COVID-19: Santander junta-se a Universidades e Politécnicos para apoio a estudantes e famílias

Abril 7, 2020 Atualidade, Concelho, Educação, Mundo

Mais de 1,5M€ para combater efeitos da pandemia

O Santander e as Instituições de Ensino Superior em Portugal irão canalizar mais de 1,5 milhões de euros para iniciativas de apoio aos estudantes e famílias portuguesas, de forma a responder às necessidades económicas, sociais e de saúde pública decorrentes da COVID-19.



No âmbito dos programas de mecenato entre o Banco e as Universidades, as várias instituições estão a utilizar fundos do Banco para apoio aos estudantes que começarem a sentir os efeitos económico e sociais da pandemia. No imediato serão disponibilizados fundos para alunos que já se encontram em situação de emergência económica. A partir de setembro serão atribuídas 1.000 Bolsas de Apoio Social.

As medidas incluem também a aquisição de computadores e equipamento informático para garantir que todos os alunos possam ter acesso ao ensino à distância nas melhores condições possíveis. Esta medida vai também estender-se aos funcionários das Instituições potenciando o seu teletrabalho.

Na área da Saúde, as verbas do Santander permitirão às Universidades e Politécnicos intensificar um papel muito importante no combate à COVID-19 ao qual estão a ser chamados, adaptando os seus laboratórios para a produção de testes e utilizando impressoras 3D para a produção de equipamento de proteção para o pessoal de saúde que tanto escasseiam no mercado. Algumas destas instituições arrancaram já com iniciativas relevantes, também elegíveis, como a disponibilização das suas infraestruturas para hospitais de campanha, acolhimento de doentes, alojamento para funcionários de saúde em residências universitária, entre outros.

Cada Universidade ou Instituto Politécnico selecionará, ainda, medidas locais que pretende realizar, tendo em conta as necessidades mais proeminentes das cidades em que estão inseridas.

Adicionalmente, o Banco vai criar um fundo para atribuição imediata a fim de acelerar projetos de impacto social ligados à COVID-19, que estejam a ser desenvolvidos por voluntários universitários.

O Santander em Portugal colabora atualmente com 50 instituições do Ensino Superior, investindo anualmente mais de €7 milhões na área de Responsabilidade Social e Corporativa.

Foto: DR.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima