Tag archive

Otrotorto

Sensible Soccers e Otrotorto encerram “triciclo” no CCOB

Junho 21, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

A viagem do “triciclo” chega ao fim com concertos de Sensible Soccers e Otrotorto, no Círculo Católico dos Operários de Barcelos (CCOB), a 29 de junho. Este é o último concerto de um ciclo que levou música a vários espaços do centro histórico da cidade durante nove meses. O bilhete tem o custo de 7€ e pode ser adquirido nos locais habituais ou à entrada do concerto.

A despedida está a cargo de Sensible Soccers, banda que está a apresentar o mais recente álbum “Aurora” (2019), produzido por B Fachada. Será a estreia do disco em Barcelos e o regresso à cidade de uma banda de culto da música portuguesa.  

Se em “Villa Soledade”, editado em 2016, trabalharam sobre o imaginário das estradas nacionais, de um país real e por cumprir, esquecido e alienado, em “Aurora” evocam um Portugal pessoal e otimista, da infância e das memórias inventadas: as férias com os pais, as visitas de estudo, o sul de Espanha, as distâncias maiores e o tempo distendido, os setembros melancólicos, os singles pop e o FM estéreo, os primórdios do topless, as discotecas gigantes, as coisas que se imaginava que aconteciam em sítios onde não se ia.

Com uma nova formação, os Sensible Soccers abordam cada uma das dez faixas do álbum como uma aventura à procura dos fragmentos de uma espécie de mixtape construída em retrospetiva, onde a guitarra expressionista dá lugar a um coro de três cabeças, composto de baixo, percussão e sintetizadores.

Já os Otrotorto apresentam, no auditório do CCOB, “Letargia em Ré Menor”. Uma metáfora sonora sobre a potência da compreensão, da contenção, da gravidade enquanto força e dos efeitos de se lhe sucumbir em livre-arbítrio, usando-o como amplificador de vontades, de movimento e dos efeitos da sua ausência. É, ainda, uma porta de entrada para este novo movimento num território que nos apresentaram ao longo da sua atividade conjunta, uma demonstração das suas possibilidades e dos seus caminhos, que terá uma expressão ao vivo distinta, mas complementar. O trio é composto pelos reputados músicos Jorge Coelho, Jorge Queijo e Miguel Ramos.

O ciclo de concertos “triciclo” termina nove meses de programação, em que levou à cidade 19 projetos musicais, diversos showcases intimistas em espaços inusitados e ainda workshops destinados à comunidade. O “triciclo” tem um forte cariz formativo e promoveu três projetos de “serviço educativo”, que estimularam o contacto entre comunidades, a troca de saberes, a inclusão social e a exploração sonora. O “serviço educativo” envolveu cerca de uma centena de participantes durante os primeiros nove meses de existência.

O “triciclo” é “made in” Barcelos e é concebido em parceria com o Município de Barcelos desde outubro de 2018. Pelo ciclo barcelense passaram projetos como Três Tristes Tigres, Boogarins, B Fachada e Lula Pena.

Imagens: DR.

Ir Para Cima