Ser Mãe

Maio 6, 2018 Atualidade, Concelho, Cultura, Opinião
Joana Martins

Um dia sonhei

Que tinha no colo uma criança,

Era a aliança

De um amor verdadeiro.

Quando acordei

Vivi a ânsia

De ver nascer essa criança

De dentro de mim.

Amamentar, abraçar,

Dar carinho

Sentir o cheirinho

No peito, a alegria

No coração, amor!

Eterno,

Que anda comigo

Para onde vá

Amor como este não há.

É um pedacinho de mim

Um ser pequenino,

Que cresceu.

O sentimento, esse,

Continua do mesmo tamanho,

Enorme!

Como o tamanho do meu mundo.

Ser Mãe foi renascer.

Ser Mãe foi e é felicidade.

Ser Mãe é ter uma razão de viver

Ser Mãe é ter a outra metade

Alguém que é tudo para nós…

 

O teu sorriso me dá vida!

Amo-te, meu filho!

 

Um feliz dia para todas as Mães!

Por: Joana Martins*.



(* A redação do poema é única e exclusivamente da responsabilidade da autora)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima