Arquivo Mensal

Abril 2019 - page 2

Barcelense Hélder Gonçalves é campeão nacional universitário de BTT XCO

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

A representar o Instituto Politécnico de Viana do Castelo, onde é aluno na Escola Superior de Tecnologia e Gestão, o barcelense Hélder Gonçalves, atleta da UDO | InOut Build | Bike CP, sagrou-se, no passado domingo, campeão nacional universitário em BTT XCO.



A prova, integrada nos campeonatos organizados pela FADU – Federação Académica do Desporto Universitário, realizou-se em Gondar.

Em nota, o jovem atleta salientou que “foi bom voltar a correr de roda ‘grossa’, conviver com grandes amigos e, no final de tudo, ainda sagrar-me Campeão Nacional Universitário”.

Fotos: ACM/Jorge Almeida.

Diogo Borges, do CKAB, é vice-campeão nacional de Kumite (juvenis)

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

No passado dia 27 de abril, realizou-se o Campeonato Nacional de Juvenis (12/13 anos), em Karaté, que decorreu na Mealhada.



Diogo Borges, do CKAB – Clube de Karaté de Barcelos, sagrou-se vice-campeão nacional de Kumite (combate), em Juvenis, neste que é o seu primeiro ano na categoria.

Em nota, o CKAB deixou os parabéns ao atleta, “que representou com honra o clube e a nossa cidade”.

Fotos: DR.

“Pequenos Galinhos” 2019 com 70 candidatos de todo o país

A décima edição do Concurso Nacional de Piano “Pequenos Galinhos” decorreu no passado dia 27 de abril de 2019, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Barcelos, organizada pelo Conservatório de Música de Barcelos (CMB).



Esta edição contou com uma enorme afluência de candidatos de 25 instituições de ensino especializado da música e 36 professores. O número de Candidatos ultrapassou mesmo o previsto no regulamento. Os 70 candidatos selecionados, com idades até aos onze anos e provenientes de todo o continente e ilhas, tiveram uma prestação fantástica.

Este concurso tem uma identidade forte e caraterísticas diferenciadoras da maior parte dos concursos de piano nacionais. Efetivamente, os quatro níveis (de A a D) não correspondem, forçosamente, a níveis etários, mas ao grau de dificuldade do programa apresentado. Também, todos os candidatos são premiados (dos primeiros aos quartos prémios) o que impede o sentimento de exclusão que tantas vezes os jovens pianistas sentem quando se apresentam a concurso. Assim, o esforço de candidatos, pais e professores é sempre recompensado. Para além dos prémios em cada nível, existe igualmente o prémio “Pequeno Galinho”, que é atribuído à peça mais votada pelos elementos do júri, considerados todos os níveis. Talvez sejam todos estes os elementos de sucesso deste concurso. Os premiados desta edição são provenientes de diferentes escolas do país, nomeadamente Porto, Ermesinde, Famalicão, Viseu e Ponta Delgada.

Na edição 2019, o prestigiado júri foi constituído pelos pianistas Álvaro Teixeira Lopes, Elisabete Costa e Luísa Tender.

“O Conservatório de Música de Barcelos congratula-se com a organização do evento e a forte adesão nacional a esta iniciativa, esperando que as próximas edições mantenham a mesma qualidade, dignificante para a instituição e região, uma vez que, considerando a data em que decorre, divulga sempre as Festas das Cruzes”, refere o CMB em nota.

Resultados por Nível:

Nível A

José Andrade – Conservatório de Música do Porto

Prémio Público

Afonso Gandra – Externato Santa Joana

Nível B

Vicente Oliveira – Conservatório Regional de Música Azeredo Perdigão de Viseu

Prémio Público

Teresa Pires – Conservatório Regional de Música de Ponta Delgada

Nível C

Diana Freitas –  Escola de Música – Banda de Vila Nova de Famalicão

Prémio Público

Matilde Gomes – Externato Santa Joana

Nível D

Wagner Castro – ArtEduca, Conservatório de Música de Vila Nova de Famalicão

Prémio Público

Gonçalo McDade – Conservatório de Música do Porto

Prémio “Pequeno Galinho” 2019

Wagner Castro – ArtEduca, Conservatório de Música de Vila Nova de Famalicão

Fotos: DR/CMB.

Escolas do Centro Ciclista de Barcelos vencem 5º Circuito Cidade da Trofa

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

Realizou-se, ontem, o 5º Circuito Cidade da Trofa, onde o CENTRO CICLISTA DE BARCELOS AFF | H.M. MOTOR | ORBEA | FLINX esteve ao mais alto nível, tendo conquistado a prova na vertente coletiva de Escolas.



Individualmente, em Pupilos/Benjamins, Duarte Marques foi 7º e Rodrigo Lopes 10º. Já em Iniciados, Francisco Cardoso foi o grande vencedor.

Em Infantis, Paulo Bogo foi 5º.

Por fim, e em Juvenis, Rodrigo Neves conquistou o 3º lugar e Leonardo Neves o 7º.

Fotos: DR.

José Manuel Fernandes propõe financiamento de programa para o têxtil

Atualidade/Concelho/Mundo/Política port

O eurodeputado José Manuel Fernandes compromete-se a apresentar um plano específico para o setor têxtil português, com especial incidência no Minho e no subsetor das malhas da zona do Cávado e Ave, para ser financiado pelo orçamento da União Europeia. Foi o compromisso assumido, em Barcelos, pelo eurodeputado social-democrata, para um novo mandato no Parlamento Europeu.



“Deixo o compromisso. Apresentarei e defenderei em Bruxelas um plano para a competitividade do setor têxtil e das malhas, que lhe permita, através da investigação e da inovação, enfrentar com mais capacidade os desafios da globalização”, assumiu, num jantar que na noite de sábado reuniu centenas de autarcas, militantes e simpatizantes social-democratas em Barcelos.

Coordenador do PPE na comissão dos orçamentos e candidato pelo PSD às próximas eleições europeias, José Manuel Fernandes acentuou que o Plano abrange, além da investigação e da inovação, a qualificação dos recursos humanos e os próprios recursos necessários à atividade das empresas, em especial as pequenas e médias empresas.

No evento participou também Otília Castro, a barcelense que integra a lista de candidatos social-democratas ao Parlamento Europeu; o deputado à Assembleia da República, Joel Sá; o vereador e líder concelhio do PSD, José Novais; e o mandatário concelhio para a Juventude, Leandro Ferreira.

O vereador e líder da concelhia acusou os socialistas, que governam o Município local, de não aproveitarem os fundos comunitários, não apresentando candidaturas nem projetos, “ao contrário do que sucede em sete outros concelhos vizinhos, liderados por autarcas do PSD”. José Novais lamentou que o novo hospital ficará no papel e o comboio Porto/Vigo não parará em Barcelos, ao contrário do que fora prometido.

As críticas à gestão socialista foram reforçadas por José Manuel Fernandes para lembrar que o candidato socialista às europeias, Pedro Marques, foi “o ministro da propaganda e do desinvestimento” que “falhou em toda a linha”, e que, por isso, “em Barcelos merece ter zero votos”.

O Eurodeputado chamou ainda a atenção que o cabeça-de-lista do PS “anda a anunciar propostas que já foram aprovadas no Parlamento Europeu, algumas delas apresentadas pelos eurodeputados do PSD”. Em contraponto, elogiou o cabeça de lista do PSD, Paulo Rangel, assegurando que lhe “dá dez a zero”.

José Manuel Fernandes acusou, igualmente, o governo de António Costa de não ter aproveitado “um cêntimo sequer do Plano Juncker de investimento, ao contrário do que fizeram empresas e instituições nacionais, apesar de o executivo governamental nem sequer lhes ter dado a necessária informação”.

Avisou, também, os portugueses para que se não deixem iludir pelos extremos, frisando que na Europa não há só populismos de extrema-direita: “a verdade é que, no Parlamento Europeu, em 95 por cento das votações, o PCP e o Bloco de Esquerda votam com os populistas de extrema-direita, antieuropeus, como os da Marine Le Pen”.

Na sua intervenção, José Manuel Fernandes assinalou que o PSD apresenta, na próxima legislatura europeia, propostas no sentido de que seja promovida a natalidade em toda a Europa e para um programa de investigação e combate ao cancro, que “torne a UE líder no ataque a esta doença assassina”.

Fonte e fotos: JMF.

APROTURM formalizada em Barcelos

Atualidade/Concelho/Cultura/Mundo/Política port

No passado dia 23 de abril, pelas 16h00, foi formalizada a APROTURM – Associação de Profissionais de Turismo do Minho, durante a Assembleia Geral Fundacional, na sala de atos da VIlaWork, em Barcelos.



No ato de posse estiveram presentes os associados fundadores e foram empossados os dirigentes, assumindo a presidência da direção José Pedro Ferreira, que na cerimónia, referiu que os dirigentes empossados estavam a fazer história, pois esta associação de classe, a primeira a ser constituída em todo o país, tem como objetivos fundamentais a defesa dos interesses dos profissionais do turismo. Num período em que o Destino Turístico Portugal é destacado pelas Agências de Rating do Turismo e dão ao nosso país notação máxima, importa destacar o papel dos profissionais do turismo.

Referiu, ainda, que se o Destino Portugal possui tal notoriedade e sendo o turismo sobretudo o serviço, ele é sem dúvida desempenhado por excelentes profissionais que importa destacar. Disse, igualmente, que se Portugal está a vencer o desafio do turismo, não se podem esquecer os seus profissionais que são determinantes na hospitalidade e nos serviços que prestam.

Salientou que em breve será apresentado à imprensa o primeiro e grande objetivo da APROTURM para o ano em curso, que passará por realizar o 1º congresso dos profissionais do turismo. Será, também, apresentado, nessa oportunidade, o colégio de especialidade da APROTURM nomeado para organizar o Congresso.

Fotos: DR.

Amanhã há “Dia aberto” na Casa do Menino Deus

Atualidade/Concelho/Educação port

Amanhã, 29 de abril, entre as 14h00 e as 18h30, realiza-se um “Dia Aberto” na Casa do Menino Deus para pais e encarregados de educação que pretendam conhecer a Escola do 1º Ciclo da referida instituição.



“A entrada para o 1º ciclo desperta sempre muitas dúvidas e ansiedades. Pais e filhos terão a possibilidade de ver uma escola em real funcionamento e assim poderem ver desconstruídos muitos dos receios e dúvidas nesta transição tão importante da vida dos filhos”, refere a instituição.

Os interessados em participar neste “Dia Aberto” devem inscrever-se através do seguinte link:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSc42b31okFaD-ryoSKEHMrqHEXVa3rJBUcPvI6hi_eE_-cMDA/viewform

Imagem: DR.

Óquei de Barcelos derrotado pelo FC Porto por 3-7

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

A contar para a 23ª jornada da 1ª divisão do Campeonato Nacional de Hóquei em Patins, o Óquei Clube de Barcelos (OCB) recebeu, hoje, o FC Porto tendo saído derrotado por 3-7.



Sob arbitragem de Orlando Panza e Sílvia Coelho (AP Porto), as equipas alinharam da seguinte forma:

OCB – Ricardo Silva, Zé Pedro, João Almeida, Hugo Costa e Gonçalo Nunes (cinco inicial); André Almeida, Joca Guimarães, Gonçalo Meira, Rúben Sousa e Alvarinho (banco inicial); Paulo Pereira (treinador).

FC Porto: Carles Grau, Rafa, Reinaldo García, Gonçalo Alves e Hélder Nunes (cinco inicial); Nélson Filipe, Telmo Pinto, Giulio Cocco, Hugo Santos e Poka (banco inicial); Guillem Cabestany (treinador).

Os visitantes entraram a “todo o gás”, chegando à vantagem de 3 golos antes dos primeiros 10 minutos de jogo. O barcelense Hélder Nunes bisou, aos 3’ e aos 8’, e Gonçalo Alves, na marcação de uma grande penalidade, também “deu o gosto ao stick”, aos 8’ (na altura, o 0-2). Aos 13’, Rúben Sousa teve oportunidade de reduzir, na marcação de um livre direto, mas não conseguiu desfeitear Grau. No entanto, Joca Guimarães, a “alta velocidade”, fez a recarga e reduziu para 1-3. A vantagem portista aumentou de novo, por Cocco, num contra-ataque bem desenhado. Aos 23’, noutro contra-ataque, Hélder Nunes fez um grande golo, com uma simulação a enganar o guardião barcelense. No mesmo minuto, Gonçalo Alves falhou uma penalidade. O marcador não mais se mexeu até ao intervalo, com o FC Porto a sair na frente do marcador, por 1-5.

Para “não variar”, o OCB entrou mais forte na 2ª parte, com João Almeida, aos 5’, a reduzir para 2-5. Cinco minutos depois, o FC Porto alcançou a 10ª falta, mas o mesmo João Almeida falhou o livre direto. Aos 13’, Gonçalo Nunes reduziu, ainda mais, a diferença, para 3-5. Passados 4 minutos, foi a vez do OCB chegar à 10ª falta. Hélder Nunes falhou o livre direto, mas na recarga fez o 3-6. Ao 22º minuto, em novo contra-ataque, o argentino Reinaldo García aumentou a vantagem para 3-7, sendo este o resultado com que o jogo chegou ao fim.

Mesmo com a derrota, o OCB mantém a 5ª posição da classificação, sendo que na próxima jornada desloca-se ao pavilhão do vizinho Hóquei de Braga.

Uma palavra para os adeptos do OCB que foram inexcedíveis no apoio à equipa.

Fotos: DR e André Miranda.

Caminhada solidária em prol da RECOVERY IPSS

Atualidade/Concelho/Desporto/Mundo port

No próximo dia 11 de maio, a NEVERLAND AVENTURA organizar uma caminhada solidária “Em Busca dos Dolmens”, com parte da receita a reverter para a associação barcelense da área da saúde mental, RECOVERY IPSS, presidida por Miguel Durães.



Esta será “uma viagem ao passado, onde iremos visitar um território com uma história milenar, pautado pela presença de Dolmens, estrutura primitivas em pedra deixadas pelo homem marcando a paisagem com a sua presença. Começamos pelo Outeiro dos Gregos, construção megalítica do IV milénio A.C. Mais à frente, outros monumentos pré-históricos: o Outeiro de Ante, a Anta das meninas do Castro, Mina do Simão e o miradouro da Sr.ª da Guia e a pedra do sol”, refere a organização.

A inscrição nesta caminhada tem o custo de 10€, com 3€ a reverterem para a RECOVERY IPSS. O valor da inscrição inclui o guia e seguro de acidentes pessoais. A caminhada inicia pelas 9h00 e termina pelas 17h00, num percurso de 18km. Os participantes devem levar: calçado confortável e apropriado às condições atmosféricas; roupa confortável e adequada às condições atmosféricas; reforços energéticos; almoço ligeiro; 1,5L de água e mochila de pequenas dimensões. A caminhada não é aconselhada a menores de 13 anos.

Para se inscrever e ficar a saber mais sobre a caminhada, aceda à página dela através do seguinte link:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfuz8M49m7_Gw5bF2fkne8wxWwB1_3mNOcHuVwqp8fO7dSq4g/viewform

Imagem: DR.

Livre

Atualidade/Concelho/Cultura/Opinião port
Joana Martins

Corro livremente

Em campos de girassóis

Voo sem asas

Em bando com rouxinóis.

.

Danço descalça

Mergulho no som da chuva

O meu olhar alcança

O sabor de bago de uva.

.

Livre,

No pensamento.

Livre,

No ser.

Livre!

.

E o meu corpo quer descansar

Mas eu quero sair de mim

Será loucura não parar?

Será tão louco assim?

.

Não quero ficar enclausurada

Presa aos sonhos por cumprir

Sinto-me apaixonada

Por o que ainda está por vir…

.

O horizonte me abraça

As nuvens deixam o sol passar

Fazem uma aliança

Com um nó por desatar.

.

Desata o nó

Tenta fugir

Não tenhas dó

Só fica o que não tem de vir…

.

Livre

Dos medos

Das ilusões

Dos segredos

Das desilusões.

.

Deitada em lençóis de cetim

Deixo cair as armas

Da luta que travo

Para me libertar de mim.

.

Ser livre é:

Pintar o teu mundo

Vestir do ser

Do querer

E ser quem te apetecer.

.

Ser livre

É um modo meio maluco de ser…

.

Gosto muito!

E tu?

.

Por: Joana Martins*.



(* A redação do poema é única e exclusivamente da responsabilidade da autora)

Ir Para Cima