Tag archive

Parque Nacional da Peneda-Gerês

Jérôme Rodrigues e Fernanda Verde vencem “Serra Amarela SkyMarathon”, organizada pela Carlos Sá Nature Events

Junho 14, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Em pleno junho eis que o feriado nacional de dia 10 começa com uma manhã de inverno, com os cerca de mil participantes na primeira edição da “Serra Amarela SkyMarathon” a partir da aldeia de Entre Ambos-os-Rios, à conquista dessa Serra, em pleno coração do Parque Nacional Peneda-Gerês.



“Como não Amar[ela]?” era a pergunta que se impunha ao longo das semanas que antecediam o evento, nas redes sociais da prova.

A resposta, essa, chegou nesse domingo. Atletas, vindos de todos os cantos do país e de vários outros países, chegavam rendidos à meta, constatando que todos os adjetivos com que o barcelense Carlos Sá, diretor de prova, anunciava este evento não eram em vão.

“No final, estava extasiado e demorei algum tempo a descer à terra. Foi perfeito. Não me ocorre outra palavra. Tudo nesta prova foi perfeito. O percurso 99% em trilho (e que trilho), boa subida, boa descida, marcações impecáveis, 4 abastecimentos super completos, simpatia de toda a gente, ambiente incrível, técnico, duro, com partes para andar depressa, rios para atravessar…até o clima ajudou!” escreveu Filipe Torres no seu blog “Quarenta e Dois”, num relato minucioso sobre os seus 35 quilómetros.

No que à competição diz respeito, os atletas da EDV-Viana Trail conquistaram o pódio em equipa, da prova rainha de 48 quilómetros, que integrou a Taça de Portugal SKY, da Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal.

O evento contou com quatro provas desportivas: 15, 23, 33 e 48 quilómetros. E uma caminhada solidária de 7km, que reverteu, na íntegra, para os “soldados da paz” de Ponte da Barca.

Jérôme Rodrigues (EDV-Viana Trail) vence SkyMarathon e Bruno Ribeiro (Águias de Alvelos) fecha pódio no 3º lugar

Na prova rainha do evento, a SkyMarathon de 48km, foi Jérôme Rodrigues quem levou a melhor. Em 5h12m16s, o atleta da EDV-Viana Trail conquistou o 1º lugar, com vantagem de apenas 1 segundo sobre o segundo classificado, o seu colega de equipa Ricardo Silva. Bruno Ribeiro, da equipa barcelense Águias de Alvelos, fechou a tríade do pódio masculino desta distância, com um tempo de 5h46m36s.

Fernanda Verde (EDV-Viana Trail) vence, com Susana Simões e Ângela Costa no pódio

Nas mulheres, Fernanda Verde, também da EDV-Viana Trail, conquistou o lugar mais alto do pódio, com 7h03m40s, cerca de 11 minutos menos que a sua colega de equipa, Susana Simões, que conquistou o 2º lugar dos femininos, em 7h14m26s. A atleta da Guimarunning, Ângela Costa, chegou em 3ºlugar, com 7h32m52s.

Nuno Reis  e Liliana Gomes conquistam a SkyRace

Também pelas 7h00, partiram os atletas da prova SkyRace, de 33 quilómetros. Aqui , foi Nuno Fernandes, do Clube Atletismo Fafe, quem arrebatou o 1º lugar, em 3h46m19s. David Gouveia e Francisco Carvalho, ambos da equipa CMMouronho – Escaravelhos, terminaram a prova em simultâneo, com um tempo de 3h48m08s, ocupando os restantes lugares do pódio. Liliana Gomes foi a primeira das mulheres a cortar a linha de chegada. A atleta da Dr. Merino/4moove terminou a prova em 5h21m19s, com uma vantagem de quase 20 minutos em relação à 2ª classificada, a atleta do Olímpico Vianense Trail, Ana Sereno, que terminou o percurso em 5h41m. Fechou a tríade do pódio, a atleta individual Sofia Guerra, com 5h43m.

SkyRace de 23km equipa Dr.Merino/4moove em pleno no pódio e Rita Loureiro a vencer no feminino

Pelas 9h00, partiram as restantes provas. Na prova SkyRace de 23 quilómetros, os três lugares do pódio masculino foram arrecadados por atletas da equipa Dr. Merino/4moove. Paulo Conde foi o 1º, com um tempo de 2h13m54s, com uma vantagem de quase cinco minutos em relação ao 2º classificado, o seu colega de equipa António Rodrigues. Sérgio Duarte foi o 3º membro da equipa a atravessar a meta, com um tempo de 2h19m07s. A atleta individual, Rita Loureiro, foi a primeira mulher a cortar a meta, conquistando, assim, o mais alto lugar no pódio feminino, com um tempo de 2h47m20s, com uma vantagem de 1m43s em relação à 2ª classificada, a atleta individual Elisabete Alves, que terminou a prova em 2h49m03s. Paula Lage, também da Dr. Merino/4moove, fechou o pódio das mulheres.



Abílio Ribeiro e Paula Costa vencem a Mini SkyRace

Na prova mais rápida, a Mini SkyRace, de 15 quilómetros, o pódio começou a ser composto à 1h23m16s de corrida, quando o primeiro atleta cortou a meta. Abílio Ribeiro sagrou-se vencedor desta distância, seguido por José Miranda, que concluiu o percurso em 1h23m37s, e por Bruno Santos, da Associação Desportiva de Amarante, que terminou a prova em 1h23m45s. Paula Costa, da CAAV/TRAIL, foi a primeira mulher a cortar a linha de chegada, em 1h47m11s, seguida de Vera Barbosa, da equipa Nova Linha Trail Runners, que terminou a prova em 1h51m37s. Marta Veloso, da Trogloditas Runners, fechou a tríade do pódio feminino.

No final, Augusto Marinho, presidente do concelho de Ponte da Barca, enalteceu os principais fatores para o sucesso deste primeiro evento em parceria com a Carlos Sá Nature Events: o território, a beleza impar desta serra com trilhos muito adequados para a prática desta modalidade crescente, aliada à experiência e credibilidade do ultramaratonista Carlos Sá na organização de eventos de natureza, que são hoje um fator de dinamização económica muito importante. O facto de os participantes irem acompanhados pelas famílias e alojarem-se na região (esgotando todas as unidades locais), significa um retorno imediato, para além da visibilidade que dá à região.

De realçar que todos os atletas premiados nos pódios de escalões tiveram como prémio um vaso decorativo com um Carvalho, cujo objetivo é o de incentivar à reflorestação das florestas portuguesas, diminuindo, dessa forma, a pegada ecológica na sua deslocação para este evento.

Fonte: CSNE.

Fotos: Luís Ferreira e Ruben Fueyo.

Carlos Sá Nature Events leva a cabo, já dia 10 de junho, a “Serra Amarela SkyMarathon”

Junho 6, 2018 em Atualidade, Concelho, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

É já no próximo dia 10 de junho que a Carlos Sá Nature Events, empresa do ultramaratonista barcelense Carlos Sá, em parceria com o Município de Ponte da Barca e a Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal, leva a cabo a 1ª edição do seu novo projeto, a “Serra Amarela SkyMarathon



A aposta conjunta destas entidades na Serra Amarela, enquanto palco deste evento de SkyRunning, surge do reconhecimento das potencialidades fantásticas desta região, com toda a sua beleza e relevo agreste, para a prática da modalidade, em franco crescimento em Portugal.

É uma serra com uma beleza ímpar, trilhos técnicos e desafiadores, aldeias e gentes que sabem receber bem, ótima para a prática de desportos na natureza e que vai, com certeza, surpreender todos aqueles que aceitarem o desafio de participar, tornando esta prova num evento único.

A 1ª edição do evento “Serra Amarela SkyMarathon” compreenderá várias provas competitivas e será acessível a qualquer atleta. Irão competir nas distâncias de 48Km, 33 Km, 23 Km e 15 Km, sendo que a distância de 48 Km fará parte da Taça de Portugal SKY, da Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal.

Haverá, também, uma caminhada de 7 Km, cujo valor reverterá a favor dos Bombeiros Voluntários de Ponte da Barca (a inscrição da caminhada pode ser feita no próprio dia, antes da partida). As várias provas terão partida e chegada na aldeia de Entre Ambos-os-Rios, no município de Ponte da Barca.

A Freguesia de Entre Ambos-os-Rios, no Município de Ponte da Barca, será a base logística do evento, facilitando o acesso ao local por parte dos atletas e seus acompanhantes, já que está somente a 10 minutos do centro das Vilas de Ponte da Barca e Arcos de Valdevez e a apenas 1h do centro do Porto.

Os participantes percorrerão trilhos inóspitos, aldeias preservadas, castelos, rios, vegetação luxuriante e verdejante, com vistas incríveis sobre os espelhos de água da Albufeira de Vilarinho das Furnas e da Albufeira de Tamente, neste maciço montanhoso do único Parque Nacional de Portugal – o Parque Nacional Peneda-Gerês.

No final das suas provas, todos os participantes terão direito a banhos quentes no Pavilhão Gimnodesportivo da Escola Básica de Entre Ambos-os-Rios e reforço alimentar na meta.

Para mais informações sempre pode consultar a página do evento, bastando clicar no link que se segue para aceder automaticamente:

https://www.carlossanatureevents.com/pt/serraamarela

Fonte e fotos: CSNE/DR.

Carlos Sá Nature Events organiza mais um “Peneda-Gerês Trail Adventure”

Maio 10, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Eis que está de volta o Peneda-Gerês Trail Adventure, onde cerca de 300 atletas, de 33 países, participam em mais uma semana de aventura e descoberta dos trilhos do Parque Nacional Peneda-Gerês.



A prova é organizada pela Carlos Sá Nature Events, do ultramaratonista barcelense Carlos Sá, em parceria com a ADERE e os cinco municípios da área do Parque. Conta, ainda, com o apoio de forças de proteção e socorro e, também, de muitas associações e juntas de freguesias locais.

Entre 12 e 19 de maio, os atletas competirão em três provas diferentes, mais duas caminhadas solidárias com as inscrições a reverterem para os bombeiros voluntários.





Este ano, a prova desenrola-se em 7 ou 4 etapas, ao longo de 7 ou 4 dias, respetivamente, durantes os quais os atletas poderão apreciar e usufruir das belezas ímpares do único Parque Nacional do país.

Tal como nas edições anteriores, a vertente solidária também estará presente na edição deste ano desta prova. O PGTA Solidário, que conta com uma prova aberta e duas caminhadas solidárias, uma a 12 de maio, em Ponte da Barca e outra a 19, na Vila do Gerês.

Aliás, é no centro desta Vila que se realiza a festa de encerramento, desta prova que reúne atletas de, entre outros, Japão, Singapura, Coreia do Sul, Nova Zelândia, Rússia, África do Sul, Equador, Colômbia, EUA, Holanda, França, Alemanha e Brasil.

Fotos: PGTA/CSNE.

 

 

“Gerês Extreme Marathon” com grande participação e barcelense Fátima Melo vence em Femininos

Dezembro 6, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No passado fim de semana de 1 e 2 de dezembro, as ruas da Vila do Gerês receberam os atletas que se aventuraram a participar na 4ª edição da “Gerês Extreme Marathon” – “a maratona mais bela e mais dura do mundo!”, segundo a organização.



Organizada pela Carlos Sá Nature Events, com a supervisão do conceituado ultramaratonista barcelense Carlos Sá, em parceria com a Câmara Municipal de Terras de Bouro, do Turismo do Porto e Norte de Portugal e com o apoio de vários patrocinadores.

Percorrendo as estradas de montanha do único Parque Nacional de Portugal – o Parque Nacional Peneda-Gerês (PNPG) –, os 1450 atletas, de 12 nacionalidades, que se aventuraram na “Gerês Extreme Marathon” usufruíram de paisagens e cenários de montanha incríveis, rodeados de vegetação luxuriante e verdejante, com vistas sensacionais sobre os espelhos de água da Albufeira de Vilarinho das Furnas e da Albufeira da Caniçada.

A harmonia com as florestas nativas portuguesas e com o silêncio tão característico da montanha do Parque Nacional Peneda-Gerês foram apenas quebrados pela dureza e desnível positivo da prova. A “Gerês Extreme Marathon”, com 1350m de desnível positivo, levou os atletas da prova “rainha” desde a Vila do Gerês até à Pedra Bela, numa subida vertiginosa, seguida de uma grande descida e nova subida até à Portela de Leonte. Apenas com 18 km percorridos, mas já com cerca de 2/3 do desnível positivo percorrido, os atletas percorreram a mata da Albergaria passando pelo Museu da Geira, no Campo do Gerês, ao quilómetro 32, e rumaram a nova subida até ao alto da Calcedónia, altura em que iniciaram a vertiginosa descida de regresso à meta.

O primeiro atleta a cortar a meta foi o búlgaro Mihail Lalev, do SPORTING CLUBE DE BRAGA, que, pela quarta vez consecutiva e com o tempo de 2:48:13, voltou a vencer a “Gerês Extreme Marathon”, não dando hipótese aos seus mais diretos concorrentes, batendo, inclusive, o seu próprio recorde em 17 segundos. Partilharam o pódio, os atletas Diogo Fernandes, da DR. MERINO/4MOOVE, com 02:54:27, em 2º lugar e, no 3º lugar, classificaram-se, ex-aequo, Leonardo Diogo (CLUBE AVENTURA DA MADEIRA) e Luís Gil (DECATHLON MAIA), com o tempo de 03:01:05. Nas concorrentes femininas, a barcelense Fátima Melo (individual) [ndr: foto de destaqueconquistou, pela terceira vez consecutiva, o lugar mais alto no pódio, com 03:20:44, batendo também o seu próprio recorde em 3m:25s. Seguiram-se Alice Lopes (GINÁSIO FIT 4 FUN), com 03:46:08, e Isabel Moleiro (SS CGD) com 03:49:13.

Para além da prova “rainha” de 42 km, a “Gerês Extreme Marathon” contou, também, com mais três provas em diferentes distâncias. Com a distância de 42 Km mas em estafetas, os atletas puderam participar em equipas de três elementos e partilhar a dura prova, passando o testemunho entre os diferentes elementos da equipa, com o 1º segmento de 14Km e 750m de desnível positivo, o 2º segmento de 15.5Km e 350m de desnível positivo e o terceiro e último segmento de 12 km e 200m de desnível positivo. As distâncias de 21Km e 670m de desnível positivo e de 13 Km e 540m de desnível positivo fecharam o leque das opções de participação. Todas as provas tiveram partida e chegada no centro da Vila do Gerês.

A grande novidade deste ano da “Gerês Extreme Marathon2 foi a “Extreme Mile!”. Esta decorreu no dia 1 de dezembro, pelas 11h00, e procurou dar a conhecer novos locais do PNPG num desafio curto mas bastante exigente e audaz. Os intrépidos participantes tiveram de correr uma milha com uma inclinação média de 35% e 525m de desnível positivo. Com partida na Albufeira da Caniçada e com chegada no miradouro das Voltas de São Bento, os atletas percorreram a árdua distância tendo como pano de fundo a bela paisagem da Albufeira da Caniçada ladeada pelas suas belas montanhas. O grande vencedor desta primeira edição da “Extreme Mile!” foi José Pereira, que só precisou de 00:23:32 para percorrer a totalidade do percurso e colocar-se no primeiro lugar do pódio. Já no lado feminino, foi Dores Cachetas, com o tempo de 00:44:56, quem se sagrou vencedora.

Procurando divulgar os usos e saberes culturais das Gentes e Habitantes do Parque Nacional da Peneda Gerês, a Carlos Sá Nature Events associou-se à ATACE – Associação Turística da Aldeia Comunitária da Ermida, que levou a cabo um vasto programa de atividades culturais, que deram aos visitantes a possibilidade de conhecer e experienciar algumas das práticas comunitárias ancestrais que são características das aldeias desta região. A Chegada da rês, a Apanha e o Enfarne da Azeitona no Lagar de Azeite Comunitário, o Chamado do Povo, provas de sabores e convívio à fogueira foram algumas das atividades das quais os visitantes da aldeia da Ermida puderam disfrutar nesta tarde proporcionando bons momentos de diversão e contato com mais um dos tesouros do PNPG: a sua cultura.

Houve, ainda, lugar para que a Carlos Sá Nature Events continue a preservar os espaços que utiliza e procura divulgar, ao contribuir para a reflorestação das montanhas do nosso país, com uma ação de plantação de árvores autóctones pelos participantes nesta tarde cultural. Foi, também, esta a razão pela qual a medalha de finisher da “Gerês Extreme Marathon” ter sido feita a partir dos troncos de uma planta invasora do Parque Nacional Peneda-Gerês: a Acácia-Mimosa.

A parte da cultura “saudou”, igualmente, os atletas dos 42Km, 21Km e 13Km à chegada à meta, ao proporcionar a todos a já tradicional e habitual “sopa do pote”, feita em pote de ferro fundido e lentamente cozinhada ao sabor das quentes brasas que nem o frio do momento conseguiu apagar.

Em mais um ano consecutivo, a “Gerês Extreme Marathon” mostrou ser uma ótima oportunidade para dar a conhecer uma das mais belas regiões de Portugal, as suas gentes, os seus costumes e a sua gastronomia, não só aos milhares de atletas nacionais que participaram e suas famílias, bem como aos atletas internacionais cuja participação vai aumentando ano após ano, revelando-se, desta forma, um importante “porta-estandarte” na promoção de Portugal, do Minho e em particular do Parque Nacional Peneda-Gerês.



Nas restantes provas competitivas os resultados foram os seguintes:

21Km (masculino)

– Paulo Mendes (individual) – 01:20:08;

– Emil Krhel (LAUFSPORT SAUKEL B_FASTER) – 01:22:40;

– Nuno Fernandes (CLUBE ATLETISMO DE FAFE) – 01:22:56.

21Km (feminino)

– Diana Sousa (CENTRO CICLISTA DE GONDOMAR) – 01:37:47;

– Anita Costa (ROYAL WELLNESS CENTER) – 01:48:50;

– Rita Ribeiro (CORRER LISBOA) – 01:49:15.

13 km (masculino)

– José Pereira (AMA): 00:49:22;

– Ricardo Castro (SOCIEDADE RECREATIVA CEPANENSE) – 00:51:05;

– Nuno Carneiro (CLUBE ZUPPER) – 00:51:37.

13 km (feminino)

– Cristiana Ferreira (RUNNING ESPINHO) – 00:59:53;

– Sandra Araújo (TEAM GINÁSIO CORPOS 3) – 01:04:33;

– Tatiana Silva (LION RUNNERS – G.D. LEÕES DA GUARDA) – 01:07:10.

42Km Estafetas

– GRUPO DESPORTIVO UNIDOS DO CANO – 03:02:06;

– CENTRO CICLISTA DE GONDOMAR 1 – 03:03:29;

– GRUPO DESPORTIVO SANTANDER TOTTA – 03:04:55.

 

Fonte e fotos: CSNE.

“That’s All Digital” leva ao IPCA alunos de secundárias de todo o país

Junho 26, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Entre hoje e sábado, cinquenta alunos de escolas secundárias de todo o país participam na academia “That’s All Digital – Semana do Digital” do IPCA.

O programa inclui atividades dentro do Campus, com experiências digitais, audiovisuais, de robótica e de simulação empresarial/desafios de gestão. Procura, também, dar a conhecer a região e a cidade de Barcelos.

De acordo com a organização, o “objetivo é proporcionar uma experiência única e enriquecedora para todos os participantes, permitindo-lhes o contacto com uma nova realidade, experimentar novos desafio e levar consigo o que de melhor o IPCA e a região têm para oferecer”.

Na academia “That’s All Digital”, os 50 jovens, selecionados entre mais de 200 candidatos, terão, assim, a oportunidade de participar numa experiência inesquecível. Esta academia é uma organização conjunta do IPCA e da Fórum Estudante.

O programa arranca com o Peddy-Paper “Get to Know Barcelos”, durante a tarde desta segunda-feira, logo após a sessão de boas-vindas, prevista para as 14h00.

Na terça-feira, depois de uma manhã dedicada às tecnologias de captura de movimentos para videojogos, passarão a tarde no Óquei de Barcelos, onde terão contacto com a modalidade e com as tecnologias utilizadas.

Na quarta-feira, o programa será preenchido, de manhã, com atividades relacionadas com os drones e algumas das tecnologias aplicadas na área da medicina. A tarde será dedicada ao mundo do audiovisual, designadamente com a visualização de filmes de animação criados no IPCA e que têm recebido vários prémios nacionais e internacionais.

A quinta-feira será inteiramente dedicada a explorar a região do Gerês, ficando a conhecer um dos mais belos parques naturais do país.

A próxima sexta-feira será preenchida com a participação em workshops na área da gestão e do marketing, seguindo-se uma visita à P&R Têxteis, empresa de Barcelos onde são produzidos fatos de atletas de elite como Usain Bolt e Nelson Évora.

A Semana do Digital do IPCA termina no sábado de manhã, com uma visita ao Museu de Olaria, em Barcelos, e um ateliê dedicado ao artesanato.




Fonte e imagens: IPCA.

Pin It on Pinterest

Ir Para Cima