Tag archive

Pedro Silva

42º Circuito de Santa Marta de Portuzelo: ACR Roriz com vitórias individuais e coletivas

Agosto 17, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora




Dia 15 de agosto, feriado, foi o dia escolhido pela Associação de Ciclismo do Minho e pelo Grupo Desportivo do Centro Paroquial de Santa Marta de Portuzelo para organizarem o já tradicional Circuito de Santa Marta de Portuzelo, na sua 42ª edição.

Este 42º Circuito integrava atividades de destreza para as categorias de pupilos/benjamins e provas em linha para iniciados, infantis, juvenis, cadetes e juniores. Era, igualmente, pontuável para a Taça do Minho de Ciclismo de Estrada – Arrecadações da Quintã.

Assim, e como o título da notícia informa, a equipa ACR RORIZ SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS&ARAÚJO/FRULACT marcou presença, conseguindo conquistar alguns lugares de realce, em todos os escalões que competiu.

Em juniores, o melhor posicionado da equipa de Roriz foi Pedro Lopes, com o 5º lugar. José Vieira (16º), João Salgado (22º), Carlos Vale (34º), Luís Barbosa (36º) e João Sousa (37º) foram os restantes elementos da equipa a competirem. Coletivamente, conseguiram um bom 5º lugar.

Pedro Lopes (à direita)

Já em juniores femininos, Débora Figueiredo conquistou um grande 2º lugar, apenas atrás de Jéssica Ribeiro, da ACD MILHARADO/ESCOLA DE CICLISMO MANUEL MARTINS.

Entrando no escalão de cadetes, começam os títulos da equipa rorizense. Pedro Silva foi o grande vencedor deste escalão, conseguindo levar de vencida, ao sprint, os demais adversários. João Lobo (4º), Manuel Barbosa (10º), Bruno Silva (11º), Lucas Braga (12º), Flávio Fernandes (17º), César Eiras (43º) e Pedro Gonçalves (46º) foram os outros elementos rorizenses a competir no escalão.

Pedro Silva (ao centro)

Por equipas, a ACR RORIZ SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS&ARAÚJO/FRULACT conseguiu um excelente 1º lugar, num pódio que teve a outra representante barcelense, CENTRO CICLISTA DE BARCELOS, no 2º lugar de um pódio fechado pela MAIA.

No que às Escolas concerne, em Juvenis, Diogo Saleiro foi o melhor classificado, em 4º lugar. Sérgio Saleiro (8º), Luís Lobo (11º), João Serre (12º), Diogo Carreiras (18º) e Guilherme Rodrigues (33º) foram os restantes elementos a competir.

 

 

Neste escalão mas em femininos, Nicole Gonçalves conseguiu um grande 2º lugar, atrás de Beatriz Pereira (CRC/GARBO/MÓDULO 60) e à frente de Marisa Ferreira (BAIRRADA).

Adelaide Palmeira (à direita) em representação de Nicole Gonçalves

 

Nos Infantis, mais uma conquista para a ACR RORIZ. João Martins foi o autor da proeza, conquistando o escalão. Gabriel Baptista (11º), Henrique Lopes (12º), Dinis Saleiro (14º), Diogo Miranda (15º), Paulo Fernandes (19º), Guilherme Boas (21º) e Rodrigo Rodrigues (34º) foram os restantes competidores rorizenses.

Com apenas dois atletas a competirem nos Iniciados, Leandro Martins conquistou um bom 5º lugar e Gonçalo Rodrigues ficou em 8º.

Já nos Pupilos/Benjamins, o já habitué dos pódios, Dinis Carreiras, conquistou um grande 2º lugar. Afonso Pereira, em 13º, foi o outro representante presente.

Nos femininos, conquistados por Sofia Loução (ESCOLA DE CICLISMO ARCA DE NOÉ/GAIA), Adelaide Palmeira conseguiu um bom 5º lugar.

No somatório final, coletivamente, a grande vencedora foi a ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT, suplantando a SILVA&VINHA/ADRAP/SENTIR PENAFIEL (2ª) e a TENSAI/SAMBIENTAL/SANTA MARTA (3ª).

Fotos: ACM/Jorge Almeida.

“32º Prémio Cidade de Barcelos” marcado pelo sucesso e com equipas barcelenses em destaque

Agosto 14, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora




Realizou-se ontem, dia 13 de agosto, o 32º Prémio Cidade de Barcelos, destinado aos escalões de escolas, cadetes e juniores, sendo pontuável para a Taça do Minho de Ciclismo de Estrada – Arrecadações da Quintã.

A prova foi organizada em conjunto pelo Centro Ciclista de Barcelos e pela Associação de Ciclismo do Minho, com o apoio da Câmara Municipal de Barcelos, AFF Eletrodomésticos, Onda, Orbea, Federação Portuguesa de Ciclismo, Arrecadações da Quintã, Cision, Raiz Carisma – Soluções de Publicidade, POPP Design, Controlsafe e Ciclismo a fundo (revista oficial).

Começando pelos mais “crescidos”, os juniores, a vitória sorriu a João Dinis (RÁDIO POPULAR/ BOAVISTA – FORMAÇÃO) que, por uma nesga venceu Diogo Vieira (TENSAI/ SAMBIENTAL/ SANTA MARTA). Ambos os ciclistas adiantaram-se ao pelotão e, quando Diogo Vieira já festejava a vitória, João Dinis, num assomo de força e “sangue-frio”, conseguiu desfeitear o seu opositor, levando-o de vencida. João Salgado (ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT), que entrou na reta da meta em forte “luta” pela vitória com estes dois corredores, acabou por ficar em 3º lugar, a 2 segundos deles.

O pelotão chegou logo de seguida, a 6 segundos do vencedor. Nele, vinham os restantes atletas das equipas barcelenses que disputaram esta prova, a ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT (ACRR) e o CENTRO CICLISTA DE BARCELOS/ AFF/ ORBEA/ ONDA (CCB). Pedro Lopes (6º – ACRR), Fábio Costa (8º – CCB), Hugo Alves (12º – CCB), João Afonso (13º – CCB), João Lopes (14º – CCB), Juliano Silva (24º – CCB), José Vieira (25º – ACRR) e Carlos Vale (26º – ACRR) foram os atletas que concluíram a prova. Infelizmente, José Dias (CCB) não terminou.

Por equipas, a vitória recaiu para a TENSAI/ SAMBIENTAL/ SANTA MARTA, com o CENTRO CICLISTA DE BARCELOS/ AFF/ ORBEA/ ONDA a conseguir um grande 3º lugar e a ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT um bom 5º lugar.

Em cadetes femininos, sem atletas barcelenses em prova, a vitória foi para Joana Pereira, da 5 QUINAS/ MUNICÍPIO DE ALBUFEIRA.

Num breve apontamento, de referir que Maria Barros (1ª – Elite), da CC SPOL, e Patrícia Viana (2ª – Sub23 Femininos), da TENSAI/ SAMBIENTAL/ SANTA MARTA, também participaram nesta prova.

Passando para os cadetes, o domínio barcelense foi quase “avassalador”. Senão, vejamos, no top 10 final apenas 2 atletas não representam equipas barcelenses: Enzo Andrade (3º – UNION CYCLISTE CHOLET) e Marco Marques (10º – TENSAI/ SAMBIENTAL/ SANTA MARTA). De resto, todos os restantes lugares foram ocupados por atletas da ACRR e do CCB. A prova foi disputada ao sprint por um grupo que se poderá considerar como tendo sido o pelotão.

Assim, a vitória sorriu a Pedro Silva (ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT), sendo que o 2º classificado foi João Martins (CENTRO CICLISTA DE BARCELOS/ AFF/ ORBEA/ ONDA).

Os restantes representantes barcelenses foram: Lucas Braga (4º – ACRR), Rui Alves (5º – CCB), Manuel Barbosa (6º – ACRR), João Lobo (7º – ACRR), Luís Leite (8º – CCB), Flávio Fernandes (9º – ACRR), João Carvalho (12º – ACRR), João Silva (18º – CCB), Bruno Silva (19º – ACRR), David Duarte (22º – CCB), Vítor Costa (26º – ACRR), João Munhoz (32º – CCB), Sandro Macedo (36º – ACRR) e César Eiras (42º – ACRR).

Por equipas, o “brilharete” barcelense foi, claro, de grande destaque. Assim, a ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT conquistou um excelente 1º lugar e o CENTRO CICLISTA DE BARCELOS/ AFF/ ORBEA/ ONDA um, não menos espetacular, 2º lugar.


Em juniores femininas, sem representantes barcelenses, a vitória foi para Jéssica Ribeiro, da ACD MILHARADO/ ESCOLA DE CICLISMO MANUEL MARTINS.

Na vertente de Escolas, iniciando pelos juvenis, o vencedor foi Luís Lobo, da equipa de Roriz. Os restantes barcelenses a lograrem competir neste escalão, conseguiram alcançar bons resultados. Assim, Diogo Saleiro (10º – ACRR), Diogo Silva (11º – CCB), Nicole Gonçalves (16ª – ACRR), João Serre (19º – ACRR), Gonçalo Costa (22º – CCB), Diogo Carreiras (23º – ACRR), Sérgio Saleiro (33º – ACRR) e Guilherme Rodrigues (36º – ACRR) foram quem representou as terras de Barcelos neste escalão.

Em infantis, a vitória foi para Pedro Brandão, da ESCOLA DE CICLISMO ARCA DE NOÉ/ GAIA. Os representantes barcelenses foram: João Martins (10º – ACRR), Gabriel Baptista (11º – ACRR), Henrique Lopes (14º – ACRR), Dinis Saleiro (16º – ACRR), Diogo Miranda (17º – ACRR), Paulo Fernandes (21º – ACRR), Rodrigo Rodrigues (25º – ACRR) e Hugo Leite (27º – CCB).

Nos iniciados, venceu Joaquim Moreira, da SILVA&VINHA/ ADRAP/ SENTIR PENAFIEL. Apenas com representantes de Roriz, os seus atletas presentes foram: Leandro Martins (4º – ACRR), Gonçalo Rodrigues (5º – ACRR) e Gustavo Fernandes (7º – ACRR).

Finalmente, em pupilos/benjamins, a vitória tornou a ser para um atleta da terra do Galo. Dinis Carreiras, da ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT, foi o grande vencedor. Mas houve mais atletas barcelenses em grande destaque. Assim, Francisco Cardoso, do CENTRO CICLISTA DE BARCELOS/ AFF/ ORBEA/ ONDA conseguiu um grande 3º lugar. Os restantes “pequenos ases” de Barcelos foram: Afonso Pereira (11º – ACRR), Tiago Nkomesha (12º – CCB), Adelaide Palmeira (13ª – ACRR) e André Oliveira (15º – CCB).

Por fim, no que concerne a Escolas, a equipa vencedora foi a SILVA&VINHA/ ADRAP/ SENTIR PENAFIEL. A ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT conseguiu um grande 2º lugar e o CENTRO CICLISTA DE BARCELOS/ AFF/ ORBEA/ ONDA obteve um louvável 8º lugar, sabendo-se que não competiu em todos os escalões.

Fotos: ACM/ Jorge Almeida.

ACR Roriz vence coletivamente a Volta a Portugal de Cadetes, Pedro Silva é 3º e João Carvalho conquista a Montanha

Agosto 8, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Realizou-se, entre os dias 4 e 6 de agosto, a 10ª edição da Volta a Portugal de Cadetes, onde a equipa de Roriz (SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT) esteve em evidência, ao vencer a classificação coletiva. Individualmente, destaca para Pedro Silva, campeão Nacional da categoria, que terminou na 3ª posição da classificação geral individual e João Carvalho, que venceu a classificação da Montanha, conquistando, assim, a Camisola Azul.

A 10ª edição da Volta a Portugal de Cadetes iniciou-se no dia 3, quinta-feira, com uma apresentação formal das equipas, seguida de uma palestra sobre vários assuntos importantes para a formação destes jovens atletas. A ACR Roriz apresentou-se nesta prova com os atletas Pedro Silva, João Carvalho, Manuel Barbosa, João Lobo, Flávio Fernandes, Lucas Braga, João Almeida e Bruno Silva, sob as ordens do treinador Aurélio Lopes.

Os 78,2 quilómetros da etapa inaugural, com início e final na Figueira da Foz, foram disputados sob tempo quente e percorridos a alta velocidade, terminando com uma discussão ao sprint. Juan Ayuso Pesquera foi o mais veloz, relegando o compatriota Miguel Mera (ALUMINIOS CORTIZO-ANOVA) para o segundo lugar e o atleta da ACR Roriz /SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ FRULACT, Pedro Silva, para o terceiro posto, todos, tal como o restante pelotão, com 1h59m10s de corrida.

Os 70,8 quilómetros da segunda etapa, disputados no concelho de Anadia, entre Ferreiros e Curia, terminaram da mesma forma que a etapa anterior, com uma disputa ao sprint. O protagonista foi o mesmo, Juan Ayuso Pesquera venceu e o melhor posicionado da ACR Roriz foi o Pedro Silva na 9ª posição, todos com o tempo do pelotão principal, formado por 44 corredores.

Os últimos 63,4 quilómetros disputaram-se no concelho de Gondomar, integrando a programação de Gondomar Cidade Europeia do Desporto 2017. Sabia-se que esta etapa seria decisiva, porque mais de trinta corredores, onde se encontravam Pedro Silva, Manuel Barbosa e João Lobo, partiram com o tempo do primeiro e porque o final era na exigente subida do centro da cidade para o Monte Crasto.

As expectativas não saíram goradas, sendo uma tirada decisiva e empolgante, com o pelotão a chegar a “conta-gotas”. O melhor na etapa foi João Carvalho (ACR RORIZ/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS& ARAÚJO/ FRULACT), que não entrou nas contas da geral, devido ao atraso do primeiro dia, em que sofreu uma queda violenta. O corredor da ACR Roriz cortou a meta com 8 segundos de vantagem sobre João Macedo (MATO CHEIRINHOS/ VILA GALÉ/ ETOPI). O terceiro foi Daniel Dias (MAIA), a 10 segundos e logo de seguida, na quarta posição, ficou Pedro Silva, a 13 segundos.

Com estes resultados, João Macedo terminou a Volta a Portugal de Cadetes Liberty Seguros dono da camisola amarela, com 2 segundos de vantagem sobre o segundo classificado, Daniel Dias. O terceiro foi Pedro Silva (ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS& ARAÚJO/ FRULACT), a 5 segundos, Manuel Barbosa foi 15º, João Carvalho 17º, Flávio Fernandes 28º, Lucas Braga 44º, João Lobo 46º e Bruno Silva 68º. João Almeida, o outro atleta da equipa rorizense em prova, devido a uma queda violenta, não concluiu.

 

O espanhol Juan Ayuso Pesquera (GINESTAR), que venceu as duas primeiras etapas da competição, segurou uma das classificações que comandava, a de cadetes de primeiro ano. O vencedor da classificação por pontos foi Daniel Dias e o melhor trepador foi João Carvalho.

A ACR RORIZ SEISSA/KTM-BIKESEVEN/ MATIAS& ARAÚJO/ FRULACT foi a grande vencedora da classificação por equipas.

 

Fonte e fotos: ACRR/UVP FPC.

João Carvalho, da ACR Roriz, em 18º no Festival Olímpico da Juventude Europeia

Agosto 2, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

No Festival Olímpico da Juventude Europeia, que decorreu entre 23 e 29 de julho, em Györ, na Hungria, João Carvalho, da ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/FRULACT, e representação da Equipa Portugal, conseguiu um 18º lugar na prova em linha de ciclismo de Estrada.

O ciclista da equipa barcelense foi o atleta melhor posicionado da Equipa Portugal, chegando integrado no pelotão, na 18ª posição, com o tempo de 01h34m57s. O seu companheiro de equipa, Pedro Silva, quando disputava o sprint final para o TOP 10, nos últimos 700m, teve um furo na roda traseira, levando a que não conseguisse terminar no pelotão, quedando-se por um 68º posto.

Daniel Dias (MAIA) era o outro representante da equipa Nacional e foi 32º, com o mesmo tempo de João Carvalho. O vencedor foi o italiano Andrea Piccolo, com o tempo de 01h34m02s.




Fonte: ACRR.

Fotos: DR.

Destaques

Julho 28, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião port barcelosnahorabarcelosnahora
António Matias

Primeiro que tudo quero pedir desculpa por ter demorado tanto a redigir estes comentários, mas mais vale tarde que nunca. Por isso, vamos já direitos aos assuntos que me trouxeram aqui.

As nossas estrelas não nos têm faltado com emoções fortes: primeiro foi a vitória na Bélgica do José Gonçalves. Vencer no pelotão internacional não é para todos e esta vitória é para nós uma enorme alegria e um bom presságio para o que poderá mostrar-nos na Volta a Espanha. Mas antes da Vuelta, onde veremos certamente o José brilhar, acontecerá a Volta a Portugal, onde esperamos, ansiosamente, ver o Domingos Gonçalves “partir a loiça toda”. Ele já nos provou nos campeonatos nacionais que o melhor Domingos está de regresso. Foi maravilhoso o espetáculo que nos proporcionaste no, também maravilhoso, circuito de Gondomar. ”Obrigado Domingos“. Também no campeonato nacional, e nas corridas mais recentes, o João Matias mostrou que está a ficar um ciclista mais consistente, audaz e trabalhador, tendo merecido a confiança dos seus diretores e tê-lo-emos, por isso, presente pela primeira vez na Volta a Portugal, para trabalhar para o seu chefe de fila e eventualmente discutir uma ou outra etapa. “Força João!“ Conta connosco. Nós contamos contigo.

A.C.R. Roriz nos Campeonatos Nacionais

A equipa de cadetes de Roriz, sob o comando do Martinho Machado, deu uma “machadada” na concorrência, pela mão de Pedro Silva, o “matador de serviço”, que venceu no sprint final, num percurso que parecia desenhado à sua medida, com toda a eficiência e grande capacidade que todos lhe conhecemos; aliás, toda a equipa tem demonstrado uma unidade e solidariedade inquebráveis que nos fazem acreditar, a nós dirigentes e também aos patrocinadores certamente, que vale a pena investirmos tudo o que pudermos neste grande grupo de trabalho, tendo a certeza que o retorno desse investimento será sempre satisfatório. Nos juniores, com a falta de um grande sprinter na equipa, e num percurso plano com uma subida curta no final, era complicado para os nossos trepadores conseguirem chegar ao pódio. Foi neste contexto que apareceu o nosso Hélder “Sagan” Gonçalves a discutir uma posição no pódio, no sprint final. Não ganhámos nenhuma medalha mas, certamente, ganhámos um grande ciclista, para estar aqui na próxima época e levar a camisola de campeão para casa. Estou contigo, Hélder.




Quanto à Volta a Portugal de Juniores, não pude estar lá por motivos de saúde mas tendo em linha de conta a importância desta prova e a maneira quase profissional como todas as equipas portuguesas a encaram, não posso deixar de estar feliz pois, com o sexto lugar do Pedro Lopes, na geral individual, melhorámos o record da nossa melhor classificação de sempre, que pertencia ao Francisco Moreira, com o seu sétimo lugar no ano passado. Já agora, destaco aqui o nosso primeiro ciclista júnior a atingir o top-ten na volta, Ricardo Oliveira de seu nome, “Vilela” entre os amigos.

Em destaque no campeonato Nacional de juniores, esteve, sem dúvida, o Fábio Costa. Destaco-o, não só porque é barcelense mas, também, porque gosto da sua maneira de correr. O ciclismo precisa de corredores de ataque como tu, pois vocês são o “sal” do espetáculo monótono que é o ciclismo sem fugas. Tu foste campeão em Castelo de Vide! (haja quem me desminta.)

Saudações desportivas. Boas férias. Todos à Volta (de coisas boas)!

Por: António Matias*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

João Carvalho e Pedro Silva, da ACR Roriz, representam Portugal no Festival Olímpico da Juventude Europeia

Julho 22, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

João Carvalho e Pedro Silva (na imagem de destaque, os dois atletas imediatamente à esquerda de Rosa Mota), atletas da ACR RORIZ SEISSA/ KTM-BIKESEVEN/ MATIAS&ARAÚJO/ FRULACT, foram seleccionados para representar Portugal no Festival Olímpico da Juventude Europeia, que decorre na cidade húngara de Györ, entre dia 23 e 29 de julho, com um total de 4.000 atletas, com idades entre 13 e 18 anos, em representação de 50 Comités Olímpicos Europeus.




Na passada sexta-feira, a Missão Portuguesa ao Festival Olímpico da Juventude Europeia (FOJE) foi apresentada, na sede do Comité Olímpico de Portugal (COP), e contou com a presença do Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues e de Rosa Mota, campeã olímpica da maratona e vice-presidente do COP.

João Carvalho,Pedro Silva, José Poeira e João Carvalho (mecânico) com o Ministro da Educação e Rosa Mota

Esta será a 14ª edição do FOJE e a Missão Portuguesa, composta por 53 atletas, será chefiada por Catarina Monteiro, tendo Filipe Jesus como adjunto. As modalidades em que a representação nacional estará envolvida são o Atletismo (16 elementos), Canoagem (6), Ciclismo (5), Ginástica (4), Judo (10), Natação (8) e Ténis (4). A modalidade de Ciclismo terá José Poeira como Chefe de Equipa, Gabriel Mendes como Treinador e João Carvalho como mecânico. Os atletas serão, para além dos barcelenses Pedro Silva e João Carvalho, Daniela Campos, Joana Cortiço e Daniel Dias.

Na história das representações portuguesas no FOJE, três atletas já deixaram a sua presença marcada a ouro na história do FOJE, com a subida ao lugar mais alto do pódio: Sérgio Paulinho ganhou no ciclismo, em Bath’1995 (Inglaterra); Nelson Évora no atletismo (salto em comprimento), em Murcia’2001 (Espanha); e Fernando Pimenta na canoagem, em Lignano Sabbiadoro’2005 (Itália).

João Carvalho, Pedro Silva, Daniel Dias e Joana Cortiço na partida do aeroporto

Por fim, saliente-se que a porta-estandarte da Missão Portuguesa na cerimónia de abertura, no domingo, será a judoca Andreia Loureiro.




Fonte: ACRR e COP.

Fotos: DR.

Pedro Lopes, da ACR Roriz, vence Prémio de Ciclismo Festas de Fafe em juniores

Julho 11, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Pedro Lopes, da ACR RORIZ SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS&ARAÚJO/FRULACT, foi o Grande Vencedor na categoria de Juniores do Prémio de Ciclismo Festas Cidade de Fafe, prova pontuável para a Taça do Minho de Estrada, com uma distância de 64 km e que decorreu no passado dia 8 de julho.

O atleta da ACR Roriz evidenciou-se, muito cedo, na corrida, ao entrar numa fuga com mais 2 ciclistas, que com o passar dos quilómetros recebeu mais atletas, que se juntaram à frente da corrida, entre os quais o seu colega de equipa José Vieira.

José Vieira viria a ser crucial no desenrolar da prova, com um trabalho incansável na resposta aos “ataques” dos mais diretos adversários, levando a que a corrida se discutisse num sprint final, onde o Pedro Lopes foi o grande Vencedor.

Para além desta vitória, destaca-se o 7º lugar de José Vieira, salientando-se o bom trabalho desempenhado pela restante equipa, onde Renato Costa termina na 12ª posição e Carlos Vale, vítima de avaria, é 24º classificado. João Araújo, João Sousa e João Salgado não concluíram. Com estes resultados a equipa terminou no 3º posto.



 

Pedro Silva é terceiro em dia de mais uma vitória coletiva de cadetes

A formação dos cadetes também esteve em especial destaque ao vencer, coletivamente, este Prémio de Ciclismo.

A corrida teve a distância de 42 km, sendo que a partir do quilómetro 20 o ritmo imposto pelos principais elementos do pelotão levou a que ficasse um grupo restrito na frente, com 13 atletas, entre os quais seis atletas da ACR Roriz, o Campeão Nacional de Cadetes, Pedro Silva; o Campeão Minhoto, Manuel Barbosa; Flávio Fernandes, João Lobo, João Almeida e Lucas Braga.




A decisão foi deixada para os metros finais onde, ao sprint, Pedro Silva foi 3º, Manuel Barbosa 5º, Lucas Braga foi 7º, João Lobo 8º, João Almeida 9º e Flávio Fernandes 10º. Momentos depois, chegou Vítor Costa, na 16ª posição, e Nuno Fernandes, no 20º lugar. Por equipas, a ACR Roriz foi a vencedora.

Fonte: ACRR.

Fotos: ACRR/ACM/Jorge Almeida.

Pedro Silva, da ACR Roriz, sagra-se Campeão Nacional de Estrada em cadetes

Julho 4, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Pedro Silva, da ACR RORIZ SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS & ARAÚJO/FRULACT, sagrou-se, no passado sábado, campeão nacional de fundo na categoria de cadetes, impondo-se ao sprint no final da corrida de 79,5 quilómetros, disputada em Castelo de Vide.

A corrida teve três voltas ao circuito, de 26,7 quilómetros, cuja maior dificuldade estava no último quilómetro. Nas duas voltas iniciais, o pelotão “partiu-se” em cada passagem pela meta, muito por ação da equipa de Roriz, SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS&ARAÚJO/FRULACT.

Apesar das movimentações, foi um grupo numeroso que iniciou a última subida para a meta. A prova acabou por decidir-se numa intensa disputa ao sprint. Pedro Silva levou a melhor, ao fim de 2h16m56s de corrida. O campeão nacional de contrarrelógio, João Macedo (ASS. 20 KM ALMEIRIM/RESTAURANTE O FORNO) foi segundo e o barcelense João Carvalho (SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS & ARAÚJO/FRULACT) fechou o pódio.

 

“A equipa trabalhou muito para este resultado. Nas duas primeiras voltas colocámos sempre muitos corredores nos grupos que se destacaram. Na chegada, o segredo da vitória foi esperar pelo momento certo para lançar o sprint e vencer”, conta o campeão nacional de cadetes, Pedro Silva.

Para além destes dois fantásticos resultados de Pedro Silva e de João Carvalho destaca-se uma excelente prestação de toda equipa de cadetes que resultou, ainda, no 8º lugar do Lucas Braga, Flávio Fernandes foi 23º, Bruno Silva 30º, João Almeida 32º, Manuel Barbosa 33º, Sandro Macedo 41º, Nuno Fernandes 48º e João Lobo 62º. Vítor Costa, vítima de queda, não concluiu.




Hélder Gonçalves e Pedro Lopes perto das medalhas

Já no domingo, realizou-se a prova destinada ao escalão Júnior, onde Hélder Gonçalves ficou muito perto das medalhas, ao terminar no 4º lugar. Destaque, ainda, para o 6º lugar de Pedro Lopes.

Os atletas juniores tiveram pela frente 133,5km (cinco voltas ao circuito de 26,7 quilómetros), com temperaturas a rondar os 40ºC, que aumentou, em muito, as dificuldades que os atletas tiveram de superar.

João Salgado, da SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS & ARAÚJO/FRULACT, o, também barcelense, Fábio Costa, do CC BARCELOS/AFF/ORBEA/ONDA, Francisco Guerreiro, da SICASAL/LIBERTY SEGUROS/BOMBARRALENSE, Francisco Marques, da ACD MILHARADO/EC MANUEL MARTINS e Wilson Esperança, igualmente da SICASAL/LIBERTY SEGUROS/BOMBARRALENSE saíram do pelotão na primeira das cinco voltas e animaram, de forma hegemónica, a primeira metade da corrida.

Com o avolumar dos quilómetros percorridos, a frente de corrida foi perdendo elementos e foi vendo aproximar-se o grupo dos favoritos, que deram um primeiro ar da sua graça à entrada para a quarta das cinco voltas. Nessa altura, os principais candidatos aceleraram e provocaram o primeiro abalo num pelotão já devastado pelo calor.

Fábio Costa (CENTRO CICLISTA DE BARCELOS) foi o único dos escapados que resistiu, entrando na volta final isolado, com quase 3 minutos de vantagem sobre o grupo principal, ao qual era abusivo chamar pelotão, uma vez que estava formado por apenas 13 corredores, onde se encontrava Hélder Gonçalves, Pedro Lopes e Francisco Moreira, da ACR RORIZ.

Guilherme Mota (CC ALCOBAÇA) saiu do grupo perseguidor e foi galgando terreno durante toda a volta final, aproximando-se de Fábio Costa, que resistia na dianteira, mas dava mostras de ceder ao cansaço de uma corrida toda feita em fuga. Na última subida da prova, Guilherme Mota passou direto por Fábio Costa e avançou, decidido, para a conquista do título nacional de juniores. No grupo dos candidatos não houve reação e Fábio Costa ainda viu coroado o esforço com o segundo lugar. Na terceira posição chegou Daniel Ramos (BAIRRADA) e, 14 seg. depois, o barcelense Hélder Gonçalves (SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS & ARAÚJO/FRULACT) na 4ª posição. Pedro Lopes (SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS&ARAÚJO/FRULACT) foi o segundo, no grupo dos perseguidores, terminando no 6º posto, sendo que Francisco Moreira foi 21º e José vieira finalizou na 50ª posição. Carlos Vale, Renato Costa, João Salgado Vinicio Rodrigues e João Araújo não concluíram.

Fonte e fotos: ACRR.

Pedro Silva e João Carvalho, da ACR Roriz, são 4º e 5º no Campeonato Nacional de Contrarrelógio de cadetes

Julho 4, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Na última sexta-feira, a freguesia de Póvoa e Meadas, concelho de Castelo de Vide, recebeu os campeonatos nacionais de contrarrelógio para cadetes e juniores, onde os atletas da equipa SEISSA/KTM-BIKESEVEN/MATIAS&ARAÚJO/FRULACT estiveram na discussão pelos lugares cimeiros.

Em Cadetes, Pedro Silva e João Carvalho foram 4º e 5º Classificados, a escassos 28 e 29 seg., respetivamente, do vencedor, João Macedo (ASS. 20KM, de Almeirim). Manuel Barbosa, da equipa barcelense, também esteve em bom plano, ao terminar no 11º lugar, entre os 39 atletas que disputaram esta competição.

Nos Juniores, a prova ficou marcada por uma participação mais discreta dos atletas barcelenses, onde Francisco Moreira foi 13º, Pedro Lopes 15º e Renato Costa 24º, numa competição onde estiveram 53 atletas.




Fonte: ACRR.

Fotos: ACRR e ARN-Ricardo Dias.

Óquei de Barcelos com o plantel completo

Julho 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Apesar das cinco saídas – Luís Querido para o Lodi e Reinaldo Ventura para o Viareggio, de Itália; Miguel Vieira para o Benfica; Álvaro Morais para o FC Porto, e o abandono da modalidade do guarda-redes João Pereira “ Ginho “ – a equipa barcelense conseguiu compor o grupo para a próxima época.

Foi em Itália, destino de Querido e Ventura, que a direção do Barcelos encontrou reforços.

Destaque para a aquisição do goleador português, Mário Rodriguez “ Marinho “, ex-Follonica, e para o espanhol, defesa, Juan López, ex-Cremona.

A nível interno, contratou João Almeida, ex-Valongo, e promoveu Afonso Lima, que completou o último ano de júnior, e Pedro Silva, este último, ainda júnior.

O grupo para a próxima temporada terá onze jogadores, juntando-se a continuidade de Ricardo Silva, André Almeida, Hugo Costa, Zé Pedro, Joca Guimarães e Rúben Sousa.

Com a classificação obtida na época passada, quinto lugar, o OC Barcelos vai disputar a II edição da “Elite Cup”, em Coimbra, nos dias 5, 6 e 7 de outubro, defrontando, no primeiro dia, o quarto classificado, o Sporting CP.

Neste evento, que coloca em pista os oito primeiro classificados, o FC Porto defronta o Valença, o Benfica a AD Valongo e a Juventude de Viana joga com a Oliveirense.




Plantel do OC Barcelos:

Guarda-redes: Ricardo Silva e André Almeida;

Jogadores de pista: Zé Pedro, Juan López (ex-Cremona), Rúben Sousa, Afonso Lima (ex-júnior), Hugo Costa, Mário Rodriguez “Marinho“ (ex-Follonica), Joca Guimarães, Pedro Silva (júnior) e João Almeida (ex-Valongo);

Treinador: Paulo Pereira.

Em foto de destaque, os reforços, Pedro Silva (1), Afonso Lima (2), Juan López (3), João Almeida (4) e Mário Rodriguez “Marinho” (5).

Texto e foto: Miguel Bastos.

Ir Para Cima