Futebol popular com muito que falar

Dezembro 30, 2017 Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião
Luís Gonçalves

Olá, amigos leitores!

Antes de mais, espero que o vosso Natal tenha sido aquilo que desejaram e tenha tudo corrido pelo melhor!



Eis-me de volta, no final deste ano de 2017, que está mesmo, mesmo quase no fim. É verdade que o meu artigo não saiu no dia do costume, ontem, mas como se recordarão, prometi escrever esta semana sobre a Taça Cidade de Barcelos e como ela apenas se disputou hoje (dia 30) – e como gosto de cumprir promessas – solicitei ao Barcelos na Hora que “atrasasse” o meu artigo para que pudesse abordar, igualmente, esta nobre competição. Mas já lá vamos.

Comecemos pelos campeonatos. E temos muito para falar! Já verão!

Na 1ª o líder é o mesmo mas houve mexidas atrás

Na 1ª divisão a liderança mantém-se nas mãos dos Leões (33 pontos), que esta semana receberam, e levaram de vencida, o sempre difícil Negreiros (15º, 13 pontos). É verdade que estes últimos não estão a atravessar um momento de grande fulgor mas continuam a ser uma equipa competitiva. E a prova disso está estampada no resultado: 1-0 para os homens de Airó.

A realizar um bom campeonato está o Leocadenses, que se encontra em 2º, com 28 pontos. Nesta jornada beneficiou da derrota do Carvalhal para se distanciar e isolar na vice-liderança do campeonato. Desta vez, obteve uma saborosa vitória fora, frente ao Baluganense (14º, 13 pontos), por 0-2.

Quem também beneficiou da “escorregadela” do Carvalhal foi o Macieira, que agora se posiciona no 3º lugar, com 26 pontos. Recebeu e venceu pela margem mínima, o Fragoso (17º, 12 pontos). É verdade que foi por “apenas” 1-0 mas para os macieirenses o mais importante foram os 3 pontos.

O jogo da jornada colocou frente a frente o Remelhe (4º, 25 pontos), em casa deste, e o Carvalhal (5º, 25 pontos). Já se antevia equilíbrio entre as duas equipas e o 1-0 final espelha isso mesmo. Com este resultado, o Remelhe colou-se ao Carvalhal, ficando mesmo à sua frente na classificação por causa da diferença de golos marcados e sofridos (+13 para Remelhe; +11 para Carvalhal).

Pereira (6º, 24 pontos) visitou o Pedra Furada (18º, 2 pontos) e levou para casa um “magro” 0-1 mas que lhes valeu os mesmos 3 pontos que lhes valeria uma goleada! Assim, conseguiu “fugir” ao Carapeços.

Outro bom jogo em perspetiva era o Oliveira (9º, 16 pontos) – Carapeços (7º, 22 pontos), que terminou empatado a 1 bola. Este resultado acabou por, apesar de bom para os forasteiros, penalizá-los mais, pois viram o Pereira distanciar-se na tabela classificativa.

Para mim, em Silva deu-se uma surpresa. É verdade que o jogo colocava o 8º classificado (17 pontos), Silva, frente a frente com o Feitos (10º, 15 pontos). Também é verdade que estes últimos são uma das equipas recém-promovidas. Mas também é verdade que o Silva vinha de uma fase muito boa, de bons resultados e subida segura na tabela. No entanto, o Feitos conseguiu desfeitear os homens da Silva, arrancando de lá uma saborosa vitória, por 1-2.

Os restantes jogos foram o Palme 1 – Cossourado 3 e Campo 1 – Perelhal 0.

A próxima jornada, a 14ª, que se realiza a 7 de janeiro, vai ser de “roer as unhas” e “suar de nervosismo”! Senão vejamos: Carvalhal – Leões da Serra (líderes visitam um terreno que só conhece a vitória!); Leocadenses – Macieira (2º contra 3º); Fragoso – Remelhe (o 4º visita um terreno sempre muito difícil!); Pereira – Baluganense; e Perelhal – Silva (vamos ver se a derrota caseira do Silva se reflete nos jogos seguintes). Como podem ver…vai ser uma jornada bem emotiva!



2ª divisão com novo líder

Confesso que há umas boas semanas atrás não me passaria pela cabeça (julgo que pela de muitos vocês também não) dizer isto…mas a 2ª divisão tem novo líder!

Falo do Lijó (30 pontos), que aproveitou, e de que maneira, o embate entre Fonte Coberta e Sequeade! Primeiro, foi ao sempre difícil terreno do Paradela (8º, 17 pontos) vencer por 0-2. Com isso, aproveitou o empate a 0 entre o Fonte Coberta (3º, 25 pontos) e o então líder Sequeade (2º, 29 pontos).

Quem aproveitou, igualmente, para se aproximar dos primeiros foi o Juventude São Martinho (4º, 25 pontos), que levou de vencida, em casa, o Cambeses (17º, 5 pontos), por 3-1.

Outro grande jogo opôs o Aborim (5º, 24 pontos) e o Chorente (6º, 21 pontos). Registou-se mais um empate, também a 0.

Destaque, igualmente, para a boa vitória caseira do Milhazes (10º, 15 pontos), por 3-0, sobre o Lama (15º, 10 pontos). Os outros resultados foram: Estrelas 2 – Creixomil 1; Ceramistas 1 – Águas Santas 0; e São Mamede 2 – Cristelo 1 (que se realizou hoje, dia 30, tal como os jogos da Taça). O Carvalhas “descansou”.

Na próxima jornada, também a 7 de janeiro, destaco Lijó – Estrelas, Sequeade – Milhazes, Ceramistas – Fonte Coberta, Creixomil – Aborim e Lama – São Martinho.



Taça Cidade de Barcelos com grandes surpresas

Os oitavos de final da Taça Cidade de Barcelos, disputados hoje durante a tarde, trouxeram-nos resultados surpreendentes, sendo que o atual detentor do troféu, Negreiros, “caiu aos pés” do Silva.

O jogo que opunha, como referi, o vencedor da última edição da Taça, o Negreiros, que está a passar por uma fase menos boa e que deslocou-se ao terreno de uma equipa que está numa fase oposta, ou seja, muito boa, se bem que saída de uma derrota caseira para o campeonato. No entanto, por serem os atuais detentores da Taça, recaía nos homens de Negreiros uma maior responsabilidade. Sendo primodivisionários, o equilíbrio seria maior…e isso veio a revelar-se! Tempo regulamentar: 3-3. No prolongamento não houve quem saísse vencedor. Foi preciso recorrer-se à “lotaria” das grandes-penalidades, onde os da casa foram mais fortes, vencendo por 6-4 e eliminando, desta forma, o atual detentor da Taça Cidade de Barcelos, o Negreiros!

Mas as surpresas não ficam por aqui! Numa espécie de “tomba gigantes”, o último classificado da 2ª divisão, com apenas 5 pontos em 12 jogos, Cambeses, eliminou, nada mais, nada menos que o campeão em título da 1ª divisão e seu atual 6º classificado, Pereira! No final do tempo regulamentar e do prolongamento, o resultado era um empate a 0. Nas grandes-penalidades, venceram os da casa, por 5-4, eliminando, assim e a meu ver, mais um candidato à vitória final nesta competição!

Onde quase aconteceu o mesmo foi em Vila Frescaínha São Martinho, onde a Juventude local, da 2ª divisão, levou o jogo para as grandes-penalidades. Recebeu o atual 2º classificado da 1ª divisão – e a atravessar um bom momento – Leocadenses e o resultado final foi um empate a 3 golos! No prolongamento o “nó não desatou” e a eliminatória pendeu de vez para os visitantes, por 6-8 nas grandes penalidades. Leocadenses que, a manterem a forma atual, são uns grandes candidatos à vitória final.

Mas talvez o jogo da eliminatória tenha sido o Macieira – Remelhe. Estamos a falar do 3º da 1ª divisão a receber o 4º! E eis que o visitante levou a melhor, eliminando mais um forte candidato à vitória final, em sua própria casa, por 1-3! Remelhe que se torna, assim e igualmente, um dos fortes candidatos a vencerem a Taça.

Destaco, também, a eliminação do Cossourado (1ª) pelo novo líder da 2ª, o Lijó, em casa deste, por 1-0, e o 5º classificado da 2ª, Aborim, a eliminar, em casa, o Palme (1ª), por 2-1! Nos restantes jogos, julgo que prevaleceu a “normalidade”: Oliveira (1ª) 3 – Paradela (2ª) 1 e Milhazes (2ª) 1 – Carapeços (1ª) 3. Atenção que o Carapeços também é um dos favoritos à vitória final!

Por hoje é tudo…e já não foi pouco! Mas falámos das duas competições do nosso futebol popular, recheadas de emoção, golos e surpresas…e é disto que o povo gosta!

Resta-me desejar a todos umas ótimas entradas no novo ano e que 2018 nos traga (a todos nós) muita saúde, amor, paz, sucessos e muito bom futebol!

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Seguimos Líderes

Bem-haja, caros leitores do Barcelos na Hora. Desta feita, não facilitámos minimamente
Ir Para Cima