José Adelino Maltez fala sobre “Maçonaria – A Primeira Associação Democrática Portuguesa” em videoconferência

Outubro 12, 2020 Atualidade, Cultura, Mundo

Evento integrado no Ciclo das Grandes Videoconferências da Maçonaria Portuguesa

No próximo dia 22 de outubro, pelas 21h30, a Grande Loja Simbólica de Portugal leva a cabo a sua oitava Conferência, desta feita, dedicada ao tema “Maçonaria – A primeira Associação Democrática Portuguesa”, que terá como preletor o conhecido politólogo – entre outras imensas ocupações – José Adelino Maltez.



Para participar na videoconferência, pode clicar no link: Google Meet: https://meet.google.com/yqe-dukk-hrr ou pode assistir via YouTube: https://youtu.be/hocOP42-tN4 .

José Adelino Maltez licenciou-se em Direito pela Universidade de Coimbra, obtendo o grau de Doutor em Ciências Sociais, na Especialidade de Ciência Política pela Universidade Técnica de Lisboa. Foi assistente na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, seguindo carreira no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade Técnica de Lisboa, onde se mantém como Professor Catedrático, sendo decano da escola e o único catedrático do século XX no ativo. Foi, igualmente, professor convidado na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Ainda na Academia, foi professor na Universidade de Estrasburgo (França), na Universidade Nacional de Brasília (Brasil) e na Universidade Nacional de Timor Lorosae, tendo sido, igualmente, conferencista e consultor da Universidade Agostinho Neto (Luanda – Angola), na Universidade da Beira Interior (Covilhã) e na Universidade dos Açores.

José Adelino Maltez (Foto: DR)

Fundou e foi membro da primeira direção da Associação Portuguesa de Ciência Política, juntamente com Manuel Braga da Cruz e Maria José Stock.

Ativista cívico e político, foi militante por breve tempo do CDS, no período pré-queda do Muro de Berlim, tendo sido candidato, por duas vezes, a deputado, por Beja e por Braga. Foi um dos fundadores do projeto Partido da Nova Democracia, por quem voltou a ser candidato a deputado, desta feita, por Leiria, e ao Parlamento Europeu. Defensor ativo da regionalização, do Portugal Plural e criador do movimento cívico Intervenção Radical.

Ocupou cargos em vários gabinetes ministeriais nos primeiros Governos portugueses, fez carreira na administração pública, desde técnico a dirigente, onde terminou como Subdiretor Geral da Concorrência. Fez parte das primeiras comissões de trabalhadores e de sindicatos, tendo sido candidato na primeira lista do Sindicato Nacional da Função Pública, tendo estado ligado à origem do atual Sindicato dos Quadros Técnicos.

Colunista, publicista, analista, comentarista, politólogo e “repúblico”, como prefere que o chamem, “de acordo com a tradição do nosso renascimento político” (dixit). (Fonte: http://jose.adelino.maltez.info/biografia/)

De acordo com nota informativa, a organização salienta que “o Ciclo das Grandes Videoconferências da Maçonaria Portuguesa insere-se numa abordagem de temas maçónicos, através de videoconferências abertas à Sociedade em geral, pela primeira vez em Portugal. É organizado pela Grande Loja Simbólica de Portugal, que é a terceira Obediência Maçónica Portuguesa, pratica o Rito Escocês Antigo e Aceite, Rito Antigo e Primitivo Memphis Misraïm e o Rito Emulação com as cartas patentes do Grande Oriente de França (a maior Obediência Maçónica Francesa)”.

Imagem: GLSP.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima