Capítulo 16 – Como acelerar o metabolismo? (Parte 1)

Novembro 7, 2018 Atualidade, Concelho, Cultura, Opinião
Sara Barbosa

Ouvimos muitas vezes dizer “não perco peso porque o meu metabolismo é lento”. Será mesmo assim? Haverá alguma forma de o conseguirmos acelerar? É essencial perceber que o metabolismo basal varia conforme a genética, a composição corporal, o género, a idade, o estado hormonal, a existência de certas patologias, etc. Por exemplo, à medida que a idade avança, o metabolismo basal diminui, uma vez que a taxa metabólica basal reduz cerca de 5% por cada década após os 30 anos, tornando mais difícil a gestão do peso.



A mesma pessoa possui diferentes valores de metabolismo basal nas diferentes fases da sua vida. E o que se entende por metabolismo basal? De forma muito simples e resumida, este reflete a quantidade de energia que o corpo necessita em repouso.

O nosso organismo transforma a energia obtida pelos alimentos, através de um conjunto de reações químicas, e utiliza-a quando é necessária para executar as diferentes funções. Cerca de 70% dessa energia é utilizada para manter as funções vitais, como a respiração, a digestão e o batimento cardíaco em repouso, sendo que este valor varia de indivíduo para indivíduo – metabolismo basal.

Quanto mais elevada for a taxa metabólica basal, mais energia se gasta em repouso e, portanto, mais fácil se torna a gestão do peso. Por esta mesma razão é que umas pessoas ganham peso e outras não, após a ingestão da mesma quantidade e tipo de alimentos.

Devemos, portanto, praticar uma alimentação que inclua termogénicos naturais, isto é, alimentos que aceleram o metabolismo, como chá verde, cafeina, pimenta, gengibre, óleo de coco, peixes gordos, laticínios, feijão, toranja, entre outros. Estes alimentos vão, de certa forma, “obrigar” o organismo a gastar mais energia.

Se gostou de perceber como funciona o metabolismo basal e se está curioso para saber o que deve fazer para o aumentar, fique à espera do próximo capítulo.

Por: Sara Barbosa*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade da autora)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Pin It on Pinterest

Shares
Share This

Partilha esta Notícia

Partilha com os teus amigos

Ir Para Cima