Tag archive

Escola Técnica Superior Profissional do IPCA

Open IPCA 2020 vai ser online: Dia aberto decorre durante três dias

Junho 15, 2020 em Atualidade, Concelho, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

O Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) realiza, nos próximos dias 22, 25 e 26 de junho, o Open IPCA Online.



Já na sua 6ª edição, e face à atual situação de pandemia, o dia aberto do IPCA apresenta-se, este ano, num novo formato que pretende proporcionar aos estudantes do secundário, professores e encarregados de educação toda a informação necessária relativa à oferta formativa, vida académica e apoios que podem encontrar no IPCA.

Estão agendadas várias sessões informativas na plataforma digital Zoom. Cada uma das salas online será direcionada para as diferentes áreas de especialização do IPCA, como a Gestão, a Tecnologia, o Design e a Hotelaria e Turismo. Cada sessão é dedicada a uma escola, sendo que estão organizadas da seguinte forma:

22 junho (18h00) – Escola Superior de Gestão

22 junho (19h00) – Escola Superior de Hotelaria e Turismo

25 junho (18h00) – Escola Técnica Superior Profissional

26 junho (18h00) – Escola Superior de Design

26 junho (19h00) – Escola Superior de Tecnologia

Segundo a Presidente do IPCA, Maria José Fernandes, as sessões serão bastante interativas: “Com esta edição do Open IPCA Online pretendemos apresentar a oferta formativa da nossa instituição e, desta forma, facilitar o esclarecimento de dúvidas aos estudantes que pretendam ingressar no Ensino Superior, privilegiando a interação com docentes, profissionais e estudantes de todas as áreas do IPCA, oferecendo a informação que neste momento procuram, como os apoios sociais, programas de mobilidade, processo de candidatura e as saídas dos cursos”.

Os estudantes que pretendam participar, apenas necessitam de preencher a ficha de inscrição.

As sessões foram pensadas e distribuídas de forma a que os estudantes consigam participar em todas as sessões, caso assim o pretendam, e podem fazê-lo com o acompanhamento dos encarregados de educação.

Este ano, o Open IPCA conta com o apoio da Associação Académica do IPCA.

Fonte e foto: IPCA.

COVID-19: IPCA e empresas parceiras produzem 10.000 viseiras de proteção para hospitais do Minho

Março 26, 2020 em Atualidade, Concelho, Economia, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

O Centro de Investigação em Inteligência Artificial (2Ai) da Escola Superior de Tecnologia (EST) do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), com o apoio da Escola Superior de Design (ESD) e Escola Técnica Superior Profissional (ETeSP), e em parceria com as empresas LUCEMPLAST, POLIPOP, RIOPELE e ADILEVEL, desenvolveram uma metodologia de produção rápida de viseiras de proteção individual para profissionais de saúde.



O protótipo desenvolvido já foi validado por uma equipa clínica do Hospital de Barcelos. A abordagem de fabrico utilizada permite produzir, em tempo recorde, 10.000 viseiras que começam a ser entregues nos próximos dias em diversos hospitais do Minho.

Dada as atuais necessidades do Serviço Nacional de Saúde, estes dispositivos são essenciais para a proteção dos profissionais e auxiliares de saúde, cuja necessidade aumentou exponencialmente com a atual pandemia do Coronavírus.

Na foto de destaque, Fernando Veloso, um dos investigadores do 2Ai com protótipo da viseira desenvolvida no IPCA.

Fonte e fotos: IPCA.

Presidente do IPCA dá posse aos novos diretores da ESG e ETESP

Setembro 5, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Fernando Rodrigues e Filipe Chaves tomam posse

A Presidente do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), Maria José Fernandes, deu posse, na passada segunda feira, dia 2 de setembro de 2019, aos novos diretores da Escola Superior de Gestão (ESG), Fernando Rodrigues, e da Escola Técnica Superior Profissional (ETESP), Filipe Chaves.



Na sessão de tomada de posse do novo diretor da ESG, a Presidente do IPCA, começou por agradecer o empenho e profissionalismo da anterior diretora, Cândida Machado, que desempenhou funções de janeiro de 2019 até à data. Agradeceu, ainda, ao novo Diretor da ESG, Fernando Rodrigues, por ter aceite o cargo e adiantou que, sendo muito positivo a consolidação do projeto educativo da Escola, há ainda um caminho a percorrer, nomeadamente ao nível da internacionalização e da investigação, onde há targets ainda a melhorar.

Doutorado desde 2008 em Ciências Económicas e Empresariais, pela Universidade de Santiago de Compostela, Fernando Rodrigues é professor no IPCA desde 1999 e professor coordenador desde 2015. O novo diretor agradeceu à Presidente do IPCA o voto de confiança e recordou o seu modelo de gestão enquanto diretor da Escola Superior de Tecnologia (EST), durante a presidência do Professor João Carvalho. “Tive um louvor assinado pelo Professor João Carvalho que foi recebido em prol da equipa que me acompanhou, porque não fiz nada sozinho e só assim sei trabalhar. Isto para vos dizer que esta é a minha forma de estar e é neste contexto que assumo esta responsabilidade”. Em relação à sua visão para a ESG, Fernando Rodrigues assume que os estudantes são a prioridade, assim como a envolvente tecnológica e a internacionalização.

Na sede da ETESP, em Braga, Maria José Fernandes deu posse ao primeiro diretor desta escola, Filipe Chaves. A sessão começou pelo reconhecimento do trabalho desenvolvido, desde 2014, aquando da abertura dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP´s) no IPCA, pela anterior Diretora Executiva desta Unidade, Rosário Fernandes, e pelo Presidente da Comissão Executiva, até à data, Agostinho Silva (vice-presidente do IPCA). A Presidente frisou, ainda, a importância destes cursos e a “importância que têm vindo a assumir desde a sua criação, reflexo dos números obtidos na primeira fase de candidaturas aos CTeSP´s”.

Doutorado em Engenharia Mecânica pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto desde 2013, Filipe Chaves é professor no IPCA desde 2009, tendo desempenhado um papel determinante nas áreas científicas da mecânica e da gestão industrial, onde assumiu a direção de diferentes cursos. Destaca-se o trabalho enquanto diretor do curso de mecânica automóvel, desenho técnico e maquinação e da nova licenciatura em Engenharia e Gestão Industrial, que entrou em funcionamento em 2018/2019, fruto de uma aposta da Instituição desta área. O diretor da ETESP referiu o peso da responsabilidade ao abraçar este desafio “não só pelas responsabilidades inerentes ao cargo em si, mas também, por esta Escola ter um perfil e âmbito próprio e distinto das outras escolas, sendo a primeira escola do país para a oferta de cursos técnicos superiores profissionais”. O novo diretor lembrou, ainda, o desafio que está pela frente, com a abertura do Polo de Vila Nova de Famalicão e com a aposta na aproximação com as empresas “dando aos estudantes do IPCA boas soluções empregadoras e a estas empresas recursos humanos qualificados”.

No ano em que a instituição celebra os seus 25 anos, Maria José Fernandes referiu que ainda existe muito a fazer em prol do projeto educativo e científico do IPCA, bem como na melhoria das infraestruturas. Até dezembro, o IPCA vai ter concluído o novo parque de estacionamento, no Campus, com capacidade para 140 lugares. Vai ser também construído no Campus, um novo bar e um restaurante aberto ao público. No Polo de Braga, iniciar-se-ão as obras de requalificação do edifício.

Ainda em relação aos projetos do IPCA, está para breve o início da construção da Escola-Hotel, na Quinta do Costeado, em Guimarães; da abertura do Polo em Esposende para o funcionamento da Escola de Verão e para os CTeSP´s; da passagem da Escola Superior de Design para o centro da cidade de Barcelos, para o edifício da antiga Escola Gonçalo Pereira.

Fonte e fotos: IPCA.

Escola Técnica Superior Profissional do IPCA aprovada pelo Ministério

Junho 27, 2019 em Atualidade, Concelho, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

O Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, aprovou, por seu despacho de 05 de maio, a criação da Escola Técnica Superior Profissional (ETESP) que terá a sua sede no polo do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) em Braga.



O IPCA consegue, assim, mais um feito na sua história com a criação da sua 5ª Escola, fruto de uma forte articulação nas respostas às necessidades da região ao nível da oferta formativa qualificada.

A ETESP é uma unidade orgânica de ensino e investigação do IPCA, responsável pela gestão, organização e funcionamento dos cursos técnicos superiores profissionais.

Esta nova Escola do IPCA vem, desta forma, juntar-se às atuais quatro escolas: a Escola Superior de Gestão (1996), a Escola Superior de Tecnologia (2004), a Escola Superior de Design (2015) e a Escola Superior de Hotelaria e Turismo (2017).

Com a criação desta Escola, “o IPCA continua a cumprir com a sua missão, fortalecendo a estratégia de crescimento e de consolidação do seu projeto educativo e científico”, refere em nota.

Os estatutos provisórios da ETESP foram aprovados pelo Conselho Geral do IPCA na reunião do dia 25 de junho, estando assim reunidas as condições para que a Escola entre em funcionamento e inicie o processo de elaboração dos estatutos definitivos, onde foi ainda aprovada a imagem gráfica da Escola.

O IPCA, pioneiro na oferta de cursos técnicos superiores profissionais, que tiveram o seu início no ano letivo de 2014/2015 com 180 estudantes distribuídos por três cursos: Apoio à Gestão, Eletrónica, Automação e Comando e Aplicações Móveis, tem atualmente mais de 1000 estudantes a frequentar 20 cursos técnicos superiores profissionais a funcionar em Barcelos (campus do IPCA), Polo de Braga, Polo de Guimarães (AVE PARK) e Polo de Vila Nova de Famalicão, a consolidar no ano letivo 2019/2020. O arranque desta oferta formativa marcou o início de funcionamento do polo do IPCA em Braga.

Imagens: IPCA.

Ir Para Cima