Arquivo Mensal

Outubro 2018 - page 12

Olaria Regional em exposição no Museu de Olaria

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

No passado dia 29 de setembro, no Museu de Olaria de Barcelos, foi inaugurada a exposição “Convergências, divergência e paralelismos: Olaria Regional da Sub-região do Cávado,” que para além dos designers e artesãos que desenvolveram propostas de cerâmica utilitária, contou com a presença da Vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Barcelos, Armandina Saleiro, da Diretora do Museu de Olaria, Cláudia Milhazes e da Diretora da Escola Superior de Design, do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA), Paula Tavares.



O resultado patente enquadra-se numa investigação realizada no âmbito do Mestrado em Design e Desenvolvimento do Produto da Escola de Design (IPCA), onde a proximidade possibilitada com o Museu de Olaria foi essencial.  As peças apresentadas baseiam-se na olaria tradicional da região e projetam o seu enquadramento na sociedade e hábitos contemporâneos, incorporando o saber-fazer e as técnicas tradicionais dos artesãos locais.

Durante este processo, consolidou-se uma rede passível de implementar estas abordagens, sendo de relevar a disponibilidade e motivação dos artesãos, o potencial positivo da colaboração institucional, bem como o valor efetivo a nível comercial e cultural da conformação destas peças numa marca ou linha de produtos que, através do design, posicione de forma distinta a olaria de Barcelos em Portugal e no Mundo.

Fonte e fotos: IPCA.

 

Recolha de sangue e medula óssea em Alvito São Pedro

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

A Barcelos Solidário – Benemérita Associação Humanitária dos Dadores de Sangue do Concelho de Barcelos, realiza, a 7 de outubro, uma recolha de sangue e de medula óssea em Alvito São Pedro.



A mesma terá lugar na Junta de Freguesia, entre as 9h00 e as 12h30, e tem o apoio da Junta da União de Freguesias de Alvito (São Pedro e São Martinho) e Couto, das três paróquias e do Instituto Português do Sangue e da Transplantação.

Imagem: BS.

João Afonso, do Centro Ciclista de Barcelos, vence em São João de Ver

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

São João de Ver recebeu a 8ª edição do Memorial aos Ciclistas, tendo João Afonso, do CENTRO CICLISTA DE BARCELOS AFF | ORBEA | ONDA | HM MOTOR, conquistado a vitória no escalão de juniores.



A prova, que decorreu no concelho de Santa Maria da Feira, contou com mais atletas desta formação barcelense.

Assim, em Pupilos/Benjamins, Rodrigo Assunção foi 9º. Em Iniciados, Francisco Cardoso conseguiu a 5ª posição. Em Infantis, Hugo Leite foi 18º e em Juvenis, Rodrigo Neves conseguiu a 7ª posição, enquanto Leonardo Neves sofreu uma queda, quando ia no grupo da frente, tendo mesmo sido obrigado a desistir.

Em Cadetes, David Duarte foi 10º, Juliano Silva 12º, Rui Alves 15º e Luís Leite terminou em 25º.

O ciclista barcelense João Matias foi alvo de homenagem por parte da organização.

Foto: DR.

 

Ténis de Mesa da Casa do Povo de Alvito tem dois novos campeões distritais

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

Ao fim de três fins de semana de muita competitividade, o ténis de mesa da Casa do Povo de Alvito conseguiu, para as suas fileiras, mais dois campeões distritais.



Carlos Xavier Silva sagrou-se campeão distrital de Seniores masculinos depois de obter 14 vitórias e somente 1 derrota nos 15 jogos realizados.  João Costa e Luís Henriques completaram o pódio com as cores de Alvito, obtendo a 2ª e 3ª posições, respetivamente. Foi, portanto, mais um excelente trabalho do clube barcelense.

André Carreiras, o mais recente reforço para as camadas jovens do clube, também se sagrou campeão distrital de Cadetes conseguindo vitórias em todos os jogos realizados, demonstrando uma clara supremacia sobre todos os adversários. De realçar, igualmente, o 3º lugar de Susana Costa, que jogou no escalão superior ao seu e obteve um brilhante resultado, que enche a todos de orgulho.

Campeonato Nacional da 2ª divisão

A equipa “B” da Casa do Povo de Alvito na iniciou da melhor maneira a sua prestação no campeonato nacional da 2ª Divisão, ao perder por 4-1 frente a equipa transmontana de São Cibrão.

Fotos: CPA/DR.

 

Histórica Ponte das Tábuas passa a ser de uso pedonal

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo/Política port

O Município de Barcelos promove a travessia pedonal, em exclusivo, da Ponte das Tábuas, sobre o Rio Neiva, de forma a defender aquela importante construção da rede viária medieval e um dos mais significativos monumentos do Caminho Português a Santiago.



Em causa está a degradação do piso da ponte durante os últimos anos e a impossibilidade de se garantir a estabilidade estrutural, pela circulação de automóveis e principalmente de máquinas agrícolas, que implica um risco para a segurança do monumento e seus utilizadores. A ponte ficará encerrada a todo o trânsito motorizado, destinando-se apenas à passagem de peões e de ciclistas.

O piso da ponte será alvo de obras de conservação e de restauro, para a reposição de algumas lajes degradadas.

A Ponte das Tábuas situa-se na extrema das freguesias de Aguiar, Balugães e Cossourado, e está documentada desde 1135, tendo sido beneficiada durante os inícios do século XVII, por ocasião da reforma viária da Dinastia Filipina.

A antiguidade da ponte atesta a importância do lugar na passagem do rio e por este lado do vale do Neiva, por onde passava a estrada medieval entre o Porto e Ponte de Lima, e por essa via, o acesso mais importante a Compostela em território português, durante as Idades Média e Moderna.

Hoje, ainda é calcorreada por dezenas de peregrinos que todos os dias seguem pelo território de Barcelos, em direção a Santiago de Compostela.

Fonte e foto: CMB.

Concurso Galo Assado está de volta a Barcelos

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo port

Restaurantes procuram o “Galo de Ouro”

O Concurso Galo Assado está de volta à mesa dos restaurantes do concelho. Entre os dias 12 e 14 de outubro, a iniciativa do Município de Barcelos, que vai na sua 13ª edição, convida a provar um dos pratos mais emblemáticos da tradição gastronómica do concelho, juntando treze restaurantes que vão procurar conquistar o “Galo de Ouro”.



Os restaurantes participantes vão confecionar e servir a sua melhor sugestão de galo assado, procurando incluir no prato elementos relacionados com a cultura, as tradições e a identidade da cozinha barcelense. O concurso, que pretende atrair apreciadores e curiosos aos espaços de restauração do concelho, conta com a participação de um júri composto por profissionais de reconhecido mérito, que irá provar as diversas iguarias a concurso e entregar prémios aos três primeiros classificados: Galo de Ouro, Prata e Bronze.

De entre as especialidades gastronómicas disponíveis para consumo está o galo recheado assado no forno, galo na forca, à Tia Alice, galo no espeto, recheado com castanhas à peregrino, recheado assado à moda de Barcelos, recheado no forno, recheado à Solar, à Taberna do Armindo, galo assado e à nossa moda.

Participam nesta edição os restaurantes: Bagoeira (Barcelos); Babette (Barcelos); Casa dos Arcos (Barcelos); Chuva (Barcelinhos); Dom Carlos (Silva); Galliano (Barcelos); Muralha (Barcelos); Pedra Furada (Pedra Furada); Pérola da Avenida (Barcelos); Solar Real (Barcelos); Taberna “O Manhoso” (Tamel S. Veríssimo); Taberna do Armindo (Remelhe) e Vera Cruz (Barcelos).

O Concurso Galo Assado tem como objetivo, de acordo com o Município, “dinamizar o setor da restauração em época baixa e constitui um argumento estratégico de afirmação de Barcelos no produto ‘Gastronomia’ na região do Porto e Norte. É também uma forma de capitalizar a imagem do galo de Barcelos para o setor da restauração e gastronomia. E é, ainda, um argumento estruturante para rememorar a lenda do galo e fortalecer a forte ligação do território barcelense e do seu contexto histórico à peregrinação a Santiago de Compostela, do qual a Lenda do Galo é um elemento estruturante”.

Ainda no âmbito do Concurso, no dia 13 de outubro, realiza-se a IV tertúlia “Peregrinando”, no Posto de Turismo. As inscrições decorrem até ao dia 11 de outubro, através de turismo@cm-barcelos.pt ou 253 811 882.

Fonte e imagens: CMB.

Gil Vicente eliminado da Taça de Portugal pelo Chaves (Satélite)

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

Grande penalidade decide eliminatória

O Gil Vicente Futebol Clube disputou, ontem, a 2ª eliminatória frente ao GD Chaves – Satélite, uma espécie de equipa B dos flavienses, tendo sido derrotado – e, consequentemente, eliminado – por 0-1.



A equipa orientada por Nandinho alinhou com Victor Brasil, Rui Faria, Hugo Russo, Henrique Brito, Edwin Vente, Junior, Ahmed Isaiah, Tiger (Tanko, 85’), Juan Villa (James Arthur, 81’), Joãozinho (Silas, 72’) e Dimba. No banco ficaram Wellington, Bruno Morais, Emerson e Bruno Lopes.

Já a equipa orientada por Carlos Guerra alinhou com João Kuspiosz, Nassali, Tiago Palancha, Marlon Rangel, Ibrahim, Njoya, Hélder Almeida, Zangre, João Bachi (Ivan Machado, 64’), Gustavo Souza (João Paredes, 66’) e Ndong (Francisco Delgado, 88’). No banco ficaram Nuno Dias, Ruca, Mika e Afonso.

Junior (72’), pelos gilistas; Hélder Almeida (45’) e Gustavo Souza (64’), pelos flavienses, foram admoestados com a cartolina amarela.

O autor do golo, na marcação de uma grande penalidade, foi João Paredes, aos 84 minutos, deixando os gilistas já com pouquíssimo tempo de reação.

1 10 11 12
Ir Para Cima