Tag archive

A Voz do Dragão

A última semana do meu clube

Setembro 15, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores!

Vou dar a minha opinião sobre a última semana do meu clube!



Por acaso, não vi o jogo contra o Chaves! Fiquei descansado quando vi o resultado mas não tanto quando vi o resumo. O Chaves teve, nos últimos 15 minutos, oportunidades para empatar, mas acabámos por vencer…e justamente.

Em relação ao jogo da Champions, foi uma derrota inesperada mas que premiou a capacidade de defender do Besiktas e que meteu “a nu” algumas fragilidades do meu clube. Foi, também, a prova de que este plantel é curto e insuficiente para uma Liga dos Campeões. Espero que a equipa descanse bem e e que esteja a 100% para o Rio Ave (um dos jogos mais difíceis da temporada).

Queria, também, dizer que isto do vídeo-árbitro (VAR) é uma “tanga”! Nunca pedi, nem nunca fui a favor disto! O Benfica – Portimonense foi “anedótico”! Aquele penalty e a unha do jogador do Portimonense fora de jogo foi algo de rir! Se o jogo estivesse 4-1 para o Benfica, o golo era validado! Mas como dava o empate, o VAR tratou logo do assunto e sem ter acesso a linhas…ou será que estava a ver a BTV?? Continua a ser mais do mesmo!

Parabéns ao nosso Gil pela brilhante vitória em Alcochete! Acredito no nosso clube e na nossa cidade!!

Obrigado a todos pela atenção e perdoem a minha paixão!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Muito feliz!

Setembro 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores!

Confesso que estou muito feliz pela vitória do meu FCP em Braga! É que, ultimamente, o SC Braga tem-nos feito a “vida negra”!



Foi uma vitória da união, coesão, organização e da paixão, que esta equipa de Sérgio Conceição tem apresentado! 9 golos marcados e nenhum sofrido é um registo muito agradável! O que mais me irritou no jogo em Braga foi a provocação de claques do SC Braga para connosco (adeptos do FCP), fora do estádio, e o arremesso de pedras na nossa direção. Um miúdo de 14 anos foi atingido na cabeça, mesmo ao meu lado, por um “pedregulho” arremessado por adeptos do Braga! Isto para não falar da espera de 30 minutos, no fim do jogo, dentro do estádio e com o som no máximo, a ouvir música das claques bracarenses. O que nós não fazemos pelo nosso clube! Éramos 7 mil a uma só voz!

Fiquei, também, muito feliz por chegar o dia 31 de Agosto e o Porto não ter vendido nenhuma das suas “pérolas”! Com esta atitude e qualidade acredito que vamos fazer uma boa época! Estou muito satisfeito com o trabalho de Sérgio Conceição! Mais do que um treinador, precisávamos de alguém que “injetasse” moral, confiança e portismo na equipa e isso contagia todos os portistas! Cada jogo terá que ser encarado como final.Venha o Chaves.

Aqui fica a minha palavra, também, de carinho para o nosso Gil. Ficámos a segundos de vencer em Coimbra! Tem sido o campeonato possível…mas eu acredito nesta equipa e estrutura e com a cidade unida vamos ser ainda mais fortes!

Abraço a todos!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Desbloquear mais cedo

Agosto 25, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores do Barcelos na Hora e adeptos de todos os clubes.



Se visitou este meu espaço é porque gosta do que escrevo, certo?!…LOL

Começo por falar do meu FCP. Vitória justa do meu clube, que nesta época, ao invés da outra, começa por desbloquear os resultados mais cedo, não deixando que a ansiedade e pressão se apodere da equipa. O Porto podia mesmo ter goleado mas compreendo a gestão porque jogar com quase 35 graus não é fácil para ninguém! A equipa está muito focada e concentrada e o “reforço” Aboubakar está “insaciável”! Espero que a equipa consiga vencer em Braga, se bem que, na minha opinião, é o jogo mais difícil da época, já que o SC Braga quando joga contra o Porto dá tudo e mais alguma coisa, como tem acontecido nos últimos anos. Prova disso são os anos em que não ganhámos em Braga! Terá que ser um Porto perfeito e na máxima força. Se depender de nós, adeptos que vamos estar lá em força, não faltará apoio e incentivo.

Quanto aos nossos rivais, o Benfica A venceu o Benfica C com expressividade e o Sporting bateu um frágil Vitória de Guimarães, que tem sentido, e muito, as saídas das suas principais pérolas da época passada (Marega, Hernâni,Bruno Gaspar, etc.).

Queria, também, desejar as maiores felicidades ao Rio Ave para a próxima jornada!

Para fechar, quero dar os parabéns ao nosso Gil Vicente, que em 4 dias conquistou 4 pontos ( frente a Varzim e União da Madeira) e dar os parabéns ao Luís Tinoco pelo monumental golo da vitória frente ao União.

Boa sorte para o nosso Gil, na próxima segunda, frente aos “Estudantes”!

Abraços a todos e desculpem qualquer sinceridade…zinha!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Estava com saudades!

Agosto 18, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimo leitores,

Já estava com saudades que a bola começasse a rolar e de ver o meu FCP jogar. A pré-época do meu clube foi interessante, o que traduziu num indicador de que iremos fazer um campeonato competente e que isso resulte em títulos para o nosso valioso museu!



Tenho gostado imenso da postura do nosso treinador! Sérgio Conceição foi uma bela escolha para voltar a trazer a mística e a agressividade (no bom sentido da palavra).

Dois jogos, duas vitórias! Melhor, para já, é impossível. A vitória de Tondela, na minha opinião, foi uma pequena amostra do que vai ser este campeonato: jogos disputados até ao último minuto e  incerteza no resultado.

Se ninguém do 11 inicial sair do Porto, a nossa equipa pode pensar, seriamente, em festejar, em maio, nos Aliados. Espero que não facilitem e que preparem todos os jogos como autênticas finais.

Quero, também, desejar as maiores felicidades ao nosso Gil Vicente. Que faça uma boa época e que regresse ao lugar que merece o mais rapidamente possível! Bons jogos para todos.

Ah…o SLB ganhou aos 92??? Mais do mesmo!!!

Voltei para ser sincero, não para agradar!

Obrigado pela atenção.

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Terminou a Liga

Maio 25, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Vítor Sá Pereira
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores.

Terminou a “Liga Salazar”, uma liga em que os árbitros erraram mais que os jogadores do FCP e em que o nosso clube jamais poderia ter empatado com o Setúbal e Feirense, que foram, sem dúvida, jogos que marcaram este campeonato, para não falar do Benfica – Sporting da primeira volta.

Este último jogo do Porto, em Moreira de Cónegos, foi deprimente e logo se percebeu pela postura de NES que iria ser o seu último jogo pelo Porto. Perdemos no último jogo a oportunidade de ser melhor ataque, melhor defesa e equipa com menos derrotas, mas isso também de nada valia. Posso dizer uma brincadeirinha??… Já percebi por que os meus amigos benfiquistas de Barcelos foram festejar para a estátua do Bombeiro…por causa do colinho do próprio! 🙂

Estou um pouco “aziado” porque nunca estive 4 anos sem ganhar nada e estou a saber agora o que é ser adepto dos nossos rivais. Que este defeso traga paz ao Porto, para ter o discernimento de fazer boas contratações e, de uma vez por todas, acertar num treinador.

Boas férias a todos e peço desculpa a todos pela sinceridade aqui no meu espaço de opinião. Gosto de falar com o coração e não falar bonitinho.




Quero aproveitar, também, para desejar as maiores felicidades ao amigo Francisco Dias da Silva no seu regresso ao Gil Vicente e acredito que a sua direção vai voltar a ligar o clube e a cidade.

Até à próxima!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Não podemos ganhar sempre!

Maio 18, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Vítor Sá Pereira
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores!

Este foi um fim de semana em que se confirmou o que muitos já estavam à espera: um clube de uma freguesia de Lisboa tornou-se Campeão Nacional, talvez fruto da sua competência, sorte, “colinho” ou sistema! O que é sorte é que foram, pela primeira vez, tetracampeões! Não vou dar os parabéns a um clube que colocou em causa as grandes conquistas do meu clube. Só quero que os meus amigos, adeptos deste clube, disfrutem deste momento único…e, enquanto o 5 for maior que o 4, eu sentir-me-ei especial como adepto!

Não acharam estranha a exibição do Vitória de Guimarães???! Talvez tenha sido impressão minha, por causa das contas da Europa e da final da Taça de Portugal!




Aproveito, também, para dar os parabéns ao Salvador Sobral pela conquista e por me ter livrado de um fim de semana “massacrante” a nível televisivo! Salvador Sobral fez o que o FCP fez em 2003, 2004 e 2011, ou seja, vencer na Europa!

Duas particularidades em relação ao clube campeão: parabéns ao Luisão pelo 6º título, em 14 anos em Portugal, e dizer que Eliseu fez os seus melhores minutos pelo seu clube…mas de lambreta!

Fiquei contente pelo inédito facto de se ter marcado 2 penáltis a favor do meu clube!…Quando os deviam ter marcado…não marcaram eles!

Espero um FCP forte na próxima época, com alterações na SAD, na equipa de futebol e na equipa técnica.

Não ganhamos há 4 anos porque não podemos vencer sempre…mas voltaremos a vencer! É esse o nosso destino e ADN!

Até à próxima!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Maio 11, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
vsapereira
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores!

Vou falar de uma forma direta e breve, começando pelo meu Porto. O empate na Madeira acaba por ser normal devido ao grau de dificuldade que é jogar contra o Marítimo, que aspira a lugares europeus. Tivemos, mais uma vez, tudo para ganhar mas, mais uma vez, o Porto prefere guardar a bola quando a vantagem é mínima, ao invés de ir “para cima” dos adversários e tentar aumentar a vantagem. E depois, claro, cai um canto “do céu” e o Marítimo empata no único remate na direção da baliza!

Não percebi, também, o 11 inicial repleto de médios, quando a equipa, em vez de se proteger tanto, precisava era de ser acutilante no ataque. Mas NES é que sabe…mas pelos vistos sabe pouco. Já estou farto de empates! De nada adianta ser a equipa com melhor ataque, melhor defesa e equipa com menos derrotas. Mais um ano sem ganhar. Estamo-nos a tornar o Benfica e Sporting e isto tem que mudar. Será que é este ano que a SAD dá uma justificação aos seus adeptos??

Apesar dos muitos empates do Porto não esqueço do quanto fomos prejudicados.




Em relação ao jogo do Rio Ave – Benfica, foi um “espelho” da época do Benfica: penalty por marcar, a favorecer o Rio Ave; golo “caído do céu” a terminar o jogo; e bolas nos seus postes!

Mesmo que o Porto não ganhe os seus 2 jogos, adorava que o Guimarães e o Boavista ganhassem os seus últimos jogos.

Até à próxima!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Maio 4, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
vsapereira
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores.

Começo a minha opinião por dar os parabéns ao nosso Óquei Clube de Barcelos. É um orgulho para a cidade mais uma conquista europeia e é um prazer ver o clube, e a cidade, completamente em sintonia. Queria, também, dar os parabens à cidade por mais uma Festa das Cruzes. Adoro a nossa Festa e é maravilhoso assistir, igualmente, ao seu crescimento e o quanto mexe com a nossa economia e turismo.

Agora vou falar do meu Porto. Vencemos de forma categórica o Chaves! Pela primeira vez, o nosso “padre”/treinador acertou no onze, jogando com Soares sozinho na frente e com dois extremos e o André Silva sentado no “mocho” .

Destaco as exibições de André André, Otávio e Rúben Neves. Pela negativa, destaco a expulsão de Maxi Pereira. Por vezes excede-se e pensa que está no seu anterior clube! Ele, no Porto, é expulso com mais facilidade.




Quanto ao próximo jogo, e às nossas reais hipóteses de sermos campeões, penso que a viagem à Madeira está no top 3 dos jogos mais difíceis do campeonato e não acredito no título porque os empates contra o Setúbal e Feirense foram comprometedores. E está bem montado o circo para alguém festejar o tetra!

De qualquer forma, desejo a maior sorte ao Rio Ave (uma das melhores equipas a jogar futebol) e que o Porto traga 3 pontos da Madeira.

Termino a falar do Gil Vicente: espero que tudo se resolva em termos diretivos, que o Gil volte à Primeira Liga e que os Barcelenses regressem ao Estádio Cidade de Barcelos.

Até à proxima.

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Abril 27, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
vsapereira
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores!

Espero que o vosso feriado tenha sido “livre”.

Vamos lá falar do que interessa: o meu clube mais uma vez não perdeu, mas comprometeu na luta pelo título. Não aproveitámos, mais uma vez, um resultado menos bom do rival, que empatou em Alvalade (confesso que pensei que o Sporting fosse mais capaz).




No jogo do Porto, o nosso “Padre”, teimosamente, voltou a insistir em Soares e André Silva! Até um “burro” já percebeu que só um deles pode jogar e que o Porto tem de jogar como sempre jogou ( 4x3x3).

Sentimos, e muito, a falta dos nossos criativos Brahimi e Corona. Sem estes dois não há fantasia, nem virtuosismo, mas mesmo não jogando bem, fizemos o suficiente para ganhar e o guarda-redes do Feirense fez o jogo da vida dele! Pena que foi contra o Porto!

Acho legítima, mas estranha, a agressividade que os adversários do Porto jogam contra nós! Vou ficar atento ao próximo jogo do Feirense. Por exemplo, o Braga “empatou” 3-1 no Paços.

De uma semana para a outra, os adversários do Porto transformam-se para pior.

Estamos a 3 pontos, e depois de mais um empate em casa estou, mais uma vez, desiludido e descrente no título. Não é a questão de que o SLB pode perder pontos mas, sim, os jogos em que nós vamos perder pontos.

Foi pena porque tínhamos tudo para sermos campeões, apesar de não termos uma super-equipa.

Continuo sem perceber a tensão, e o nervosismo, com que o Porto joga! Será a pressão vinda de superiores hierarquicos?? Não percebo e entristece-me.

Num fim de semana em que ficou marcado pela morte de um adepto, o que mais foi duscutido foram 3 pénaltis a favor do Benfica.

Estão a “matar” o nosso futebol…se é que já não está “morto”!

Que venha a próxima época.

Boa sorte para o OCB na final four da Taça CERS.

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)



Abril 20, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
vsapereira
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores!

Espero que tenham tido uma Santa Páscoa!

Falando de futebol, que é coisa que se tem visto pouco, já que só se fala de polémica e confusão, vou falar do jogo do meu clube em Braga (jogo que fui ver). Não consegui perceber a apatia e tensão do Porto no início do jogo! Aos 6 minutos já tínhamos um golo sofrido e um cartão amarelo! A equipa estava desorientada mas acabou por serenar à medida que os minutos iam avançando. Confesso que não percebi o 11 inicial de NES. Na minha opinião, o Porto tem de jogar em 4x3x3, com Brahimi, Corona e Soares na frente de ataque. O nosso treinador não quer amuar o André Silva mas tem que perceber que os interesses estão acima de qualquer interesse individual. Reconheço que se Pedro Santos marcasse a grande penalidade não só o jogo estava perdido, mas talvez, também o campeonato estivesse perdido. A segunda parte trouxe um Porto que eu esperava na primeira parte. Só pensei que as alterações feitas pelo nosso “padre” fossem mais competentes! Este jogo só provou, também, que a nossa arbitragem é fraca e está bem controlada. Outra coisa que estranhei foi a agressividade, fora do normal, de grande parte dos  adeptos do Braga (ia jurar que estavam la deptos do Benfica).

Entretanto o “circo” continua bem montado, com dois jogos aplicados a Brahimi (talvez se tivesse agredido, estaria livre de castigo do conselho de disciplina). De facto, é um ato de cobardia da Liga, o de nos tirar o nosso melhor jogador na fase em que o campeonato se decide. Há semanas atrás estava esperançado no título mas fui percebendo que o mesmo está entregue pelo sistema!

Que venha a próxima época!




Parabéns ao nosso Gil Vicente por nos últimos 6 jogos, ganhar 5 e empatar no Porto B!

Esta equipa do Gil, que foi reformulada em janeiro, se começasse a época aí talvez subisse de divisão!

Abraço a todos!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Ir Para Cima