Cantares dos Reis nas ruas da cidade de Barcelos iniciam este domingo

Janeiro 10, 2020 Atualidade, Concelho, Cultura

Esta é uma tradição antiga que se tem vindo a recuperar e a afirmar como uma das manifestações culturais mais ricas da quadra festiva do Natal, reunindo, num só momento, o calor de 24 grupos de canto e dança etnográficos da região.



A iniciativa, que tem início às 14h00, nos dias 12 e 19 de janeiro de 2020, culmina na Avenida da Liberdade, onde os grupos confluem para uma última atuação, depois de percorridos diferentes percursos ao longo da cidade.

No dia 12, percorrem a cidade a Associação Folclórica de S. Miguel da Carreira, Grupo Cultural e Etnográfico de Aldreu, Grupo de Danças e Cantares de Barcelos, Grupo Folclórico de S. Lourenço de Alvelos, Rancho Folclórico do Centro Social de Aguiar, Rancho Folclórico e Etnográfico “A Telheira de Barqueiros”, Rancho Folclórico Nossa Senhora da Abadia, Rancho Folclórico S. Tiago de Carapeços, Grupo Folclórico Santa Maria de Moure, Associação Cultural, Desportiva e Recreativa de Lijó | Amigos Leais de Lijó e Ronda Típica da Associação Moradores do Bairro da Misericórdia.

Já no dia 19, atuam a Associação Etnográfica de Santa Maria de Gilmonde, Grupo de Danças e Cantares de Aldreu, Grupo Etnográfico de Danças e Cantares da Associação, Desportiva, Recreativa e Cultural de Gilmonde, Grupo Folclórico da Casa do Povo de Martim, Grupo Folclórico da Casa do Povo de Rio Côvo de Santa Eugénia, Grupo Folclórico de Barcelinhos, Grupo Folclórico de Tregosa, Grupo Folclórico Juvenil de Galegos Santa Maria, Rancho Folclórico de S. Martinho de Courel, Rancho Folclórico de Sta. Eulália de Oliveira, Modilhas do Neiva – Associação “A Mó”, Grupo de Cantares da Cruz Vermelha d´Campo e Cantadeiras Lírio do Neiva.

“Esta será uma das maiores produções de sempre dos Cantares dos Reis e fica marcada pelo contacto com a população, depois de ter passado pelo Pavilhão Municipal, pelo Theatro Gil Vicente e pela Câmara Municipal de Barcelos”, refere o Município em nota.

Associado ao nascimento de Jesus e à visita dos Reis Magos à gruta de Belém, a comemoração dos Reis marca, de forma simbólica, a época natalícia.

Fonte e imagem: CMB.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Dia de Derby

Esta semana temos o Derby da 2ª Circular! Benfica e Sporting enfrentam-se
Ir Para Cima