Tag archive

Banco Santander

Clientes do Santander já podem pagar com Apple Pay

Agosto 4, 2020 em Atualidade, Concelho, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Os clientes do Santander já podem utilizar o Apple Pay para efetuar pagamentos de uma forma mais simples e segura, sem ser necessário ter cartão bancário ou dinheiro. Os clientes apenas têm de aproximar o seu iPhone ou Apple Watch de um terminal de pagamento e pagar de modo contactless. Todas as compras são autenticadas com Face ID, Touch ID ou com o código de acesso ao dispositivo.



Os clientes também podem utilizar o Apple Pay no iPhone, iPad e Mac para fazer compras de um modo mais rápido e prático em apps ou na Internet com o browser Safari, sem ter de criar contas e preencher formulários.

A segurança e privacidade estão presentes em todos os pagamentos com o Apple Pay.  Quando é efetuada uma compra, o Apple Pay utiliza um número de cartão específico, pelo que o número original do cartão nunca é armazenado no dispositivo ou nos servidores da Apple, nem é partilhado pela Apple com os comerciantes.

O Apple Pay é fácil de configurar. No iPhone, basta abrir a app Wallet e adicionar um cartão de débito ou crédito do Santander. Assim que o cliente o adicionar a um dos dispositivos, o Apple Pay fica disponível e pronto a ser utilizado para pagar.

“Esta inovação insere-se no objetivo do Santander de simplificar a vida financeira dos clientes, criando soluções para que possam pagar as suas compras com qualquer dispositivo móvel em todo o mundo, de uma forma simples, rápida e segura”, refere o Banco.

Todos as informações sobre o Apple Pay podem ser consultadas em https://www.apple.com/pt/apple-pay/  ou na página do Banco http://www.santander.pt/cartoes/pagamentos-digitais/apple-pay

Foto: DR.

EUROMONEY distingue: Santander “Melhor Banco em Portugal 2020” e “Melhor Banco de Investimento em Portugal 2020”

Julho 15, 2020 em Atualidade, Concelho, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Em nota enviada às redações, o Banco Santander informa que recebeu o prémio de “Melhor Banco em Portugal 2020” e de “Melhor Banco de Investimento”, atribuído pela revista EUROMONEY.



Este ano, o Santander também ganhou o galardão de “Melhor Banco de Investimento em Portugal 2020”. A revista refere que “o negócio de consultoria empresarial e de mercado de capitais” permitiu que, apesar da concorrência de outros bancos internacionais, “o melhor banco de investimento do país viesse para a ribalta”.

Os ‘awards’ distinguem as instituições que apresentam os melhores serviços junto dos seus clientes demonstrando liderança, inovação e dinamismo nos mercados onde operam.

A revista, que comemora este ano o seu 51º aniversário, realçou que “o Santander Portugal, o melhor banco do país, aumentou o volume de empréstimos às empresas e fez progressos na captação de clientes”. Adianta, ainda, que “a aposta nos canais digitais e novos métodos de trabalho permitiram reduzir drasticamente o tempo necessário até à formalização de um crédito à habitação. Tal agilidade foi especialmente importante num momento de pandemia provocada pelo COVID-19”. O Santander já foi distinguido 18 vezes com o prémio “Melhor Banco em Portugal”.

Também destaca a subida de 5,5% do resultado líquido de 2019 para 527 milhões de euros, o melhor resultado de sempre, acrescentando, ainda, que a rendibilidade do capital próprio subiu para 12,7%, enquanto o rácio de eficiência caiu para 45%. Por outro lado, o rácio de NPE caiu para 3,3% e o rácio de capital CET1 subiu para 15,2%.

Na mesma ocasião, ficou a conhecer-se que, a nível regional, o Santander obteve as distinções de Melhor Banco da Europa Ocidental para as Pequenas e Médias Empresas e o Melhor Banco na América Latina para as Pequenas e Médias Empresas. Em termos de países, para além de Portugal, o galardão foi para o Santander Espanha (Melhor Banco em Espanha). Em resposta à crise da pandemia provocada pelo COVID-19, a EUROMONEY atribuiu prémios especiais, tendo assim atribuído ao Santander os prémios de Excelência na Liderança na Europa Ocidental, Europa Central e Oriental, neste caso para o Santander Bank Polska.

Fonte: SANTANDER.

Imagem: DR.

Santander lança novo Cartão Digital

Julho 13, 2020 em Atualidade, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O Santander acaba de lançar o Cartão Digital, que fica disponível para utilização imediata na app (pagamentos contactless e QR Code e transferências MB Way). Assim, os clientes poderão efetuar todas estas operações logo que fica concluído o processo de adesão a um cartão de débito, mesmo enquanto aguardam por receber o cartão físico.



O Banco tem vindo a lançar novas soluções de pagamento digital, que permitem aos clientes pagar as suas compras com qualquer dispositivo móvel em todo o mundo, de uma forma simples, rápida e segura. Recentemente foram firmadas parcerias com a Garmin e Fitbit, sendo assim possível a realização de compras contactless através de relógios (smartwatch), pulseiras e outros dispositivos.

Nos pagamentos com o telemóvel, os clientes do Santander são dos poucos no mercado que, através da app do banco, já podem utilizar o seu telefone com sistema operativo Android para fazer compras contactless em qualquer parte do mundo. Para os telemóveis com sistema operativo iOS já está disponível uma solução doméstica que permite fazer compras com a app do banco através da captura de um QR Code, estando prevista para breve uma solução que permitirá fazer pagamentos via contactless em todo o mundo.

“O Santander pretende ser a melhor plataforma aberta de serviços financeiros e, nesse sentido, tem vindo a acelerar a transformação digital, criando soluções inovadoras, que melhorem a experiência do cliente”, refere o Banco em nota.

Foto: DR.

Santander e MAPFRE distribuem em conjunto seguros não vida em Portugal

Julho 6, 2020 em Atualidade, Concelho, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O Banco Santander e a MAPFRE anunciaram, hoje, um novo acordo que permite alargar a sua aliança de Banca Seguros à Península Ibérica. O banco irá distribuir, exclusivamente em Portugal, até dezembro de 2037, os seguros automóvel, multirrisco PME e seguros de responsabilidade civil da MAPFRE, que passará a controlar 50,01% do negócio conjunto de seguros no país, enquanto o Banco Santander Totta será titular dos restantes 49,99%.



Na sequência do acordo de banca seguros celebrado em janeiro do ano passado, o banco líder em Espanha e a seguradora de referência no mercado espanhol decidiram estreitar as suas relações corporativas, estudando a possibilidade de implementar acordos similares em outros mercados. Esta é a primeira materialização desse compromisso.

Este acordo é complementado com a aquisição, por parte da MAPFRE Vida, de 100% de uma carteira em run-off de seguros de vida, risco atualmente propriedade da Santander Totta Seguros.

Pedro Castro e Almeida, CEO do Santander Portugal assinala que “com esta colaboração com a MAPFRE, vamos impulsionar a nossa oferta comercial de forma importante a favor de clientes cada vez mais exigentes e informados”.

Jose Manuel Inchausti, CEO da MAPFRE Ibéria, refere que “este acordo vem reforçar uma aliança que mostra uma grande capacidade comercial. Os pontos de venda do Santander em Portugal vão permitir-nos aumentar notavelmente a nossa capilaridade no mercado português”.

O Santander é o maior banco privado do mercado português e ganhou todos os principais prémios internacionais relativos à banca portuguesa assim como as maiores distinções de reputação do sector financeiro.

A previsão é que a nova sociedade, cuja criação depende ainda da aprovação das autoridades competentes, possa começar a produzir seguros no quarto trimestre de 2020.

Imagem: DR.

Clientes do Santander já podem pagar com os dispositivos da Fitbit

Julho 2, 2020 em Atualidade, Concelho, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Os clientes do Santander já podem fazer pagamentos através de um dispositivo Fitbit, utilizando a solução de pagamento Fitbit Pay.



A funcionalidade surge no âmbito das novas soluções de pagamento digital que o Banco está a implementar, para possibilitar aos clientes pagar as suas compras com qualquer dispositivo móvel em todo o mundo – utilizando relógios (smartwatch), pulseiras e outros dispositivos – de uma forma simples, rápida e segura.

O pagamento pode ser feito em qualquer terminal de pagamento com tecnologia contactless, sem ser necessário ter consigo um cartão bancário ou o telemóvel. Basta associar um cartão Mastercard ao relógio para ativar os pagamentos e pagar apenas aproximando o pulso do terminal de pagamento.

“Esta é mais uma inovação que se insere no objetivo contínuo do Santander em simplificar a vida financeira dos portugueses, colocando à sua disposição meios de pagamento 100% digitais. Uma aposta, estratégica, que permite posicionar o Santander como o Banco dos Pagamentos Digitais em Portugal”, refere o Banco em nota.

Foto: DR.

Clientes do Santander já podem fazer pagamentos através de smartwatch

Junho 29, 2020 em Atualidade, Concelho, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Os clientes do Santander já podem fazer pagamentos por smartwatch, através do dispositivo Garmin Pay, dispondo assim de uma nova solução de pagamento contactless.



O Santander é o primeiro banco com ligação a este tipo de suporte em Portugal.

A funcionalidade pode ser utilizada para pagar em qualquer terminal de pagamento com tecnologia contactless, sem ser necessário ter consigo um cartão bancário ou o telemóvel.

Basta associar um cartão Mastercard ao relógio para ativar os pagamentos e pagar apenas aproximando o pulso do terminal de pagamento.

Com esta novidade, os utilizadores passam a usufruir, de uma forma mais completa, de todas as potencialidades de um smartwatch, algumas das quais ligadas a um estilo de vida mais saudável. Além disso, têm ao dispor um método de pagamento rápido e seguro, em qualquer lugar onde estejam.

“O Santander pretende ser a melhor plataforma aberta de serviços financeiros e, nesse sentido, tem vindo a acelerar a transformação digital, criando soluções simples e inovadoras, que melhorem a experiência do cliente”, refere o Banco.

Foto: DR.

Santander cria novas soluções de pagamentos digitais

Junho 26, 2020 em Atualidade, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O Santander informa, em nota, que vai lançar novas soluções de pagamento digital, que irão permitir aos clientes pagar as suas compras com qualquer dispositivo móvel em todo o mundo, de uma forma simples, rápida e segura. “Esta aposta, estratégica, permite posicionar o Santander como o Banco dos Pagamentos Digitais em Portugal”, refere.



As novidades, a divulgar ao longo das próximas semanas, incluem, entre outras, a possibilidade de se realizarem compras contactless utilizando relógios (smartwatch), pulseiras e outros dispositivos que, por serem métodos mais rápidos e sempre disponíveis, vêm simplificar o dia a dia da vida financeira dos clientes. A disponibilização de um cartão digital imediato será outra das inovações que será lançada brevemente.

Os pagamentos com estes dispositivos podem ser feitos em qualquer terminal de pagamento com tecnologia contactless, sem ser necessário ter consigo um cartão bancário físico ou o telemóvel. Basta associar um cartão Mastercard ao dispositivo e, a partir daí, aproximar o pulso para efetuar uma transação.

Relativamente à possibilidade de pagar com o telemóvel, os clientes do Santander são dos poucos no mercado que, através da app do banco, já podem utilizar o seu telefone com sistema operativo Android para fazer compras contactless em qualquer parte do mundo. Para os telemóveis com sistema operativo iOS já está disponível uma solução doméstica que permite fazer compras com a app do banco através da captura de um QR Code, sendo em breve lançada uma solução que permitirá fazer pagamentos via contactless em todo o mundo.

O Santander irá lançar também o Cartão Imediato, um cartão digital, que fica disponível para utilização imediata na app (para compras online, transferências MB Way e pagamentos contactless e QR Code). Assim, os clientes poderão efetuar todas estas operações logo que fica concluído o processo de adesão a um cartão de débito, mesmo enquanto aguardam por receber o cartão físico.

Inês Oom de Sousa, Administradora do Santander em Portugal, refere que “o Santander quer consolidar-se como uma referência no mercado na área de pagamentos, pelo que irá continuar a inovar com produtos e serviços simples, rápidos e seguros. Os pagamentos digitais são uma realidade cada vez mais procurada pelos consumidores, e este é um exemplo claro de que queremos ser o banco do dia-a-dia dos nossos clientes”.

“O Santander pretende ser a melhor plataforma aberta de serviços financeiros e, nesse sentido, tem vindo a acelerar a transformação digital, criando soluções inovadoras, que melhorem a experiência do cliente”, conclui o Banco.

Imagem: DR.

Santander recebe nível de excelência como Empresa Familiarmente Responsável

Junho 24, 2020 em Atualidade, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O Santander recebeu o nível de Excelência enquanto Empresa Familiarmente Responsável – efr, uma certificação atribuída pela Fundação MásFamilia e a ACEGE.



O Banco foi a primeira empresa a receber esta certificação em Portugal, em 2010, e tem vindo a ser renovada desde então, alcançando agora a segunda nota mais alta: A.

A avaliação teve em conta os seguintes indicadores: a qualidade do emprego, a flexibilidade temporal e espacial, a inclusão e a conciliação da vida familiar e laboral, o apoio à família, o desenvolvimento pessoal e profissional, e a igualdade de oportunidades.

Pedro Castro e Almeida, Presidente Executivo do Santander em Portugal, realça que “o Banco tem vindo a receber esta certificação e a melhorar todos os seus parâmetros, ano após ano. Apenas duas empresas em Portugal obtiveram o nível de Excelência, sendo o Santander uma delas. O Banco e todos os seus colaboradores estão de parabéns.”

Atualmente, o Banco oferece aos seus colaboradores 75 medidas para garantir o máximo de equilíbrio entre a vida pessoal e profissional. Estas medidas são atribuídas em diversas áreas, como a saúde, onde se destacam, por exemplo, o seguro complementar ao SAMS, um programa de vacinação gratuita, condições especiais no acesso a ginásios, a semana “be healthy”, entre outras. O apoio à família é outra das vertentes, com subsídio de nascimento, infantil e ticket de infância, comparticipação de propinas e livros escolares e prémios de mérito. Há ainda vários benefícios ao nível do flexiworking e em empréstimos e seguros.

Além destas medidas, o Banco lançou, recentemente, iniciativas de apoio aos seus colaboradores no âmbito do COVID-19, como a não utilização do regime de lay-off, a possibilidade de antecipar 50% do subsídio de natal, a disponibilização de uma 1ª análise ao vírus e linhas de apoio COVID-19: médica e psicólogo, entre outras.

Esta certificação, atribuída pela Fundação MásFamilia e a ACEGE, foi auditada pela SGS ICS Portugal e de acordo com a norma efr 1000. “A sua atribuição representa o reconhecimento por parte desta entidade das medidas que o banco tem vindo a adotar para apoiar os colaboradores na conciliação da vida pessoal e profissional e promover a igualdade de oportunidades”, refere o Banco em nota.

Foto: DR.

Santander acelera transformação digital e contrata em Portugal 100 profissionais de tecnologia este ano

Junho 15, 2020 em Atualidade, Economia, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O Banco Santander vai contratar em Portugal, ainda este ano, 100 profissionais com perfil tecnológico para acelerar a sua transformação comercial, tecnológica e digital.



Como parte da estratégia para alavancar a sua escala global e aumentar o número de clientes e as receitas, o Santander anunciou, no ano passado, no Dia do Investidor, os planos para investir mais de 20.000 milhões de euros na transformação digital e tecnológica para o período de quatro anos (2019-2022).

Em todo o grupo, está prevista a contratação de 3.000 profissionais com o mesmo perfil.

“A decisão de contratar estes profissionais com um perfil mais tecnológico ajudará a acelerar os planos traçados pelo Santander, permitindo melhorar e personalizar ainda mais a experiência do cliente, aumentar a confiança e lealdade, bem como a eficiência”, refere em nota. O Banco anunciou, recentemente, que tem vindo a melhorar a sua capacidade operacional e espera obter uma poupança de custos progressiva de 1.200 milhões de euros no médio prazo.

O aparecimento de plataformas disruptivas como modelo de negócio mudou muitos setores. “O objetivo do Santander é tornar-se a melhor plataforma aberta de serviços financeiros, atuando de forma responsável e conquistando a confiança dos colaboradores, clientes, acionistas e sociedade, e de uma maneira simples, próxima e justa”, continua.

Ana Botín, presidente do Banco Santander, referiu que “ter a melhor tecnologia não significa apenas ter a melhor infraestrutura, aplicações e processos. Também significa ter o melhor e o talento mais inovador. Temos uma equipa excecional no Santander e, adicionando novos talentos em cada um dos nossos mercados, podemos continuar a acelerar a nossa transformação tecnológica e digital.”

Já Dirk Marzluf, responsável por Tecnologia e Operações do Banco Santander, disse que estão “a contratar profissionais com perfis de tecnologia que trarão novas habilidades de TI e estão à procura de novos desafios. Eles estarão no centro da nossa transformação.”

As novas posições estão disponíveis no LinkedIn. Os profissionais selecionados farão parte da área de Tecnologia e Operações em áreas como plataformas e APIs (interface de programação de aplicações), cloud, dados, redes, DevSecOps (desenvolvimento, segurança e operações), inteligência artificial, desenvolvimento de software, arquitetura corporativa e cibersegurança.

Esses perfis não agregam apenas novos conhecimentos e experiências em tecnologia, mas também, novas formas de pensar e resolver problemas, complementando os pontos fortes da atual equipa. “Esta estratégia ajudará a servir melhor os nossos clientes, aumentar a rentabilidade e ser mais eficiente”, salienta.

A nova oferta global é a porta de entrada para um grupo internacional com 195.000 colaboradores com atividade em 10 principais mercados da Europa e América, com 146 milhões de clientes e cuja missão é contribuir para o desenvolvimento das pessoas e das empresas. “Os novos profissionais serão protagonistas da transformação digital de uma empresa líder no mundo, comprometida com a diversidade e igualdade de oportunidades, e trabalhando num ambiente flexível e saudável”, conclui.

Foto: DR.

Prémio Científico Mário Quartin Graça 2020 com candidaturas abertas

Junho 4, 2020 em Atualidade, Concelho, Educação, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Já estão a decorrer as candidaturas para o Prémio Científico Mário Quartin Graça 2020, uma iniciativa do Banco Santander e da Casa da América Latina, que distingue anualmente as melhores teses de doutoramento realizadas em Portugal e na América Latina.



Podem concorrer os estudantes oriundos de um destes países, com trabalhos enquadrados nas áreas de Ciências Sociais e Humanas; Tecnologias e Ciências Naturais; e Ciências Económicas e Empresariais. O prazo de candidatura termina no dia 31 de julho. O vencedor de cada categoria recebe um prémio no valor de 3 mil euros.

A eleição dos premiados é feita tendo em conta os seguintes fatores: originalidade do tema; relevância no âmbito do estreitamento de relações entre os países referidos; e a qualidade da investigação.

“Este Prémio reflete o compromisso do Santander no apoio ao Ensino e ao Conhecimento. Criado há 11 anos, tem vindo desde então a estimular e a reconhecer a formação de estudantes portugueses e latino-americanos em temas de interesse mútuo para Portugal e para a América Latina. Pelo seu rigor e profundidade de análise, os trabalhos premiados têm trazido um valor acrescentado aos diferentes assuntos investigados”, refere o Banco em nota.

Todas as informações sobre esta edição podem ser consultadas no site da Casa da América Latina, em:

Imagem: DR.

Ir Para Cima