Tag archive

Futebol

Santa Maria a subir na tabela classificativa

Novembro 18, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Na jornada dos distritais que se disputou no passado fim de semana, nota de destaque para nova vitória do Santa Maria. De igual modo, destaque para a única vitória barcelense na Série A da Divisão de Honra, sendo que essa vitória foi alcançada frente a outra equipa de Barcelos.



Começando pelo Pro-Nacional, o Santa Maria (10º) subiu ao top-10 da tabela classificativa, derrotando, em casa, o Joane (8º), por 1-0. Segue a visita ao Santa Eulália (9º).

Na Série A da Divisão de Honra, a única vitória barcelense coube ao Pousa (2º), que aproveitou para subir à vice-liderança. A sua “vítima” foi o MARCA (15º), vencendo por 3-1. Segue-se a visita ao Esposende (6º). Para os homens de Vila Cova há nova deslocação, a casa do FC Roriz (14º).

Os rorizenses também perderam, na visita ao Vila Chã (3º), por 3-0.

O Martim caiu para 4º ao sair derrotado de Marinhas (7º), por 1-0. De seguida, recebe o Terras de Bouro (16º).

Por fim, o Águias de Alvelos (12º) perdeu em casa do Sequeirense (10º) por 3-2. Na próxima jornada recebe o Caldelas (8º).

Na Série B, o Viatodos (6º) travou o líder, e vizinho, Ninense, conseguindo um empate caseiro a 0. De seguida, visita o Fradelos (13º).

Na 1ª Divisão, Série A, o Carreira (2º) conseguiu uma vitória forasteira robusta, em casa do Peões (15º), por 0-3. Se seguida, recebe o Soarense.

Soarense (7º) que recebeu o Granja (4º) e saiu derrotado por 1-3. Para os barcelenses segue-se a receção ao “Os Ceramistas” (10º), que nesta jornada recebeu, igualmente em dérbi, o UD S. Veríssimo (6º), tendo empatado a 1. Os homens de Tamel São Veríssimo descansam na próxima semana.

Quem descansou nesta jornada foram o Ucha (5º), por calendário, e o Martim B (13º), que viu o seu jogo frente à Associação Lank ser anulado. Na jornada seguinte, os homens da Ucha recebem o Bairro da Misericórdia (8º). Já os de Martim, deslocam-se ao Sete Fontes (12º).

Fotos: SMFC/AFCM/FCR/GFCP.

Equipas da frente vencem os seus jogos

Novembro 15, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Luís Gonçalves

Olá, caros leitores.

Mais um fim de semana de futebol popular!

Nada de novo: das quatro equipas da frente todas elas venceram e lutam, cada vez mais, pelo tão almejado título.



A única – se é que se pode dizer – surpresa foi a vitória do Perelhal frente ao Oliveira, por 1-0. Os homens de Perelhal não perderam nenhum jogo em casa, têm 2 vitórias e 2 empates; o Oliveira sofreu a primeira derrota forasteira.

Na liderança, com 21 pontos, continua o Leões, que receberam, e venceram, o Fragoso por 2-1. Continuam, assim, na sua senda de vitórias: 7 jogos, 7 vitórias! Quem os fará perder os primeiros pontos?

A partilhar o segundo lugar estão duas equipas: Leocadenses e Carapeços. Os primeiros receberam, e venceram, o Paradela por 3-0. Os segundos, depois de terem ficado sem treinador, foram a Aborim golear os locais, por 1-4.

O Remelhe (4º lugar) recebeu, e venceu, o Milhazes por 6-0.

O Negreiros, que na semana transata foi a Carvalhal ser eliminado da Taça, nesta semana voltou a Carvalhal e “deu o troco”, vencendo por 2-3.

No jogo “das árvores de fruta”, Pereira-Macieira, os homens das “maçãs” levaram a melhor e venceram por 0-1. Quero destacar o Pereira, pela positiva e pela negativa. Começo pela positiva: têm apenas 4 golos sofridos e são a 2ª melhor defesa deste campeonato. Pela negativa: são o pior ataque com apenas 4 golos marcados.

Na próxima jornada, destaco o Fonte Coberta-Leões da Serra.

Na 2ª divisão, o São Martinho continua a cimentar a liderança. Nesta jornada, foi a Balugães vencer por 0-2. O Baluganense tem feito um campeonato dececionante! Em fim de semana de São Martinho, os pupilos de Miguel Pereira voltaram a sorrir depois de, na semana transata, terem perdido para a Taça, frente ao Feitos.

Logo a seguir está o Cossourado, com o melhor ataque da 2ª divisão. Deslocou-se a Silveiros e “aplicou chapa 5”.

O Feitos foi a Creixomil vencer por 2-3.

Já o Campo deslocou-se ao Santa Eugénia e venceu por 2-3. Foi a primeira derrota do Santa Eugénia em casa e a segunda vitória forasteira do Campo.

O Carvalhas, em 8º, recebeu o São Mamede (12º), tendo levado de vencida os visitantes, por 2-0.

Esta semana temos a preciosa ajuda de Márcio Fernandes e das suas fotos! Projeto conjunto a continuar! Sê bem-vindo, caro Márcio!

Estamos na 7ª jornada, é certo, mas as equipas começam a perfilar-se para chegarem, cada vez mais, ao topo, a fim de lhes garantir a subida ao escalão maior.

Na próxima jornada, destaco o Creixomil-São Martinho, Feitos-Santa Eugénia, Campo-Carvalhas e o Cossourado-Silva.

Por esta semana é tudo! Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves*.

Fotos: Márcio Fernandes.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Jornalista barcelense com projeto nomeado para o II Prémio Nacional de Jornalismo de Inovação

Novembro 12, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Desporto, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Daniel Monteiro é coautor de trabalho que analisa o VAR no futebol

O projeto “Os Novos Olhos do Futebol” está nomeado para o II Prémio Nacional de Jornalismo de Inovação 2019. Este trabalho foi realizado por Daniel Monteiro (Barcelos), João Coelho (Santo Tirso) e Daniel Costa (VN Gaia).



O projeto foi realizado como trabalho final de curso na área de Jornalismo e Informação de Ciências da Comunicação da Universidade do Minho e publicado em abril de 2018. A nomeação acontece na categoria Académico da Menção Honrosa do Prémio Nacional criado pelo segundo ano consecutivo pela Agência Nacional de Inovação.

O trabalho foi desenvolvido durante três meses, consistindo numa reportagem multimédia com texto, fotografia, vídeo e infográficos, sobre a implementação do sistema do Vídeo-Árbitro no futebol português.

Um artigo inédito “visto termos sido os primeiros elementos ligados à comunicação social ou fora dos membros oficiais da Federação Portuguesa de Futebol a ter acesso à sala onde está instalada a ferramenta, na Cidade do Futebol, em Oeiras”, afirmou o jovem de 22 anos.

“Para além do acesso à sala oficial, contámos com a ajuda de vários relatórios nacionais e internacionais, para além das várias entidades ligadas à tecnologia em Portugal. A nomeação vem no seguimento de uma gratidão imensa de realização deste trabalho, em que contribuímos para acrescentar mais uma informação sobre uma nova ferramenta em Portugal, na altura” acrescentou.

A gala de atribuição dos prémios vai decorrer no dia 2 de dezembro no Porto, tendo a votação do público o prazo final de 22 de novembro.

Daniel Monteiro, jornalista de 22 anos, tirou a licenciatura de Ciências da Comunicação na Universidade do Minho, estando, neste momento, no Mestrado de Jornalismo e Informação. Natural de Remelhe, Barcelos, o jovem é, atualmente, jornalista da Rádio Cávado de Barcelos.

Para saber mais sobre este projeto, aceda a:

https://ppj1718uminho.atavist.com/osnovosolhosdofutebol

Se pretender votar neste projeto, aceda ao link que se segue:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdMaYgnq6VK3ywqXJGyVG_9H2sMzCJDRMDNgWuvySZatJNhww/viewform?fbclid=IwAR3TUEdqxV23R2SUu_OKa-IJqmXs44IaGuMCJSRYnQodik_xQO4WNcsk3vw

Imagens: DR.

Gil Vicente “engata” segunda vitória consecutiva

Novembro 9, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Gilistas vencem em casa do “lanterna vermelha”

Em jogo antecipado da 11ª jornada, o Gil Vicente FC deslocou-se à Vila das Aves para defrontar o Desportivo local, último classificado da Liga NOS.



Com a equipa de arbitragem liderada por Rui Costa (AF Porto), coadjuvados por Tiago Costa e João Bessa Silva, com Fábio Melo como 4º árbitro, o jogo contou com os seguintes alinhamentos de equipas:

CD Aves – Raphael Aflalo, Afonso Figueiredo, Mehremic, Cláudio Falcão, Milos, Yamga (Enzo Zidane, 78’), Estrela, Luiz Fernando, Rúben Oliveira, Mohammadi (Rúben Macedo, 60’) e Welinton Júnior (Ricardo Rodrigues, 81’). No banco ficaram Beunardeau, Dzwigala, Bruninho e Peu.

Gil Vicente FC – Denis, Fernando Fonseca, Ygor Nogueira, Rúben Fernandes, Henrique Gomes, João Afonso (Soares, 75’), Claude Gonçalves, Naidji (Kraev, 61’), Baraye, Arthur Henrique (Lourency, 61’) e Sandro Lima. No banco ficaram Bruno, Alex Pinto, Erick e Leonardo.

O jogo ficou decidido nos últimos 10 minutos da primeira parte. O senegalês Baraye bisou, aos 35’ e aos 43’, sendo que o francês Yamga reduziu aos 45’+1’, fechando essa parte do jogo em 1-2 para os gilistas.

Na segunda parte, o Gil Vicente FC foi gerindo o resultado, com os homens da casa a lutarem para, pelo menos, conseguirem alcançar o empate. Esforço que se revelou infrutífero. No final, os avenses tinham mais remates (8-6), mais posse de bola (64%-36%), mais cantos (7-4); enquanto os gilistas terminaram com mais faltas cometidas (26-19) e mais amarelos (3-2). O MVP do jogo foi o avançado gilista Baraye.

Seguem-se mais dois fins de semana sem Liga NOS, com compromissos das seleções e Taça de Portugal. A Liga NOS volta, para os gilistas, no feriado de 01 de dezembro, com o Gil Vicente a receber o Sporting.

Estou muito desiludido com o meu FCP

Novembro 8, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Vítor Sá Pereira

Olá a todos os leitores do BnH! 

Confesso que não tenho muitas palavras para a crónica desta semana. 



O nosso Porto, simplesmente, “não joga nada”!

No domingo, frente ao último classificado, a exibição foi miserável.  Que “equipinha” fraca! Falo do Porto, logicamente!… Pareciam que estavam a fazer um frete e à espera das férias de Natal. Assim sendo, começo a não ter argumentos para defender o meu clube e o nosso treinador. Na outra semana, ironizei com a expressão “‘tou-me a cagar”, mas, logicamente, que aquilo não faz sentido nenhum e é um péssimo exemplo do saber estar no futebol e no FCP. 

Como se não bastasse, na Liga Europa perdemos contra os “power rangers“!

Como é possível no ano passado termos ficado entre os 8 primeiros da Europa e, atualmente, somos o último classificado do nosso grupo na Liga Europa? Vergonhoso!

O mês de janeiro vai, certamente, dizer-nos como será o futuro próximo do Porto.  Já não sei se SC é um problema ou ainda é solução.  Estou inclinado para a primeira opção. 

Realmente, o futebol português não tem expressão na Europa! Perdemos contra um clube da Escócia e o 10º classificado da França!  Salvaram-se os resultados e exibições de VSC e SCB.

Onde isto vai parar?

Obrigado “Gilinho” por me dares a única alegria do último fim de semana. 

Sim, estou muito desiludido com o meu FCP.

Acorde, Sr. Presidente! 

Abraço a todos!

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Menos ego, mais Sporting

Novembro 8, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Ricardo Moreira

Bem-haja, caros leitores do BnH!

Faltou-nos a “estrelinha da sorte” e lá terminou a invencibilidade de Silas (quinto treinador da era Varandas), que ainda não tinha perdido para jogos do campeonato, no comando técnico do nosso Sporting Clube de Portugal. Tondela 1 – 0 Sporting Clube de Portugal.



Golo da equipa beirã a ser marcado aos 88′, em lance de bola parada. A nossa primeira derrota fora de casa nesta Liga 2019/2020. Precisamente, a primeira vitória da equipa beirã em sua casa, neste campeonato!

Se o resultado foi péssimo, a exibição não foi melhor. Mais uma vez, os nossos jogadores arrastaram-se em campo (mais propriamente durante toda a primeira parte) sem intensidade, com extrema lentidão e movimentos mais que previsíveis. Perdi a conta à quantidade de vezes em que os centrais (Ilori e Coates) trocaram a bola entre si, sem arriscarem um centímetro de organização ofensiva. Bom mesmo, só se for para as estatísticas!!!

Eu tinha falado, na semana passada, que precisávamos de um “ano zero”! Este podia muito bem ter sido esse tal “ano zero”! Pois no que ao Futebol diz respeito, não vamos ganhar nenhuma competição este ano! Podia, muito bem, ter sido um ano aproveitado de outra forma, mas está a ser, na minha opinião, um ano, única e exclusivamente “jogado fora”! A péssima planificação da época está bem patente neste ano, que está a ser completamente desperdiçado! Consequências do passado-recente, também é um facto real!

Até na antevisão da jornada, por parte do nosso treinador Silas, se verificou que andámos à deriva! Nesta época, em que tão mal jogamos e tanta dificuldade temos para ganhar jogos (mesmo com sucessivos treinadores, o que só demonstra que o plantel não dá para mais), dizer, na antevisão da jornada, que se ganhássemos os jogos todos até final da época, seriamos campeões, só demonstra que, de uma vez por todas, não metemos na cabeça que, primeiro, precisamos muito melhorar, estabilizar, solidificar, crescer e depois, sim, pensarmos em sermos Campeões.

Mas não, continuamos a querer tudo para ontem e dá nisto! Se vencêssemos os jogos todos até final da época (seria surreal para uma equipa que joga tão pouco)…e a realidade é que de seguida perdemos logo em Tondela!!!

Apesar de tudo, espero que o nosso bom desempenho Europeu eleve os índices anímicos e motivacionais dos nossos jogadores. Ontem, obtivemos o terceiro triunfo consecutivo na Liga Europa. Desta feita, vencemos em Rosenborg, por 2-0.  Pelo menos, que contribua para uma reaproximação entre a equipa e os adeptos, que nesta altura, bem precisamos!

Desporto é Vida! Viva o Desporto com Respeito e Fair-Play!

Por: Ricardo Moreira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

A montra da Champions…

Novembro 8, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Hugo Pinto

Começo, habitualmente, as minhas crónicas com um “Esta semana…”, copiando Carlos Vaz Marques, moderador do programa “Governo Sombra”, tentando, como ele, criar uma subtil imagem de marca. Acontece, desta vez, inspirar-me num outro grande vulto da análise desportiva “alternativa” dos anos 80, o grande, o inigualável, José Esteves:

“Lá diz o povão, não há montra como a da Liga do Champião!”



Acontece, porém, que a “montra” benfiquista de um passado próximo parece algo entre um aviário e uma loja de produtos asiáticos. Efetivamente Luís F. Vieira parece muito mais preocupado com o Benfica-empresa do que com o projeto desportivo do clube. Há uma ânsia incompreensível de vender jogadores, mesmo que isso custe resultados desportivos. Francamente, não se percebe. Ou percebe, se formos acreditar naquelas teorias que por aí circulam e que alegam eventuais comissões ou “luvas” para os intervenientes nos processos de venda de jogadores. Porém, mesmo acreditando que o único objetivo seja o de beneficiar o clube, pergunto se a ambição financeira tornou esta gente tão cega, que ache por bem colocar jovens talentos a disputar a Liga dos Campeões, ainda sem “estaleca” para as competições internacionais de alto nível e, pior, correndo o risco de “queimar” o currículo a estes jovens, de cada vez que formos cilindrados por um Lyon ou por um Leipzig.

Há que repensar toda esta estratégia. Há que repensar, se for o caso, a mudança de “ventos” diretivos. Sendo que corremos sempre o risco de saltar “da frigideira para o fogo”.

Internamente, a coisa lá vai correndo. Com mais ou menos golos, vamos assegurando serviços mínimos, mas muito longe do futebol de encantar da época passada. Bruno Lage merece melhores objetivos. Os jogadores merecem melhor consideração. Mas, SOBRETUDO os adeptos, merecem muito, mas muito, mais respeito.

Viva o Benfica.

E pluribus unum.

Por: Hugo Pinto*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

A vitória regressou após 9 jogos!

Novembro 7, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Lucy Santos

Olá a todos os leitores BnH!

Após o jogo com o Famalicão, Vítor Oliveira manifestou o desagrado com a equipa de arbitragem e referiu à comunicação social que iria reunir com a direção a sua continuidade no Gil Vicente.



O jogo que se seguia era com o Marítimo e em casa. O fator casa é sempre um bom argumento para tentar pontuar, apesar de o adversário não se adivinhar fácil.

A saída do Mister foi uma questão posta de lado. A sua continuidade até ao fim do contrato é uma realidade e, na minha opinião, uma mais-valia para o clube. Sem questionar, Vítor Oliveira é o reforço de peso do Gil Vicente.

Dia de jogo. As duas equipas entraram bem na partida, mas sem grandes ocasiões de risco. O Gil Vicente foi crescendo no jogo e acabou por assumir o controlo, encostando o Marítimo atrás.

A segunda parte foi uma cópia da primeira, com a equipa da casa sempre a comandar o jogo, com a equipa adversária a não conseguir chegar à nossa baliza. Isso aconteceu, muito esporadicamente. As substituições do Gil Vicente fizeram-se sentir, quando Naidji foi posto ao lado de Sandro Lima.

Henrique Gomes sacou grande penalidade. Sandro Lima apontou e levantou o estádio, saudoso de uma vitória. Se até então, sempre estivemos por cima do jogo, depois de estarmos a vencer, ganhámos ainda mais confiança e Sandro Lima marcou o segundo para o Gil Vicente.

As vitórias regressavam após 9 jogos sem ganhar! Os adeptos faziam a festa e o estádio ganhou novas cores com a tão esperada vitória.

Os jogos seguintes são: na próxima sexta, com o Aves, às 20:30, no Estádio do Desportivo das Aves. Depois, os jogos param e recomeçam com o Braga, para a Taça de Portugal, no dia 23/11, às 18:30, no Estádio Municipal de Braga. Para o campeonato, segue-se o jogo com o Sporting, dia 1/12, às 20h, e, novamente, com o Sporting, dia 04/12, às 20:45, mas desta vez para a Taça da Liga.

Quero agradecer a todos os Barcelenses que têm ido ao estádio e o têm preenchido com as cores do nosso clube, com as camisolas e com os cachecóis. Continuem, porque o Gil Vicente somos nós!

Até Sexta 🔴🔵

Por: Lucy Santos*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade da autora)

Quem segue em frente na Taça Cidade de Barcelos

Novembro 7, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
Luís Gonçalves

Olá, caros leitores.

O nosso futebol popular de Barcelos foi jogado, neste fim de semana, mas no âmbito da Taça Cidade de Barcelos.



Destaco o jogo Feitos-São Martinho, em que os da casa venceram por 2-0. Estas duas formações já haviam jogado para o campeonato, em que os homens comandados por Miguel Pereira, do São Martinho, tinham ganho por 0-4. O Feitos decidiu dar o “troco” esta semana.

Outro jogo que merece destaque é o Leões da Serra 1 – Carapeços 0. Num jogo de “mata-mata” e, certamente, muito aguerrido para as duas equipas, pois é o segundo troféu mais importante, a seguir ao campeonato. Os homens comandados por Miguel Campos levaram a melhor e venceram, por 1-0, os, até então, comandados por Miguel Sá Pereira. Sim, até então, pois o técnico, em acordo com a Direção, pediu a sua saída. Miguel Sá Pereira, um técnico que nos habituou a ganhar troféus, nestes 2 anos à frente do Carapeços, em que venceu o campeonato e uma supertaça. Deixa a equipa do Carapeços a 2 pontos do líder Leões da Serra.

Votos de um rápido regresso ao futebol popular de Barcelos, pois o futebol popular também precisa de si.

As equipas que seguem para a segunda eliminatória da Taça Cidade de Barcelos são: Baluganense – que mudou de técnico e já começa a faturar –, Aborim, Perelhal, Palme, Macieira, Leocadenses, Carvalhal, Águas Santas, Fonte Coberta, Remelhe, Pereira, Chorente, Lijó e Oliveira.

