Tag archive

Espanha

Queda impede Nuno Castro (ACR Roriz) de terminar Asturias Bike Race

Julho 11, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

De 6 a 8 de julho, a região das Astúrias – Espanha recebeu mais uma edição da conceituada Asturias Bike Race, em BTT, que contou com a participação de Nuno Castro, da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT, em Master 30.



Esta foi uma prova por etapas (3) de categoria internacional (faz parte do calendário da UCI – União Ciclista Internacional, onde Nuno Castro esteve em evidência, tendo um infortúnio na última etapa ditado o seu abandono da corrida, impedindo-o, assim, de a terminar.

Se na 1ª etapa (54,4km e 1925 metros de desnível), um furo atrasou o atleta de Vila de Punhe (Viana do Castelo), fazendo com que chegasse na 8ª posição, na etapa rainha, com 74km de distância e cerca de 2800 metros de desnível, Nuno Castro esteve em grande destaque, conseguindo ganhar lugares e chegando em 10º da geral, lugar que lhe valeu a grande vitória na etapa em Master 30.

Como referido, na 3ª e última etapa, mais curta e com menos acumulado, o atleta da equipa de Roriz foi vítima de uma violenta queda que o impediu de concluir esta prova.

Fotos: DR/SPORTOGRAF.

Nuno Castro, da ACR Roriz, está em grande na Asturias Bike Race e vence 2ª etapa em Master 30

Julho 7, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Decorreu hoje a “etapa rainha” da Asturias Bike Race, em Espanha, com Nuno Castro, da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT, a estar em grande evidência.



Esta foi uma etapa de 74km e desnível de 2800m – daí ser a “etapa rainha” – onde Nuno Castro, em Master 30, tinha como objetivo subir na geral. Atacou forte logo na primeira subida e conseguiu ganhar lugares, indo subindo na classificação até à linha de meta, conseguindo uma grande vitória na sua categoria.

Salienta-se, igualmente, o lugar obtido na classificação geral, tendo sido 10º classificado. Com esta vitória, o atleta da equipa de Roriz subiu ao 3º lugar da geral em Master 30.

A etapa de amanhã é a mais curta e com menos acumulado, perspetivando-se, por isso, uma etapa mais rápida.

Fonte e foto: NC/DR.

ARCA DANCE STUDIO traz bons resultados do Dance World Cup 2018 de Barcelona

Julho 7, 2018 em Atualidade, Concelho, Cultura, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Entre os dias 20 e 30 de junho, a escola de dança da Associação Recreativa e Cultural de Arcozelo (ARCA), esteve em Sitges – Barcelona para participar, pela segunda vez consecutiva, naquele que é o maior concurso internacional de dança, o Dance World Cup, concurso que reúne escolas, academias, conservatórios e bailarinos de todas as partes do mundo.



Este ano, a ARCA Dance Studio fez-se representar por 8 coreografias e um total de 53 bailarinos, que juntamente com outros artistas de Portugal, integraram a comitiva portuguesa, representando, não só o país, mas também a cidade de Barcelos e a freguesia de Arcozelo.

Entre milhares de coreografias a concurso, todas as da ARCA ultrapassaram a pontuação de 80 pontos, numa escala de 0 a 100, o que, nas palavras de Daniel Costa, professor e coreógrafo da ARCA Dance Studio, “é resultado da crescente qualidade que o ensino de dança tem na nossa associação e, claro, do excelente desempenho, empenho e performance dos alunos”.

“A dança é uma actividade contínua, que exige preparação e prática regular e disciplinada ao longo dos anos, por isso, os resultados que vamos obtendo são o culminar de muitas horas de trabalho e dedicação.”, salienta.

O coreógrafo conta que “apresentámos 8 coreografias, um total de 53 bailarinos em praticamente todos os escalões e nos mais variados estilos de Dança: Jazz, Show Dance, Comercial, Hip Hop e em todos tivemos excelentes pontuações, o que só demonstra que, acima de tudo, somos uma escola versátil e, claro, que melhoramos de ano para ano, pois as pontuações e classificações deste ano foram bem melhores que as do ano passado”.

Assim, a ARCA Dance Studio obteve as seguintes pontuações/Classificações:

«Les Miserables», Grupo Show Dance, escalão Sénior – 83,5% – 10º Lugar, em 25 concorrentes; [ndr: na foto de destaque da notícia]

«Chicago», Trio de Jazz e Show Dance, escalão Sénior – 87,1 – 4º Lugar, em 17 concorrentes;

«Femme Fatale», Trio de Hip Hop, escalão Sénior – 83,9% – 8º Lugar, em 17 concorrentes;

«Feel it!», Grupo Hip Hop, escalão Júnior – 86,3% – 8º Lugar, em 17 concorrentes;

«Wonder Woman», Grupo Hip Hop e Comercial, escalão Júnior e Sénior – 83,5 – 22º Lugar, em 33 concorrentes;

«Clean it», Grupo Show Dance, escalão infantil – 84,7% – 9º lugar, em 16 concorrentes;

«Trolls», Grupo Hip Hop, escalão Infantil – 85,9% – 8º Lugar, em 16 concorrentes;

«Latin Groove», Grupo Comercial, escalão Infantil – 85,6% 7º Lugar, em 12 concorrentes;

Para finalizar, Daniel Costa deixa palavras de gratidão aos parceiros: “Deixamos o nosso agradecimento às instituições, empresas, entidades e particulares que nos apoiaram, pois este tipo de concursos e viagens envolvem custos demasiado altos para as famílias e bailarinos. Agradecemos também aos alunos, pais e toda a comunidade da ARCA, que nos últimos meses se desdobrou numa série de iniciativas para ajudar esta enorme comitiva a representar Barcelos e Portugal no Dance World Cup”.

Para o próximo ano, é a vez de Portugal abrir portas ao Dance World Cup. O evento vai ter lugar em Braga, no Fórum, e são esperados milhares de bailarinos e centenas de escolas, academias e conservatórios de todos os cantos do mundo. Para conseguir acesso às finais mundiais, as escolas portuguesas terão de participar nas semifinais, em março de 2019, na Figueira da Foz.

Fonte e fotos: ADS/DR.

Nuno Castro, da ACR Roriz, inicia a Asturias Bike Race (Espanha) com 8º lugar

Julho 7, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Iniciou ontem a conceituada Asturias Bike Race, em Espanha, que contou com a presença do atleta de BTT da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT, Nuno Castro.



Com uma extensão de 54,4km e 1925 metros de desnível, a etapa ainda teve, no início, fortes pendentes e muito barro. Com saída e chegada a Pola de Siero, a etapa passou pelo Alto da Cruz, de onde se podem ver os picos da Europa.

Nuno Castro conseguiu acompanhar o grupo da frente até aos 20 quilómetros, mas, por essa altura, teve um furo na roda traseira que o obrigou a parar. Resolvido o problema, tentou alcançar a frente da corrida até à linha de meta, terminando no 8º lugar em Master 30.

Hoje decorre a etapa rainha, com extensão de 83km e 2900 metros de acumulado. Nuno Castro refere que vai “tentar manter o top-10”.

Foto: DR.

Flash Li Dance com resultados de destaque no Dance World Cup 2018 de Barcelona

Julho 6, 2018 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Entre 22 e 30 de junho, Sitges – Barcelona foi a capital da dança mundial, com centenas de dançarinos de todo o mundo a competirem no Dance World Cup 2018.



Esta foi a maior edição da competição, com 54 países concorrentes, que a colocaram a um nível elevadíssimo e proporcionaram performances extraordinárias.

A academia de dança Flash Li Dance, com polos em Barcelos e Mujães (Viana do Castelo), foi uma das escolas participantes, com 36 alunos provenientes desses dois polos.

Os seus resultados foram dignos de destaque, com oito das suas coreografias a ficarem no top-10 da classificação geral das suas categorias.

O maior destaque vai para as duas medalhas de bronze conquistadas, uma na categoria Children Small Group Jazz & Show Dance – com 29 coreografias concorrentes –, com a pontuação de 90,2, e outra na categoria de Senior Duet/Trio Acro Dance, com o seu trio composto por Bruna Miranda, Bruna Vilas Boas e Matilde Parente.

Claramente feliz, a diretora da academia, Liliana Vilas Boas, fez questão de agradecer “o apoio importantíssimo da Fundação Caixa Agrícola do Noroeste e do Município de Viana do Castelo na nossa participação na competição, bem como agradecer a todas as pessoas e empresas que participaram nas nossas atividades de angariação”.

Fonte: FLD.

Fotos: FLD e DR.

 

Judoca Vanessa Barbosa, da ADC Manhente, representa Portugal na Polónia e República Checa

Julho 5, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

A judoca Vanessa Barbosa, da Associação Desportiva e Cultural (ADC) de Manhente está, desde hoje e até dia 11, na Polónia em representação da Seleção Nacional de Judo, categoria de Juniores, onde estará em competição e estágio.



Vanessa Barbosa e seu treinador Nélson Azevedo marcarão presença na Junior European Judo Cup and Training Camp, a realizar em Gdynia, na Polónia.

Entretanto, a judoca também convocada para estar a representar a Seleção Nacional em Praga, capital da República Checa, entre 19 e 25 de julho.

Depois de já ter estado presente, conjuntamente com o seu colega de equipa João Pires, na Taça da Europa de Juniores, em A Corunha – Espanha, este é mais um momento marcante na já profícua carreira desta jovem judoca, assim como, no da ADC Manhente.

Foto: ADCM (alterada).

Nuno Castro, do BTT da ACR Roriz, participa na Asturias Bike Race (Espanha)

Julho 3, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Entre 6 e 8 de julho, Nuno Castro, atleta federado de BTT da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKEEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT, participa na reputada prova “Asturias Bike Race”, na localidade de Pola de Siero, em Astúrias – Espanha.



Natural de Vila de Punhe, concelho de Viana do Castelo, Nuno Castro competirá na categoria de Master 30, tendo pela frente três etapas, desta prova que integra a categoria UCI (União Ciclista Internacional), que se desenrolará em montanha, nos picos da Europa, e conta com mais de 500 atletas inscritos.

A Etapa 1 (6 julho) terá a distância de 54,5km, com desnível de 1925m; a Etapa 2 (7 julho) terá 74km pela frente, com desnível acumulado de 2520m; e a Etapa 3 (8 julho) terá uma distância de 51km, com desnível positivo de 1484m.

Foto: DR.

ACR Roriz vence Ruta do Albariño (Espanha) com Hélder Gonçalves e Rafael Torres em destaque

Junho 3, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No passado fim de semana disputou-se, na Galiza – Espanha, a sexta edição da “Ruta do Albariño – Memorial Modesto Sánchez Alba ‘Teto’”, constituída por uma Cronoescalada e duas etapas em linha, onde a formação de ciclismo júnior da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT esteve em grande plano, conquistando o 2º lugar da classificação geral individual, através de Hélder Gonçalves, com Rafael Torres a conquistar o 1º lugar na classificação da Montanha e a formação rorizence a ser a grande vencedora da classificação por Equipas.



No sábado de manhã, disputou-se uma croescalada, com 3 km, onde Hélder Gonçalves foi 2º, a 11s do vencedor, o colombiano Daniel Noreña (Bairrada). João Carvalho, com uma excelente subida, foi 3º, a 24s, Rafael Torres foi 7º, a 34s, Bruno Silva foi 10º, a 43s, João Rocha 22º, Flávio Fernandes 31º, Manuel Barbosa 45º e João Lobo 59º. Com estes resultados, a equipa assumiu o comando da classificação coletiva e vestiu as camisolas da montanha e dos pontos, referente ao 2º e 3º lugar.

Da parte da tarde, realizou-se a 3ª etapa, com 63km de distância, que não foram suficientes para fazer diferenças entre os principais classificados. João Carvalho foi 6º, João Rocha 7º, Hélder Gonçalves 13º, Rafael Torres 19º, Bruno Silva 24º, João Lobo 49º, Manuel Barbosa 50º e Flávio Fernandes 56º.

No domingo, os atletas tiveram de superar uma etapa com 92 km, com quatro contagens de montanha e duas metas volantes. Rafael Torres destacou-se, ao conquistar duas metas de Montanha e, assim, sagrar-se o “Rei a Montanha” da 6ª edição da “Ruta do Albariño”. Com uma chegada em pelotão compacto ao centro de Cambados, Hélder Gonçalves manteve a 2ª posição da classificação geral, sendo que João Carvalho, vítima de uma aparatosa queda a 8km do final, perdeu 20s para o pelotão, descendo do 3º para o 10º posto da geral. Rafael Torres foi 6º, Bruno Silva 8º, João Rocha 15º, Manuel Barbosa 43º, João Lobo e Flávio Fernandes 45º e 46º. Nas contas desta última etapa, João Rocha foi 6º, João Lobo 8º, Hélder Gonçalves 14º, Manuel Barbosa 25º, Rafael Torres 27º, Bruno Silva 31º, Flávio Fernandes 33º e João Carvalho 58º.

De registar que com estes resultados, a equipa de Roriz venceu, pelo segundo ano consecutivo, a classificação geral por Equipas.

Fonte fotos: ACRR.

