Capítulo 19 – A importância do sono para a manutenção do peso

Abril 3, 2019 Atualidade, Concelho, Cultura, Opinião
Sara Barbosa

Na sociedade atual, muitas vezes, descuramos as nossas horas de sono em prol de mais horas de trabalho. Em Portugal, estima-se que 70% da população vá dormir depois da meia noite. O sono é uma necessidade orgânica com efeito regenerador a nível metabólico e cerebral, pois ajuda a remover do cérebro os catabolitos e toxinas geradas pela atividade diária intensa. Quando dormimos, a parte cognitiva e emocional é reposta.



Está comprovado que a privação de sono tem um impacto profundo na qualidade de vida e no balanço energético e é um factor de risco para doenças metabólicas e para o aumento de gordura corporal. A alteração do ritmo circadiano normal, o nosso relógio biológico, desregula o perfil hormonal. Estudos demonstram que a massa corporal tende a ser mais baixa em indivíduos que dormem entre 7 a 8 horas por noite. Um sono diário com duração inferior a 7 horas por noite está associado a um aumento de peso.

Respeitar as horas de sono é, portanto, um dos comportamentos mais importantes a ter quando se pretende uma otimização da saúde e da composição corporal.

Por: Sara Barbosa*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade da autora)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima