Ser solidário é ser mais alto…

Março 7, 2020 Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Opinião

O Lions Clube de Barcelos organiza, no próximo dia 28 do corrente mês de março, na Quinta de Santa Maria, a sua 36ª Noite de Fado, o maior evento anual de fado de Barcelos, espetáculo aberto a todos quantos queiram assistir, bastando, para tal, adquirir o respetivo convite junto dos membros do Clube.



Ao longo dos 36 anos de história deste evento já passaram por esta “noite” nomes sonantes do fado, como Amália Rodrigues, permitindo, ainda, ‘lançar’ jovens talentos deste estilo musical tão português e património imaterial da humanidade da UNESCO.

Mas a “Noite de Fado” é muito mais que um belíssimo espetáculo musical: é, mais que tudo, um evento que serve para recolher fundos para entregar a uma das instituições mais importantes do concelho de Barcelos: a APACI – Associação de Pais e Amigos de Crianças Inadaptadas.

A APACI foi fundada há mais de 40 anos sob a liderança do saudoso Dr. Aníbal Araújo. Lembro-me bem do meu pai sair, várias vezes, de casa depois do jantar com uma pasta cheia daquilo que pareciam ser selos de correio, mas que eram vinhetas para cobrar quotas de sócios da Associação, e voltar já tarde para casa. Foi com o esforço de muitos cidadãos, mais ou menos anónimos e, sobretudo, dos seus dirigentes e colaboradores ao longo do tempo que a APACI se afirmou e desenvolveu.

O Lions Clube de Barcelos orgulha-se de ter contribuído, ao longo do tempo, para a concretização de projetos lançados pela APACI, projetos que sempre visaram apoiar, estimular e desenvolver crianças (hoje, também jovens e adultos) inadaptadas, procurando ajudá-las a construir uma vida com felicidade no contexto próprio de cada um.

O movimento Lion – e o Clube de Barcelos também, naturalmente – é o maior movimento do mundo de clubes de serviço: foi fundado há 103 anos, perto de Chicago, tem quase um milhão e meio de sócios e, desde sempre, se assumiu como um movimento solidário, que procura, acima de tudo, “ensinar a pescar em vez de oferecer o peixe”. Apoia causas como o combate à cegueira evitável, o combate à fome ou a defesa do meio ambiente, por exemplo.

A Noite de Fado pretende ser um evento de grande mobilização da sociedade Barcelense em torno da cidadania solidária e, em concreto, a favor de uma instituição de reconhecido mérito social e que precisa de todos os apoios possíveis. É, claramente, a oportunidade para todos os Barcelenses que queiram, e possam, contribuírem para a concretização de sonhos ambiciosos em realidades concretas de pessoas que precisam de um apoio mais forte e continuado para poderem viver com felicidade. É a sua oportunidade de ser feliz por fazer outros felizes.

Pois como cantou José Mário Branco em “Ser Solidário”:

“Ser solidário assim pr’além da vida

Por dentro da distância percorrida

Fazer de cada perda uma raiz

E improvavelmente ser feliz”

Venha, participe, ajude! E traga outro amigo também…

Por: Nelson Brito* (Lions Clube de Barcelos)

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima