelo teatro nas suas mais diversas variantes e promover a abertura e linguagens e culturais teatrais diferentes.

Para celebrar o Dia Internacional da Mulher e abrir as honras do FESTIBA, no dia 8 de março, às 21h30, o Teatro das Beiras apresenta a peça “Donna Sala”. No dia 16 de março, às 21h30, é a vez d’A Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos levar ao palco a peça “Menina Júlia”. No dia 17, a Associação – No Encalço das Ideias promete divertir com a peça “Eu sou o meu avô”, um espetáculo em que os espetadores participam ativamente na peça. No dia 23, às 21h30, a Companhia de Teatro de Braga estará presente com um texto pertencente ao realismo alemão com o Concerto “à la care” de Franz Xaver Kroetz.

Nos dias 10, 24 e 27, o teatro é dedicado aos mais pequenos, às 16h00 e 21h30, respetivamente.

No dia 10, às 16h00, o teatro recebe a peça “Bzzzoira Moira”, pelo Teatro e Marionetas de Mandrágora. Trata-se de um espetáculo com marionetas inspirado num conto popular do norte do país, com seres fantásticos.

Nos dias 24 e 27, a Capoeira- Companhia de Teatro de Barcelos está de volta para a estreia da peça “Pinóquio”, o tradicional conto italiano do menino de madeira, representado com marionetas. No dia 27, dia em que se comemora o Dia Internacional do Teatro, sobe a palco o divertido e fantasioso espetáculo de Nikolai Gogol “O Nariz”.

No dia 29, às 21h30, o Teatro Fuori Rotta de Itália apresenta um grande sucesso de teatro contemporâneo italiano a peça “Novecento”, de Alessandro Barrico.

Para encerrar o FESTIBA, no dia 31, às 16hh00, será apresentada a peça “Pão Nosso”, do Teatro de Balugas, de Barcelos, espetáculo vencedor do Festival de Teatro Popular de Barcelos 2018 que promete trazer a palco o ciclo do pão através de memórias, cantigas e ofícios.

No domínio musical, o Teatro Gil Vicente recebe, nos dias 9 e 30 de março, dois concertos no âmbito do triciclo. No dia 9, às 17h00, o serviço educativo está de regresso. Depois de em dezembro terem juntado jovens músicos locais com a Academia de Música de Viatodos, desta vez é a comunidade cigana que vai ser envolvida.

O espetáculo “identidade”, coordenado pelo músico Samuel Martins Coelho, vai juntar jovens do projeto Galo@rtis, do Centro Social Abel Varzim, com artistas locais. A entrada é gratuita.

No dia 30, às 22h00, é a vez do espetáculo de “B Fachada” que chega a Barcelos para apresentar o disco “viola braguesa x”.

Ainda no âmbito musical, o Ciclo Jazz ao Largo está de volta ao Teatro Gil Vicente e promete uma dinâmica musical no dia 15, às 22h00, com o espetáculo dos Eyebrow.

O Cineclub Zoom leva ao Teatro Gil Vicente três filmes: “O Ladrão Profissional”, de Michael Mann, no dia 12, às 21h30; no dia 19, “Bob, o jogador”, de Jean-Pierre Melville, e, no dia 26, “Fim de semana no ascensor”, de Louis Malle. As sessões de cinema têm início às 21h30 e têm entrada paga.

Ainda no âmbito da programação cultural do mês de março, regressa o HARMOS Festival ao Salão Nobre dos Paços do Concelho, com os seguintes espetáculos: no dia 21, “Lipsia Quintet”, no 22, “Vicit Quartet” e, no 23, “Tandru Trio”, sempre às 21h30. Este Festival, que vai na sua 13ª edição, é um conceito único em todo o espaço europeu que reúne os melhores alunos de algumas das mais conceituadas escolas superiores de música.

Fonte e imagem: CMB.

Município de Barcelos adapta instrumentos de gestão territorial às necessidades das empresas

Atualidade/Concelho/Política port

Pedidos de regularização de atividades económicas propicia investimento

A Câmara Municipal de Barcelos vai proceder à integração no PDM de 14 unidades produtivas que foram submetidas ao Regime Excecional de Regularização das Atividades Económicas (RERAE).



Com entrada em vigor, em janeiro de 2015, do Decreto-Lei n.º 165/2014, os estabelecimentos e explorações que não disponham de título válido de instalação ou de título de exploração ou de exercício de atividade, incluindo as situações de desconformidade com os instrumentos de gestão territorial vinculativos dos particulares ou com servidões administrativas e restrições de utilidade pública e, também, a alteração ou ampliação dos estabelecimentos ou instalações que possuam título de exploração válido e eficaz, mas cuja alteração ou ampliação não sejam compatíveis com aqueles instrumentos de gestão, podem requerer a regularização da sua situação.

Desde a entrada em vigor daquele diploma, foram apresentados ao Município de Barcelos 58 pedidos ao abrigo do RERAE, sendo que 14 deles implicam alterações do Plano Diretor Municipal (PDM), pelo que o executivo municipal aprovou a proposta de alteração do PDM e a abertura de discussão pública, para esse efeito.

São, então, 14 as unidades que foram objeto de parecer favorável ou favorável condicionado em conferência decisória, sendo sete dedicadas à atividade agrícola, seis a exploração agrícola-pecuária, uma dedicada à atividade industrial.

A aprovação dos 58 pedidos de regularização destas empresas, com 14 a implicarem a alteração ao PDM, “representa uma aposta forte do Município no apoio ao investimento privado, ao permitir a legalização das instalações para posterior ampliação e reestruturação das unidades produtivas”, salienta o Município em nota.

Todos estes pedidos implicaram o reconhecimento de interesse público (RIP’s), um mecanismo desenvolvido pela Câmara Municipal que ultrapassa já os 140 pedidos, que têm permitido novos investimentos por parte de empresas nas áreas da indústria transformadora, pecuária, comércio, serviços. 

Fonte e foto: CMB.

Curso de Teatro

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

A Neverland Formação leva a cabo um curso de teatro, que se desenrolará entre 5 de março e 18 de junho, em Sequeira – Braga.



As sessões realizam-se às terças-feiras, entre 21h30 e as 23h00, e são destinadas a alunos dos 13 aos 130 anos.

Para efetuar as inscrições, use o e-mail neverland.aventura@gmail.com ou o contacto 910 671 909 (Diana Aguiar).

Imagem: DR.

Câmara de Barcelos inventaria pontes, viadutos, túneis e passagens

Atualidade/Concelho/Mundo/Política port

Protocolo com a Universidade Lusófona e Laboratório Nacional de Engenharia Civil

A Câmara Municipal de Barcelos vai inventariar pontes, viadutos, túneis, passagens superiores, passagens inferiores e passagens hidráulicas existentes no concelho de Barcelos, e que estejam sob a sua responsabilidade direta, tendo em vista a realização de intervenções que se venham a mostrar necessárias à segurança de pessoas e bens.



Para o efeito, o executivo municipal aprovou a implementação projeto “Reconhecer”, desenvolvido pela Universidade Lusófona (UL) e pelo Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) de Lisboa, através de protocolo envolvendo as três entidades.

Segundo o documento aprovado pelo executivo é “possível não só potenciar a definição de uma estratégia de acompanhamento das condições das obras de arte, mas, também, facilitar a orçamentação da sua manutenção e posicionar o Município de Barcelos como uma das autarquias a implementar um plano de inventariação das obras de arte sob a sua responsabilidade direta e, assim, promovendo uma maior proteção permanente de vidas humanas”.

Segundo as cláusulas do protocolo, a Câmara Municipal auxilia na identificação das obras de arte, dá acesso ao arquivo municipal das infraestruturas e apoia logisticamente as equipas de trabalho da UL e do LNEC. Estes, por sua vez, identificam a localização e o tipo de estrutura de cada obra de arte, propõem inspeções e elaboram relatórios.

A ação realiza-se durante nove meses e incide sobre cem obras de arte, podendo esse número ser alargado. Representa um investimento do Município no valor de 29.985,00€, acrescido de IVA à taxa legal em vigor.

Fonte e foto: CMB.

Mil betetistas a pedalar pelos trilhos de Barcelos

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

Os trilhos de Barcelos receberam, no último domingo, um milhar de atletas de BTT, que partiram da Av. da Liberdade, no centro Histórico de Barcelos, para a 13ª edição do Amorim&Filhos Trilho dos Moinhos.



O dia foi quase de verão, o que tornou os trilhos excelentes para os betetistas pedalarem pelos 42 km de prova, percorrendo caminhos de 15 freguesias do concelho, situadas a norte e a sul do rio Cávado que passaram duas vezes, uma delas através de um dos grandes atrativos deste ano, a plataforma flutuante dos Amigos da Montanha, que uniu as freguesias de Fornelos e Perelhal.

