Arquivo de Categorias

Atualidade - page 397

Janeiro 16, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura port barcelosnahorabarcelosnahora
joanamartins
Joana Martins

Deixo-vos com um dos poemas do meu livro “De passagem…”:

 

Vidro Partido

 

Deixei cair no chão

A confiança que restava

Partiu na minha mão

O vidro que segurava.

 

Depois de partido em pedaços

Não consegui mais acreditar

Que os seus estilhaços

Se voltassem a renovar.

 

A confiança perdi

No momento, em que o sangue jorrou

Na ferida que abri

Com o vidro, que na mão, me restou.

 

Às vezes, até eu,

Penso que de vidro sou

Deixo-me cair

“Parto” no que me magoou.

 

Mas o que me torna diferente

É que vidro partido

É vidro perdido

Enquanto eu,

Me levanto, me renovo, sigo em frente!

 

A confiança, essa, só o tempo

Me mostrará, se é possível voltar a acreditar

E mesmo que o vidro me “parta” de novo

Se valer a pena, escoo a sangrar!

 

Por: Joana Martins (poetisa barcelense).

Encontro de Atividades Aquáticas em Barcelos

Janeiro 16, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

Realiza-se no próximo dia 18 de janeiro, nas Piscinas Municipais de Barcelos, o 7º Encontro de Atividades Aquáticas Cidade de Barcelos, com provas a decorrerem entre as 10h00 e as 13h00.

O evento é uma organização da ANDDI-Portugal, com o apoio da APACI-Barcelos e do Município de Barcelos.

Num outro plano, a Câmara Municipal de Barcelos anunciou que as Piscinas Municipais encerrarão durante cerca de três meses para obras de requalificação.

 

Fonte e imagem: Agenda da CM de Barcelos

OC Barcelos conquista título distrital de Juniores

Janeiro 16, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

 A equipa barcelense alcançou o título distrital de juniores após levar a melhor sobre a AD Valongo. O troféu foi decidido no passado fim de semana, em dois jogos, com o OC Barcelos a vencer em casa por 4-3 e a empatar em Valongo a três bolas.

Acrescente-se que por falta de equipas juniores na Associação de patinagem do Minho, o OC Barcelos competiu na AP Porto.

Um título inédito para a formação barcelense. Depois da fase distrital segue-se o apuramento para a fase final de júniores, onde o OC Barcelos é o campeão nacional em título.

Texto: Miguel Bastos
Fotos: Frank Araújo

16117530_1299531306759881_1618963277_n

 

Violência doméstica

Janeiro 15, 2017 em Atualidade, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
regina
Regina Penedo

 

Todos nós ouvimos recorrentemente nos mass media “foi vítima de violência doméstica”.

Mas o que significa violência doméstica. Violência doméstica é um crime público que se encontra consagrado no artigo 152º do Código Penal e foi introduzido pela Reforma Penal de 2007 (Lei n.º 59/2007, de 04 de Setembro).

E, o que significa: violência doméstica é um crime público? Significa que qualquer pessoa que tenha conhecimento ou suspeite que uma pessoa está a ser vítima deste crime tem a obrigação de denunciar.

Por conseguinte, este artigo 152º do Código Penal refere que “Quem de modo reiterado ou não, infligir maus tratos físicos ou psíquicos, incluindo castigos corporais, privações da liberdade e ofensas sexuais:

  1. Ao cônjuge ou ex-cônjuge
  2. A pessoa de outro ou do mesmo sexo com quem o agente mantenha ou tenha mantido uma relação de namoro ou uma relação análoga à dos cônjuges, ainda sem coabitação;
  3. A pessoa particularmente indefesa, nomeadamente em razão da idade, deficiência, doença, gravidez ou dependência económica, que com ele coabite;

É punido com pena de prisão de um a cinco anos, se pena mais grave lhe não couber por força de outra disposição legal.”

Desconstruindo este artigo, podem ser vítimas de violência doméstica pessoas que sejam casadas entre si, pessoas que vivam em união de facto, pessoas do mesmo sexo, pessoas que estejam separadas, pessoas que não residam juntas, pessoas que somente namorem.

Podem ser igualmente entre progenitores de descendente comum, ascendente (por exemplo: Pai, Avô, Bisavó, etc.) ou descendente (por exemplo: Filho, Neto, Bisneto, etc.).

Acresce que, a violência doméstica não é somente violência física, é também violência sexual, violência psicológica, violência emocional, violência social, violência financeira e até a perseguição é considerada violência doméstica.

E não é uma violência que ocorre somente nas mulheres; os homens também são vítimas de violência doméstica. Sendo certo que para estas vítimas é sempre mais difícil pedir ajuda, essencialmente pela vergonha, humilhação que receiam ter por parte dos seus pares.

Desta forma, todos podemos ser vítimas de violência doméstica e todos temos a obrigação de denunciar. Logo, denuncie não se cala pois pode estar a salvar uma vida.

 

Por: Regina Penedo (advogada)

Urb. das Calçadas, Rua Irmãos S. João de Deus, Ed. Redondo, Lote 70, Lj 2, 4750-169 Barcelos

e-mail: penedoregina@sapo.pt

Tlf. 253 77 22 03.

Taça CERS: OC Barcelos apurado para os quartos de final

Janeiro 15, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

Depois de vencer novamente o Follonica, agora em casa por 3-2, o OC Barcelos segue para os quartos de final da Taça CERS.

O próximo adversário é o Vilafranca, de Espanha, curiosamente equipa que mediu forças com os barcelenses na final da época passada.

Diante do Follonica, a equipa de Paulo Freitas esteve a perder por 1-0, mas antes do intervalo Álvaro Morais e Luís Querido deram a volta.

Na segunda parte, Luís Querido fez 0 3-1 para, nos instantes finais, os italianos fazerem o 3-2.

Agora, o OC Barcelos joga com o Vilafranca, sendo que a primeira mão é fora, em Fevereiro.

Após as competições europeias, o OC Barcelos volta a jogar sábado, em Paço d’Arcos, para o campeonato nacional da 1ª divisão.

Texto e foto: Miguel Bastos.

Dakar 2017: Joaquim Rodrigues termina em 10º

Janeiro 14, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

Terminou hoje o Dakar 2017, numa 12ª – e última – etapa muitíssimo encurtada, parecendo quase uma especial. Por terras argentinas, o piloto barcelense Joaquim Rodrigues terminou num surpreendente 10º lugar da classificação geral de motos.

Com a sua Hero Speedbrain, e fazendo parte da equipa Hero MotoSports Team Rally, Joaquim Rodrigues estreou-se nesta mítica prova da melhor forma, alcançando um extraordinário 10º posto, fechando, por tal, o Top 10, na variante de motos.

O barcelense terminou com o tempo final de 34h25m59s, ficando a 02h19m37s do vencedor, o britânico Sam Sunderland, em KTM. Já o seu cunhado, o piloto de Esposende, Paulo Gonçalves, em Honda, terminou no 6º lugar.

O Barcelos na Hora deseja endereçar a Joaquim Rodrigues Jr., e sua equipa, os parabéns por este extraordinário feito.

hero_EBA4199_rid

Fotos: Hero MotoSports Team Rally e Facebook de Joaquim Rodrigues.

 

 

Janeiro 14, 2017 em Atualidade, Desporto, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
vsapereira
Vítor Sá Pereira

Olá a todos, agradeço o convite para fazer parte deste projeto, é um prazer falar de futebol e defender o clube que adoro que é o FC PORTO!

Antes de começar quero desejar a todos sem excepção um feliz 2017.

Nas minhas intervenções vou ser frontal, sincero, honesto e vou dizer o que penso sem faltar ao respeito a ninguém! (não fazia sentido de outra forma).

Estamos a atingir a primeira metade da tabela e confesso que esperava mais do meu clube a nível pontual, comprometemos demasiado nos empates em Tondela, Belém, Setúbal, Paços de Ferreira, etc. São demasiados empates seguidos para quem quer ser campeão nacional. Isto para não falar de um empate contra uma equipa que está em primeiro lugar devido a um canto que o Herrera se lembrou de oferecer.

O meu clube tem subido de produção mas ainda o sinto bastante ansioso e os níveis de confiança ainda não estão calibrados. A qualidade e capacidade estão lá mas enquanto não aparece o primeiro golo, o discernimento e as ideias não são claras. O problema do FCP neste momento é mais psicológico devido à tensão que se vive no clube, à ausência de títulos e exigência dos seus adeptos, que foram habituados a ganhar tudo e mais alguma coisa.

Nesta altura será importante fazer um ajuste ao plantel dispensando alguns jogadores que não são utilizados e tentar contratar algumas lacunas no plantel, como são os casos de um verdadeiro ponta de lança. O André Silva é craque mas ainda é uma opção curta e sinto, também, que precisavamos de um Grande defesa-central. Apesar da pequena evolução do Marcano, precisavamos de alguém mais agressivo e com ADN de campeão.

Espero, igualmente, que todos se unam em torno da equipa, e estou a falar de sócios, adeptos, simpatizantes, etc. Está na altura de saírem do sofá e se deslocarem ao Dragão. O plantel tem de sentir a nossa paixão para que possam dar mais e sempre mais.

Está na altura de voltarmos a vencer porque já não aguento alguns adeptos de um clube que foi “tri campeão” 40 anos depois do seu último “tri”.

Se eles ganhassem o que nós já ganhámos acho que em vez de festejarem atiravam-se da ponte sobre o Tejo! (LOL)

Voltando a falar do meu clube, temos que ser muito fortes e trabalhar o dobro porque o clube que está acima de nós tem o total controlo do futebol fora do campo.

Quero endereçar uma palavra de carinho ao nosso Gil Vicente. Que se erga rapidamente e que alguém consiga ligar novamente o clube e a cidade!

Abraço do Vitor Sá Pereira (DJ e Locutor de rádio)

Feliz 2017 a todos.

Janeiro 14, 2017 em Atualidade, Desporto, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
benfiquista
Hugo Pombal Lopes

Em primeiro lugar Benfica! Em segundo lugar, boa noite! Em terceiro, gostava de agradecer o convite para escrever aqui, que é com todo o gosto e até orgulho!

Antes de mais, faço uma pequena apresentação: sou um chefe de família benfiquista… e sou tão chefe desta minha família, que a minha adorável esposa é sportinguista e o meu irrepreensivelmente maravilhoso filho de um ano, um mês e oito dias de idade ainda não tem clube definido… para meu aprazível sossego tanto Benfica como Sporting estão a fazer, nestes primeiros 3/4 meses de competição, um ótimo trabalho para que a escolha se torne bastante óbvia.

Ressalvo também que, finalmente, o clube pelo qual torço com entusiasmo, deixou (espero que não seja encarado como uma situação pontual) de ser um clube com discurso choramingas e piegas, deixando esse caminho ser tomado por outros “chorões”

Contudo – como nem tudo são coisas boas – o Benfica já deixava de se debruçar sobre a sorte e jogar um futebol um pouco mais caloroso. É que eu até me considero um “gajo” pragmático mas “nem tanto ao mar, nem tanto à terra”…

Fazendo uma achega ao jogo da taça da liga, devo dizer que o Carrillo apresentou-se a um bom nível…fez o adversário parecer o Vizela. Já o Jonas fez mais do mesmo, deixou-nos preocupados com o nosso futuro quando ele, na próxima temporada, fizer 40 anos.

Uma pergunta: Já podemos esperar o nosso Gil Vicente daqui a 2 anos a disputar a Europa contra grandes equipas como Legia, Copenhaga ou Shakhtar Donetsk?!

Com os melhores cumprimentos,

Hugo Pombal Lopes

Janeiro 14, 2017 em Atualidade, Desporto, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
costa
José Costa

Esta foi a semana em que a UEFA publicou o seu estudo e os seus rankings sobre os clubes de toda a Europa. Como Sportinguista sinto orgulho em ver o meu clube no top10 dos que mais subiram em assistências e no top15 dos clubes europeus que tiveram mais lucro. Apesar de não me identificar com muitas das posturas do nosso Presidente, a verdade é que isto demonstra trabalho, trabalho de um clube que é mais que um clube, é uma grande exemplo para todos. Aqui, destaco a dedicação dos melhores adeptos do mundo (“título” que já vencemos várias vezes), desta grande família, que nos faz querer fazer sempre mais e melhor. Que continuemos assim. Somos um exemplo de gestão na Europa, fizemos a maior venda de sempre de um jogador português para o estrangeiro, estamos no top5 do mundo dos clubes com mais associados e no top3 dos títulos europeus, por sermos o clube com mais títulos nacionais, europeus e mundiais do mundo.

Nós, Sporting, conseguimos, ao fim de 110 anos, superar sempre qualquer dificuldade. Quando entramos em campo, entramos para ganhar, sendo que no espírito futebolístico e no apoio à nossa equipa, somos os vencedores seja em que campeonato for!

Temos pena que outros clubes portugueses sejam referenciados pela negativa, porque dão uma má imagem dos portugueses lá fora.

Este fim de semana vamos entrar em campo contra o Desportivo de Chaves, equipa que não facilita no seu reduto. Assim espera-se um grande jogo de futebol entre duas equipas lutadoras. Jorge Jesus, que estará a dirigir o jogo a partir da bancada, terá que se aplicar na colocação das peças em campo de modo a contrariar a vontade dos flavienses em levar de vencida os leões. Sendo certo que o Sporting não pode perder mais pontos, sob pena de se ver arredado da luta pelo título, terá pois, que se esforçar bastante para conquistar estes três preciosos pontos.

Para finalizar e porque é um clube que tenho no coração, que o Gil Vicente possa alcançar em 2017 a primeira Liga e que o bom nome do clube da nossa cidade seja elevado bem alto.

Sucesso para o Gil Vicente e para o Sporting em 2017, e para os seus bravos adeptos…!!!

 

Por: “ O Leão da Franqueira”

OC Barcelos aponta baterias para a Europa

Janeiro 13, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

Com a vitória sobre o Candelária dos Açores por 6-1, a equipa do OC Barcelos manteve o quinto lugar do nacional da primeira divisão após ficar concluída a 11ª jornada. Neste momento o OC Barcelos soma mais quatro pontos que o sexto classificado, a AD Valongo e menos quatro que o Sporting CP e menos seis que o terceiro classificado a Oliveirense. Para a próxima jornada depois das competições europeias, o OC Barcelos visita dia 21 de Janeiro o Paço d’Arcos.

A equipa orientada por Paulo Freitas diante do Candelária obteve o sétimo triunfo no campeonato, o quinto diante os seus adeptos, antes da jornada europeia no próximo sábado diante o Follonica de Itália. Uma vitória que eleva os níveis de confiança da equipa para a segunda mão dos oitavos de final da Taça CERS.

Para a receção aos italianos, sábado às 21.30H, o atual detentor do troféu, o OC Barcelos, tem a vantagem de dois golos depois de ter vencido em Itália na primeira mão por 3-1. O treinador do OC Barcelos relembra que a eliminatória está no intervalo “Estamos em vantagem, mas ainda falta o segundo jogo. Tal como o Barcelos, a equipa italiana também quer passar à próxima fase. Vamos procurar com os nossos adeptos seguir em frente na competição”.

Do lado do Follonica, o português Mário Rodrigues sabe das dificuldades que vai encontrar “Em Barcelos vamos ter um ambiente incrível. O Follonica ainda tem uma palavra neste segundo jogo. Dois golos em hóquei em patins podem ser anulados e a minha equipa vai tentar anular essa desvantagem“.

Caso a turma barcelense ultrapasse a turma do Follonica, que tem como figura de destaque um português: Marinho Rodrigues, encontra nos quartos de final a Juventude de Viana ou a equipa espanhola do Vilafranca.

Resta naturalmente esperar como tem sido habitual por uma boa moldura humana no pavilhão Municipal de Barcelos no jogo de sábado. O jogo já tem árbitros designados, os espanhóis Óscar Valverde e Ivan Gonzalez.

 

 

15991399_1296552100391135_529937875_o

Texto e foto: Miguel Bastos

Ir Para Cima