Jornada de “escorregões”

Novembro 24, 2018 Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião
Gonçalo Santos

Olá, leitores do BnH!

Mais uma vez vos escrevo com muita estima e consideração.

Esta semana começa pela queda do Campeão. O Campeão em título, Carvalhal, sofreu uma queda aparatosa em Pereira, por 4-1, e perdeu a liderança da tabela classificativa.



O novo líder da tabela é a equipa mais titulada do Futebol Popular, o Carapeços, que venceu nesta ronda e isolou-se na liderança. Quem também aproveitou a derrota do Carvalhal para subir ao segundo posto foi o Leocadenses, que, desta forma, faz relembrar os campeonatos disputados por estas duas equipas ao longo de uma década de Futebol Popular.

Quem completa o pódio é mesmo o Carvalhal que, mesmo com a surpreendente derrota, ficou nos três primeiros lugares classificativos.

No fundo da tabela também está a existir um equilíbrio assinalável, em que o décimo segundo classificado, o Leões da Serra, está a apenas cinco pontos de distância do último, o Fonte Coberta, que também sofreu mais uma pesada derrota.

Uma curiosidade da primeira divisão é que o décimo sétimo classificado, o Campo, tem tantos golos sofridos como o Leocadenses, que vai em segundo lugar, com um total de dez golos sofridos até então.

Na próxima jornada iremos ter dois jogos prometedores, sendo um deles entre duas equipas do pódio, o Carvalhal defronta o Leocadenses; e, também o atual líder, o Carapeços, defronta o Pereira, que foi quem destronou o Carvalhal do primeiro lugar.

Na segunda divisão houve quedas no topo, sendo que nenhum dos três primeiros classificados venceu nesta jornada.

O Feitos, que tem vindo a fazer um excelente campeonato, perdeu pontos pela primeira vez, concedendo um empate em casa. O Lama, que desde o início do campeonato tem perseguido o Feitos, com “unhas e dentes”, na classificação, esta jornada caiu com estrondo na deslocação a Pedra Furada, com uma goleada por 3-0 pela equipa da casa, que partilhava a linha de água com o Silveiros, aumentando, assim, a distância para o primeiro lugar e, consequentemente, encurtando para os restantes pretendentes à subida de Divisão. Para não deixar ficar mal os colegas de pódio, o Aborim também perdeu pontos na deslocação ao Carvalhas, onde terminou com empate.

Os grandes destaques da Segunda Divisão vão para o escorregão dos três primeiros e para o forte equilíbrio entre as equipas na classificação, sendo que a distância entre o segundo e o nono classificados é de apenas quatro pontos!

Forte abraço aos leitores do BnH!

Por: Gonçalo Santos*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Nova “era” Keizer

Bem-haja, caros leitores do BnH. Jogou-se a 12ª jornada do Campeonato Nacional,

Pin It on Pinterest

Shares
Share This

Partilha esta Notícia

Partilha com os teus amigos

Ir Para Cima