No final, na linha de meta, repetiam-se as opiniões dos participantes. “Percurso excelente, trilhos muito bem escolhidos e muito bem marcados” sempre fantástico e surpreendente”. E também na meta, à semelhança do que acontece, por exemplo, nos abastecimentos e até mesmo nos trilhos, viam-se imagens do ambiente de animação e convívio entre os participantes que carateriza este passeio.

Como sempre, os Amigos da Montanha procuraram trilhos diferentes, renovando o percurso em cada ano, para que se mantenha a atratividade, permanecendo também a beleza dos trilhos e das paisagens ou a espetacularidade dos singletracks. Fazendo jus ao nome, o Trilho dos Moinhos, organizado pelos Amigos da Montanha com o apoio da Câmara Municipal de Barcelos, apresenta um percurso à descoberta do maior número e dos mais bonitos moinhos ainda existentes no concelho, que outrora foram meio de subsistência das gentes locais e que continuam recheados da história de um povo. Desta vez, foram mais de uma dezena os que se encontravam pelo percurso, alguns deles concentrados no bonito local escolhido para o abastecimento geral, em Paradela.

É sempre a pensar em “preparar tudo para receber os participantes que a equipa de BTT trabalha, durante meses, no terreno, a planear a atividade para que ela seja excelente para quem nos dá o prazer de vir viver connosco este passeio caracterizado pelo convívio”, refere Davide Ferreira, diretor da prova e presidente adjunto da associação. “Procuramos que tudo esteja ao melhor nível de organização e por isso há um cuidado especial na escolha e na marcação do percurso para que seja ao gosto dos participantes”, salienta. Importante é, também, a colaboração de mais de uma centena de voluntários no dia da prova para apoio nos 42km de percurso ou na zona da meta, a quem Davide Ferreira deixa um agradecimento, nomeadamente a atletas, colaboradores e sócios dos Amigos da Montanha, para além dos jovens das Escolas Secundária de Barcelos e PROFITECLA.

O Trilho dos Moinhos, tal como as restantes atividades dos Amigos da Montanha, tem uma crescente preocupação ambiental. Os abastecimentos não foram feitos com o uso a garrafas de plástico, mas convidando os atletas a encherem os seus bidons, tentando, de forma crescente, reduzir o uso de plástico nas provas. Recorde-se que os Amigos da Montanha substituíram já as tradicionais fitas de marcação de plástico por fitas de tecido reutilizáveis.

Embora não se caracterize como uma prova de competição, o cronómetro está lá e quem anda na linha da frente luta para ser o mais rápido. No domingo, David Vaz “voou” para a meta e foi o primeiro a chegar à Av. da Liberdade. O cronómetro contava 1h34m37s quando o atleta da equipa Amigos do Desporto/KTM cortou a linha da meta. Cerca de três minutos depois (1h37m25s) Manuel Pereira (Lobos de Aver o Mar) e Carlos Brito (Team Trovador) discutiram, ao sprint, os restantes lugares do pódio e ocuparam o segundo e terceiro lugares respetivamente.

No setor feminino Jéssica Costa (Guilhabreu BTT) foi a primeira a terminar (2h07m05s) seguida da barcelense Fátima Melo (Barcelos Team Portugal) com o tempo de 2:09:27. Leandra Gomes (Batotas) fechou o pódio da geral feminina (2:12:30).


No pódio de paraciclismo, Júlio Costa (BTT Braguinhas) repetiu as vitórias de 2017 e 2018, com o tempo de 2:37:15 e o segundo lugar foi ocupado por Rui Paulo Machado da New Cycle Team (3:19:35).


Na categoria Elite, em masculinos, Nuno Silva (Moinho Vermoim/Avebikers) foi o vencedor, seguido de Tiago Correia (Arada Atlético Clube) e Artur Amorim (Lobos Averomar BTT).

No setor feminino, o pódio foi ocupado por Jéssica Costa e Leandra Gomes.

Em Masters A masculinos, David Vaz voltou a subir ao lugar mais alto do pódio, acompanhado por Manuel Pereira e Nuno Gomes (Batotas/Ponte de Lima/Procycle Braga). Na mesma categoria, em femininos, triunfou Fátima Melo, seguida de Conceição Carlos e Manuela Pontes.

Carlos Brito saiu vencedor na categoria Master B e foi acompanhado no pódio por Filipe Brito (Controlsafe/V.N. Famalicão) e Raul Amaral (Team Trovador), no segundo e terceiro lugares, respetivamente.

António Veloso (Amigos do BTT de Barcelos) foi o mais rápido em Master C, seguido de Manuel Costa (Spac BTT) e Joaquim Batista (Lobos Averomar BTT).

A completar a atividade, durante a manhã, e depois de alguns exercícios de aquecimento com o Maximo Gym, realizou-se um percurso pedestre que deu a conhecer alguns espaços de Barcelos. Entre os participantes, contavam-se, na maioria, pessoas que acompanharam os betetistas na sua vinda ao concelho de Barcelos.

Fonte e fotos: AM e DR.

Barcelense Hélder Gonçalves em destaque no “Volta ao Ciclismo”

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

O blogue dedicado ao ciclismo “Volta ao Ciclismo” deu um enorme destaque ao jovem barcelense Hélder Gonçalves, formado na ACR Roriz, mas agora a representar a UD Oliveirense-InOutbuild.



O principal motivo é a sua idade. Aliás, a reportagem inicia com um “Que idade tens?”. Pois tem 18 anos e foi alvo dessa pergunta por parte de Steve Cummings e Wout Poels. Agora esteve a competir na Volta ao Algarve e não escondeu o choque quando soube que iria competir nessa grande competição, conjuntamente com vários grandes nomes do ciclismo mundial. Mais, foi o mais novo em prova e o mais novo de sempre.

Mas mais do que as nossas palavras, deixamos aqui o link para essa peça desse bom blogue. Aproveite, entre (basta clicar no link para aceder automaticamente) e leia esta boa entrevista deste jovem valor do ciclismo barcelense e nacional.

https://voltaaociclismo.blogspot.com/2019/02/pensava-em-junior-que-era-um-bom.html?m=1

Imagens: DR e Elisabete Silva.

Noite de Carnaval em Carapeços

Atualidade/Concelho/Cultura port

Numa organização do TPC – Teatro Popular de Carapeços, com a colaboração da Junta de Freguesia de Carapeços, realiza-se a Noite de Carnaval na Casa do Povo de Carapeços, a 4 de março, pelas 21h00.



O tema será dedicado ao cinema/teatro, com prémios individuais e coletivos entre os 50 e os 125 euros. Haverá animação, DJ e muito mais.

Imagem: DR.

Gil Vicente volta às vitórias

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

A jornada 23 da Série A do Campeonato de Portugal trouxe o Gil Vicente FC de volta às vitórias, depois delas andarem “arredias” há 3 jornadas.



No passado domingo, o Estádio Cidade de Barcelos recebeu as seguintes constituições das equipas:

Gil Vicente – Wellington, Bruno Morais, Rui Faria, Henrique Brito, Júnior, James Arthur, Juan Villa (Tiago Gomes, 79’), Ahmed Isaiah, Joãozinho (Pedro Araújo, 86’), Tanko e Bruno Lopes (Rui Gomes, 65’). No banco ficaram Espíndola, Marco Maia, Diogo Ramalho e Fábio Costa.

Mirandela – Pedro Fernandes, João Loureiro, Nuno Corunha, Gilberto Gomes (Carlos Ponte, 72’), Zé Ricardo, Tissone, Alex Porto, Kelvin, Carlos Eduardo (Manecas, 81’), Clayton Leite (Renato Reis, 65’) e Tiago Borges. No banco ficaram Tiago Mota, Luís Amorim, Rui Marujo e Austin Coelho.

O treinador Nandinho acertou em cheio nas substituições, com Rui Gomes, que entrara aos 65’ para o lugar de Bruno Lopes, a marcar o golo da vitória aos 74’.

Na próxima jornada, os gilistas deslocam-se ao terreno do Felgueiras 1932.

Foto: GVFC.

Conferência “Sol-Fora da Possibilitação” na Casa de Saúde S. João de Deus

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

No próximo dia 8 de março, pelas 18h00, realiza-se a Conferência “Sol-Fora da Possibilitação – o despertar da imaginação como vetor da ação transformadora // saúde, doença e capacitação”, organizada pela Casa de Saúde S. João de Deus.



Este evento surge no âmbito das comemorações do dia de S. João de Deus, tendo como conferencista o psiquiatra António Coimbra de Matos, que partilhará o palco do Fórum S. Bento Menni com o diretor clínico da referida Casa de Saúde, Zeferino Venade Ribeiro.

A participação é gratuita e não sujeita a inscrição prévia.

Imagem: DR.

1 2 3 11
Ir Para Cima