Tag archive

Conferência

Turismo e o futuro deste setor debatido em Barcelos

Junho 15, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No passado dia 13 de junho, durante a tarde, no Hotel Bagoeira, em Barcelos, realizou-se a “1ª Conferência dos Profissionais de Turismo”, organizada pela APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho.



Foram realizados quatro painéis, destacando-se o do orador principal, Manuel Carvalho da Silva, natural de Viatodos, antigo Secretário-Geral da CGTP, investigador e Coordenador do Laboratório de Ciências Sociais da Universidade de Coimbra. O Vereador do Turismo da Câmara Municipal de Barcelos, José Beleza, também marcou presença.

Cristiana Molho, vice-presidente da direção da APROTURM, na sua intervenção, referiu que “as profissões do Turismo estão ao serviço da economia da felicidade e, como tal, devem ser consideradas profissões estratégicas para o desenvolvimento sustentado do nosso país”. Este evento trataria de assuntos de Turismo, “num seminário que pretendemos contribua para uma maior consciencialização e dignificação da classe profissional que inclui todos os trabalhadores ligados ao setor do turismo”.

Sobre os prémios que Portugal tem recebido na área do Turismo, considerou ser, “sem dúvida, um orgulho para todos e motivo de satisfação ser reconhecido em tantos domínios. Lamenta-se que no domínio das carreias profissionais, no domínio das condições de trabalho e no domínio dos salários praticados no setor não tenhamos tido qualquer distinção. Muito está por cumprir e por honrar”. Mesmo assim, “a APROTURM, saúda e felicita todos os profissionais de turismo de Portugal e em especial os profissionais de turismo do Minho, pelos excelentes resultados obtidos pelo nosso país em 39 áreas distintas do turismo. Efetivamente os profissionais de turismo têm vindo a contribuir de forma extraordinária para o sucesso das empresas do turismo, de Portugal e do Minho no desenvolvimento do turismo” e aproveita “para agradecer, uma vez mais, a todos os profissionais do turismo o seu importante papel e contributo no engrandecimento de Portugal e das empresas do turismo”.

Já o Manuel Carvalho da Silva abordou a centralidade do trabalho na vida das pessoas, sendo que está, igualmente, debaixo de novas tensões. Sobre a OIT 2019, “Trabalhar para um Futuro Melhor”, afirmou que há a busca de “não excluir, mas sim, integrar e criar emprego”, garantindo “direitos individuais e coletivos, rendimentos e segurança, com “todos dentro dos sistemas de segurança e proteção sociais”. As instituições do trabalho deverão ser reforçadas, com os trabalhadores a terem “soberania sobre o tempo”. As políticas públicas e o direito à educação e à formação ao longo da vida também foram alvo de atenção.

Falou de quatro questões nevrálgicas nas relações de trabalho e atividades do turismo, do digital, robotização e inteligência artificial, assim como se preparar o futuro, que atividades e profissões no Turismo na “Era Digital”; desafios ao sistema de ensino secundário e superior, e a outras aprendizagens e formações, sendo alvo de atenção o “paradigma” dos profissionais subcontratados, contratados por tarefa ou à peça.

O evento contou, ainda, com a performance da violinista barcelense Bárbara Carvalho.

Fotos: DR/APROTURM.

Círculo Católico de Operários de Barcelos organiza “Conferência Associativa: Presente e Futuro”

Junho 12, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

Evento decorre a 19 de junho, pelas 21h00, no Auditório do CCOB

O CCOB – Circulo Católico de Operários de Barcelos, conjuntamente com a CPCCRD – Confederação Portuguesa das Colectividades Cultura Recreio e Desporto e a ARCA – Associação Recreativa e Cultural de Arcozelo, organizam uma conferência, dedicada ao tema “Conferência Associativa: Presente e Futuro 2019”, com o intuito de alertar as coletividades sobre assuntos de interesse para as associações.



Sobre medidas de autoproteção, o Comando Distrital da Proteção Civil de Braga vai facultar informações e tirará dúvidas sobre as medidas que se devem tomar para proteger as instalações das sedes e os procedimentos que a lei exige e, muitas vezes, estas desconhecem. João Crisóstomo, Técnico Superior ANEPC no referido Comando, irá ser o preletor sobre este assunto.

Outro tema que anda nas cogitações, e preocupações, das Associações é o Registo Central de Beneficiário Efetivo. Como se sabe, até ao final do corrente mês, todas as coletividades terão, obrigatoriamente, que preencher, no portal da Justiça, os dados dos elementos da direção da associação e esse preenchimento/registo não pode ser efetuado por qualquer pessoa, sendo que, em caso de incumprimento, as associações estarão sujeitas a coimas. Bessa Carvalho, Vice-Presidente da Confederação Portuguesa das Colectividades, vai informar sobre estes procedimentos e dissipar dúvidas dos presentes.

Por fim, o Associativismo: Direitos e Deveres será o tema abordado por Manuel Moreira, ex-Presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses e ex-Deputado na Assembleia da República, onde informará os presentes sobre os direitos e deveres das associações e dos dirigentes associativos. Irá, igualmente, realçar, junto das entidades presentes, a importância do associativismo nas comunidades devido à sua extensa vida associativa.

Para a organização, “as associações, coletividades e outras entidades sem fins lucrativos têm enfrentado alguns constrangimentos devido a não cumprirem com algumas leis, sendo o principal motivo a falta de conhecimento”, sendo que “a maior parte dos dirigentes associativos até os próprios direitos e das associações desconhecem”, motivos que levaram a que estas três instituições decidissem colaborar na organização desta conferência, que terá moderação de Pedro Sousa, Diretor do jornal online Barcelos na Hora.

Imagem: CCOB.

Carvalho da Silva em conferência organizada pela APROTURM

Junho 12, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

A APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho organiza a sua 1ª Conferência, subordinada ao tema “As Profissões do Turismo no Desenvolvimento de Portugal”, que tem como principal orador Manuel Carvalho da Silva, antigo Secretário-Geral da CGTP e natural de Viatodos, Barcelos. A mesma terá lugar a 13 de junho, pelas 15h30, no auditório do Hotel Bagoeira, em Barcelos.



Manuel Carvalho da Silva foi operário eletricista, ativista sindical e secretário-geral da CGTP-Intersindical Nacional entre 1986 e 2012. Licenciado e doutorado em Sociologia pelo ISCTE-IUL. É coordenador do Laboratório Colaborativo para o Trabalho, Emprego e Proteção Social (CoLABOR) e do polo de Lisboa do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES-UC). Foi Professor Catedrático convidado da Universidade Lusófona entre 2011 e 2016. É Vice-Presidente do Conselho Geral da Universidade do Minho e Membro do Conselho Técnico-Científico da Escola Superior de Saúde do Alcoitão. Autor de vários livros e de centenas de artigos publicados, intervém regularmente no espaço académico e em iniciativas de caráter social e político sobre temas como o trabalho, o emprego, o sindicalismo, o Estado Social, o desenvolvimento, a Europa, a globalização. É colunista regular do Jornal de Notícias desde 2011 e comentador residente na Rádio Renascença desde 2012.

A sua intervenção versará sobre «O Trabalho e o Turismo num mundo complexo: condicionalismos, potencialidades, formações e profissões». Abordará os condicionalismos, potencialidades, formações e profissões; multiplicidade de bloqueios, desafios “mágicos”, inseguranças, medos; tecnologias são influentes, mas há outros fortes fatores de transformação da sociedade e do trabalho; a “importância” e o papel dos países no mundo estão a alterar-se. Vamos viver com influências políticas e culturais novas e com mobilidades crescentes e muito diferenciadas; o Turismo: amplitude do setor, o espaço territorial, as zonas urbanas e o “interior”; o trabalho é central na vida das pessoas e está debaixo de novas tensões; OIT 2019 – “Trabalhar Para um Futuro Melhor”; quatro questões nevrálgicas nas relações Trabalho/Atividades do Turismo; Digital, Robotização, Inteligência Artificial: – Estão aí acelerando e trazendo novas mudanças. Que não têm de ser apocalíticas! – Estamos numa “Era Digital”, não na “Sociedade Digital”; Como preparar o Futuro? – Cenários prospetivos trabalhados consistentemente, – Respondendo às exigências do presente contínuo. – E tendo presente que há períodos de transição. E há um fosso entre a potencial existência de uma tecnologia e a sua efetiva aplicação; Que Atividades e Profissões no Turismo na “Era Digital”?; Desafios ao sistema de ensino secundário e superior e a outras aprendizagens e formações; O “paradigma” dos profissionais subcontratados, contratados por tarefa ou à peça.

Imagem: APROTURM.

APROTURM organiza 1ª Conferência para debater as profissões do Turismo

Junho 7, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

A recém-criada APROTURM – Associação dos Profissionais de Turismo do Minho já começa a “mostrar trabalho”, organizando a sua 1ª Conferência, subordinada ao tema “As Profissões do Turismo no Desenvolvimento de Portugal”, que tem como principal orador Manuel Carvalho da Silva, antigo Secretário-Geral da CGTP, investigador, Coordenador do Laboratório de Ciências Sociais da Universidade de Coimbra e natural de Viatodos, Barcelos.



O Auditório do Hotel Bagoeira recebe esta Conferência, a 13 de junho, pelas 15h30 e terá como restantes oradores Abílio Vilaça, do ISAG, e Luís Carvalhido, autor e formador, que irão debater “As Parcerias na Economia Colaborativa do Turismo”.

Fátima Alves, Administradora do VilaWork, irá abordar “A parceria APROTURM | VilaWork Business Center”. O referido Manuel Carvalho da Silva falará sobre “As Tecnologias e as Profissões do Turismo”.

A sessão de abertura será presidida por José Beleza, Vereador do Turismo e Ambiente da Câmara Municipal de Barcelos, e por José Pedro Ferreira, Presidente da APROTURM. No final, há momento musical, com a violinista Bárbara Carvalho.

A APROTURM pretende “que esta seja a primeira de uma série de conferências que permitam uma reflexão alargada sobre temas relevantes para os profissionais do Turismo”, conforme refere em nota.

Imagens: DR.

IPCA promove conferência sobre transparência e rigor das contas públicas

Maio 20, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

“A transparência e o rigor das contas pública: contributo do SNC-AP” é o tema em debate numa conferência organizada no Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), mais concretamente, pela Escola Superior de Gestão e o Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade, no dia 21 de junho, no campus do IPCA em Barcelos.



O objetivo central da conferência é promover o debate e reflexão sobre as questões da transparência e da accountability na Administração Pública, com principal destaque para o papel da contabilidade pública neste processo.

O painel de ilustres oradores convidados para esta conferência promete um momento único de partilha e troca de experiências sobre esta temática, com particular interesse para profissionais, governantes e académicos.

O evento decorre no âmbito do projeto de I&D financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (ref.ª PTDC/IIM-GES/6923/2014) e marca, ainda, o encerramento da 4ª edição da pós-graduação em SNC-AP.

Imagens: IPCA.

Conferência sobre “Fibromialgia e suas problemáticas” a 14 de maio

Abril 30, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No próximo dia 14 de maio, pelas 21h00, o Hotel Bagoeira é palco da conferência “Fibromialgia e suas problemáticas”, organizada pela FIBRO.



Realizando-se no Dia Mundial da Fibromialgia, a conferência contará com preleções de Lídia Gomes, Andreia Silva e Mário Gouveia, estomatologistas do Hospital de Braga; de Paula Encarnação, professora na Escola Superior de Enfermagem da Universidade do Minho; tendo como moderador Victor Seco.

Imagem: DR.

Misericórdia de Barcelos debate envelhecimento da população e seu impacto nas políticas sociais

Abril 18, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

A Santa Casa da Misericórdia de Barcelos promoveu, na sexta-feira, dia 12 de abril, uma conferência dedicada ao tema “O Envelhecimento da População e o seu impacto nas Políticas Sociais”, no auditório da instituição. Moderada pelo Provedor, Nuno Reis, teve como oradores os deputados Sónia Fertuzinhos e Pedro Mota Soares.



Entre 2015 e 2080, Portugal passará de 10,3 milhões de pessoas para os 7,5 milhões. O número de jovens diminuirá de 1,5 milhões para 900 mil, enquanto o número de idosos passará dos 2,1 para 2,8 milhões de pessoas. Os dados são do INE e em conjunto com a diminuição da taxa de natalidade e fecundidade, refletem a dimensão do desafio com que a sociedade portuguesa se depara.

“É necessário a sociedade e os partidos políticos decidirem quais as melhores políticas para os desafios que a questão do envelhecimento coloca”, referiu Sónia Fertuzinhos, considerando que “a pressão das respostas sociais é determinante, porque uma parte muito significativa da população idosa depende das respostas públicas, nomeadamente das pensões e das transferências sociais”. A deputada defendeu que o mercado de trabalho é um fator chave na questão do envelhecimento, acrescentando ainda que a qualidade do emprego, os salários e a estabilidade das carreiras contributivas são vetores fundamentais das políticas públicas na resposta ao desafio do envelhecimento da população.

Abordou, igualmente, o tema do envelhecimento com dignidade e a diversificação das respostas sociais como uma parte importante do envelhecimento da população e “um enorme desafio para as políticas públicas”.

Pedro Mota Soares analisou a questão dos problemas de saúde como o cancro e as demências na readaptação de resposta das instituições, referindo que “o envelhecimento da população vai levar-nos cada vez mais a estes problemas”. Na mesma linha de pensamento da deputada Sónia Fertuzinhos, abordou a dimensão do emprego como um fator muito importante para a política social, acrescentando ainda a questão da automação e os desafios do tema, salientado que “o setor dos cuidados de saúde e da assistência social é o que mais capacidade tem de gerar empregos no futuro”.

A iniciativa marcou o início das celebrações dos 519 anos da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos.

Fonte e fotos: SCMB.

O envelhecimento e o seu impacto nas políticas sociais debatido pela Misericórdia de Barcelos

Abril 7, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No próximo dia 12 de abril realiza-se a Conferência dedicada ao tema “O Envelhecimento da população e o seu impacto nas políticas sociais”, organizada pela Santa Casa da Misericórdia de Barcelos.



O evento terá lugar no Auditório da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos, pelas 21h00, tendo como oradores Pedro Mota Soares e Sónia Fertuzinhos.

Imagem: DR.

Conferência “Sol-Fora da Possibilitação” na Casa de Saúde S. João de Deus

Fevereiro 27, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No próximo dia 8 de março, pelas 18h00, realiza-se a Conferência “Sol-Fora da Possibilitação – o despertar da imaginação como vetor da ação transformadora // saúde, doença e capacitação”, organizada pela Casa de Saúde S. João de Deus.



Este evento surge no âmbito das comemorações do dia de S. João de Deus, tendo como conferencista o psiquiatra António Coimbra de Matos, que partilhará o palco do Fórum S. Bento Menni com o diretor clínico da referida Casa de Saúde, Zeferino Venade Ribeiro.

A participação é gratuita e não sujeita a inscrição prévia.

Imagem: DR.

JSD Barcelos fala sobre o Caminho de Santiago

Fevereiro 25, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

No próximo dia 2 de março, pelas 17h30, a Juventude Social Democrata (JSD) de Barcelos leva a cabo uma conferência dedicada ao tema “Caminho de Santiago. Negócio, Fé ou Turismo”, incluída no ciclo “Fala-me Disso…!”



A conferência terá lugar no Albergue Cidade de Barcelos e serão analisadas as potencialidades do Caminho de Santiago nas suas diversas formas; as motivações que levam os peregrinos a percorrer esse Caminho até Santiago de Compostela; e perceber de que formas os empresários locais aproveitam este nicho de mercado para fazerem negócio, refere a estrutura jovem em nota.

A participação é livre.

Imagem: JSD-B.

Ir Para Cima