Tag archive

Igreja da Misericórdia

Núcleo Escutista de Barcelos celebra 95º aniversário

Janeiro 23, 2020 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Celebra-se, no próximo sábado, dia 25 de janeiro, o nascimento do movimento escutista na cidade de Barcelos. Passados 95 anos da criação do Núcleo de Barcelos, a maioria dos agrupamentos que o compõem, reúnem-se para a comemoração desta data simbólica.



“O corpo escutista convida toda a comunidade a participar nesta comemoração que envolve, não só escuteiros, mas todos aqueles que, de forma direta ou indireta, apoiam o crescimento desta associação juvenil”, refere a Junta de Núcleo em nota.

Fundado em 1907, em Inglaterra, por Baden Powell, o Escutismo “pretende proporcionar aos jovens uma formação global, de modo a serem cidadãos participativos e responsáveis nas suas comunidades. A nível internacional, é um movimento que fomenta a educação para a paz, através de um espírito de compreensão e solidariedade entre os povos, despertando nos jovens o respeito pela interculturalidade, tornando-os verdadeiros cidadãos do mundo.”

Em 1925, surge, na cidade de Barcelos, as raízes de uma nova perspetiva pedagógica, que visa o crescimento de cidadãos em “construção”. Associado ao Corpo Nacional de Escutas (CNE), atualmente, os agrupamentos barcelenses, compostos por 4 secções, que compreendem crianças e jovens adultos, dos 6 aos 22 anos, “procuram contribuir para a formação humana e cristã dos seus elementos”.

No dia 25 de janeiro, a cidade será o palco da comemoração dos 95 Anos do Núcleo de Barcelos, “de modo a viver e a partilhar um presente em que o passado se reflete e o futuro se constrói. Ser escuteiro é viver com os outros na simplicidade de nós mesmos e, portanto, convida-se toda a comunidade a presentear este dia, que terá início às 08h45 (no campo da feira) e se prolongará até ao fim da tarde. A Eucaristia será às 16h00, na Igreja da Misericórdia”, continua a Junta.

“No dia em que se festeja a história desta instituição queremos que todos façam parte dela e, por isso, para os que não possam estar presentes, as celebrações e atividades serão transmitidas em direto nas redes sociais”. “A Festa não é do Núcleo… É Nossa! Juntos somos um! Contamos contigo”, conclui.

Segue-se o Programa:

08h45 – Check-in/ Ponto de encontro: Chafariz (campo da feira)

09h00 – Desfile de fanfarras e agrupamentos

10h00 – Abertura

10h30 – Dinâmicas dos departamentos pedagógicos

12h30 – Almoço (volante) por departamentos

13h30 – Continuação das dinâmicas

15h45 – Concentração para a Eucaristia

16h00 – Eucaristia (na Igreja da Misericórdia)

17h15 – Entrega de prémios (no Pavilhão Municipal):

1 – Ideia de logótipo ACANUC/Hino do ACANUC

2 – Vencedor do prémio – “Top calendário de Núcleo”.

Após este momento, encerram as atividades.

Imagens: JNB.

Igreja da Misericórdia de Barcelos reabre dia 16 de novembro

Novembro 15, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Sábado, 16 de novembro, pelas 15h00, celebra-se uma eucaristia em ação de graças pela conclusão dos trabalhos de restauro da Igreja da Misericórdia de Barcelos. A celebração será presidida por D. Jorge Ortiga, Arcebispo de Braga. No final, será descerrada uma placa comemorativa no átrio da igreja.



Construída no século XVI, a Igreja da Misericórdia de Barcelos foi alvo de uma intervenção profunda, que permitiu restaurar os elementos existentes, entre pavimento, telhado e paredes, mas, igualmente, descobrir novos elementos. Nomeadamente, a obra decorreu na fachada, telhado, capela-mor, arco-cruzeiro, altares de Santo António, de Nossa Senhora da Conceição e da Senhora da Cana Verde, sanefas, púlpitos e quadros.

Além da recuperação de um património declarado de Interesse Público Municipal, esta intervenção permitiu melhorar as condições para uso litúrgico pela Comunidade.

Foto: SCMB.

Reabilitação mais profunda da Igreja da Misericórdia revela património artístico

Setembro 11, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No decorrer das obras de restauro da Igreja da Misericórdia de Barcelos – que contaram, nas últimas semanas, com visitas de acompanhamento por parte de vários especialistas, entre os quais pessoas ligadas à Arquidiocese e à Universidade do Minho –, constatou-se que a intervenção não se poderia limitar ao telhado da Igreja e aos trabalhos em toda a Capela-Mor.



Com o avançar da obra, foi possível detetar património cultural artístico em deterioração, além do que já era previsto. Assim, também o Altar de Santo António, o Altar de Nossa Senhora da Conceição, o Altar do Senhor da Cana Verde, as sanefas, bem como as molduras e pinturas da Igreja, estão a ser ou serão ainda beneficiados com trabalhos de restauro.

Iniciadas em julho, as obras de conservação e restauro já permitiram dar nova vida ao património intervencionado. Entre ele, estão duas obras de arte, uma retratando a Conversão de S. Paulo e a outra a Ceia de Emaús.

“Procedendo-se à limpeza dos dois grandes quadros de pintura sobre tela, que estavam na Capela-Mor da Igreja da Misericórdia, descobriu-se que as pinturas têm agora uma leitura completamente diferente. Vamos esperar pelo final da limpeza para se perceber o seu verdadeiro caráter”, explicou Paula Bessa, historiadora de arte e investigadora da Universidade do Minho. Uma investigação aos arquivos da Misericórdia de Barcelos irá complementar o trabalho e aferir da relevância destas obras.

O Provedor da Misericórdia de Barcelos, Nuno Reis, sublinha a importância da intervenção: “As obras de reabilitação da Igreja da Misericórdia não mais podiam ser adiadas sob pena de custos ainda superiores no futuro ou mesmo danos irreparáveis”.

Quanto às pinturas em tela e à descoberta que os trabalhos de limpeza permitiram, o Provedor afirma que “é preciso dar tempo ao tempo e, sobretudo, continuar a fazer as obras de restauro que têm de ser feitas e da forma mais correta”. “Os trabalhos de investigação ajudarão a lançar mais luz sobre a importância destas obras de arte”, nota.

Nuno Reis deixa ainda um apelo: “Quando se fala desta Igreja, fala-se de um património que não é apenas importante para a Instituição, é de interesse para a região. É inegável o seu valor histórico, cultural e religioso. Infelizmente não existem tantos beneméritos como no passado, mas o pouco que cada um possa doar para ajudar a concretizar esta obra de interesse público é bem-vindo”.

Entretanto, a intervenção na Igreja da Misericórdia prossegue, estando a conclusão dos trabalhos prevista para o final de outubro.

Fonte e fotos: SCMB.

Concerto do Ensemble Moços do Coro na Igreja da Misericórdia

Maio 13, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No próximo dia 17 de maio, pelas 21h30, realiza-se um concerto vocal com o Ensemble Moços do Coro, no âmbito das comemorações dos 519 anos da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos.



Com entrada gratuita, o concerto realiza-se na Igreja da Misericórdia.

Imagem: DR.

Santa Casa da Misericórdia de Barcelos comemora os seus 517 anos

Maio 30, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

A Santa Casa da Misericórdia de Barcelos (SCBM) levou a cabo a cerimónia solene da comemoração dos seus 517 anos, no passado sábado, dia 27 de maio, na Igreja da Misericórdia.

O programa iniciou com uma visita dos convidados ao Núcleo Museológico, onde se encontra a exposição fotográfica “A Misericórdia de Barcelos no século XX”, que conta com quatro dezenas de imagens que retratam os principais momentos da instituição, desde os anos 80 até à atualidade.

Seguiu-se uma missa, animada pelo Coro de Câmara de Barcelos e presidida pelo Arcipreste de Barcelos, Pe. José Araújo.

Após a eucaristia, deu-se início à sessão solene, com uma palestra proferida por Rui Rebelo sobre “As Santas Casas da Misericórdia – sua natureza e irmandade no Caminho da Modernidade”, à qual se seguiu a homenagem às colaboradoras com 15, 20, 25 e 30 anos, aplaudida por todos os presentes.

santa-casa-misericórdia-barcelos-517anos-2

Os discursos protocolares encerraram a iniciativa na igreja, sendo que o Provedor da SCMB, Firmino Silva, relembrou os serviços que a Santa Casa presta à comunidade, citando o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, no seu apelo constante à compreensão, à solidariedade e ao respeito pelo próximo. “Com a solidariedade, todos os problemas podem ser resolvidos. São estes valores que nos movem”, frisou o Provedor.

Humberto Carneiro, em representação do Presidente do Secretariado da União das Misericórdias Portuguesas (UMP), apresentou, depois, algumas ações da UMP, enquanto José Sá, em representação do Diretor do Centro Distrital de Segurança Social de Braga, louvou o trabalho realizado pela Santa Casa.

Também o presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Miguel Costa Gomes, destacou a importância do papel das Santas Casas, abordando, igualmente, a questão da descentralização, que defende.




A encerrar a sessão solene, esteve a presidente da Assembleia Geral, que deixou uma mensagem de reconhecimento a todos quantos, nas suas funções, têm contribuído para esta instituição ser aquilo que é hoje.

No final, realizou-se um lanche convívio no Infantário Rainha Santa Isabel, onde se cantou os parabéns à Instituição.

Fonte e imagens: SCMB.

Santa Casa da Misericórdia de Barcelos comemora os 517 anos no dia 27 de maio

Maio 25, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação port barcelosnahorabarcelosnahora

Realiza-se no próximo dia 27 de maio, sábado, o Dia da Misericórdia, inserido nas comemorações dos 517 anos da Santa e Real Casa da Misericórdia de Barcelos.

santa-casa-misericórdia-barcelos-logo

Pelas 15h00, na Igreja da Misericórdia, haverá uma eucaristia solene, com a participação do Coro de Câmara de Barcelos. De seguida, realizar-se-á a sessão solene, com a palestra “As Santas Casas da Misericórdia – sua natureza de irmandade no caminho da modernidade”, por Rui Rebelo.

Por fim, será feita uma homenagem aos colaboradores e os discursos protocolares.




Fonte e imagem: SCM de Barcelos.

Ir Para Cima