Pedro Lopes e Francisco Moreira, da ACR Roriz, na Taça das Nações

Maio 30, 2017 Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo

Terminou este domingo, na Suíça, a participação dos atletas da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT, Pedro Lopes e Francisco Moreira, em representação da Seleção Nacional, no Tour du Pays de Vaud.

Esta prova, pontuável para a Taça das Nações de Juniores, iniciou-se na quinta-feira e contou com 5 etapas, onde estiveram presentes os melhores atletas mundiais do escalão de Júnior.




Dois corredores da Seleção Nacional colocaram-se no top 20 final e, coletivamente, a equipa foi quinta classificada, revelando uma grande consistência coletiva.

pedro-lopes-acr-roriz-taça-nações

A última etapa, de 89,9 quilómetros, entre Gollion e Vullierens, com duas contagens de montanha, foi disputada em ritmo moderado, não permitindo que se fizessem grandes diferenças.

Um grupo de 51 corredores discutiu a tirada ao sprint, tendo Portugal colocado três ciclistas nesse pelotão, todos com o mesmo tempo do vencedor do dia, o belga Thibaut Ponsaerts.

Pedro José Lopes foi o 17.º da jornada, Pedro Miguel Lopes (ACR Roriz) foi o 30.º e Pedro Teixeira cortou o risco no 45.º posto, permitindo, desta forma, que a Equipa Portugal subisse um degrau na tabela coletiva, concluindo a corrida no quinto lugar entre 20 seleções participantes. Francisco Moreira (ACR Roriz) foi 84.º, a 9m38s. Afonso Silva, há dois dias a contas com problemas gastrointestinais, abandonou.

A última etapa não provocou mudanças significativas na geral, ganha pelo norueguês Andreas Leknessund. Pedro Miguel Lopes fechou a prova no 19.º lugar, a 1m58s, Pedro José Lopes foi o 20.º, a 2m00s, Pedro Teixeira acabou em 34.º, a 4m19s, e Francisco Moreira foi o 81.º, a 33m26s.

francisco-moreira-acr-roriz-taça-nações-2

 

“Foi uma prestação equilibrada na primeira experiência internacional dos juniores nacionais em 2017. Foi pena a última etapa não ter sido mais mexida, pois poderíamos subir algumas posições. Ainda tentámos mexer na corrida. Depois da passagem na primeira montanha, o Pedro José Lopes ficou na frente da corrida, num grupo de dez corredores. Só que uma passagem de nível fechada obrigou esse grupo a parar e a corrida foi reiniciada com todo o pelotão junto”, conta o selecionador nacional de estrada, José Poeira.




Fonte e imagens: ACR RORIZ CYCLING TEAM e FPC.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima