Tag archive

Vítor Tormena

Gil Vicente: Vítor Tormena lança jogo frente ao Famalicão

Abril 6, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Pelas 16h00 deste sábado, o Estádio Municipal 22 de Junho recebe, a contar para a 32ª jornada da Ledman LigaPro, o jogo FC Famalicão-Gil Vicente FC.



O central brasileiro do Gil Vicente, Vítor Tormena, analisou o momento atual da equipa, o jogo frente ao Famalicão e a sua adaptação a Portugal e ao Gil Vicente.

Tormena salientou que a equipa está mais confiante, fruto dos resultados, nomeadamente, da vitória no último jogo, frente ao um dos líderes e candidato à subida, o Penafiel. “Uma vitória como esta, em casa, contra uma boa equipa como a deles, só dá confiança a todos. Conseguimos uma coisa que era muito esperada, que era sair da zona de despromoção e agora só pretendemos melhorar, ficar o mais longe possível. Esse é o objetivo de todos”, salientou.

Tal como em conferências anteriores, quer ao treinador, quer a outros colegas de equipa, Vítor Tormena também foi questionado sobre se haveria mais e novas etapas a conquistar pela equipa gilista. “Nós pretendemos, independentemente de o jogo ser em casa ou ser fora, respeitando o adversário, entrar nos jogos para somar pontos. Pensando sempre no próximo jogo. O melhor possível que pudermos ficar, longe da zona de despromoção, para nós é perfeito”, afirmou.

Sobre o adversário deste jogo, o central gilista salientou que trabalharam e estudaram muito bem o Famalicão, ao longo da semana de trabalho, para saberem os seus pontos fortes e pontos fracos. “Sabemos que é uma equipa boa, que na 2ª Liga não há jogos fáceis, independentemente do jogo ser fora ou em casa. Nós conquistámos, no último jogo, uma coisa muito importante, que foi sair da zona de despromoção. Isso deu-nos mais ‘gás’. Nós vamos lá para discutir o jogo, de igual para igual, e procurar a vitória”, ressalvou.

Vítor Tormena está a gosta da sua experiência em Portugal e no Gil Vicente. “Tenho gostado. Pensei que ia demorar a adaptar-me mas em um mês já estava adaptado”, ele que elogiou o grupo de trabalho, a equipa técnica e a administração, a quem só tem a agradecer “por tudo”.

Com a melhoria nos resultados e na tabela classificativa, nota-se, igualmente, uma melhoria no rendimento da equipa, com a chegada desta nova equipa técnica. Tormena salienta que a chegada deste novo treinador, e restante equipa técnica, trouxe a confiança que havia dentro de cada um dos jogadores. “Sabíamos que o grupo tinha qualidades mas estavam todos meio desmotivados pela falta de ganhar jogos. Ele chegou e conseguiu tirar isso de cada atleta, de uma forma diferente. Em união, juntos, abraçámos a ideia e estamos a ir bem”, disse.

Por fim, Vítor Tormena lançou um apelo aos adeptos para que se mobilizem e se desloquem a Famalicão para apoiar a equipa. “Eu gostaria de chamar todos os adeptos para assistir ao jogo, para nos acompanhar nesta fase final, e importante, do campeonato. E uma coisa posso garantir, independentemente se ganharmos ou perdermos, nós vamos correr até ao último minuto em busca dessa vitória e vamos tentar sair de lá com os três pontos”, terminou.

Gil Vicente vai ao Seixal derrotar o Benfica B por 1-2

Março 18, 2018 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

O Caixa Futebol Campus, no Seixal, recebeu mais um jogo da Ledman LigaPro, a contar para a 30ª jornada. No caso, o SL Benfica B vs. Gil Vicente FC, que terminou com a vitória barcelense por 1-2.



Arbitrado por Bruno Rebocho (AF Lisboa), coadjuvado por António Franco e Luís Diogo, sendo António Godinho (AF Setúbal) o 4º árbitro, a equipa B benfiquista alinhou de início com Zlobin, Heriberto Tavares, Parks (Carter, 86’), Ferro, Pedro Amaral, Gedson, Lystcov, João Félix, Alex Pinto, Florentino (Chrien, 71’) e José Gomes (Willock, 64’). No banco ficaram Fábio Duarte, Kalaica, Diogo Mendes e Sandro Ramírez.

Já o Gil Vicente alinhou com João Costa, Ricardinho, Vítor Tormena, Sandro, Gabriel, Jonathan Rubio, Alphonse (Miguel Abreu, 77’), André Fontes (Frédéric Maciel, 88’), Camara (Fall, 69’), James Igbekeme e João Vasco. No banco ficaram Rui Sacramento, Dimba, Rui Faria e Henrique Brito.

Os benfiquistas começaram melhor, com o russo Lystcov a abrir o marcador, logo aos 6 minutos. Os gilistas equilibraram e empataram, por intermédio do guineense Camara, aos 26 minutos. O jogo manteve-se equilibrado e ao intervalo o marcador apontava um empate a 1 golo.

O reinício de jogo trouxe uma equipa gilista mais acutilante, com o ponta de lança João Vasco a colocar os gilistas na frente do marcador. A partir daqui, a equipa gilista esteve sempre mais por cima do jogo, controlando os poucos “fogachos” benfiquistas. Mesmo quando teve que substituir Alphonse por lesão, a equipa não se desfigurou e continuou a controlar os acontecimentos, levando a vitória até ao final do jogo, por 1-2.

A estatística ditou um Gil Vicente mais rematador (14-12) e com mais cantos a favor (7-5). O Benfica B teve mais posse de bola (51%-49%) e mais faltas cometidas (21-13).

Na disciplina, Heriberto Tavares (81’) e Ferro (90’) pelos benfiquistas; João Costa (82’) pelos gilistas, foram os admoestados com a cartolina amarela. Já o capitão benfiquista Ferro, aos 95’, é expulso com cartão vermelho direto.

Vítor Tormena salientou, na flash interview à Benfica TV, que a união e o espírito de sacrifício da equipa foi a chave para a vitória.

No próximo domingo, 25 de março, pelas 16h00, o Gil Vicente recebe um dos candidatos à subida, o Arouca, num jogo em atraso a contar para a 29ª jornada.Com esta vitória, os gilistas somam 30 pontos, colam-se aos lugares de salvação, ficando a apenas 1 e 2 pontos desses lugares, mas com um jogo a menos em relação a União da Madeira e Sporting B, respetivamente.

Imagem: BTV (alterada).

Gil Vicente empata a 1 golo com SC Braga B

Novembro 25, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

Em jogo disputado hoje, pelas 15h00, no “velhinho” Estádio 1º de Maio, em Braga, o Gil Vicente FC defrontou a equipa B do SC Braga, ficando os pontos divididos entre as duas equipas, em jogo a contar para a 14ª jornada da LEDMAN LigaPro.



O árbitro do jogo foi Hélder Malheiro (AF Lisboa), coadjuvado por Rui Cidade e Tiago Rocha, com Inácio Pereira como 4º árbitro.

Os arsenalistas, treinados por João Aroso, alinharam de início com Tiago Sá, Bruno Wilson, Rui Silva, Simãozinho, Lucas, Loum (Edelino Ié, 75’), Singh, Thales, Trincão (Ogana, 66’), Didi e Erick (Muric, 86’). No banco ficaram Filipe Ferreira, Dinis, André Ribeiro e Midana.

Já os gilistas, treinados por Jorge Casquilha, alinharam com Rui Sacramento, Luiz Eduardo, Vítor Tormena, Gabriel, Luís Tinoco, André Fontes, Jonathan Rubio (Henrique, 86’), Camara (Rui Miguel, 70’), Miguel Abreu (Reko, INT), James Igbekeme e Fall. No banco ficaram Júlio Neiva, Sandro, João Pedro e Ricardinho.



Enquanto os homens de Barcelos voltaram para casa sem cartões, os da casa foram “presenteados” com dois cartões amarelos, nomeadamente, a Loum (62’) e a Singh (93’).

Foi um jogo bem disputado, com o resultado a ficar definido na primeira parte. Marcaram primeiro os da cidade dos arcebispos, por intermédio de Trincão, aos 22 minutos. Após um livre marcado por Luís Tinoco, bombeando a bola para a área, Bruno Wilson corta para canto,evitando que a bola chegasse a Miguel Abreu. Na marcação do canto, e em lance estudado, Luís Tinoco mete a bola na área, gera-se uma confusão e, numa espécie de bonança, Vítor Tormena, num gesto técnico de nota artística alta, coloca a bola na baliza, de calcanhar. Esta ainda desvia em Bruno Wilson e segue caminho para o fundo das redes. À primeira vista, este foi um autogolo do defesa bracarense mas a página oficial da Liga atribuiu, pelo menos, por enquanto, o golo ao centra brasileiro dos gilistas.

Gilistas celebram o golo

Na segunda parte, as equipas tentaram chegar ao golo da vitória, com Casquilha a arriscar, apostando no ataque, retirando um médio e colocando o ponta de lança Rui Miguel. No entanto, os esforços de ambas as equipas saíram gorados, com o empate a 1 a subsistir até ao fim.

O jogo tem o Braga B com 54% de posse de bola e o Gil Vicente com 46%. Os homens de Barcelos fizeram mais faltas (20 contra 10) e beneficiaram de mais cantos (6 contra 3). Tal como no resultado final, as equipas empataram em remates: 10 cada uma.

Desta forma, o Gil Vicente FC soma mais 1 ponto, ficando com 19 e subindo, provisoriamente, ao 8º lugar, ex-aequo, com Nacional e Arouca, sendo que estes têm menos um jogo.

No próximo sábado, dia 2 de dezembro, pelas 11h15, os gilistas recebem a Oliveirense, em jogo a contar para a 15ª jornada.

Imagem: GVFC (alterada).

Gil Vicente anuncia mais dois reforços

Junho 27, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

O Gil Vicente Futebol Clube anunciou, hoje, mais duas contratações para a nova época: Vítor Tormena e Issa Baradji.

O primeiro, de nome completo, Vítor Tormena de Farias, tem 21 anos, é defesa central, de 1.92m, e natural de Marília, no Brasil. Depois do percurso nas camadas jovens do São Paulo, foi emprestado ao Grêmio Novorizontino, de onde se transfere para a equipa gilista.

Já Issa Baradji é franco-maliano, natural de Créteil (França), tem 22 anos, é avançado (1.86m) e vem do Red Star 93, de França. Antes, passou pelo Guingamp, AC Ajaccio, White Star (Bélgica) e Colmar. Representou por três vezes a seleção do Mali no Torneio de Toulon (2016).

Foto: GVFC.



Ir Para Cima