Porto a ganhar ou a perder!

Maio 10, 2019 Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores do BnH!

Espero que se tenham divertido e desfrutado ao máximo na Festa das Cruzes. Foi tão bonito e especial ver tanta gente, cultura, tradição, gerações e sorrisos por toda a cidade durante 11 dias! Somos, de facto, um concelho lindo e especial!



Antes de falar do campeonato nacional, queria falar do campeonato da vida e esse foi ganho pelo enorme Iker Casillas! O nosso “San” pregou-nos um grande susto, mas a força do guarda-redes e a capacidade da equipa médica do FCP foram vitais para que Iker continue entre nós.  De facto, isto dá-nos que pensar! Ninguém está livre de uma situação destas, nem mesmo um atleta de alto nível, saudável e sem maus vícios e maus hábitos de vida.

Talvez Iker não volte a jogar por recomendação médica e por medo da família, mas será sempre um de nós e o futebolista de maior projeção mediática e de títulos que Portugal já teve. Gracias y fuerza, Iker!!…

Quanto ao campeonato nacional, que depois de Iker, passa para segundo plano, o FCP venceu, justamente, por 4-0. Jogando sem pressão e de uma forma tranquila, fizemos um bom jogo e era mais do que justo para o Iker e para nós, adeptos, depois daquilo que se passou em Vila do Conde. O título, infelizmente, já está entregue e agora, que o plantel seja digno nos dois jogos que faltam e que vençam a Taça de Portugal.

Não poderia deixar de comentar nesta crónica: a palhaçada da vinda dos jogadores para junto das claques depois de terem saído. Se saíram e se voltaram costas à claque, deviam ter assumido até ao fim. O quê, e quem, os levou a regressar ao relvado?! Foram ameaças??…As claques são bonitas e tal, mas quem lhes dá tanta importância e poder?? Chega a ser estranho e assustador! Bruno Lage e a sua equipa nunca vão passar por isto porque o seu clube não tem claques, mas, sim, grupos de adeptos organizados. O FCP, no ano passado, foi, justamente, aplaudido e, agora, tem que ser, justamente, assobiado. O demérito vem da perda da vantagem de 7 pontos para o clube do Ministro das Finanças. Como foi possível?!…Sérgio Conceição teve tomadas de decisão estranhas este ano, mas jamais abandonarei o meu clube e sou ainda mais portista nos momentos menos bons.

Ainda bem que os mails foram descobertos e que os mesmos ajudaram a que fossemos campeões o ano passado, porque se Rui Pinto não os descobrisse, o clube que vai ser campeão iria dominar isto tudo durante 10 anos, tal era o controlo na Liga, arbitragem, imprensa, banca, justiça e economia!

Que venha a final no Jamor!

Porto a ganhar ou a perder!

Para terminar, queria agradecer aos “deuses do futebol” por terem criado a Liga dos Campeões! É uma competição que nos permite sonhar com um futebol sem “pedros guerras” e afins!

Segundas mãos de meias-finais incríveis e memoráveis!

Que Jurgen Kloop vença, porque bem merece!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima