Tag archive

APROTURM

I Congresso dos Profissionais de Turismo do Minho debate as tendências de mudança do setor

Novembro 9, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Telmo Correia, deputado CDS, com preleção de abertura

Nos dias 15 e 16 de novembro, a APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho leva a cabo o seu I Congresso dos Profissionais de Turismo do Minho, a ter lugar em Vieira do Minho.



Este congresso, com tema “Profissionais do Turismo em Portugal, que Futuro?”, pretende debater as tendências de mudança que se colocam ao setor do Turismo, particularmente as necessidades de novas competências nos seus Profissionais, contando com a participação, entre outros, de Telmo Correia, ex-Ministro do Turismo e atual deputado do CDS pelo distrito de Braga.

“Num contexto de rápida e constante mudança no setor do turismo, o destino Portugal tem apresentado uma grande dinâmica e uma importância económico-social cada vez maior, vindo a ser distinguido como um dos melhores destinos Europeus e Mundiais.

Ao sucesso de Portugal como destino turístico, não são alheios os seus profissionais, cujo contributo é fundamental para o reconhecimento de um destino de excelência e acolhedor, pelo que importa refletir sobre as suas carreiras profissionais e remunerações, por forma a que o setor possa continuar a crescer quantitativamente e sobretudo qualitativamente”, refere a organização.

A temática “passa por analisar e refletir sobre os desafios e as problemáticas que se colocam aos Profissionais de Turismo, tendo como objetivos principais diagnosticar as necessidades de novas competências do mercado de trabalho; contribuir para uma maior profissionalização e melhor inserção dos profissionais do turismo no mercado de trabalho; e, por último, a produção de recomendações para a construção de futuras estruturas curriculares de acordo com as necessidades do mercado laboral”, conclui.

A APROTURM é uma Associação, sem fins lucrativos, constituída em 3 de abril de 2019 e tem como principais objetivos: 1) Unir, representar, expressar e defender os interesses dos profissionais de turismo; 2) Cumprir e fazer cumprir as garantias éticas e técnicas inerentes à qualidade de profissional de turismo; 3) Fomentar o avanço técnico-científico, a qualidade e o das profissões e das competências exigidas para o seu desempenho. Para a conhecer melhor, visite, www.aproturm.com.

Imagens: APROTURM.

2ª Conferência da APROTURM debate transformações digitais e empregabilidade

Setembro 22, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No passado dia 20 de setembro, o Salão Nobre da Câmara Municipal de Barcelos recebeu a 2ª edição da Conferência da APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho, organizada por esta associação e que teve como tema “Turismo.  As Transformações Digitais e Empregabilidade”.



O orador convidado, Carlos Zorrinho – Eurodeputado e Professor – salientou que “a estrada está feita, é preciso percorrer o caminho”. Foi com esta afirmação que sintetizou a sua comunicação e procurava explicar que existe tecnologia digital tão robusta e disponível que é necessário que os agentes sejam capazes de a saber usar para construir uma sociedade mais feliz. Efetivamente, num período em que o turismo tem ganho uma notoriedade tão relevante no nosso país e no mundo, importa estudar e planear o uso de toda a tecnologia disponível. Referiu, ainda, que na atualidade existe tecnologia digital que nos possibilita ver num telemóvel os mais importantes monumentos de todo o mundo. Ver museus, quer exteriormente e apreciar a arquitetura, quer mesmo, proceder a uma visita interior em 360º. Sendo possível efetuar uma visita virtual, o que acontece em turismo é que embora exista essa facilidade, os turistas, mesmo assim, querem visitar fisicamente o monumento, a cidade o museu, etc. Afinal, os aromas e os sabores e, sobretudo, as experiências não são virtuais. A tecnologia disponível não nos dá as vivências e o ambiente humano, o sentir do serviço que nos disponibilizam os profissionais de turismo.

Referiu, ainda, que as transformações digitais em turismo apenas “aguçam” o apetite para a viagem, dando mais e melhor informação. O turista, hoje, está mais informado e mais exigente, isso porque as novas tecnologias favorecem esse desenvolvimento humano tão desejável. Considera que existe mesmo uma forte convicção de que a tecnologia digital veio ampliar as vantagens da economia da felicidade, como hoje é referido o turismo.

Quando questionado sobre a saturação turística em cidades como Lisboa, Porto, Barcelona, motivada pela forte dinâmica do uso das tecnologias digitais, em desfavor de outras localidades do interior, referiu que esse desafio está colocado também aos poderes locais e na necessidade de uma articulação mais forte com os seus operadores turísticos. As tecnologias estão disponíveis, os dados e a sua manipulação via digital constituem, hoje, um poder fortíssimo ao alcance de todos. O interesse do bom uso dos dados em favor do turismo do interior é um desafio.

No que diz respeito ás tecnologias disse que “A estrada está feita, é preciso percorrer o caminho”, quanto aos técnicos de turismo, possuem hoje competências muito importantes e sabem usar as tecnologias, por isso o futuro pertence-lhes. Acredita que na sociedade do conhecimento, no mercado global, com as tecnologias disponíveis e com as competências que hoje possuem os profissionais do turismo existem condições únicas para que Portugal, em geral, e o Minho, em particular, possam beneficiar, ainda mais, da economia da felicidade.

O Vereador do pelouro do Turismo e Ambiente da Câmara Municipal de Barcelos, José Beleza, destacou a oportunidade de a conferência se integrar nas comemorações do Dia Mundial do Turismo e que a APROTURM o fez por antecipação, para despertar todos os atores do turismo e a sociedade em geral, para a relevância do turismo e dos seus profissionais no desempenho da nossa economia.

Referiu que Barcelos possui uma forte marca da idiossincrasia do Minho, onde, há centenas de anos, os peregrinos a Santiago de Compostela atravessam o território e que têm muito orgulho em contribuir para o turismo de forma determinada. Salientou, ainda, que o concelho de Barcelos tem uma presença marcante no turismo religioso e é, hoje, uma cidade criativa da UNESCO, que conquistou já o reconhecimento de todos os quadrantes sociais, culturais e económicos a nível internacional.

Destacou, também, que no turismo religioso e cultural, Barcelos tem um potencial que deve ser explorado de forma sábia, pois a proximidade de Braga e Guimarães tende a atenuar a qualidade do seu turismo cultural e religioso. Existe, no entanto, uma forte tradição de uma cultura religiosa muito assumidas e da qual também “muito nos orgulhamos”. Refira-se que a primeira grande romaria do Minho é a Festa das Cruzes, de Barcelos, com toda a solenidade e envolvimento da população e das forças vivas do concelho. Referiu, ainda, que aquela grande romaria, associada ás dinâmicas do Santuário da Senhora da Franqueira, dos monumentos e património existentes e à dimensão própria dos Caminhos de Santiago de Compostela, permite, com propriedade, assumir a ambição de o município ter uma presença mais forte na oferta de turismo religioso e cultural na região norte.

Está convicto que no município está a crescer a dinâmica do turismo e quer mobilizar todas as forças para que Barcelos se afirme no contexto nacional e internacional como um Destino Turístico de referência.

Cristiana Molho, Vice-Presidente da Direção da Associação dos Profissionais de Turismo do Minho (APROTURM) referiu que a conferência da APROTURM tinha a virtude e a oportunidade de se poder comemorar, por antecipação, o Dia Mundial do Turismo, correspondendo a uma atitude de demonstrar que no turismo estamos sempre em prontidão.

Referiu aquela dirigente da APROTURM que o turismo está em mudança e, naturalmente, que a APROTURM quer conhecer e ajudar a preparar os seus profissionais para essas transformações que a ciência, a investigação e, sobretudo, a economia estão a promover no setor do turismo.

Salientou os indicadores relativos á evolução do turismo, ressalvando que os dados de 2018 demonstram um crescimento brutal do número de chegadas de turistas a nível mundial, com cerca de 1,4 mil milhões de pessoas. Referiu, ainda, que quando se analisa o efeito desse crescimento em Portugal, os dados são extremamente confortáveis. Recorreu-se da central estatística da PORDATA, no primeiro semestre de 2019, em que Portugal registou no setor do alojamento, 12,1 milhões de hóspedes e 30,5 milhões de dormidas, constituindo um aumento de 7,6% e 4,7%, respetivamente, relativamente ao mesmo período de 2018. Os proveitos cresceram 7,6 % nesse mesmo período, registando 1 781,9 milhões de euros. Em 2018 registamos 67.662.103 de dormidas relativas a 25.249.904 hóspedes.

Mencionou, ainda, que face aos indicadores, fica, no entanto, um desafio para todos. Questionando como deverão evoluir os salários e se devem organizar as carreiras profissionais dos profissionais do turismo e da hotelaria. Salientou que no turismo se está a evoluir bem, mas ainda será necessário compreender e estudar as diferentes realidades dos setores no país, combater a sazonalidade e estudar e compreender a evolução tecnológica.

Tomada de posse do delegado da APROTURM em Braga

Luís Ferreira, que é quadro superior no Departamento de Turismo da Câmara Municipal de Braga, integra a equipa do Posto de Turismo de Braga e que, recentemente, foi agraciado pelas forças vivas da cidade pelo excelente desempenho em favor do turismo na cidade, foi empossado como delegado da APROTURM em Braga.

Fonte e fotos: APROTURM.

APROTURM organiza 2ª Conferência dos Profissionais de Turismo

Setembro 13, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Orador principal será Carlos Zorrinho

O Salão Nobre da Câmara Municipal de Barcelos recebe, no próximo dia 20 de setembro, pelas 17h00, a 2ª Conferência dos Profissionais de Turismo, subordinada ao tema “Turismo, Transformações Digitais e Empregabilidade”, numa organização da APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho.



Esta Conferência terá como orador principal o Eurodeputado Carlos Zorrinho. Para além deste cargo, que ocupa desde 2014, é Professor Catedrático e Coordenador Nacional da Estratégia de Lisboa e do Plano Tecnológico.

Licenciado em Gestão de Empresas e Doutorado em Gestão na especialidade de Gestão de Informação, é Professor Catedrático em Gestão e Agregado em Organização e Direção de Empresas.

Condecorado com a Ordem de Mérito Civil, pelo Reino de Espanha, foi Deputado em cinco Legislaturas, líder do Grupo Parlamentar do PS, Secretário de Estado Adjunto do Ministro da Administração Interna, Secretário de Estado da Energia e Inovação, Pró-Reitor da Universidade de Évora. É, atualmente, o Presidente da Delegação Portuguesa no Parlamento Europeu.

Imagens: APROTURM.

[Ndr: notícia atualizada a 17.09.2019, pelas 16h00]

Turismo e o futuro deste setor debatido em Barcelos

Junho 15, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No passado dia 13 de junho, durante a tarde, no Hotel Bagoeira, em Barcelos, realizou-se a “1ª Conferência dos Profissionais de Turismo”, organizada pela APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho.



Foram realizados quatro painéis, destacando-se o do orador principal, Manuel Carvalho da Silva, natural de Viatodos, antigo Secretário-Geral da CGTP, investigador e Coordenador do Laboratório de Ciências Sociais da Universidade de Coimbra. O Vereador do Turismo da Câmara Municipal de Barcelos, José Beleza, também marcou presença.

Cristiana Molho, vice-presidente da direção da APROTURM, na sua intervenção, referiu que “as profissões do Turismo estão ao serviço da economia da felicidade e, como tal, devem ser consideradas profissões estratégicas para o desenvolvimento sustentado do nosso país”. Este evento trataria de assuntos de Turismo, “num seminário que pretendemos contribua para uma maior consciencialização e dignificação da classe profissional que inclui todos os trabalhadores ligados ao setor do turismo”.

Sobre os prémios que Portugal tem recebido na área do Turismo, considerou ser, “sem dúvida, um orgulho para todos e motivo de satisfação ser reconhecido em tantos domínios. Lamenta-se que no domínio das carreias profissionais, no domínio das condições de trabalho e no domínio dos salários praticados no setor não tenhamos tido qualquer distinção. Muito está por cumprir e por honrar”. Mesmo assim, “a APROTURM, saúda e felicita todos os profissionais de turismo de Portugal e em especial os profissionais de turismo do Minho, pelos excelentes resultados obtidos pelo nosso país em 39 áreas distintas do turismo. Efetivamente os profissionais de turismo têm vindo a contribuir de forma extraordinária para o sucesso das empresas do turismo, de Portugal e do Minho no desenvolvimento do turismo” e aproveita “para agradecer, uma vez mais, a todos os profissionais do turismo o seu importante papel e contributo no engrandecimento de Portugal e das empresas do turismo”.

Já o Manuel Carvalho da Silva abordou a centralidade do trabalho na vida das pessoas, sendo que está, igualmente, debaixo de novas tensões. Sobre a OIT 2019, “Trabalhar para um Futuro Melhor”, afirmou que há a busca de “não excluir, mas sim, integrar e criar emprego”, garantindo “direitos individuais e coletivos, rendimentos e segurança, com “todos dentro dos sistemas de segurança e proteção sociais”. As instituições do trabalho deverão ser reforçadas, com os trabalhadores a terem “soberania sobre o tempo”. As políticas públicas e o direito à educação e à formação ao longo da vida também foram alvo de atenção.

Falou de quatro questões nevrálgicas nas relações de trabalho e atividades do turismo, do digital, robotização e inteligência artificial, assim como se preparar o futuro, que atividades e profissões no Turismo na “Era Digital”; desafios ao sistema de ensino secundário e superior, e a outras aprendizagens e formações, sendo alvo de atenção o “paradigma” dos profissionais subcontratados, contratados por tarefa ou à peça.

O evento contou, ainda, com a performance da violinista barcelense Bárbara Carvalho.

Fotos: DR/APROTURM.

Carvalho da Silva em conferência organizada pela APROTURM

Junho 12, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

A APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho organiza a sua 1ª Conferência, subordinada ao tema “As Profissões do Turismo no Desenvolvimento de Portugal”, que tem como principal orador Manuel Carvalho da Silva, antigo Secretário-Geral da CGTP e natural de Viatodos, Barcelos. A mesma terá lugar a 13 de junho, pelas 15h30, no auditório do Hotel Bagoeira, em Barcelos.



Manuel Carvalho da Silva foi operário eletricista, ativista sindical e secretário-geral da CGTP-Intersindical Nacional entre 1986 e 2012. Licenciado e doutorado em Sociologia pelo ISCTE-IUL. É coordenador do Laboratório Colaborativo para o Trabalho, Emprego e Proteção Social (CoLABOR) e do polo de Lisboa do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES-UC). Foi Professor Catedrático convidado da Universidade Lusófona entre 2011 e 2016. É Vice-Presidente do Conselho Geral da Universidade do Minho e Membro do Conselho Técnico-Científico da Escola Superior de Saúde do Alcoitão. Autor de vários livros e de centenas de artigos publicados, intervém regularmente no espaço académico e em iniciativas de caráter social e político sobre temas como o trabalho, o emprego, o sindicalismo, o Estado Social, o desenvolvimento, a Europa, a globalização. É colunista regular do Jornal de Notícias desde 2011 e comentador residente na Rádio Renascença desde 2012.

A sua intervenção versará sobre «O Trabalho e o Turismo num mundo complexo: condicionalismos, potencialidades, formações e profissões». Abordará os condicionalismos, potencialidades, formações e profissões; multiplicidade de bloqueios, desafios “mágicos”, inseguranças, medos; tecnologias são influentes, mas há outros fortes fatores de transformação da sociedade e do trabalho; a “importância” e o papel dos países no mundo estão a alterar-se. Vamos viver com influências políticas e culturais novas e com mobilidades crescentes e muito diferenciadas; o Turismo: amplitude do setor, o espaço territorial, as zonas urbanas e o “interior”; o trabalho é central na vida das pessoas e está debaixo de novas tensões; OIT 2019 – “Trabalhar Para um Futuro Melhor”; quatro questões nevrálgicas nas relações Trabalho/Atividades do Turismo; Digital, Robotização, Inteligência Artificial: – Estão aí acelerando e trazendo novas mudanças. Que não têm de ser apocalíticas! – Estamos numa “Era Digital”, não na “Sociedade Digital”; Como preparar o Futuro? – Cenários prospetivos trabalhados consistentemente, – Respondendo às exigências do presente contínuo. – E tendo presente que há períodos de transição. E há um fosso entre a potencial existência de uma tecnologia e a sua efetiva aplicação; Que Atividades e Profissões no Turismo na “Era Digital”?; Desafios ao sistema de ensino secundário e superior e a outras aprendizagens e formações; O “paradigma” dos profissionais subcontratados, contratados por tarefa ou à peça.

Imagem: APROTURM.

APROTURM saúda profissionais de turismo de Portugal pelas distinções nos “World Travel Awards”

Junho 10, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Conhecidos nestes últimos dias os vencedores dos World Travel Awards de 2019, Portugal foi distinguido com 39 prémios em distintas áreas do Turismo.



A APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho lançou, ontem, um comunicado em que saúda e felicita todos os profissionais de Turismo de Portugal e, em especial, os do Minho. Leia o referido comunicado na íntegra:

«A Associação dos Profissionais de Turismo do Minho (APROTURM), saúda e felicita todos os profissionais de Turismo de Portugal e em especial os profissionais de Turismo do Minho, pelos excelentes resultados obtidos pelo nosso país em 39 áreas distintas do Turismo. Efetivamente os profissionais de Turismo têm vindo a contribuir de forma extraordinária para o sucesso das empresas do Turismo, de Portugal e do Minho no desenvolvimento do Turismo.

O reconhecimento internacional vem demonstrar que o setor continua a ser uma exceção, assumindo-se como uma alavanca para a economia e emprego nacionais. Lamenta-se, contudo, que o sucesso de Portugal e das empresas, não esteja retratado de igual modo, nos salários dos profissionais de Turismo e nas suas carreiras que registam um défice elevado de reconhecimento.

Neste contexto, Portugal ainda não se encontra entre os destinos turísticos que melhor trata os seus profissionais de Turismo, pois são conhecidas as condições de trabalho e os baixos níveis remuneratórios praticados de forma generalizada no setor.

A APROTURM convida as Associações Empresariais do Setor e a Confederação do Turismo de Portugal a criarem, conjuntamente com os sindicatos, uma comissão ao mais alto nível para analisar a problemática das condições salariais, de trabalho e de carreira para que efetivamente Portugal possa ter também um reconhecimento mundial de ter as empresas que melhor tratam os seus recursos humanos.

Aproveita ainda a APROTURM para agradecer uma vez mais a todos os profissionais do Turismo o seu importante papel e contributo no engrandecimento de Portugal e das empresas do turismo.

Barcelos, 9 de junho de 2019

A Direção da APROTURM

José Pedro Ferreira.»

Foto: DR.

APROTURM organiza 1ª Conferência para debater as profissões do Turismo

Junho 7, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

A recém-criada APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho já começa a “mostrar trabalho”, organizando a sua 1ª Conferência, subordinada ao tema “As Profissões do Turismo no Desenvolvimento de Portugal”, que tem como principal orador Manuel Carvalho da Silva, antigo Secretário-Geral da CGTP, investigador, Coordenador do Laboratório de Ciências Sociais da Universidade de Coimbra e natural de Viatodos, Barcelos.



O Auditório do Hotel Bagoeira recebe esta Conferência, a 13 de junho, pelas 15h30 e terá como restantes oradores Abílio Vilaça, do ISAG, e Luís Carvalhido, autor e formador, que irão debater “As Parcerias na Economia Colaborativa do Turismo”.

Fátima Alves, Administradora do VilaWork, irá abordar “A parceria APROTURM | VilaWork Business Center”. O referido Manuel Carvalho da Silva falará sobre “As Tecnologias e as Profissões do Turismo”.

A sessão de abertura será presidida por José Beleza, Vereador do Turismo e Ambiente da Câmara Municipal de Barcelos, e por José Pedro Ferreira, Presidente da APROTURM. No final, há momento musical, com a violinista Bárbara Carvalho.

A APROTURM pretende “que esta seja a primeira de uma série de conferências que permitam uma reflexão alargada sobre temas relevantes para os profissionais do Turismo”, conforme refere em nota.

Imagens: DR.

APROTURM formalizada em Barcelos

Abril 29, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

No passado dia 23 de abril, pelas 16h00, foi formalizada a APROTURM – Associação de Profissionais de Turismo do Minho, durante a Assembleia Geral Fundacional, na sala de atos da VIlaWork, em Barcelos.



No ato de posse estiveram presentes os associados fundadores e foram empossados os dirigentes, assumindo a presidência da direção José Pedro Ferreira, que na cerimónia, referiu que os dirigentes empossados estavam a fazer história, pois esta associação de classe, a primeira a ser constituída em todo o país, tem como objetivos fundamentais a defesa dos interesses dos profissionais do turismo. Num período em que o Destino Turístico Portugal é destacado pelas Agências de Rating do Turismo e dão ao nosso país notação máxima, importa destacar o papel dos profissionais do turismo.

Referiu, ainda, que se o Destino Portugal possui tal notoriedade e sendo o turismo sobretudo o serviço, ele é sem dúvida desempenhado por excelentes profissionais que importa destacar. Disse, igualmente, que se Portugal está a vencer o desafio do turismo, não se podem esquecer os seus profissionais que são determinantes na hospitalidade e nos serviços que prestam.

Salientou que em breve será apresentado à imprensa o primeiro e grande objetivo da APROTURM para o ano em curso, que passará por realizar o 1º congresso dos profissionais do turismo. Será, também, apresentado, nessa oportunidade, o colégio de especialidade da APROTURM nomeado para organizar o Congresso.

Fotos: DR.

Ir Para Cima