Não feches a porta a ti

Dezembro 31, 2017 Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Opinião
Joana Martins

Hora de fechar a porta ao passado

Seguir em frente

De braço dado

Com toda a gente

Lado a lado

Que nada nos seja indiferente

Senão aprendizado

Mais do que contente

Devas sentir-te amado

Que a alma ardente

Cante um bom fado

E de repente

O que ficou atrasado

Te atente

A correr acelerado

Rumo aos teus sonhos.

 

E luta!

Insiste!

Acredita!

Só não feches a porta a ti!

 

Feliz 2018 para todos!

Por: Joana Martins*.



(* A redação do poema é única e exclusivamente da responsabilidade da autora)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Atualização

Por motivos técnicos, este jornal não noticiou a 1ª jornada da Série

Pin It on Pinterest

Shares
Share This

Partilha esta Notícia

Partilha com os teus amigos

Ir Para Cima