Futebol é o momento

Novembro 9, 2018 Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores!

Espero que se encontrem bem e felizes.

E porque o futebol é o momento, este momento para o meu clube é notável! Conseguimos uma vitória sensacional num dos estádios mais difíceis do nosso campeonato e onde, nos últimos 6 anos, só havíamos lá ganho uma vez, que foi no ano passado, com golo do Marega, jogo que certificou a 99% o FCP como campeão nacional em 2018.



A primeira parte não foi muito bem conseguida, mas a segunda parte revelou, novamente, os atributos e características que fizeram deste Porto campeão nacional e uma equipa à imagem de Sérgio Conceição. Falhámos uma grande penalidade (ou melhor, o guarda redes defendeu de forma competente), e mesmo depois dessa adversidade, a equipa não ficou abalada e partiu de forma contínua e criteriosa para cima dos insulares e o primeiro golo de Otávio nasce de forma natural e brilhante, numa jogada mágica e de futebol espetáculo. Estava derrubado o muro maritimista e o segundo golo nasce de um contra-ataque que, na minha opinião, é uma das armas mortíferas deste Porto devido à velocidade dos seus médios e homens da frente.

Vitória essencial, pois mantém o Porto na liderança, em igualdade pontual com o SC Braga, mas já vamos à próxima jornada.

Antes disso, a Liga dos Campeões: esta última terça-feira recebemos o Lokomotiv e, mais uma vez, vencemos com imensos golos e uma boa exibição debaixo de uma chuva intensa. Certos “cartilheiros” dizem que o grupo do Porto é fácil, mas não acredito em jogos fáceis no futebol. Acredito em foco, concentração, qualidade e critério.

Destaco deste jogo um aspeto extra, mas que é de realçar: foi o aplauso do Dragão a Éder! O herói improvável do Euro 2016 recebeu um aplauso arrepiante de um público que valoriza o que é português e que agradeceu o tento da final do Euro 2016. Com esta vitória sobre a equipa moscovita, o nosso clube fica com 10 pontos e um pé e meio nos oitavos da Liga dos Campeões. Pena que os meninos de 13 anos nunca tenham visto o FCP a ganhar uma Liga dos Campeões! Temos de ter a noção de que é impossível voltar a vencer esta competição, mas é gratificante ver o nosso clube a dignificar o futebol português!

No próximo sábado, e com pouco tempo de descanso, vamos receber o outro líder do campeonato. Considero o SC Braga um candidato ao título e vai ser um jogo dificílimo para as duas equipas. O Braga vai ter a ambição no máximo para manter a liderança e porque tem uma relação excelente com um clube da segunda circular. Em casa mandamos nós e é assim que temos de pensar e colocar em prática.

Bom fim de semana e um abraço deste “apaixonado” portista.

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Pin It on Pinterest

Shares
Share This

Partilha esta Notícia

Partilha com os teus amigos

Ir Para Cima