Por proposta de José Manuel Fernandes, Portugal recebe 50,6 milhões de euros para as zonas afetadas pelos incêndios de 2017

Maio 31, 2018 em Atualidade, Concelho, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

O Parlamento Europeu aprovou, ontem, dia 30 de maio, a proposta do eurodeputado José Manuel Fernandes para a mobilização de 50,6 milhões de euros do Fundo de Solidariedade da União Europeia (FSUE) com vista ao restabelecimento das infraestruturas danificadas pelos incêndios de 2017 em Portugal.



O relatório foi aprovado no plenário, que decorreu em Estrasburgo, com 629 votos a favor, 21 votos contra e 9 abstenções.

Por proposta do eurodeputado do PSD, o relatório final deixa uma recomendação à Comissão Europeia para que aprove propostas de reprogramação dos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento (FEEI) que os Estados-Membros venham a apresentar, com o objetivo de financiar ações para a prevenção de incêndios florestais.

José Manuel Fernandes sublinha que fica lançado o desafio ao governo português e ao primeiro-ministro António Costa, que têm a responsabilidade de aproveitar a oportunidade para reforçar os recursos de apoio às vítimas e zona afetadas.

“O governo português tem a porta aberta para propor, na reprogramação do Portugal 2020, o reforço de fundos para fazer face aos prejuízos nas áreas atingidas pelos incêndios do ano passado e para reforçar a prevenção, de forma a que não haja a repetição da tragédia do ano passado. É uma questão de vontade política atendendo a que ainda faltam executar cerca de 20 mil milhões de euros. A prevenção é a melhor solução. Temos de fazer tudo para evitar a perda de vidas humanas”, sustenta o eurodeputado.

A resolução aprovada – em que se lamenta o número de vidas perdidas – exige que os montantes sejam utilizados de forma transparente, assegurando uma distribuição equitativa por todas as regiões afetadas.

“O governo deve revelar os critérios que utiliza e em que concelhos vai investir os 50,6 milhões de euros”, afirma José Manuel Fernandes, coordenador do Partido Popular Europeu (PPE) na Comissão dos Orçamentos e relator para o Fundo de Solidariedade da UE.

A proposta de mobilização do FSUE foi aprovada em tempo recorde pelo Parlamento, tendo sido apresentada pela Comissão Europeia em 15 de fevereiro, no seguimento do pedido de assistência financeira enviado pelas autoridades portuguesas em 17 de julho de 2017, atualizado em 13 de outubro e 14 de dezembro, devido a outros incêndios que deflagraram no país. Um adiantamento de 1,5 milhões de euros do FSUE foi entregue a Portugal em novembro.

A mobilização ontem aprovada prevê, igualmente, a concessão de assistência financeira à Espanha (3,2 milhões de euros), relacionada com os incêndios na Galiza, à França (49 milhões), devido aos furacões em São Martinho e Guadalupe, e à Grécia (1,3 milhões), na sequência dos sismos na ilha de Lesbos. Os montantes ficam disponíveis desde já, uma vez que também já foram aprovados pelo Conselho.

Foto: DR.

Barcelense Joaquim Sousa sagra-se Campeão Nacional de Orientação, em H45

Maio 23, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No passado fim de semana de 19 e 20 de maio, realizaram-se, na zona de Mora e Pavia, os Campeonatos Nacionais de Distância Média e de Estafetas, em evento organizado pelo CPOC (Clube Português de Orientação e Corrida).



Uma vez mais, Joaquim Sousa, atleta de Galegos Santa Maria, participou em H45 (homens + 45 anos) e conseguiu, no sábado, renovar o titulo de Campeão Nacional alcançado ano passado, também no Alentejo, na zona de Coruche.

Já no domingo, no Campeonato de Estafetas, a equipa formada por três atletas e na qual correu Joaquim Sousa, sagrou-se Vice-Campeã Nacional, ao ficar em segundo lugar em VET 2.

Em nota, Joaquim Sousa deixou o seu agradecimento “a todos que contribuem para a divulgação das notícias e à Serfisio Barcelos, pelo apoio e preparação, que contribuíram, de forma fundamental, para estes resultados”.

No próximo fim de semana, de 26 e 27 de maio, a Joaquim Sousa vai competir, no sábado, na Vila das Aves, para o “Aves City Race”, 5ª etapa do circuito “Portugal City Race”, seguindo depois para Mérida, Espanha, onde, no domingo de manhã, participará na 2ª etapa do circuito “City Race Eurotour”.

Fonte e imagens: JS/DR.

1 2 3 5

Pin It on Pinterest

Ir Para Cima