Barcelenses Inspiradores: Miguel Barroso

Agosto 1, 2019 Atualidade, Concelho, Desporto, Entrevistas, Opinião

A semana passada apresentámos o professor, coreógrafo e diretor artístico da ARCA Dance Studio, Daniel Costa, que nos deixou inspirados a cada linha. Esta semana será a vez de conhecermos Miguel Barroso.

Se tiver interesse em participar ou em sugerir alguém inspirador para esta rubrica, escreva para o email: barcelensesinspiradores@outlook.pt.



Miguel Barroso, treinador de ju-jitsu,  instrói uma equipa de atletas do CCO Barcelos, onde pode acompanhar aqui o trabalho desenvolvido: http://www.fjjdap.pt/index.php/clubes/85-cco-barcelos.

Possui o curso de treinador de ju-jitsu e de preparador físico pelo IPDJ. Alia a delicadeza e o perfecionismo que a confeção de pastelaria exige com a força e técnica das artes marciais. É ainda apaixonado pela pesca desportiva.



Quem és tu? Conta-nos quem és apenas como tu te conheces.

Sou Miguel Barroso, tenho 38 anos, sou natural de Barcelos. Considero-me uma pessoa de carácter honesto e procuro sempre corrigir os meus erros. Não vivo sem propor objetivos pois são as metas que nos fazem evoluir.

O que fazes é uma extensão de quem és?

Sim, de certa forma, reconheço que é!  Quando olho para o ju-jitsu, durante 25 anos de prática de artes marciais e cerca de 10 anos a dar aulas, por vezes, vejo o meu reflexo nas pessoas que aprendem aquilo que lhes ensino. Isso é muito gratificante e um sentimento muito altruísta que faz de nós seres humanos.

De que forma impactas a vida do próximo?

Prefiro que sejam os outros avaliar, mas acho que o impacto que crio é de motivação e autoestima e, por vezes, sinto que sou uma referência para alguns.

Se pudesses ter a atenção do mundo durante 5 minutos, o que dirias ou farias?

Diria que o mais valioso de todas as crenças é acreditar em nós mesmos e nunca desistir. Só quem resiste vence, nada dura para sempre, pois a vida traz sempre uma mudança. Não há dor que permaneça, nem felicidade que dure para sempre.  Para mim, são estas as regras da vida.

Ao longo da tua vida, quem foram algumas das pessoas que mais te influenciaram?

O meu irmão.

Atualmente, que figuras de influência tomas como exemplo?

Cristiano Ronaldo.  Por ser um grande atleta e ter uma crença enorme, nunca desiste de evoluir e quer sempre mais.

Diz-nos um barcelense que te inspire e porquê.

De momento não tenho nenhum, mas admiro todos os barcelenses que elevam o nome de Barcelos por todo mundo.

Como gostarias de ser recordado?

Não penso muito sobre depois da morte, mas talvez gostaria de ser recordado pela forma como lutei pelos meus sonhos e ser uma referência no ju-jitsu, na camaradagem, amizade e lealdade. 

Por: Sandra Santos (Poeta e Tradutora) e Iara Brito (Criminóloga)*.

(* A redação do artigo é única e exclusivamente da responsabilidade das autoras)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima