Óquei de Barcelos derrota Valongo e continua na senda de vitórias

Novembro 9, 2017 Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo

Em jogo disputado ontem à noite, no Pavilhão Municipal de Barcelos, o Óquei Clube de Barcelos levou de vencida o Valongo, em jogo a contar para a 3ª jornada do Campeonato Nacional da 1ª Divisão.



O 5 inicial do OCB, orientado por Paulo Pereira, foi composto por Ricardo Silva (capitão), João Almeida (a defrontar a sua ex-equipa), Hugo Costa, Rúben Sousa e Zé Pedro. Joca Guimarães, Marinho, Juan López e Afonso Lima também foram utilizados.

Já o 5 de Valongo, orientado por Alexandre Fernandes, alinhou com Leonardo Pais, Diogo Fernandes, Xavier Cardoso, Pedro Mendes e Rúben Pereira. Guilherme Silva, Poka e Luís Melo foram, igualmente, utilizados.

O Valongo começou muito bem a partida, com Diogo Fernandes a abrir o marcador e pouco tempo depois a bisar na partida. A vantagem de dois golos não durou muito, com Rúben Sousa a reduzir para os da casa. Até ao intervalo não houve mais alterações ao marcador, com ambas as equipas a fecharem a primeira metade do jogo com 9 faltas.

Com o reinício da partida, eis que o OCB mostrou o seu ADN e a sua qualidade, igualando o jogo a 2 golos, com golo de Joca Guimarães marcado pouco depois de Ricardo Silva ter defendido um livre direto, tentado por Daniel Oliveira. Depois, foi a vez de João Almeida falhar, igualmente, um livre direto, pela 10ª falta do Valongo.

Um pouco mais tarde, os forasteiros recolocaram-se em vantagem, com Daniel Oliveira a redimir-se do livre falhado, apontando o 3º golo da sua equipa. Mais uma vez, a vantagem foi “sol de pouca dura” pois Juan López restabeleceu, novamente, a igualdade, através da marcação de um penálti.

O jogo manteve-se aberto e de desfecho imprevisto. Afonso Lima falhou novo livre direto a favor do OCB. Até que a 2’47’’ do final, os homens da casa passaram pela primeira vez para a frente do marcador e de lá nunca mais saíram. Joca Magalhães bisou e apontou o 4-3 e 40’ depois Hugo Costa restabeleceu o resultado final em 5-3 para o Óquei de Barcelos. A vantagem poderia ter sido maior se Hugo Costa, a 35’ do fim, e Juan López, a 1’ do final, não tivessem falhado dois livre diretos.

Com esta vitória, o OCB segue invicto e só com vitórias nas três primeiras jornadas do campeonato, colocando-se em 4º lugar da classificação, com os mesmos pontos de Sporting, Benfica e Oliveirense.

Os árbitros do jogo foram Paulo Rainha, Joaquim Pinto e Pedro Silva. Na próxima jornada, o OCB descola-se ao terreno do “vizinho” Hóquei Clube de Braga, para a 4ª jornada.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima