PAN questiona Câmara Municipal de Barcelos sobre a Escola Básica da Pousa

Abril 14, 2020 Atualidade, Concelho, Educação, Mundo, Política

O PAN – Pessoas-Animais-Natureza pediu esclarecimentos à Câmara Municipal de Barcelos, sobre o futuro da escola da Pousa.



Em visita a esta escola, no passado mês de janeiro, a Deputada à Assembleia da República, Bebiana Cunha, constatou que “as condições em que crianças, professores e auxiliares se deparam diariamente são inaceitáveis e não se compreende o constante adiamento das obras de reabilitação”.

A deputada refere ainda que “a partir do momento em que vemos crianças em estado de hipotermia, outras tapadas com mantas e focos gravíssimos de humidade que, além de serem visíveis, sente-se a cada respiração, percebemos a urgência de resolver esta situação. É, por isso, imperioso que a Autarquia esclareça que articulação tem sido feita com as autoridades locais de saúde, dadas as sistemáticas situações de doença que têm sido reportadas pelos pais das crianças e que respostas têm sido dadas em matéria de prevenção em saúde destas crianças e respetivos agentes educativos”.

O PAN, que já tinha apresentado uma proposta de alteração do Orçamento do Estado, que previa alocar verba para as obras desta escola, e que viu a mesma ser rejeitada (com os votos contra do PS e do PSD), questionou agora o Ministério da Educação sobre a situação desta escola, tendo este remetido para a Autarquia a responsabilidade da manutenção da mesma.

Neste sentido, o PAN endereçou uma série de questões à Câmara Municipal de Barcelos, nomeadamente, e atendendo a que estas condições se verificam há já vários anos, que medidas pretende o Município adotar para garantir a segurança e saúde dos alunos, docentes e pessoal não docente; qual a justificação para que esta escola não seja alvo de obras de requalificação; se está previsto o encerramento desta escola; que diligências foram consideradas para a remoção das telhas de fibrocimento; e se está prevista a ligação à rede de saneamento público.

“Ao que apurámos, a situação da escola da Pousa tem sido incluída nas Grandes Opções do Plano ao longo de 10 anos e o orçamento para 2018 e 2019 consideravam o mesmo orçamento que está previsto em 2020 para a requalificação da mesma. Assim, torna-se importante esclarecer deste contínuo adiamento da realização das obras, cada vez mais urgentes”, reforça a deputada.

Imagem: GM.

PUB

Claudia-Campanha-Bnh.jpg

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima