Líderes somam e seguem

Novembro 22, 2019 Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião
Gonçalo Santos

Olá, família do futebol popular!

Mais uma vez vos escrevo com muita estima e consideração, em substituição do meu estimado amigo Luís que, por motivos profissionais, não pôde escrever a crónica habitual.



Nesta altura do campeonato, os líderes das respetivas divisões somam e seguem.

Na primeira divisão, o líder Leões da Serra continua imaculado, somando 8 vitórias em outros tantos jogos. Os seus fiéis perseguidores, o Leocadenses e o Carapeços, continuam, também, invictos, mas já empataram uma vez e descolaram do invicto Leões. Nesta jornada, nenhum dos habitantes do pódio facilitou, sendo o Leocadenses quem mais teve de suar para conquistar a vitória diante do Macieira. O Carapeços e os Leões golearam os seus respetivos opositores. O Carapeços venceu o Lijó por 5-0 e o Leões da Serra venceu por 6-1 no terreno do Fonte Coberta.

O Remelhe, que lutou pelo título na época transata, é o mais próximo do grupo do pódio, mas já soma um empate e uma derrota neste início de campeonato, sendo que a derrota foi contra um concorrente da luta pelos lugares cimeiros, o Leocadenses.

O Oliveira está numa espiral negativa, estando há 3 jogos consecutivos sem vencer.

Mais lá para baixo, existe uma grande proximidade na luta pelos lugares de despromoção, estando nessa situação o Lijó, o Aborim e o Carvalhal. Sendo que o Carvalhal não deixa de ser a maior desilusão deste início de campeonato, devido à qualidade dos seus plantéis nas últimas temporadas e também pela conquista de um campeonato da primeira divisão e da taça Cidade de Barcelos.

Na segunda divisão, é notório que nos encontramos na época do S. Martinho, porque é a equipa da Freguesia de S. Martinho (união de freguesias) que está na liderança do campeonato, somando 7 vitórias e uma derrota nas oito primeiras jornadas. O Feitos encontra-se na segunda posição, algo perto do início de campeonato da época anterior, em que à oitava jornada somava outras tantas vitórias.

O Campo, que está com vontade de regressar à primeira divisão, fecha o pódio. O estreante Sta. Eugénia está a fazer um campeonato bastante razoável, para quem regressou ao futebol depois de um enorme interregno, acusando alguma inexperiência, própria das dores de crescimento de quem chega de novo a uma competição.

O Creixomil e o Silveiros continuam com os mesmos problemas do ano anterior, estando a frequentar, novamente, os últimos lugares da segunda liga do futebol popular Barcelense.

A maior desilusão, até então, vem da freguesia mais a norte do concelho, nomeadamente de Balugães, em que a equipa local, que provém da primeira divisão da época transata, está a realizar um campeonato bastante negativo, frequentando a última posição da tabela e somando apenas um ponto.

Despeço-me com um forte abraço e com a promessa de que nos veremos por aí, num qualquer campo de futebol do Concelho de Barcelos.

Por: Gonçalo Santos*.

Fotos: Márcio Fernandes.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima