Tag archive

Obras

Está concluída a primeira fase da requalificação do Serviço de Urgência do Hospital de Barcelos

Outubro 8, 2019 em Atualidade, Concelho, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

As novas instalações da área do Serviço de Urgência adstritas à Medicina Interna entraram em funcionamento, concluindo-se, assim, a primeira fase das três que se encontram previstas, no âmbito da requalificação do Serviço de Urgência do Hospital Santa Maria Maior, E.P.E. (HSMM).



A área de atendimento da especialidade de Medicina Interna, para além de passar a funcionar em novas instalações (foto de destaque), viu melhorada a sua capacidade, através do aumento das macas de atendimento, de 5 para 9 unidades.

“A realização desta obra constitui um contributo significativo para atenuar os constrangimentos estruturais das instalações do serviço de urgência, permitindo melhorar o conforto dos utentes e as próprias condições de trabalho dos profissionais de saúde, contribuindo assim para a melhoria da qualidade dos cuidados de saúde prestados pelo Hospital Santa Maria Maior”, refere o Conselho de Administração do hospital.

“Sendo a Urgência um serviço crítico e delicado, esta obra foi pensada de forma a garantir o funcionamento ininterrupto da prestação dos cuidados, estando salvaguardado o atendimento dos doentes”, conclui.

Não obstante, o serviço terá de ser utilizado de forma racional e os utentes devem, sempre que possível, entrar previamente em contacto com a Linha SNS 24 (808 24 24 24), para que possam obter uma primeira orientação sobre a sua situação de saúde.

A segunda fase inicia-se já esta semana, com a intervenção na área de atendimento da clínica geral, finalizando com a intervenção na área do Serviço de Imagiologia. Esta obra deverá ficar concluída até ao final do ano.

Foto: HSMM.

Câmara de Barcelos cria seis ancoradouros no Rio Cávado

Abril 9, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

Projeto de execução está elaborado e candidatado a fundos comunitários

A Câmara Municipal de Barcelos apresentou, no passado dia 28 de março, uma candidatura ao fundo comunitário denominado “Ações de Qualificação de Produtos Turísticos e Estratégicos do Minho – Turismo Natureza / Náutico – Qualificação das experiências da Natureza do Minho – Ancoradouros no Rio Cávado”, no âmbito do programa PROVERE.



A candidatura destina-se a comparticipar no financiamento do projeto de instalação de seis ancoradouros ao longo das margens do Rio Cávado e dentro da área geográfica do concelho de Barcelos. O projeto de execução está elaborado, aguardando-se agora o resultado da candidatura para avançar com a sua instalação, mas tudo indica que em breve será dada aprovação.

Os ancoradouros são infraestruturas de apoio à prática de canoagem, à pesca e lazer e ficarão situados nos seguintes locais: Mariz, Medros (Barcelinhos), Quinta do Brigadeiro (Vila Frescainha S. Martinho), Frente Ribeirinha de Barcelos, Areias de Vilar e Barragem da Penide (Areias de São Vicente).

A proposta para a instalação de ancoradouros (cais flutuantes) de acesso ao Rio Cávado “tem como princípio potencializar os locais, devolvendo uma área de lazer a todos os cidadãos e ser um motor de promoção do desenvolvimento, de revitalização e de criação de novas dinâmicas ao longo das margens”, refere o Município em nota.

“Pretende-se criar uma estrutura de base e apoio às atividades de desporto de rio constituído por um cais de embarque, com a construção de equipamentos flutuantes em sistema modular, com revestimento a deck de madeira, adequado a instalações em clubes e autarquias que precisam de um cais ligeiro para pequenas embarcações em locais abrigados, integrando-se no meio envolvente”, continua.

Estas estruturas pretendem “contribuir para melhorar as condições do Rio Cávado e a qualidade da água, devolvendo à população um espaço ímpar para a prática de atividades desportivas aquáticas (canoagem) e de lazer (pesca). A utilização destas novas estruturas pode ser realizada nos diferentes âmbitos: desporto escolar, competição (clube), férias desportivas, lazer e prática alargada à população em geral”.

O ancoradouro previsto para Areias de S. Vicente localiza-se no parque de lazer junto à Barragem de Penide e é propriedade da Freguesia de Areias de S. Vicente; o Ancoradouro de Barcelinhos localiza-se no Parque de Lazer da Foz dos Ameais (Medros), declarado como domínio público da Freguesia de Barcelinhos.

Para que a Câmara Municipal possa intervir nestes espaços, foi aprovada, na reunião do executivo municipal de 5 de abril, um contrato de comodato com a Freguesia de Areias S. Vicente e uma cedência de utilização com a Freguesia de Barcelinhos.

Esta fase de instalação de ancoradouros ao longo do Rio Cávado poderá ter continuidade em fases seguintes, dependendo do financiamento dos projetos, quer através de fundos comunitários, quer através das autarquias.

Fonte e foto: CMB.

Construção do novo hospital de Barcelos já está no terreno

Abril 1, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

Obra localiza-se em terreno contíguo à rotunda “do Galo”

NDR: 

Caros leitores, esta foi a nossa notícia de “Dia das Mentiras”. Obviamente (e, já agora, infelizmente) esta notícia é falsa e completamente fictícia. Pedimos desculpa por qualquer inconveniente.

Finalmente, os anseios dos barcelenses vão-se concretizar, com o avanço da construção do novo hospital de Barcelos, nos terrenos junto à Circular, perto de um restaurante de fast food.



Fonte do Ministério da Saúde salientou ao Barcelos na Hora que a obra não foi anunciada publicamente devido a impedimentos legais concernentes à proibição, pela Comissão Nacional de Eleições, de cerimónias de inauguração e/ou lançamento da primeira pedra.

A mesma fonte referiu que a casa devoluta, que surge na imagem de destaque, será renovada, servindo, depois, para albergar os serviços administrativos do futuro hospital.

Porque não se realizou, ainda, qualquer cerimónia, o projeto final não é, por isso, do conhecimento geral e público.

Quer a circular, quer a Avenida de São José, sofrerão obras de adaptação, para entradas e saídas de veículos de emergência, assim como, entradas para os parques de estacionamento subterrâneo, a pagar, que apenas poderão ser usados por utentes e visitantes, não sendo, por exemplo, permitido estacionar lá em dia de feira.

Por cima da Avenida haverá uma passagem pedonal para o lado oposto, no sentido do IPCA, fazendo a ligação entre o futuro hospital e a instituição de ensino superior.

Aliás, a referida fonte mencionou que, com esta proximidade e ligação entre as duas instituições, o IPCA poderá já estar a ponderar a criação de uma Escola Superior de Saúde.

Foto: DR.

Notícia atualizada a 02.04.2019, pelas 00h01.

Ciclovia urbana e melhoria das paragens com investimento superior a 2,2 milhões de euros

Março 27, 2019 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

A Câmara Municipal de Barcelos aprovou dois projetos, no valor global superior a dois milhões de euros, para a construção de uma rede de ciclovias urbanas e de melhoria das condições operacionais e de rebatimento do transporte público.



Os dois investimentos estão previstos no quadro de compromissos relativo ao PEDU Barcelos 2020, no âmbito do eixo PI 4.5 – Mobilidade Urbana, sendo financiados quase na totalidade pelo FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

“A cidade de Barcelos tem sofrido uma pressão considerável sobre o seu sistema de transportes, sendo mais crítica a acessibilidade ao centro da cidade de automóvel, pelo que o Município pretende implementar uma ciclovia circular, tendo em vista uma inversão dos hábitos de mobilidade, na procura de um futuro mais sustentável”, refere em nota.

A ciclovia circular terá uma extensão de 7,2 km, entre Vila Frescaínha de São Pedro e a Estrada da Estação / Rua de Olivença. Parte da estação ferroviária, percorre a Rua de Olivença em direção a norte, cruzando a circular de Barcelos; continua pela Rua Nossa Senhora de Fátima até à Rotunda do Professor, seguindo pela EN204 até à Circular de Barcelos e entrando aí nos terrenos do IPCA; passará pela Rua Filipa Borges, Rua Casal de Nil e instalações da Santa Casa da Misericórdia em direção à Ponte Medieval; de seguida, prossegue pela Rua Fernando Magalhães e Avenida João Paulo II, passando pelo cemitério até chegar à Estrada da Estação, fechando o círculo.

O projeto visa, ainda, estreitar a ligação da cidade ao IPCA, que está a desenvolver o projeto “U-Bike”, através do qual disponibiliza bicicletas à comunidade académica. Nesse sentido, prevê-se a implementação de um corredor ciclável que ligue o Politécnico ao centro da cidade e, daí, à estação ferroviária.

O valor base da obra é de 1.019.452,96 euros, acrescidos de IVA, tendo uma verba disponível do FEDER de 797.040,22 euros.

Já as obras do projeto de melhoria das condições operacionais e de rebatimento do transporte público nas principais paragens têm um valor base de 1.229.537,44 euros, acrescidos de IVA, sendo que o FEDER disponibiliza 1.140.700 euros.

Trata-se de um projeto de articulação entre as redes de modos suaves nas paragens de transportes públicos, que tem como objetivo “assegurar o acesso a peões e ciclistas em segurança, bem como melhorar as condições nas paragens de transporte público”.

A ação compreende, ainda, a renovação das paragens do transporte público coletivo rodoviário; a melhoria das condições de toque nas paragens, tanto nas condições de acesso aos passageiros, como de forma de entrada em circulação do veículo, minimizando os conflitos entre o transporte público e o transporte individual.

Nas paragens que cruzem a rede ciclável deverão ser disponibilizados lugares de estacionamento para bicicletas.

Fonte e imagens: CMB,

Projeto de requalificação da Avenida dos Combatentes da Grande Guerra aberto a consulta pública

Março 22, 2019 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

A partir de hoje, 22 de março, está exposta, no Balcão Único dos Paços do Concelho, a maqueta do projeto de requalificação da Avenida dos Combatentes da Grande Guerra.



“A população do concelho de Barcelos terá, assim, a oportunidade de conhecer e dar a sua contribuição para este projeto, o qual, dada a sua vasta área de intervenção e centralidade, terá um forte impacto na cidade, nomeadamente na circulação viária, pedonal e ciclável”, refere o Município em nota.

O projeto poderá ser, igualmente, consultado no site do Município de Barcelos (www.cm-barcelos.pt), através do qual os cidadãos poderão deixar as suas sugestões.

“Sendo a Avenida dos Combatentes da Grande Guerra uma das vias mais emblemáticas e estruturantes da cidade, o Município de Barcelos convida a população a pronunciar-se sobre a proposta apresentada, dando sequência à vontade diversas vezes manifestada pelo executivo municipal de abrir o projeto aos contributos dos cidadãos”, continua.

A intervenção incide sobre uma área de aproximadamente 17.000 m2, desde a Avenida da Liberdade / Campo 5 de Outubro até ao Largo dos Capuchinhos. Tem como objetivos “revitalizar e adaptar esta via estruturante à realidade evolutiva da cidade, salvaguardando e valorizando o património histórico edificado; criar um espaço atrativo que tire partido do seu enquadramento urbano e paisagístico privilegiado; gerar novas dinâmicas que potenciem o comércio e a vivência do espaço público; integrar e promover uma acessibilidade e mobilidade urbana mais sustentáveis”.

Fonte e fotos: CMB.

Município avança com obras e aquisição de viaturas num valor global de 8,3 milhões

Janeiro 16, 2019 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

Obras no Mercado, Campo S. José, Edifício Paços do Concelho, Escola Gonçalo Pereira e aquisição de oito viaturas de recolha de resíduos

A Câmara Municipal de Barcelos ratificou, em reunião ordinária de 11 de janeiro, um conjunto de despachos do Presidente da Câmara relativos a investimentos estruturantes para o concelho e cujo valor ascende a perto de 8,3 milhões de euros, incluindo IVA.



O primeiro refere-se ao lançamento do concurso público para aquisição de oito viaturas de recolha de resíduos sólidos urbanos, no valor de 1.558,450€, acrescido de IVA (23%). Na mesma proposta foi aprovada a autorização da despesa, das peças do procedimento concursal e respetivo júri.

Foram, também, ratificadas as aprovações de três projetos de execução: o de reabilitação do edifício dos Paços do Concelho, com estimativa orçamental de 1.204.321,78€, acrescido de IVA (6%); o de reabilitação do edifício da antiga Escola Gonçalo Pereira, com um custo estimado de 948.000,09€, acrescido de IVA (6%), destinado à instalação da Escola Superior de Design do IPCA; o da reabilitação do Campo S. José (Largo Camilo Castelo Branco), com uma estimativa orçamental de 1.013.548,24€, acrescido de IVA (6%).

Por fim, foi ratificada a adjudicação da obra de reabilitação do Mercado Municipal à empresa Alexandre Barbosa Borges, S.A., pelo valor de 2.848.999,63€, acrescido de IVA (6%), e com prazo de execução de 730 dias.

Estas quatro obras são comparticipadas pelo FEDER regional, através do Programa Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) com um valor global de 4.363.701,39€.

Fonte e foto: CMB.

Relvado sintético no Parque Desportivo de Tamel São Veríssimo avança em julho

Julho 14, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto port barcelosnahorabarcelosnahora

No passado dia 11 de julho foi celebrado o contrato de empreitada de obras públicas relativo à obra de «Requalificação do Parque Desportivo da Freguesia de Tamel (São Veríssimo) – Construção de Relvado Sintético», tendo como partes outorgantes a Freguesia de Tamel (São Veríssimo) e a empresa Ponte da Cunha & Comp.ª, Lda.



Está previsto que o respetivo auto de consignação seja assinado no próximo dia 23 de julho de 2018, data que coincidirá com o início dos trabalhos de execução da referida obra.

Foi, assim, dado mais um passo importante para a concretização de uma obra há muito ambicionada pela Freguesia de Tamel S. Veríssimo, permitindo que na época desportiva de 2018/ 2019 a União Desportiva de S. Veríssimo já disponha de um campo relvado, visto que a inauguração do Relvado Sintético do Parque Desportivo de Tamel S. Veríssimo está prevista para o início do mês de outubro de 2018.

Esta obra permitirá à União Desportiva de S. Veríssimo melhorar, significativamente, as condições oferecidas aos mais de 100 atletas de todos os escalões de formação que o clube disporá a competir na época de 2018/ 2019. São atletas que apresentam idades compreendidas entre os 5 e os 18 anos de idade.

A direção da UD S. Veríssimo salienta “a elevada aposta nos escalões da formação que a União Desportiva de S. Veríssimo tem efetuado nos últimos anos, colocando em funcionamento 7 escalões de formação, como os Petizes, Traquinas, Benjamins, Infantis, Iniciados, Juvenis e Juniores, quer competindo nos campeonatos da Associação de Futebol de Braga, quer competindo em diversos torneios”.

Fotos: UDSV.

Presidente da Câmara visita obras da Rua de Santa Marta

Maio 24, 2018 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

O Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Miguel Costa Gomes, visitou hoje as obras do arruamento de ligação da Rua D. Afonso à Rua Sta. Marta.



Durante a visita, o Presidente da Câmara referiu que esta obra contribui para o “bem-estar da população”. Miguel Costa Gomes sublinhou que “a obra tem por objetivo criar uma nova centralidade e resolver alguns problemas de acessibilidade que até agora se sentiam”.

Esta empreitada irá beneficiar os arruamentos circundantes à Rua de Sta. Marta, que se encontram em estado de conservação bastante deficitário. Esta solução permitirá, ainda, a resolução do problema de acessibilidade às garagens do edifício “Porta Nova”, que se faz pela Avenida Alcaides de Faria e se encontra atualmente inviabilizada.

A obra teve um aditamento do prazo de execução devido ao mau estado de um coletor de drenagem de águas pluviais que teve de ser intervencionado, estando prevista a conclusão das obras até ao final do mês de junho.

Os trabalhos ainda por executar consistem, essencialmente, na conclusão da substituição do coletor de águas pluviais, conclusão dos trabalhos de pavimentação da circulação pedonal, pavimentação em betuminoso e sinalização horizontal. Esta empreitada tem um custo global de 377.269,70€.

Fonte e foto: CMB.

IPCA inicia construção do Mechatronics Factory Lab

Abril 24, 2018 em Atualidade, Concelho, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

O Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) vai construir o Mechatronics Factory Lab (M.Factory Lab), um laboratório industrial que proporcionará as melhores condições para a formação em contexto prático, nas áreas da mecatrónica, mecânica, robótica e gestão industrial.



O edifício vai ser construído no Campus do IPCA, em Barcelos, com preocupações ambientais, nomeadamente, integrando materiais que contribuam para uma maior eficiência energética, dando especial atenção aos sistemas de climatização e iluminação.

O M-Factory Lab terá uma área total de 644 metros quadrados e terá dois pisos: o piso térreo, destinado a oficinas de trabalho, apoiadas por balneários, e o primeiro andar, dedicado ao ensino teórico-prático com salas de aula devidamente equipadas.

É ainda propósito do IPCA criar no M-Factory Lab uma sala de conceção e desenvolvimento destinada a, entre outros, alojar estudantes que pretendam realizar o seu estágio curricular, inserido em programas que o IPCA desenvolve com empresas protocoladas.

Na assinatura do contrato com a Costeira Engenharia e Construção SA, empresa vencedora do concurso público, a presidente do IPCA, Maria José Fernandes, mostrou-se bastante satisfeita com a construção do M-Factory Lab: “Esta é a minha primeira obra enquanto Presidente do IPCA. Já inaugurei algumas obras que vieram do mandato do Professor João Carvalho. Vou acompanhar o processo continuamente e garantir que será uma obra bem-sucedida pois ela vem colmatar uma falha importante nas infraestruturas de ensino e investigação aplicada“

O Administrador da Costeira Engenharia e Construção SA, Domingos Vieira, mostrou-se confiante com este projeto: “É mais um projeto que fazemos no IPCA. Felizmente ganhámos o concurso público e vamos conduzir este edifício que marcará a diferença na história do IPCA”.

Esta será uma empreitada com um valor total de cerca de 800 mil euros, cujos trabalhos iniciar-se-ão em breve no Campus do IPCA, em Barcelos, e estima-se que fique concluída até ao final deste ano.

Fonte e fotos: IPCA.

Passagem de nível junto à Estação fecha para obras e obriga a alternativas

Abril 12, 2018 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

Entre as 21h00 do próximo dia 16 até às 16h00 do dia 20 de abril, a passagem de nível junto à Estação da CP (Rua das Torgas) estará fechada ao trânsito para que a Infraestruturas de Portugal proceda a obras de melhoramento dessa passagem.



A intervenção decorre por questões de segurança, havendo a necessidade de executar os trabalhos de construção civil e a substituição do pavimento.

Durante a execução das obras, o desvio de trânsito, entre a Rua das Torgas e a Estrada da Estação, será feito pela Rua da Olivença e/ou pela Circular Urbana de Barcelos (imagens).

Foto: Retirada do Google Maps.

Imagens: CMB.

Ir Para Cima