Tag archive

Exposição

Exposição “Do Grão à Chávena” decorre até 17 de setembro na Sala Gótica da Câmara

Agosto 14, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Inaugurou, no passado dia 12 de agosto, na Sala Gótica da Câmara Municipal de Barcelos, a exposição “Do Grão à Chávena”, que ficará aberta ao público até 17 de setembro.

A exposição é constituída, exclusivamente, por uma parte da coleção do “Acervo do Café”, cedida para o efeito pelos seus proprietários, Manuel Guedes e Olga Carvalho. A exposição tem como finalidade dar a conhecer ao grande público o percurso do grão de café, torra, passando pela moagem e confeção através da escolha criteriosa de utensílios domésticos, todo um processo até chegar à chávena de cada consumidor.

Como complemento da exposição, serão expostos documentos relacionados com a compra e venda de café, torradores, moinhos, máquinas e cafeteiras representativas. A entrada será gratuita.

Mas vamos conhecer um pouco mais Manuel Guedes, emigrante na Suíça desde 1999, que foi integrado pela Associação Industrial e Comercial do Café e o considera um “embaixador do café português”.

Manuel Fernando Guedes de Almeida nasceu em Valongo, a 6 de setembro de 1975. Tal como referido, emigrou para a Suíça em 1999, onde reside com sua esposa, Olga Carvalho, em Gossau, St. Gallen. Lá, é chefe de linha numa empresa de produtos alimentares. O casal tem três filhos.

Este valonguense tem alma de colecionador, com espírito de partilha com os outros. Por um lado, anseia ajudar a preservar as memórias do passado mas, por outro, e principalmente, pretende partilhar com os demais os objetos, e a sua história. Objetos esses que vai adquirindo, nomeadamente, com emigrantes lusos na Suíça, Luxemburgo e Liechtenstein, tornando as suas coleções uma forma de identificação com a pátria para quem está longe. O seu pai incutiu-lhe este “bichinho”, também ele colecionador, levando-o, ainda garoto, a feiras de antiguidades e numismática, no Porto. No entanto, é quando emigra para a Suíça que este “bichinho” saiu “do casulo” e resultou no colecionador que hoje é. Após várias áreas de coleção, “apaixonou-se” pelo mundo do café. Selos, notas e moedas, títulos de câmbio, ações, livros, revistas, moinhos, torradores, serviços, máquinas e vários utensílios são alguns dos exemplares da sua coleção. Em conjunto, contam a história de Portugal no cultivo, transformação, comércio e consumo de café.

Dentro do seu espírito de partilha, Manuel Guedes criou (basta clicar no link para aceder) um blog m(http://acervodocafe.blogspot.com) e um site (http://www.acervodocafé.com) onde partilha a sua paixão pelo café e as atividades no âmbito do tema.

Para além do colecionismo, este emigrante na Suíça tem outros hobbies, como a rádio, sendo mentor do programa Baú do Colecionador, da RCE – Rádio Clube do Emigrante. Escreve, igualmente, artigos para a Gazeta Lusófona e para a página Bom Dia Europa (http://bomdia.eu).

Manuel Guedes é, ainda, membro da ACOBAR – Associação de Colecionismo de Barcelos; APCPV – Associação Portuguesa de Colecionadores de Papeis de Valor; do CFP – Clube Filatélico Português; e AICMV – Association Internationale des Collectionneurs de Moulins à Café [Associação Internacional de Colecionadores de Moinhos de Café]. Aliás, esta não é a primeira vez que Manuel Guedes mostra os seus itens de coleção. Já em 2015 marcou presença no XI Encontro Internacional de Colecionadores, organizado pela ACOBAR, no Estádio Cidade de Barcelos.

A este jornal, o colecionador salientou que o “Acervo do Café é um projeto de divulgação do património cultural português do café”. Sobre esta exposição, Guedes refere que está “muito grato a Barcelos e, sobretudo, à ACOBAR a abertura à ideia da exposição. Obrigado a todos!”

De regresso à Suíça, Manuel Guedes termina dizendo que regressa “com Barcelos no coração”, elogiando os barcelenses: “Boa gente!”, termina o colecionador “do café”.

Fotos e imagens: CMB/Manuel Guedes.

Exposição “Do Grão à Chávena” na Sala Gótica dos Paços do Concelho

Agosto 10, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura port barcelosnahorabarcelosnahora




Inaugura a 12 de agosto, pelas 19h30, decorrendo até às 16h00 de 17 de setembro, na Sala Gótica da Câmara Municipal de Barcelos, a exposição “Do Grão à Chávena”.

A exposição é constituída, exclusivamente, por uma parte da coleção do “Acervo do Café”, cedida para o efeito pelos seus proprietários, Manuel Guedes e Olga Carvalho. De salientar que Manuel Guedes, emigrante na Suíça, foi integrado pela Associação Industrial e Comercial do Café, que o considera um “embaixador do café português”. A exposição tem como finalidade dar a conhecer ao grande público o percurso do grão de café, torra, passando pela moagem e confeção através da escolha criteriosa de utensílios domésticos, todo um processo até chegar à chávena de cada consumidor.

Como complemento da exposição, serão expostos documentos relacionados com a compra e venda de café, torradores, moinhos, máquinas e cafeteiras representativas. A entrada será gratuita.

Fonte e imagem: AB.

Parque da Cidade recebe, a partir de sexta-feira, a 35ª Mostra de Artesanato e Cerâmica de Barcelos

Julho 25, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

De 28 de julho a 13 de agosto, Barcelos volta a ser a Capital do Artesanato e recebe, no Parque da Cidade, a 35ª edição da Mostra de Artesanato e Cerâmica do concelho. Serão mais de 125 artesãos, 80 dos quais de Barcelos, que estarão representados neste certame, que conta com cerca de 140 stands espalhados pelas várias áreas do recinto do Parque.

A maior mostra de criatividade em Portugal tem como objetivo promover o artesanato e os artesãos, sendo o grande evento anual na área do artesanato, afirmando Barcelos como Capital do Artesanato e trazendo à cidade muitos milhares de pessoas.

À semelhança dos anos anteriores, a edição deste ano da Mostra vai brindar o público com diversos espetáculos musicais, arruadas pelos grupos folclóricos e etnográficos, animação de rua e outras atividades que, ao longo da iniciativa, vão animar quem visita o concelho. Depois do sucesso o ano passado, os workshops, dedicados a vários temas, voltam a marcar presença uma vez que conquistaram um lugar de destaque nesta Mostra.




A edição de 2017 decorre numa altura em que a UNESCO está a analisar a candidatura de Barcelos à Rede de Cidades Criativas. Reconhecido como a Capital do Artesanato, o concelho vê agora alargadas as suas aspirações através da candidatura à Rede, no domínio do artesanato e arte popular.

Para o Presidente da Câmara de Barcelos, Miguel Costa Gomes, “é uma candidatura que se construiu em torno da tradição artesanal e da arte popular como um incontestável valor patrimonial, histórico e social”, acrescentado que as artes e ofícios tradicionais são o âmago do povo barcelense e a criatividade, o legado que os mais nobres artistas cultivam ao longo de séculos”. “Barcelos terá assim mais um motivo de orgulho quando, em outubro próximo, for reconhecida como Cidade Viva e Criativa, uma terra de mestres artesãos com reconhecimento no país e no mundo por ser terra de barristas”, remata o autarca.

Os grandes vultos da arte popular portuguesa são nativos deste território, como Rosa Ramalho, Ana Baraça, Mistério, Rosa Côta, Ana Berguesa, Mário Branco, Maria Sineta, entre outros. De igual modo, as produções artesanais mais dinâmicas e sustentáveis do território nacional encontram-se em Barcelos, bem como os seus mais conceituados artistas, como Júlia Ramalho, Irmãos Baraça, Irmãos Mistério, Conceição Sapateiro, Manuel Macedo, Rosa Portela, entre outros.

Tudo isto poderá ser encontrado na 35ª edição da Mostra de Artesanato e Cerâmica, um espaço que servirá também para experienciar e vivenciar as artes e os ofícios artesanais.

Até 13 de agosto o Parque da Cidade estará engalanado para receber milhares de visitantes, que procuram, não só, os clássicos Cristos dos Ramalhos, os Diabos dos Irmãos Mistério ou as Bonecas da Côta, mas também, as novidades das novas gerações de artesãos que deixam marca com grandes e inovadoras interpretações do Galo.

O Concerto ao Artesanato, este ano, acontece no dia 12 de agosto, durante o qual serão entregues os prémios Inovação, Carreira, Revelação Artesanato Contemporâneo e Revelação Artesanato Tradicional. A atuação é da Banda Musical de Oliveira e do Coro de Câmara de Barcelos.




Este certame, um dos mais antigos do país, conta com a presença dos mais importantes artesãos de cada setor do artesanato (figurado, olaria, cestaria e vime, ferro e derivados, madeira e bordados) e retrata toda a riqueza da arte e do trabalho tradicional.

Na animação diária, pode sempre contar com as arruadas dos grupos tradicionais do concelho, a música ao vivo na Praça da Alimentação, e muita música no palco principal. Este ano sobem ao palco Sons do Minho, 7Saias, Quinta do Bill, Banda Atlantis e Diana Martins, Folclore internacional, Vozes do Cávado, João Dias, Magistuna, AgáC, Adriana Moreira, Cantares do Cávado, Mamex, Amigos Leais de Lijó e muitos outros, que farão desta edição um verdadeiro sucesso.

Fonte e imagens: CMB.

Exposição “O Trajo e o Trajar” no Salão Nobre dos Paços do Concelho

Julho 20, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura port barcelosnahorabarcelosnahora

Inaugura amanhã, dia 21 de julho, pelas 21h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a exposição “O Trajo e o Trajar”, que estará patente até dia 3 de setembro.

Esta é uma exposição itinerante que rememora o percurso do traje e do trajar desde os finais do século XIX e início do século XX, numa ação de valorização deste património de excelência, intrínseca ao território minhoto e barcelense e às suas gentes.

Visa, também, chamar a atenção para o fabuloso trabalho que o mundo associativo, os grupos folclóricos e etnográficos têm desenvolvido em prol da preservação do património ligado ao canto, ao traje e trajar.




A exposição é uma ação conjunta com a Rusga de S. Vicente.

Fonte e imagem: CMB.

Barcelos com polo da 2ª Bienal Internacional de Arte de Gaia

Julho 19, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Entre 20 de julho e 30 de setembro, estará patente uma exposição que contará com obras de 30 artistas em áreas como a pintura, escultura, cerâmica, desenho e fotografia.

A exposição é parte integrante da 2ª Bienal Internacional de Arte de Gaia 2017, organizada pela Artistas de Gaia – Cooperativa Cultural e pela CM de Gaia, que desde 8 de julho tem inaugurado polos com exposições em terras como Porto, Gondomar, Seia, Viana do Castelo, Vila Nova de Cerveira, Monção, Figueira da Foz e, claro está, Barcelos. Ao todo, a Bienal exporá trabalhos de mais de 500 artistas.

De acordo com o Município de Barcelos, “esta Bienal tem como objetivo desafiar os seus artistas a explorarem temas humanistas e solidários como o desemprego, o preconceito associado à homossexualidade, os sem-abrigo, a guerra ou as desigualdades sociais”.




Fonte e imagem: CMB.

Exposição “O Mundo Fantástico do Galo de Barcelos” na Torre Medieval e Posto de Turismo

Julho 15, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura port barcelosnahorabarcelosnahora

Está patente, entre hoje (14 de julho) e 3 de setembro, mais uma edição da exposição “O Mundo Fantástico do Galo de Barcelos”.

De acordo com o Município de Barcelos esta é “uma ação que visa retratar a diversidade criativa deste ícone de excelência da identidade Nacional e Barcelense”.

É uma exposição que reúne peças de dezenas de criadores locais, de diversas produções artesanais, numa demonstração fabulosa da criatividade da comunidade artesanal.

Abrirá, hoje, ao público a partir das 17h00, podendo ser visitada durante o horário normal de funcionamento dos dois locais onde se encontra em exposição, encerrando pelas 17h55 de dia 3 de setembro.




Fonte e imagem: AB.

Exposição “O Caminho de Santiago. Uma visão desde o Oriente” inaugura amanhã na Sala Gótica do Município

Julho 13, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Inaugura amanhã, 14 de julho, pelas 21h00, a exposição fotográfica “O Caminho de Santiago. Uma visão desde o Oriente”, de Tomohiro Muda. Estará patente na Sala Gótica do Município de Barcelos, entre 14 de julho e 6 de agosto e está integrada no programa do 6º aniversário da Associação ACB – Albergue Cidade de Barcelos.

Esta é uma exposição organizada pelo Turismo de Galicia e S.A. de Xestión do Plan Xacobeo, com a colaboração da Associação ACB – Albergue Cidade de Barcelos e do Município barcelense.




Tomohiro Muda é um fotógrafo japonês que fez duas vezes o Caminho rumo a Santiago de Compostela, e oferece, através da fotografia, a sua própria visão sobre a Peregrinação. Muda declara-se como um amante do Românico, de Santiago de Compostela e da Peregrinação Jacobeia.

Nasce em 1956 em Nara (Japão). Em 1988 leva a cabo a sua primeira exposição “A Terra de Sherpa”, com fotografias em Sherpa, nos Himalaias. Posteriormente, viaja pelo mundo, obtendo fotografias que retratam a arte japonesa, românica e bizantina, bem como ruínas budistas e pinturas rupestres chinesas, em Borobudur, Angkor e Ajanta. A recolha fotográfica reuniu-se, sob o tema “Espaços de oração, formas de oração”, em diversas exposições de fotografia e publicações.

Esta visão do Caminho Francês por um artista japonês, denominada “O Caminho de Santiago. Uma visão desde o Oriente” foi inaugurada em Paris no ano de 2008. Posteriormente, passou por Wakayama (Japão), Tóquio (onde esteve exposta durante três meses no Museu Aida), Cidade do México e Santiago de Compostela.




No ano de 2010, o S.A. de Xestión do Plan Xacobeo, iniciou a itinerância por vários municípios da Galiza, expondo, desta forma, a sensação que a experiência da Peregrinação provocou neste fotógrafo japonês. Em 2011, por intermédio do Consulado de Espanha em Hamburgo, esteve exposta em várias cidades da Alemanha, como Lübeck, Hamburgo, Hannover, Buxtehude e Kiel, conquistando um grande sucesso entre os visitantes. Terminou a sua itinerância na Alemanha em 2012, em Regensburg.

A exposição estreia-se, em Portugal, na cidade de Barcelos, em território com profunda identidade jacobeia, reflexo da Lenda do Galo, passagem obrigatória do Caminho Português rumo a Santiago de Compostela.

Fonte e imagem: AB.

Exposição “As Palavras em Liberdade: Coleção E.M. de Melo e Castro” na Biblioteca Municipal

Julho 7, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Inaugura hoje, 7 de julho, pelas 18h00, na Biblioteca Municipal de Barcelos, a exposição “As Palavras em Liberdade: Coleção E.M. de Melo e Castro”.

Esta exposição, da Fundação de Serralves, estará patente até dia 23 de setembro.

A Fundação de Serralves – Museu de Arte Contemporânea adquiriu, em 2003, a Coleção de E.M. de Melo e Castro que é suficientemente extensa e exaustiva para, a partir dela, se conseguire analisar as várias experiências anti-literárias que vieram, a partir da década de 1950, alterar radicalmente a nossa relação com a palavra, dita e escrita.

A exposição apresenta livros, revistas, folhetos, cartazes e poemas-objeto da Coleção de Serralves que testemunham a preocupação com a dimensão visual da escrita, mas que também apontam para caminhos seguidos pela poesia experimental que ultrapassam a palavra escrita.




Fonte e imagem: AB e FS.

Museu da Olaria com atividades individuais e de grupo para as férias de verão

Junho 19, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação port barcelosnahorabarcelosnahora

O Museu da Olaria tem um rol de várias atividades para as férias de verão, destinadas, não só, a crianças (individualmente), como para grupos.

Para as inscrições, ou para mais informações, o Museu da Olaria coloca ao dispor os e-mails museuolaria@cm-barcelos.pt e servicoeducativo@cm-barcelos.pt, o tlf. nº 253 82 47 41. Ou podem deslocar-se ao próprio Museu.

As atividades decorrerão de 04 a 28 de julho, de terça a sexta-feira, entre as 10h00 e as 12h00 (individuais) e entre as 14h30 e as 17h00 (grupos). O programa individual destina-se a crianças entre os 6 e os 12 anos. O dos grupos, destina-se a crianças entre os 3 e os 14 anos. As inscrições já estão abertas.

As manhãs serão ocupadas por uma série de ateliês, com Peddy Paper, modelagem de barro, decoração de azulejos, “A Lenda do Galo de Barcelos”, “Viagem à Vela dos Oleiros”, pintura de pratos, pintura em aguarela de figuras e construção de caixas para conchas. O programa pode ser descarregado através do link http://www.museuolaria.pt/?ai1ec_event=ferias-de-verao-no-museu-de-olaria-2017.




Já os grupos terão as atividades “Diabos, diabinhos e diabretes”, “Figuras das Festas”, “A Lenda do Galo de Barcelos”, “Os Meninos Gordos – Os Heróis da Nossa História” e “As Cozinhas de Antigamente”. Estas atividades passam por visitas à exposição “Geração Côta”, modelagem de barro, pintura e desenho em azulejos.

Fonte e imagem

Exposição “Um Olhar sobre as Emoções” na Biblioteca Municipal

Junho 18, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação port barcelosnahorabarcelosnahora

Inaugura, no próximo dia 19 de junho, pelas 21h00, na Biblioteca Municipal de Barcelos, a exposição “Um Olhar sobre as Emoções”, organizada pelo Colégio La Salle (Barcelos) e a Casa Menino Deus, com o apoio do Município de Barcelos e dos Móveis Maia.

Em exposição estarão trabalhos interdisciplinares realizados por alunos.

Fonte e imagem: Facebook do CLSB.

Ir Para Cima