Tag archive

Guimarães - page 4

Amigos da Montanha conquistam quatro pódios no Meeting Jovem de Guimarães

Maio 8, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

A equipa de atletismo jovem dos Amigos da Montanha/E.Leclerc de Barcelos participou, no dia 6 de maio no 1º Meeting Jovem Cidade de Guimarães, conquistando quatro pódios individuais e a 7.ª posição na classificação geral por equipas.

O destaque vai para Pedro Sá, que subiu ao pódio duas vezes. O atleta iniciado venceu no salto em comprimento e conquistou a terceira posição no lançamento de peso.

AmigosdaMontanha_PedroSa_MeetingGuimares
Pedro Sá (1º)

A juvenil Mónica Costa, que conquistou a prata nos 3.000 metros, também esteve em evidência, assim como Carolina Rodrigues, que amealhou o bronze no lançamento do peso no escalão de Infantis.

 

 

 

AmigosdaMontanha_Carolina_Rodrigues_Meeting_Guimaraes
Carolina Rodrigues (3ª)

A competição realizou-se na pista de atletismo Gémeos Castro e contou com a presença de três dezenas de equipas.

amigos-montanha-logo

A equipa dos Amigos da Montanha/E.Leclerc de Barcelos alcançou a 7ª posição geral, ainda que se tenha apresentado em competição desfalcada de alguns atletas de valor.

Fonte e fotos: Amigos da Montanha.



Alunos de Design de Calçado do IPCA expõem no Guimarães Shopping

Março 10, 2017 em Atualidade, Concelho, Educação port barcelosnahorabarcelosnahora

ipca(horizontal)

Estudantes do 1º e 2º anos do Curso Técnico Superior Profissional em Design de Calçado do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), conhecido como Footwear Design Course, vão ter expostas as suas principais criações para a coleção primavera/verão 2017 na terceira montra do curso, que estará patente na loja n.º 243 do Guimarães Shopping, de 10 a 31 de março.

Com uma montra audaciosa, estarão expostos cerca de 15 modelos de sapatos para homem e mulher, designadamente sneakers, alpercatas, sandálias, Mary Janes e pumps. Embora haja uma grande variedade de modelos, a coleção tem um denominador comum: o uso de materiais alternativos à pele.

Um desafio que obrigou os alunos a um trabalho de pesquisa e de procura muito para além da sua componente teórica. A necessidade de realizar protótipos levou a que a escolha de materiais menos usuais na indústria do calçado, ou até mesmo materiais alternativos, fosse uma tarefa de identificação do material e da sua disponibilidade física e comercial. Isto para que os alunos conseguissem aplicar esses materiais na construção dos seus modelos reais.

O que oferece de novo?

Propostas de design conscientes da importância da sustentabilidade e rejeição da banalidade, com o desafio de reduzir a utilização da pele natural e apostar na criatividade e originalidade. Uma esperança no futuro, onde os materiais devem ser uma ferramenta de preservação e não de destruição da Natureza. Uma alternativa, diferenciada e apelativa de pensar o design de calçado, fruto de uma geração cada vez mais consciente. Um desejo de redução do impacto e vulnerabilidade do Homem, rumo à criação e consumo responsáveis. Celebração do design consciente e de uma sociedade mais sustentável. Porque a sustentabilidade é um estilo de vida, um compromisso de proteção de tudo aquilo que se ama e acredita.

Disponibilidade

A montra estará patente de 10 a 31 de março, na loja n.º 243 do Guimarães Shopping, situado na Alameda Dr. Mariano Felgueiras, em Guimarães, e pode ser visitada todos os dias da semana, entre as 10h00 e as 23h00.

Sobre o Footwear Design Course

Criado em 2015, o Footwear Design Course tem como missão formar designers de calçado para a indústria mais sexy da Europa.

footwear-logo

Situado no polo de Guimarães do IPCA, este curso, com a duração de 4 semestres, é o primeiro e único curso superior português nesta área, e caracteriza-se por ter uma componente de formação essencialmente prática focada no mercado da moda. O curso é constituído por uma equipa de professores altamente motivada e obcecada por design, makers apaixonados com experiência real em empresas e marcas nacionais. Empreendedores, marketers, criativos curiosos, pessoas que adoram trabalhar em equipa a idealizar e construir todo o tipo de calçado. Adoram moda, design, inovação e claro adoram sapatos.

Logo_01

O 4.º, e último, semestre reforça as competências dos estudantes com um estágio integrado nas principais marcas e empresas portuguesas de calçado, entre as quais se destacam a Eureka Shoes, Josefinas, Friendly Fire, Portugal Footwear, Lavoro, Ambitious, Green Boots, Codenoir, entre outras.

Saiba mais sobre o Footwear Design Course em:

https://facebook.com/footweardesigncourse

https://instagram.com/footweardesigncourse

https://esd.ipca.pt/curso/design-de-calcado

 

Fonte e imagens: IPCA.

IPCA apresenta nova Escola-Hotel em Guimarães

Março 7, 2017 em Atualidade, Concelho, Educação port barcelosnahorabarcelosnahora

O Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) vai ter em Guimarães uma Escola Superior de Hotelaria e Turismo, existindo nesta altura três espaços possíveis para acolher um projeto inspirado nos melhores modelos internacionais e assente no conceito “aprender fazendo” (learning by doing), onde todas as unidades curriculares terão uma forte componente prática em contexto real de trabalho.

Aprovado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, o projeto da nova escola do IPCA foi apresentado em conferência de imprensa, que contou com as presenças de João Carvalho (ex-presidente do IPCA), Agostinho Silva (presidente interino do IPCA), Domingos Bragança (presidente da Câmara Municipal de Guimarães) e Filipe Fontes (diretor do Departamento de Urbanismo e de Promoção do Desenvolvimento da autarquia).

O modelo de aprendizagem será centrado no estudante e baseado na aquisição de conhecimentos e competências. O conceito de Escola-Hotel da Escola Superior de Hotelaria e Turismo leva a uma formação fundamentalmente prática nas áreas da gestão turística, hotelaria, gastronomia e tecnologia alimentar, permitindo aumentar a oferta formativa do IPCA no concelho de Guimarães, reunindo cerca de meio milhar de alunos, provavelmente já a partir de 2018.

A localização da escola ficará definida muito em breve. A Quinta do Costeado, na Cruz de Pedra, a Quinta da Cantonha, na Costa, e as antigas instalações da empresa “Trimco – Equipamentos Frigoríficos, Lda”, em Couros, são as possibilidades que estão em estudo.

A Escola pretende ser, também, um laboratório de investigação aplicada, onde estudantes e docentes possam procurar respostas para desafios concretos colocados pelas empresas do setor hoteleiro, do setor alimentar, da restauração, agentes de promoção turística, entre outros, criando-se uma relação com a comunidade que será determinante para o seu sucesso.

Valências (também) para a sociedade civil

Em Guimarães, a Escola Superior de Hotelaria e Turismo do IPCA terá um “Boutique Hotel”, unidade hoteleira com cerca de 10 quartos com características de hotel de charme, a ser incluído na rede dos Solares de Portugal e na rede Pousadas de Portugal. No seu interior, haverá um restaurante de serviço à la carte, com uma sala de serviço com cerca de 40 lugares sentados, em que a gestão do serviço de sala e do serviço de cozinha é efetuada pelos estudantes dos diferentes cursos, sob a supervisão dos docentes.

O Laboratório de Restauração, onde serão feitos estudos de mercado com potenciais consumidores, inovação e desenvolvimento de novas práticas gastronómicas e artes culinárias, bem como a criação de um Bar Pedagógico, que permitirá aos alunos experimentar e praticar o serviço de bar e de cafetaria em contexto de hotelaria, são alguns dos exemplos dos espaços pedagógicos da nova Escola, que terá também uma cozinha de catering e cafetaria de hotelaria com serviço tipo free-flow (fluxo livre de clientes).

Esta cozinha será constituída por todos os espaços habituais numa cozinha profissional: armazéns, salas de preparação, blocos de confeção de catering, zona de grill, copas de utensílios e de louça, zona de gestão de resíduos e zona de pizzas e massas. Destacam-se nestas instalações as salas de panificação, pastelaria e produção de gelados artesanais. Na Escola, haverá ainda um laboratório de aplicação gastronómica e tecnologia alimentar, prova de vinhos e de análise sensorial e um laboratório de microbiologia alimentar, ferramentas importantes para estudos de segurança alimentar, melhoria de especialidades gastronómicas tradicionais e realização de testes de rotina a outros produtos alimentares.

Fonte: IPCA.

Ir Para Cima