Oboísta barcelense Samuel Bastos vence concurso internacional Fernand Gillet-Hugo Fox

Julho 7, 2017 Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo

Numa notícia avançada hoje de manhã pelo Diário de Notícias (DN), o oboísta barcelense Samuel Bastos venceu o concurso internacional de oboé “Fernand Gillet-Hugo Fox”, que foi organizado pela International Double Reeds Society, na Universidade de Lawrence, em Appleton, Wisconsin, nos Estados Unidos da América.

Conforme anunciado hoje, Samuel Bastos interpretou, na final decorrida a 23 de junho, o Concerto “Phoenix”, para oboé e orquestra de cordas, de Paul Patterson.

O concurso internacional de oboé “Fernand Gillet-Hugo Fox” distingue os melhores instrumentistas a nível mundial, eleitos pelos seus pares, sendo organizado pela International Double Reeds Society, durante o congresso da associação, que este ano reuniu mais de 500 fagotistas e oboístas do mundo inteiro, informa o DN.

Samuel Bastos, de 30 anos e natural de Oliveira, é, atualmente, oboé solista da Orquestra da Ópera de Zurique (Opernhaus Zurich). Já foi solista da Academia Herbert von Karajan, da Filarmónica de Berlim, tendo-se formado no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga e na Escola Superior de Música de Lisboa, com José Fernando Silva e Andrew Swinnerton, respetivamente.

O barcelense, que venceu o Prémio Jovens Músicos (RDP/Antena2), em 2007, já fez parte da European Union Youth Orchestra, da European Wind Orchestra, da The World Orchestra e da Gustav Mahler Jugend Orchester. Como oboísta solista, já tocou com as orquestras da Ópera de Frankfurt, de Basileia, de Lucerna e de Berna, com o Remix Ensemble, a Orquestra Gulbenkian, a Sinfonia Varsóvia e a Tonhalle-Orchester Zürich.




Foto: DR/Mário Jorge Silva – Fotógrafo.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima