PSD Barcelos questiona Câmara Municipal

Dezembro 22, 2020 Atualidade, Concelho, Mundo, Política

Na reunião de Câmara do passado dia 18 de Dezembro – Período de Antes da Ordem do Dia, o PSD Barcelos, por intermédio do seu vereador José Santos Novais questiona a Câmara Municipal.

Em nota informativa enviada às redações, passamos a enumerar na íntegra as questões colocadas:

1 – Água e Saneamento na Ponte de Anhel – Alheira

O Lugar de Ponte de Anhel, no limite de Barcelos com Ponte de Lima, em Alheira, não possui redes de água e saneamento básico na Rua da Ponte de Anhel e Travessa da Ponte de Anhel, numa área geográfica constituída por cerca de 30 habitações, estando aqui incluída uma urbanização com 12 habitações.

A Câmara de Ponte de Lima procedeu já à entrega da obra de execução da rede de saneamento às habitações da Freguesia de Sandiães, onde está incluído o seu Lugar de Ponte de Anhel. Na falta de uma solução para as habitações do concelho de Barcelos, vamos então deparar-nos com um caso pouco vulgar, ou seja, na mesma Rua da Ponte de Anhel, do lado direito da EN306, ficam os habitantes de Ponte do Lima servidos pelas redes de água e saneamento enquanto do outro lado da mesma Rua, ficam os habitantes de Alheira do concelho de Barcelos sem qualquer infraestrutura

Solicitamos que o Senhor Presidente avalie esta situação e que tenha em conta a execução da rede que vai ser instalada por Ponte de Lima para resolver o problema dos habitantes de Sandiães (Ponte de Lima).

Ponte de Anhel é um Lugar de referência nesse extremo do Concelho, um ponto de confluência de Freguesias e Concelhos, uma das portas de entrada no Concelho de Barcelos e deverá acompanhar com a execução das redes de água e saneamento.

2 – BioCantinas

O projeto “Rede de Transferência de BioCantinas” pertencente ao programa europeu URBACT e visa transferir as boas práticas do município francês de Mouans-Sartoux (líder de projeto) no que toca às refeições escolares com 100% dos alimentos de origem biológica.

Os Municípios de Pays des Condruses (Bélgica), Rosignano Marittimo (Itália), Trikala (Grécia), Troyan (Bulgária) e Vaslui (Roménia) e Torres Vedras (aderiu em dezembro de 2018) completam os sete parceiros do projeto.

Considerando que,

  1. Em Barcelos existem cerca de 20 agricultores a produzir em modo de produção biológico
  2. O Município apresentou recentemente um estudo sobre a Pegada Ecológica, documento que estabelece directrizes no mesmo sentido

Propomos que a Câmara de Barcelos pondere a adesão a esta Rede no sentido de aplicar o conceito de BioCantinas em regime experimental ou de projecto piloto nalguma escola do Concelho.

3 – EN 306 e Ponte de Lijó sobre a EN306

A EN 306 é a maior estrada municipal de Barcelos, atravessa o Concelho de norte a sul, desde Alheira a Macieira, atravessando 12 Freguesias ao longo de 30 km.

Foi requalificada há cerca de 20 anos pelo governo do Eng. António Guterres e desclassificada de estrada nacional para municipal.

Ao longo dos anos a EN306 foi sendo dotada de infraestruturas de saneamento básico e distribuição de água, pelo que a qualidade do seu pavimento deteriorou-se ao longo dos troços em que recebeu essas intervenções.

Nalguns pontos do seu itinerário, o pavimento encontra-se completamente degradado e representa um factor de insegurança para os seus utentes e um motivo para acidentes de viação.

Considerando a longevidade da requalificação desta via municipal, cerca de 20 anos, a insegurança que o mau estado do seu pavimento representa para os seus utentes nalguns troços do seu traçado, o deficiente estado de conservação de canais de drenagem de águas pluviais, o tráfego intenso a está submetida propomos:

  1. A Verificação do estado de segurança da ponte situada na proximidade do entroncamento da EN 306 com a estrada de acesso ao Eirogo / Galegos Santa Maria
  2. A execução de obras de requalificação da estrada municipal EN 306, designadamente nalguns troços do seu traçado mais deteriorados.

4 – Unidade de Saúde da Lama

Unidade de Saúde situada na Freguesia da Lama está instalada num edifício que foi construído na década de 1970 e serve as populações de várias Freguesias dessa zona do Concelho.

Dada a longevidade de construção do edifício, existe a necessidade de instalações funcionais e com o conforto indispensável para um estabelecimento de saúde.

Propomos que o Sr. Presidente da Câmara desenvolva diligências junto do ACES / ARS e/ou da entidade proprietária do edifício para a execução de obras de modernização das instalações utilizadas pela Unidade de Saúde da Lama.

5 – Circular Urbana – variante a Arcozelo e Tamel S. Veríssimo

Na reunião do passado dia 23 de Outubro questionamos sobre este assunto e, designadamente, solicitamos informação sobre a existência de terrenos comprados pelo Município para a sua construção.

Na resposta não foi contemplada esta pergunta, pelo que voltamos a perguntar se existem terrenos na posse do Município adquiridos para a execução dessa via estruturante para a Cidade e Concelho.

Fonte: Vereador PSD| José Santos Novais

O Barcelos na Hora procura estar na linha da frente do processo de mudanças tecnológicas e relacionais, sempre atento à inovação e promovendo a interação com os seus leitores, para isso, precisa do seu apoio, este, é cada vez mais importante para o nosso desenvolvimento e crescimento, na partilha e divulgação de informação útil, clara e isenta.

Apoie o Jornal online de Barcelos na Hora, a partir de 1€

 




Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Ir Para Cima