Município de Barcelos promove projeto-piloto para a saúde

Abril 1, 2021 Atualidade, Concelho, Mundo, Saúde

A pandemia pela Covid-19 tem tido repercussões a diversos níveis. A par dos efeitos sociais e económicos, o impacto humano e familiar é dos mais devastadores. Atenta a esta problemática e focada, a Câmara Municipal de Barcelos assinou um acordo de colaboração pioneiro com o ACES Cávado III – Barcelos/Esposende e o ACES Cávado I – Braga, com vista à implementação de “Programas de Intervenção Artístico-Expressivos com intenções terapêuticas: Arte e Saúde”.

O projeto, com a vigência de três anos, irá iniciar com uma intervenção canalizada para as manifestações de luto, atendendo ao atual contexto social, resultante do novo Coronavírus.
Com a pandemia, muitas pessoas viram-se impedidas de participar em atos fúnebres de familiares e amigos, resultando daí sentimentos de angústia e até de culpa, que têm um forte impacto negativo em termos psicológicos, familiares e sociais.

Com vista a encontrar soluções, o Município pretende, com o acordo de colaboração agora assinado, criar condições para a implementação de programas que respondam às orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS), que preconiza que os cuidados de saúde primários devem constituir o primeiro nível de contacto entre o indivíduo e o sistema de saúde, e às premissas do Programa Nacional para a Saúde Mental, que recomenda a implementação de programas de promoção do bem-estar e da saúde mental, mas também da prevenção e do tratamento das doenças mentais.

Ao Município, enquanto entidade promotora e coordenadora do projeto, cabe a disponibilização de espaços para o desenvolvimento das diferentes atividades propostas. Já cada ACES dispõe de um psicólogo clínico, que fará a referenciação dos utentes, a definição dos instrumentos de avaliação e dos modelos de intervenção, assim como a análise e o tratamento dos dados recolhidos.

Trata-se de um projeto-piloto que procura pôr na prática o que a OMS defendia já em 2019 no seu relatório “Evidências do papel da arte na promoção da saúde e do bem-estar”. Neste documento, a OMS procura incentivar ao fortalecimento de mecanismos de colaboração entre os setores culturais, sociais e da saúde, uma vez que há sinais claros do impacto da arte ao nível da prevenção, promoção e tratamento na saúde e bem-estar.

Fonte: MB

Foto: @verophotoart

PUB

Claudia-Campanha-Bnh.jpg

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima