Gil Vicente FC empata frente a um Tondela reduzido a 10 desde os 11 minutos do jogo

Outubro 17, 2020 Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo

Em casa, gilistas não foram além do empate a uma bola

Depois das seleções, a Liga NOS voltou e na 4ª jornada o Gil Vicente FC recebeu, no Estádio Cidade de Barcelos, o CD Tondela, hoje à tarde.



Com arbitragem de Miguel Nogueira (AF Lisboa), coadjuvado por Bruno Jesus e Sérgio Jesus, sendo Ricardo Baixinho (AF Lisboa) o 4º árbitro, o jogo contou com os seguintes alinhamentos:

Gil Vicente FC – Denis, Rúben Fernandes, Rodrigo, Ygor Nogueira (João Afonso, 73’), Joel Pereira, Talocha, Lucas Mineiro (Vítor Carvalho, 85’), Claude Gonçalves, Léauty (Fujimoto, 73’), Samuel Lino (Baraye, 85’) e Lourency (Renan Oliveira, 77’). No banco ficaram Daniel Fuzato, Aw, João Afonso, Boubacar Hanne e Ahmed Isaiah. Treinador: Rui Almeida.

CD Tondela – Niasse, Bebeto (Murillo, 55’), Yohan Tavares, Enzo Martínez, Filipe Ferreira, Rafael Barbosa (Anne, INT), Pedro Augusto, Jota (Khacef, INT), Salvador Agra, Rúben Fonseca (Pedro Trigueira, 14’) e João Mendes (Jaquité, 78’). No banco ficaram João Pedro, Grau, Mário González e Tiago Almeida.

O Gil Vicente FC iniciou bem a partida, assumindo as despesas do jogo desde os minutos iniciais, com uma série de investidas pela esquerda, onde Antoine Léauty conseguiu realizar algumas belas combinações que iam colocando a defensiva do Tondela em sentido.

Aos 11 minutos de jogo, os visitantes sofreram um revés com a expulsão do guardião Niasse, que travou Léauty quando este estava isolado, com a bola perfeitamente controlada, após um magnífico passe de rutura de Samuel Lino.

Aos 24 minutos, o Gil Vicente FC chega à vantagem. Após um cruzamento de Joel Pereira e um mau alívio da defensiva do Tondela, Lino dominou a bola dentro da pequena área e colocou-a por baixo do guardião Pedro Trigueira e, consequentemente, o Gil Vicente FC na liderança do marcador.

Até ao final da primeira parte, os gilistas foram mantendo o controlo do jogo, apostando muito na velocidade de Lino, Léauty e Lourency, mas o resultado ao intervalo cifrava-se no 1-0 para os da casa.

Aparente excesso de confiança do Gil Vicente FC resulta em empate do Tondela

O Gil Vicente FC reiniciou forte a partida e, aos 50 minutos, ainda se gritou golo em Barcelos, mas Lino estava em posição irregular.

Aos 58 minutos, num lance aparentemente inofensivo, o lateral esquerdo do Tondela, Filipe Ferreira marcou um grande golo, com um cruzamento-remate, fazendo a bola bater no segundo poste da baliza de Denis e entrando, dando assim o empate.

Aos 60 minutos, o Gil Vicente FC respondeu ao golo sofrido com um belo cruzamento de Joel Pereira e Léauty a rematar com o pé direito para uma enorme defesa de Trigueira, com o pé esquerdo, em cima da linha de golo.

Até ao final da partida, o Gil Vicente FC foi sempre procurando formas de chegar ao golo que lhe permitiria chegar à vitória. Foi tirando imensos cruzamentos, quer por Talocha, quer por Joel Pereira, mas o Tondela soube reduzir os espaços e sacudir os cruzamentos e o empate permaneceu até final.

Com este resultado, o Gil Vicente FC mantém, provisoriamente, a 7ª posição, com 6 pontos. Na próxima jornada tem uma difícil deslocação ao terreno do campeão nacional, FC Porto, no próximo sábado, pelas 20h30.

Fotos: BnH.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima