Quadrilátero Urbano lança desafio para “+ Cidadania” aos alunos do 1º ciclo

Abril 5, 2017 Atualidade, Concelho, Cultura, Educação

Os adultos fizeram o guião, mas são as crianças que vão decidir e escolher o que deve ser intervencionado, alterado e melhorado na comunidade onde estão inseridas.

“Se eu fosse Presidente” e “Saber comer é saber viver!” são os dois concursos, criados no âmbito do Projeto “+ Cidadania”, que o Quadrilátero Urbano vai promover junto dos alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Aprender a dialogar, a articular ideias, a saber fazer escolhas, viver experiências e retirar delas significado são as competências que se pretendem estimular com esta iniciativa.

Na base da criação desta plataforma, está a convicção de que as crianças têm um papel ativo na construção do seu conhecimento e se tiverem a oportunidade de contactar, desde cedo, com ferramentas diferenciadoras, estarão preparadas para terem, no futuro, um papel fundamental para a criação de uma sociedade mais justa e mais saudável, onde impere “+ Cidadania”.




quadril25c325a1tero-logoOs concursos subordinados aos temas “Se eu fosse Presidente” e “Saber comer é saber viver!” estão abertos a todas as turmas do 1.º Ciclo do Ensino Básico, envolvidas no Projeto “+Cidadania”, que decorre nos concelhos que fazem parte da Associação de Municípios Quadrilátero Urbano: Municípios de Barcelos, Braga, Famalicão e Guimarães.

Os trabalhos desenvolvidos em cada concelho, que devem ser submetidos entre os dias 19 a 24 de abril de 2017, serão avaliados em separado, sendo atribuídos quatro prémios finais, um por concelho.

“Se eu fosse Presidente” é um concurso de ideias empreendedoras para promover, desenvolver ou melhorar algo na comunidade em que estão inseridos. De ressalvar que as propostas, a submeter a este concurso, devem refletir sobre ações imateriais, isto é, não podem sugerir obras, restauros a edifícios ou construções.

Já o “Saber comer é saber viver!” é um concurso de receitas de culinária que revelem hábitos e escolhas alimentares saudáveis e sustentáveis. Os trabalhos em concurso devem fornecer receitas originais, revelando opções alimentares equilibradas, completas e variadas, mas que possam ser introduzidas na rotina diária de casa.

Imagens_Divulgacao-01

Fonte: Município de Barcelos.




Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima