Município de Barcelos reforça aposta na Feira Internacional de Artesanato

Junho 21, 2018 Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política

O Município de Barcelos, através do pelouro do Turismo e Artesanato, vai estar presente, pela décima terceira vez consecutiva, na maior feira de artesanato da Península Ibérica, a FIA – Feira Internacional de Artesanato, em Lisboa, de 23 de junho a 1 de julho de 2018.



O Município aposta, este ano, num stand de 54 metros quadrados, com quatro frentes, subordinado às artes certificadas e aos títulos de cidade criativa da UNESCO e Prémio Nacional de Artesanato, uma imagem objetiva focada nas várias artes representativas do concelho, nomeadamente o figurado, a olaria, bordado de crivo de S. Miguel da Carreira, as artes da madeira, bordados e tecelagem, ferro e derivados, cestaria e contemporâneo.

O stand comportará peças de mais de 35 artesãos locais, com atividades nos mais diversos domínios, e estarão presentes no evento apoiados pelo Município e Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) cerca de 15 artesãos de diversas áreas e produções locais.

De referir, também, que Barcelos, em virtude de ser Prémio Nacional de Artesanato no domínio das Entidades Públicas e de a artesã Júlia Ramalho ostentar o título Prémio Carreira, terá igualmente grande destaque no stand do IEFP que, este ano, é dedicado, precisamente, ao Prémio Nacional de Artesanato.

A participação neste certame é de grande interesse para o artesanato e comunidade artesanal local, na medida que é nesta área territorial que se concentra o maior mercado consumidor de arte popular, quer em termos de colecionadores, quer em termos de lojistas, apresentando-se esta feira como um dos palcos privilegiados para a promoção das artes e ofícios tradicionais na Península Ibérica.

Por outro lado, o facto de Barcelos ser, actualmente, membro da rede Mundial das Cidades Criativas da UNESCO, será naturalmente um atrativo extra para potenciar contactos com os mais de 40 países que se farão representar neste certame, à imagem do que aconteceu na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), nomeadamente, no domínio da promoção e dinamização do Turismo e Experiências Criativas.

De acordo com o Município, esta é “uma ação que se enquadra na estratégia de promoção e internacionalização do artesanato de Barcelos, que vem na sequência das ações que têm vindo a ser realizadas para a promoção internacional do artesanato de Barcelos e potenciação da sua exportação como produto cultural de excelência”.

Fonte e foto: CMB.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Atualização

Por motivos técnicos, este jornal não noticiou a 1ª jornada da Série

Pin It on Pinterest

Shares
Share This

Partilha esta Notícia

Partilha com os teus amigos

Ir Para Cima