Arquivo de Categorias

Atualidade - page 511

Apesar do mau tempo, multidão “invade” Barcelos para celebrar o Carnaval

Março 4, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação port barcelosnahorabarcelosnahora

Milhares de pessoas rumaram, na passada terça-feira, ao centro histórico de Barcelos para assistir ao corso de um dos maiores carnavais populares do país. Mais de 1500 figurantes e dezenas de carros alegóricos invadiram a Avenida da Liberdade com muito humor, alegria e, como não podia deixar de ser, sátira quanto baste, numa iniciativa que envolve várias associações do concelho e a comunidade.

A APAL – Associação de Pais de Alvelos venceu o concurso com o tema “Maternidade Sexy – Barcelos fecha, nós abrimos!” (ndr.: foto de destaque da notícia), numa competição que foi bastante renhida. O pódio esteve também reservado aos “101 dálmatas e companhia” da FOCA – Associação de Pais de Fonte Coberta e às “moscas atrevidas e imparáveis” da Mais Juventude – Associação de Jovens de Alvelos, em 2º e 3º lugares, respetivamente.

2º lugar
101 dálmatas (2º lugar)

Já as “velhinhas” do Agrupamento de Escuteiros de Bastuço de S. João arrecadaram o prémio de melhor composição a pé, sob o mote “No meu tempo é que era!”.

No final do cortejo, os alunos da escola de artes Soulfly subiram ao palco para um espetáculo multifacetado, combinando música e dança, que marcou o culminar de quatro dias de festa.

CLASSIFICAÇÃO (composições carro)

1º APAL – Associação de Pais de Alvelos |Maternidade Sexy – Barcelos fecha, nós abrimos!

2º FOCA – Associação de Pais de Carreira e Fonte Coberta | 101 Dálmatas

3º Mais Juventude – Associação de Jovens de Alvelos | As moscas atrevidas

4º Centro de Bem-Estar Social de Alheira | Rua Sésamo

5º Associação Recreativa e Cultural “Águias de Alvelos” | Mil e uma noite

6º Associação Social, Cultural e Recreativa de Chorente | A loucura dos jogos da sorte, em tempo de crise

7º Centro Social e Paroquial Imaculado Coração de Maria | Espantar a crise de afectos e valores

8º Associação de Pais da Escola EB1/JI de Aldão | O sítio do pica-pau amarelo

9º APACEJIG – Associação de Pais de Galegos S. Martinho | O recreio sorridente

10º Agrupamento de Escuteiros de Alvelos – CNE – N.º 1350 | Tráfico de órgãos

11º Associação de Pais e Encarregados de Educação de Perelhal | As perinhas de Perelhal

12º APEJIM – Associação de Pais da Escola e JI de Moreiros | Alice no país das maravilhas

13º Associação de Pais e Encarregados de Educação do JI de Samo, Vila Cova | Guloseimas e Doçaria

14º APEEBA – Associação de Pais e Encarregados de Educação da EB da Arcozelo | Água é Vida

15º Agrupamento de Escuteiros da Ucha – CNE – N.º 1016 | Os minions e a atualidade

3º lugar I
As moscas atrevidas (3º lugar)

CLASSIFICAÇÃO (composições a pé)

1 º Agrupamento de Escuteiros de Bastuço S. João | No meu tempo é que era!

Fonte e fotos: CM de Barcelos.

Auditório enche para debater o Marketing Social

Março 4, 2017 em Atualidade, Concelho, Educação port barcelosnahorabarcelosnahora

O Auditório da Câmara Municipal de Barcelos acolheu, ontem, dia 03 de março, um seminário dedicado ao Marketing Social e que contou com a participação de instituições de vários pontos do norte do país.

Mais de uma centena de empresários, responsáveis comunitários e cidadãos encheram a sala para ouvir e debater problemáticas afetas ao empreendedorismo social, desde as estratégias de comunicação à fiscalidade, passando ainda pelos modelos financeiros adotados, entre outras.

Numa espécie de manual de instruções sobre como tornar visível o trabalho das instituições de solidariedade social e, por outro lado, como torná-las mais autónomas e sustentáveis, num painel que primou pela diversidade, reunindo associações de apoio à deficiência, escolas, paróquias e professores universitários.

Na abertura, a Vice-Presidente da Câmara Municipal de Barcelos e Presidente do Conselho Local de Ação Social, Armandina Saleiro, ressalvou que estas “iniciativas são fundamentais para combater a exclusão, promover a integração social, incentivar o investimento no empreendedorismo social e numa nova racionalidade económica solidária”.

O seminário contou com o apoio do Município de Barcelos e foi dinamizado pelo GOD (Grupo Operativo da Deficiência- Constituído no âmbito da Rede Social de Barcelos) e pela ATAHCA (Associação de Desenvolvimento das Terras Altas do Homem, Cávado e Ave), no âmbito do Plano de Desenvolvimento Social 2021, onde se preveem ciclos de sessões temáticas subordinadas ao tema do empreendedorismo social.

Fonte e foto: CM de Barcelos.

Autárquicas 2017: PSD vai “de mal a pior”

Março 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

É com estas palavras que uma fonte social-democrata, contactada por este jornal, se refere aos últimos acontecimentos no interior do PSD Barcelos.

No passado domingo de manhã, a Comissão Política de Secção (CPS) do PSD Barcelos, presidida por José Novais, reuniu com o Presidente da Distrital do PSD, José Manuel Fernandes, e com um grupo de presidentes de junta que, ao que tudo indica, estarão desagradados com o nome do candidato.

jmf
José Manuel Fernandes

O número de autarcas presentes suscitou dúvida, com fontes a darem informações díspares ao Jornal de Barcelos, sendo certo que, em qualquer uma das versões (13 e 9), o número corresponde à maioria dos autarcas eleitos pela coligação PSD-CDS. Isto porque, dos 17 eleitos, uma é do CDS e outros já referiram que não são militantes e que deverão concorrer por outro partido. De relembrar que o concelho tem 61 freguesias mas apenas 17 são presididas por autarcas eleitos pela coligação.

Nessa reunião, segundo avança o referido jornal, os presidentes de junta presentes terão demonstrado o seu desagrado, já expresso em momento anterior, ao Presidente da Distrital e ao da Concelhia. Primeiro, porque o candidato escolhido não lhes parece ser o melhor e, principalmente, porque não foram auscultados no processo de escolha de Sérgio Azevedo.

16003324_1619670914716849_2202594296143967885_n
José Novais

Entretanto, numa outra notícia, desta feita do Barcelos Popular, o Vereador Domingos Araújo surgiu a tecer duras críticas à atuação de José Novais neste processo todo. No cerne da crítica surge o facto de os três vereadores PSD também não terem sido auscultados no processo de escolha, numa atitude que Domingos Araújo apelida de “absolutamente inqualificável”. Aliás, de acordo com o citado jornal, nem mesmo António Ribeiro, vereador e líder concelhio do CDS, foi auscultado e considerado neste processo. De relembrar que ainda na semana passada, Sameiro Serra, presidente de junta de Carvalhal e reputada militante centrista barcelense, deixou no ar uma crítica sobre o facto de o CDS assinar um acordo sem antes saber quem seria o candidato.

Por fim, em notícia avançada esta tarde pelo Jornal de Barcelos, o candidato anunciado por José Novais, Sérgio Azevedo, ter-se-á retirado da candidatura à Câmara Municipal por causa da contestação ao seu nome. No entanto, a notícia carece de confirmação.

sérgio-azevedo
Sérgio Azevedo

 

Sobre todos estes assuntos, uma fonte do partido referiu que o PSD Barcelos “vai de mal a pior” e a confirmar-se a notícia da “queda” de Sérgio Azevedo, então “o mais lógico é o Eng.º José Novais ter que se demitir, porque o escolheu, apresentou, louvou, e defendeu até, numa grande entrevista a um outro jornal. Ele e quem esteve com ele nesta trapalhada toda, a começar pelos ‘vices’ dele, Adélio Miranda e Joel Sá”. Mas vai mais longe, “mesmo que estes dois não concordassem, tinham que ter tido coragem de se baterem contra esta escolha, no mínimo questionável, pois sabemos agora que Miguel Durães, JSD, os vereadores, presidentes de junta, consta até que o Mário Constantino também, mostraram-se contra este nome, esta escolha e todo o processo que levou a isto”. E o que é isto? “É uma vergonha para o PSD e para o PSD Barcelos. Novais tem que sair, tem que se demitir”.

Fotos: Facebook do PSD Barcelos.

Autárquicas 2017: problemas na candidatura de Costa Gomes

Março 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

Numa notícia avançada pelo Barcelos Popular, Costa Gomes poderá já não querer o regresso ao Executivo Camarário dos vereadores Alexandre Maciel e Carlos Brito.

Esta situação estará a provocar alguma convulsão na Comissão Técnica Eleitoral (CTE) da candidatura do Partido Socialista (PS), constituída pela Comissão Política Nacional aquando da avocação do processo autárquico de Barcelos. Supostamente, até José Manuel Mesquita, encarregue pela Nacional para tratar deste “dossier”, estará muito desagradado com esta situação e poderá demitir-se.

De acordo com o referido jornal, a vinda de António Costa – Primeiro-Ministro – a Barcelos, prevista para hoje, terá sido cancelada na sequência destes novos desenvolvimentos.

O Barcelos Popular adianta que Costa Gomes está irredutível e disposto a seguir os conselhos de pessoas que lhe são próximas, que lhe sugerem que não aceite o regresso dos dois vereadores e de Armindo Vilas Boas, todos já tidos como apoiantes de Domingos Pereira. Entre essas pessoas próximas encontra-se a vereadora Armandina Saleiro.

Outro elemento da CTE, Casimiro Rodrigues – Presidente de Junta de Gilmonde –, terá referido ao dito jornal que Costa Gomes não deveria ser “tão durão” e ser mais “dialogante” com o Partido, aceitando o regresso das três figuras.

 

Foto: Página da CM Barcelos.

A.R.C.A. com grandes resultados no “Dance World Cup Portugal”

Março 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

Na semifinal Portuguesa da “Dance World Cup”, que decorreu entre os dias 25 e 28 de fevereiro na Figueira Foz, a ARCA DANCE STUDIO apresentou a concurso nove coreografias, tendo qualificado cinco para a competição final mundial, que se realiza na cidade alemã de Offenburg, entre os dias 23 de junho e 1 de julho.

Em seniores, a ARCA DANCE STUDIO obteve o 1º lugar em grupo hip hop e street dance, o 2º em grupo jazz e show dance e o 3º em quarteto moderno. Em infantis, a ARCA DANCE STUDIO conseguiu o 2º posto em dueto/trio hip hop e street dance, o 3º lugar em grupo hip hop e street dance e o 3º posto em dueto/trio jazz e show.

ARCA-Dance-Studio_Figueira da Foz - 1

O “Dance World Cup Portugal” (DWC Portugal) é a semifinal de uma competição mundial (“Dance World Cup”), em que os bailarinos selecionados representarão a dança ao mais alto nível, serão embaixadores de todos os profissionais e estudantes do nosso país, e terão a oportunidade de dançar sob o olhar de todo o mundo.

Além da grande oportunidade de participar na final mundial do DWC, os bailarinos participantes habilitam-se a prémios e bolsas de estudo, que lhes abrirão portas à concretização de alguns dos seus sonhos.

Os bailarinos barcelenses foram avaliados por um júri internacional constituído por: Paddy Hurlings, professora e representante da British and International Federation of  Festivals and all England Dance; Luca Tozzi, bailarino, coreógrafo e professor convidado em várias companhias de ballet da Alemanha, Itália, Eslovénia, França e Suécia; Gustavo Oliveira, Bailarino e Coreógrafo, professor convidado do Conservatório Nacional de Lisboa e da Escola Superior de Dança, classificado pela Dance Europe nos 100 melhores bailarinos da época 2010-2011; Juan Enrique Jiménez, professor de ballet e bailarino em várias escolas internacionais; Bruno Milo, reputado bailarino italiano dos anos 80 que integrou várias companhias de dança italianas e, atualmente, é professor convidado em várias escolas internacionais; Adiarys Almeida, primeira solista do Boston Ballet, que nasceu e teve grande parte da sua formação em Cuba. Tem várias participações em companhias internacionais nos E.U.A e América do Sul; Nicolette Whitley, bailarina com diversas participações em teatro, TV e cinema. Recentemente, trabalha na Fallen Angels Dance Theatre; Célia Hernández, bailarina e coreógrafa com várias participações em Espanha e China; e Maria Luisa Carles, uma das maiores referências nacionais da dança contemporânea.

ARCA-Dance-Studio_Figueira da Foz - 2

O “Dance World Cup” tem mais de 15.000 jovens em todo o mundo, com idades compreendidas entre os 4 e 25 anos, a trabalhar para a qualificação na final, que é realizada anualmente em diferentes cidades. O “Dance World Cup” já passou por Jersey, Sardenha, França, Paris, Áustria, Villach e Algarve.

A final deste ano realiza-se na Alemanha, na cidade de Offenburg, onde são esperados representantes de cerca de 47 países.

A ARCA DANCE STUDIO é uma escola de dança que nasce a nível associativo, num projeto que pretender tornar a dança acessível a todas as classes sociais e, depois de quase uma década de trabalho e com os parcos recursos de que dispõe, está ao nível das melhores escolas de dança portuguesas.

ARCA-Dance-Studio_Figueira da Foz - 3

Fonte e fotos: A.R.C.A.

Março 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
luisgoncalves
Luís Gonçalves

Olá, amigos!

E não é que a luta pelo título está ao rubro?! Esta segunda volta do campeonato tem tido bons ingredientes, para ser das mais disputadas! Isto porque os “Leões”, nesta segunda volta, só venceram por duas vezes e esta jornada não foi exceção. Empataram em Macieira, a uma bola, e apenas “colheram” um ponto. O seu direto adversário, nas últimas jornadas, tem sido, sem dúvida nenhuma, o Pereira, que venceu em Carapeços, um campo sempre difícil, por uma bola a zero e, assim, encurtou a desvantagem de 7 para 5 pontos.

O Negreiros, que também venceu, em Carvalhal, viu-se, assim e igualmente, a reduzir a desvantagem de 10 para 8 pontos, que os separam dos “Leões”.

O Oliveira, que partilhava o 4º lugar, ex-aequo com o Remelhe e Silva, recebeu, e venceu, o Cossourado, consolidando o 4º lugar. Isto porque o Remelhe empatou com o Leocadenses e, com este empate, soma o sétimo jogo consecutivo sem perder. É caso para se perguntar quem o conseguira fazer.

Os homens da Silva perderam em Sequeade, por 3-2, e, assim, deixaram escapar o 4º posto, ocupando, agora, o 6º lugar.

O 7º lugar é ocupado pelo Carapeços, que perdeu e tem feito uma época dececionante, estando a 18 pontos do líder, os “Leões da Serra”!

O Cossourado, a par do Pedra Furada, ocupa o 8º lugar. Se na semana transata venceu, categoricamente, o Negreiros, esta semana perdeu frente ao Oliveira po 1-0.

O Pedra Furada, depois de ter vencido em Airó na 18ª jornada, nunca mais pontuou. Mas nesta jornada recebeu, e venceu, o Campo por duas bolas a zero.

Leocadenses e Macieira partilham o 10º lugar, depois de terem empatado a um os respetivos encontros.

O Baluganense, que estava numa onda de bons resultados, perdeu por 3-1 perante o “lanterna vermelha”, o Silveiros, que somou a segunda vitória neste campeonato. Os homens de Silveiros ainda querem ter uma palavra a dizer nesta 1ª divisão.

O Fonte Coberta perdeu com o Palme, por 4-2, trocando de posição com o Sequeade.

As três equipas que estavam abaixo da “linha de água” na jornada anterior, venceram os respetivos jogos e mostram-se, assim, cada vez mais capazes de permanecer na divisão maior do campeonato.

Na 2ª divisão, o jogo em destaque era, sem dúvida, o Feitos-Fragoso. A divisão de pontos foi entregue às duas equipas, uma vez que o 0-0 permaneceu até ao desfecho final. Este resultado fez com que o Perelhal passasse a liderar a classificação, com mais 2 pontos que o Feitos e 3 que o Fragoso, depois de terem vencido o Creixomil por 3-2.

Quem encurtou distâncias foi o São Mamede, que recebeu e venceu o Milhazes por 2-1. O São Martinho não se fez de rogado e também reduziu a diferença pontual, depois de ter vencido o Paradela pela diferença mínima. 2-1 foi resultado. Estas duas equipas estão, agora, a nove pontos do Fragoso, equipa que ocupa o terceiro, e último lugar, dos lugares de subida.

O Águas Santas, que vinha de uma série de quatro vitórias consecutivas, tropeçou nesta jornada, perdendo por 3-2 perante o S. Fins. Torna-se, assim, mais difícil conseguir chegar aos lugares de subida.

No fundo da tabela,dos três últimos apenas o Chorente pontuou,fruto do empate conseguido em Aborim a duas bolas.

Sendo assim, nada está decidido quanto à subida de divisão, pois ainda faltam jogar 13 jornadas, ou seja, estão 39 pontos por disputar.

Temos campeonato!!

Na terça-feira de Carnaval, jogou-se os quartos de final da Taça Cidade de Barcelos e as equipas que passaram às meias-finais foram: Negreiros, Pedra Furada e Silveiros (1ª divisão) e, da 2ª divisão, o São Mamede.

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves.

“Trilho dos Moinhos” conquista participantes

Março 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

No último domingo foi para a rua, ou melhor, para os trilhos de Barcelos, a 11.ª edição do “Ledechem Trilho dos Moinhos”. A proposta dos Amigos da Montanha era dar conhecer os melhores trilhos, num passeio de 43 km e o objetivo foi cumprido pelo que se ouviu na Av. da Liberdade quando os participantes cortavam a linha de meta. “O melhor Trilho dos Moinhos de sempre”, “trilhos fantásticos, abastecimentos excelentes”, “parabéns à organização“, “tudo espetacular”, foram algumas das palavras escutadas pelo público que aplaudia a chegada dos atletas à meta.

A partida foi dada às 9h30, também na Av. da Liberdade, de cujo topo era possível ver, uma vez mais, uma imagem colorida de betetistas que a preenchiam por completo. Tem sido assim nas últimas três edições deste evento que atingiram, cada uma, o número limite de 1200 participantes.

Mais uma vez, a organização propôs um novo trajeto, num percurso delineado para satisfazer os participantes, propondo a descoberta de novos trilhos e moinhos, desta vez pelo lado sul do concelho, passando por montes de várias freguesias onde esperava os atletas muito público para ver a prova e dar palavras de incentivo para serem cumpridos os 43km. Pelo meio, de registar os abastecimentos, com a “Bola de Berlim” a merecer sempre lugar de destaque.

E mesmo os barcelenses, habituados a pedalar pelos trilhos locais, foram uma vez mais surpreendidos com novos trilhos e novos locais.

17022485_1401353006551622_4807898262350841517_n

Mas a competição nunca é deixada de lado e este ano a prova foi concluída num tempo record por David Vaz, o primeiro a cortar a linha de meta, 1h30m53s depois da partida. O barcelense Nelson Sousa (1h31m52s) ocupou o segundo lugar do pódio masculino que ficou completo com Jacinto Fiúza (1h32m53s). No sector feminino, duas barcelenses ocuparam os primeiros lugares do pódio. Ana Rita Vale concluiu a prova em 1h56m58s e Fátima Melo em 1h59m37. O terceiro lugar pertenceu a Virgínia Miranda (2h10m17s).

No pódio de paraciclismo, Júlio Costa foi o vencedor e o segundo lugar foi ocupado por Dionísio Lopes.

Antes da entrega de prémios, a Academia de Dança João Capela promoveu um momento de animação para o público presente.

A completar a atividade, durante a manhã, e depois de alguns exercícios de aquecimento com o Prof. Nené, realizou-se um percurso pedestre que deu a conhecer alguns espaços de Barcelos. Entre os participantes, contavam-se, na maioria, pessoas que acompanharam os betetistas na sua vinda ao concelho de Barcelos.

16998865_1401347119885544_3824017341642674932_n

Esta atividade, organizada pelos Amigos da Montanha com o apoio da Câmara Municipal e dos muitos patrocinadores que tornam possível a concretização do grande número de eventos anuais da Associação, teve a colaboração de cerca de 150 voluntários aos “quais mais uma vez os Amigos da Montanha agradecem o apoio e o empenho para que esta prova decorresse da melhor forma”, refere David Ferreira, diretor da prova.

Fonte: Amigos da Montanha.
Fotos: Facebook dos Amigos da Montanha (créditos: Eduardo Campos).

Óquei de Barcelos visita Valongo sem Hugo Costa

Março 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

Após o empate, em casa, diante do Benfica, sofrido a três segundos do fim, o OC Barcelos desloca-se, este sábado, a Valongo para a 17ª jornada do Nacional da 1ª divisão.

Uma partida onde o conjunto de Paulo Freitas não pode contar com o contributo de Hugo Costa, que foi punido pela FPP com três jogos oficiais de suspensão pelo cartão vermelho, mostrado ao atleta minhoto no jogo com o Benfica.

Será, certamente, um jogo intenso, visto que ambas as equipas costumam proporcionar, sempre que se defrontam, quer seja em Barcelos, quer seja em Valongo, grandes jogos.

Neste momento, o OC Barcelos ocupa o quinto lugar, com vinte e nove pontos, enquanto o Valongo segue no oitavo posto, com dezassete pontos.

Recorde-se que na primeira volta, em Barcelos, o triunfo pertenceu ao OC Barcelos por 4-3.

Este jogo antecede a receção ao Vilafranca, para os quartos de final da Taça CERS, onde o OC Barcelos se encontra em desvantagem na eliminatória, depois de perder em Espanha por 3-2.

A partida tem início às 18h30 e será dirigida por José Pinto e Orlando Panza, do Porto.

Por: Miguel Bastos.

Câmara Municipal de Barcelos investe um milhão de euros na educação

Março 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Educação, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

O Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Miguel Costa Gomes, assinou ontem os autos de consignação das empreitadas da Escola Básica do Bárrio, em Roriz, e do Pavilhão da EB 2,3 de Fragoso, em Fragoso, juntamente com os representantes das empresas adjudicatárias.

Em Roriz, o Presidente da Câmara Municipal de Barcelos informou os presentes que a Escola do Bárrio será a primeira, de um grupo de dezasseis, que irá ser alvo de requalificação pelo caráter urgente que esta apresenta, visto que não tem condições para receber alunos. A intervenção conta com o “esforço financeiro do orçamento do Município em cerca de 350 mil euros, e cerca de 106 mil euros beneficia do Quadro Comunitário”.

Já em Fragoso, Miguel Costa Gomes afirmou que a construção do pavilhão desportivo da escola EB 1,2,3, esperada há 17 anos, vem colmatar uma lacuna do projeto inicial, que nunca o teve em conta, e concluiu esta visita sublinhando que “o nosso objetivo é que no próximo ano letivo estas infra-estruturas físicas estejam em plenas condições de funcionamento. A educação é e continuará a ser uma aposta deste executivo”.

A escola primária do Bárrio, em Roriz, pertence ao conjunto de edifícios escolares designados por “Plano Centenário”. Os trabalhos de recuperação visam introduzir mais-valias nas soluções construtivas do edifício existente, bem como valorizar os espaços tendo em vista a função que acolhem. A ampliação do edifício permitirá a criação de novos espaços e respetivas infra-estruturas. A obra foi adjudicada à empresa AMC – Agostinho Malheiro Coelho, LDA., no valor de 450 mil euros, com o prazo de execução de 270 dias.

O pavilhão desportivo da escola EB 1,2,3 de Fragoso contempla uma área de desporto (1.280m2) e ainda uma área para educação física e formação, definida como sala polivalente (150m2). Esta obra foi adjudicada à empresa NVE Engenharias, S.A., no valor de cerca de 800 mil euros e tem o prazo de execução de 225 dias.

Março 2, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
vsapereira
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores!

Bem-vindos ao meu espaço de opinião. Reconheço que as minhas palavras não são agradáveis para muitos adeptos do futebol, mas também não quero ser agradável, apenas quero ser frontal e sincero.

Por mim, podem entregar o campeonato, e as suas faixas, e a Taça de Portugal, ao Benfica. Só não dá para entregar a Taça da Liga porque essa perderam no campo!

Isto está numa fase tão ridícula que não dá vontade sequer de ver futebol. Desde que o Porto venceu o Tondela por 4-0 com um penalty forçado, o campeonato virou um circo! Pelo menos, ficámos a saber que as reuniões de emergência são eficazes. Todas as empresas, nos momentos de maior tensão, deviam pensar em realizá-las!

Sempre acreditei que o meu FCP, estando a um ponto, pudesse ser um sério candidato ao título, mas pelo que tenho visto não vai passar disso mesmo!

Os responsáveis do SLB “choraram” tanto pelos 8 pontos perdidos no campeonato que não os estou a ver a perder mais e o FCP não vai ter hipótese nenhuma na Luz, porque jogar contra 14 é extremamente difícil!

Quando ouço adeptos do SLB vem-me à cabeça uma expressão que é a seguinte:

“Pimenta no c** dos outros é refresco”!

Quanto ao último fim de semana, o meu FCP foi vencer competentemente ao Bessa, onde, na primeira parte, já podia estar a vencer por três. Na segunda parte, quis guardar a bola com segurança e atacou pela certa, mas acho que mesmo em vantagem pode tentar ser mais agressivo no ataque!

Quanto ao último jogo do Chaves, acho que foi prejudicado num dos golos e existe um penalty claro a seu favor, cometido pelo lateral esquerdo adversário.

Quanto ao último jogo do Estoril, para a Taça de Portugal, só não empatou porque foi prejudicado com um fora de jogo nítido!

Parabéns ao Gil Vicente pelo seu 8º jogo sem perder! Mas ainda não está a salvo de uma descida de divisão!

Parabéns, também, ao Óquei de Barcelos, pois o nosso pavilhão é uma autêntica fortaleza!

Abraço a todos!

Por: Vítor Sá Pereira.

Ir Para Cima