Tag archive

Direitos do Consumidor

As contas da água luz e gás vão aumentar, prepare-se!

Março 26, 2020 em Atualidade, Economia, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora

Numa altura em que as famílias têm de estar confinadas a casa, é natural que o consumo de água, eletricidade e gás aumentem, sendo várias as famílias que se encontram em situação de isolamento em casa com os filhos. Estes consumos irão aumentar porque, por exemplo, há mais refeições a serem feitas em casa, um maior número de banhos, mais luzes ligadas, mais aparelhos eletrónicos a funcionar, abre-se mais vezes o frigorífico, entre tantos outros comportamentos que vão aumentar os nossos consumos. Se aumentam os consumos, aumenta a fatura no final do mês.



A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) definiu medidas excecionais para evitar cortes no abastecimento dos serviços públicos essenciais de eletricidade, gás natural e gases de petróleo liquefeito (GPL) canalizados. O prazo de pré-aviso para a interrupção de fornecimento para os clientes domésticos foi alargado por 30 dias, além dos 20 dias já existentes. Quem usufruir deste período alargado tem ainda direito ao pagamento fracionado das dívidas que surjam durante esse tempo, sendo que o prazo pode ser aumentado, se a ERSE considerar necessário.

Tarifa bi-horária deixa de compensar

As famílias que aderiram à tarifa bi-horária serão as mais penalizadas em matéria de fatura final. Segundo as nossas contas, quem tem tarifa bi-horária de eletricidade pode ver a sua fatura subir 25 euros mensais. E, portanto, estejam atentos e se necessário, analisem com a empresa de fornecimento uma alternativa para estes novos tempos. O que propomos é que, durante este período de crise, se estabeleça a possibilidade de estes consumidores pagarem como se tivessem a tarifa simples.

Na verdade, mesmo os consumidores com tarifa simples irão sentir o aumento na fatura. Uma família com uma potência contratada de 3,45 kVA (quilovoltamperes) e um consumo anual de 1900 kWh (quilowatt/hora) irá pagar mais cerca de 6 euros mensais, com um aumento de 20% do consumo.

O pagamento fracionado também pode ser pedido pelos consumidores que fiquem com dívidas, por dificuldades em pagar a fatura. Segundo as medidas da ERSE, não irão ser cobrados juros de mora por parte das empresas, durante um período de 30 dias.

Ao aplicarmos o mesmo aumento de 20% no gás de botija, uma família que precise de uma garrafa de butano por mês, irá precisar de comprar uma segunda, antes do final do mês. Pode traduzir-se numa despesa adicional de 5 euros mensais. Para podermos monitorizar os preços, aconselhamos que os comuniquem na plataforma “Poupe na Botija“. Ao acompanharmos a evolução dos preços, conseguimos estar atentos a eventuais aproveitamentos por parte dos operadores.

Comuniquem as leituras

Da nossa parte fica a recomendação aos consumidores de comunicarem as leituras dos contadores, por telefone ou outros meios digitais disponíveis. Deste modo, não só se evita a deslocação do técnico à habitação como o cálculo por estimativa.

Para esclarecer questões mais específicas, conte com a ajuda dos nossos serviços. A DECO está consigo no Minho, pronta para esclarecer as suas dúvidas, via telefone para o 258 821 083 ou via e-mail para deco.minho@deco.pt. Excecionalmente os serviços presenciais estão encerrados.



Dúvidas sobre viagens COVID-19: 21 371 02 82 – Linha para esclarecimento de dúvidas para viajantes relativamente à epidemia COVID-19, funciona todos os dias úteis, das 10h00 às 18h00 e está disponível a todos sócios e não sócios.

Ir Para Cima