Votos de uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Santa Maria engata a segunda vitória consecutiva

Novembro 4, 2019 em Atualidade, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Surpresas em Martim e Carreira

Em mais uma jornada dos campeonatos distritais de Braga, foram várias as equipas barcelenses em ação, com algumas surpresas pelo meio.



No Pro-Nacional, uma das surpresas aconteceu no terreno do Taipas, então 2º classificado. O Santa Maria (14º), bem abaixo na tabela, conseguiu a proeza de vencer o jogo, por 2-3. Segue-se nova deslocação, no caso, ao Arões, que tem apenas mais 1 ponto do que a equipa de Galegos Santa Maria.

Na Série A da Divisão de Honra, o destaque negativo vai para a derrota caseira do Martim (2º), frente ao Vila Chã (5º), por 1-2. Tendo sido um jogo polémico, o treinador reuniu com a Direção do clube, que emitiu um comunicado onde se solidariza com o técnico, salientando que irá refletir “sobre o que realmente se passa a nível desportivo e externo ao clube”. Na próxima jornada, os barcelenses jogam com novo adversário de Esposende, no caso, o Marinhas, em casa deste.

O Vila Chã também defrontará novo adversário barcelense, em casa. Será o FC Roriz (14º), que nesta jornada recebeu, em dérbi, o Pousa (3º) e saiu derrotado por 0-1.

O Pousa continuará na senda de dérbis, recebendo o MARCA (15º), que este fim de semana foi derrotado, em casa, pelo Caldelas (8º), por 0-4. Esta derrota pesada levou à saída do treinador Tó Mané, a quem a direção do clube agradeceu, relembrando que foi com ele que a equipa conseguiu se manter na Divisão de Honra, desejando sorte e felicidades para o treinador.

Finalmente, em relação a esta Série, o duelo de “Águias” (Alvelos e da Graça) terminou com o marcador conforme iniciou, ou seja, empatado a 0. O Águias de Alvelos (11º) visita o Sequeirense (12º) na próxima jornada.

Na Série B, o Viatodos (5º) continua sem ganhar. Desta feita, foi empatar a 2 golos ao terreno do Polvoreira (6º). Na próxima jornada recebe o vizinho – e líder – Ninense.

A Série A da 1ª Divisão trouxe, igualmente, algumas surpresas. Uma delas aconteceu em Carreira (4º), com os locais, então líderes, a serem derrotados em casa pelo Tadim (2º), por 0-2, resultado que permitiu aos forasteiros, e não só, ultrapassarem o Carreira na classificação. Na jornada que se segue, deslocam-se ao terreno do Peões.

Peões (15º) que visitou a barcelense Granja (7º) e saiu derrotado, por 3-0. A equipa barcelense visita o Soarense (6º) a seguir.

Esta última equipa também defrontou uma equipa barcelense, no caso, a UD São Veríssimo (5º), tendo o jogo terminado empatado a 2 golos. Para os de Tamel São Veríssimo segue-se o dérbi com o “Os Ceramistas” (11º), que esta semana descansou.

O SC Ucha (3º) foi empatar a 1 bola ao terreno do Arsenal da Devesa (12º). Os homens da Ucha descansam na próxima jornada.

Quem terá um “descanso forçado” será o Martim B (9º), pois o jogo que iria ter, frente à Associação LANK foi anulado, como já é prática. Mas esta semana jogou, em casa do Realense (8º), tendo sido derrotado por 3-2.

Entretanto, à exceção do Pro-Nacional, as equipas dos campeonatos distritais irão estar envolvidas na 2ª eliminatória da Taça distrital no próximo fim de semana.

De relembrar que Granja e “Os Ceramistas” já ficaram pelo caminho na 1ª eliminatória. Agora, na 2ª, com equipas de Barcelos, teremos: UD São Veríssimo – Terras de Bouro, Arsenal da Devesa – Águias de Alvelos, Polvoreira – MARCA, Serzedelo S. Pedro – FC Roriz, Ucha – Fradelos, Martim – Operário Campelos e Operário Famalicão – Carreira.

Fotos: AFCM/FCR.

1 2 3 59
Ir Para Cima