Novo confinamento, novas medidas

Janeiro 14, 2021 Atualidade, Mundo, Portugal

O novo confinamento entra em vigor já esta sexta-feira.

O agravamento da situação pandémica levou o Governo a decretar novo confinamento, muito idêntico ao de março de 2020, mas com algumas exceções.

USO DE MÁSCARA OBRIGATÓRIO NA RUA

O Governo duplicou as coimas para quem não cumprir esta norma, a coima pode ir aos 1000€.

TRABALHO

O teletrabalho passa a ser obrigatório, sempre que possível, nas situações em que não é possível o trabalhador deve fazer-se acompanhar de uma declaração da entidade patronal.

RECOLHIMENTO DOMICILIÁRIO

O dever de recolhimento obrigatório regressa.

RESTAURANTES

Estão abertos, mas apenas para take-away ou entregas ao domicílio. Não podem servir refeições no interior nem em esplanadas.

ESCOLAS, UNIVERSIDADES E CRECHES

Ao contrário do confinamento de março de 2020 as escolas ficam abertas.

TRANSPORTES PÚBLICOS

O transporte público mantém-se a funcionar, com as regras sanitárias bem definidas.

SERVIÇOS PÚBLICOS

Mantém-se abertos, com marcação prévia.

COMÉRCIO

Todo o comércio se mantém fechado, salvo estabelecimentos autorizados.

MERCEARIAS E SUPERMERCADOS

Abertos, lotação limitadas de acordos com as normas sanitárias.

FEIRAS E MERCADOS

As feiras e mercados para venda de produtos alimentares podem funcionar.

ESTABLECIMENTOS CULTURAIS

Os cinemas, teatros e salas de espetáculo estarão fechados.

ATIVIDADE FÍSICA

É permitido fazer exercício físico ao ar livre. Ginásios e outros pavilhões desportivos encerrados.

BANCOS

Abertos, privilegiando serviços online

CONSULTÓRIOS, DENTISTAS

 Os consultórios e dentistas mantém-se abertos

TRIBUNAIS

Os tribunais também vão manter-se abertos

Excecionalmente no dia 17, dia de voto antecipado e no dia 24, dia das eleições para a Presidência da República os portugueses podem circular para exercer o direito de voto.

Foto: DR

 

O Barcelos na Hora procura estar na linha da frente do processo de mudanças tecnológicas e relacionais, sempre atento à inovação e promovendo a interação com os seus leitores, para isso, precisa do seu apoio, este, é cada vez mais importante para o nosso desenvolvimento e crescimento, na partilha e divulgação de informação útil, clara e isenta.

Apoie o Jornal online de Barcelos na Hora, a partir de 1€

 




Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima