Tag archive

Câmara Municipal de Barcelos

Barcelos presente na mais importante feira de artesanato do mundo

Dezembro 11, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

O Município de Barcelos esteve presente na L’Artigiano in Fiera (Milão, Itália), a mais importante feira de artesanato do mundo, que se realizou de 30 de novembro a 8 de dezembro de 2019.



“Para o Município, esta participação teve como principal objetivo a realização de contactos e estudo de mercado, com o intuito de averiguar a possibilidade de uma participação promocional e comercial do artesanato barcelense numa próxima edição, como forma de apostar na sua internacionalização e, assim, fomentar a imagem de Barcelos como Cidade Criativa da UNESCO e Capital de Artesanato de Portugal”, refere o Município.

“Esta visita foi extremamente importante para comprovar que Barcelos tem espaço nesta feira como território diferenciador e autêntico, detentor de um património cultural de excelência e inigualável”, conclui.

Este certame possui uma enorme estrutura expositiva, na qual está representado o melhor artesanato da Europa, Ásia, África e América (com mais de 3000 stands e mais de 100 países), com destaque natural para o artesanato de Itália. Na edição de 2018, a feira registou mais de 1,2 milhões de visitantes, o que comprova a importância e a qualidade do evento, sustentado pela autenticidade e originalidade do artesanato presente.

No pavilhão europeu, Portugal está representado com alguns expositores da área das peles, da cerâmica, da filigrana e da gastronomia. No âmbito da cerâmica verificou-se a presença de um expositor de Barcelos, a Cerâmica “Histórias da Minha Terra”, da freguesia da Ucha, facto muito positivo para a internacionalização.

Fonte e foto: CMB.

PSD Barcelos lança comunicado sobre novo Hospital de Barcelos

Dezembro 10, 2019 em Atualidade, Concelho, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

Num comunicado enviado às redações, o Partido Social Democrata de Barcelos aborda a vinda da Ministra da Saúde, Marta Temido, a Barcelos para presidir à sessão de abertura do I Congresso RECOVERY Portugal 2019, onde respondeu a uma intervenção do Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Miguel Costa Gomes, nessa mesma cerimónia, tendo-a questionado sobre o novo hospital para Barcelos, ao que a Ministra demonstrou não haver margem para essa obra.



Segue, na íntegra, o comunicado social-democrata, datado de 09 de dezembro e assinado pelo presidente da concelhia, José Novais.

«Hospital de Barcelos adiado mais um ano!

O PSD de Barcelos manifesta a sua preocupação com as declarações da Ministra da Saúde, Marta Temido, quanto à não construção do novo Hospital público de Barcelos, proferidas em Barcelos no passado dia 6 de dezembro.

“Onde é que os portugueses e as portuguesas neste momento consideram prioritário pôr seis ou sete milhões? No fundo, tudo é uma questão de prioridades”, afirmou Marta Temido em resposta ao Presidente da Câmara de Barcelos.

Já em 27 novembro 2018, aquando da inauguração do TAC no Hospital de Barcelos, a ministra tinha afastado a possibilidade da empreitada ser contemplada no Orçamento do Estado 2019 e, agora, a resposta volta a ser a mesma.

E no dia 26 de abril 2018, a Secretária de Estado da Saúde, ao visitar o Hospital de Santa Maria Maior, tinha adiantado que o Governo estava “a trabalhar para que este seja considerado no próximo quadro comunitário”.

Também em 20 de janeiro de 2016, o então Ministro da Saúde respondeu ao então Deputado Dr. Domingos Pereira: “O senhor deputado Domingos Pereira colocou a questão de Barcelos e do novo Hospital…relativamente a novos hospitais…os compromissos que assumimos nesta legislatura estão ditos e estão firmados”.

A Ordem dos Médicos e a Ordem dos Enfermeiros já reclamaram a necessidade de um novo Hospital e foram tornados públicos casos impróprios para a saúde e a dignidade dos doentes e dos profissionais do Hospital.

Esta é uma obrigação do Governo desde o Protocolo firmado a 23/07/2007, entre a ARS Norte e a Câmara Municipal de Barcelos, segundo o qual a construção do Hospital seria objeto de candidatura ao QREN e os terrenos necessários para a sua implementação (100.500 m2) seriam disponibilizados pela Câmara.

Esse Protocolo de 2007 foi assinado depois da Câmara PSD ter defendido o Concelho com 10 mil barcelenses numa manifestação em Lisboa em 6 de maio de 2006, e, a partir de 2009, o PS e o Presidente da Câmara nada têm feito pelo novo Hospital.

O valor do Investimento foi orçado em 83,3 M€, IVA incluído, sendo 56,1 M€ (67,3%) para projeto e construção e 27,2 M€ (32,7%) para apetrechamento e a data de conclusão apontava para 2014.

A Câmara PS passou 10 anos a fazer demagogia e, com responsabilidades no Governo e na Câmara, o Partido Socialista tem todas as condições para conseguir a construção do novo Hospital, pelo que não tem mais desculpas.

O Concelho de Barcelos necessita de um Hospital moderno e funcional, para servir com qualidade as nossas populações e não pode ser prejudicado nem desvalorizado comparativamente aos Hospitais da região que servem populações de dimensão similar.»

Ainda não são conhecidas reações do Município e do PS sobre esta posição do PSD Barcelos.

Foto: DR.

Barcelos promove debates sobre a Europa

Dezembro 9, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

“Euroceticismo: a origem e os efeitos no futuro da União Europeia” foi o mote para o encontro, em Barcelos, de sete delegações de países europeus, onde se discutiu as origens e efeitos na União Europeia do euroceticismo.



Este foi o quarto encontro do programa “Europa para os Cidadãos”, que contou com as delegações de Teruel (Espanha), Kistelek (Hungria), Heraklion (Grécia), Narva (Estónia), Victoria (Roménia), Skrad (Cróacia), e Gerace – (Itália), e contou com o apoio do Centro de Informação Europe Direct Minho.

Armandina Saleiro, vereadora do pelouro da Educação e Ação Social, frisou a importância destes encontros e debates sobre a Europa. “Este tema do euroceticismo é muito importante porque algumas movimentações que vemos pela Europa podem levar a uma desagregação e não pretendemos isso. É preciso abordar estes temas e trabalhar para unir a Europa”.

Sobre o programa “Europa para os Cidadãos” Armandina Saleiro acredita que este “é um projeto que se enquadra com o objetivo de dar voz aos cidadãos e à comunidade em geral sobre problemas do dia a dia”.

Entre os dias 3 a 5 de dezembro, o Programa “Europa para os Cidadãos” promoveu discussões sobre temáticas e problemas centrais da Europa atual, como o Brexit e a proliferação de movimentos extremistas. Na Biblioteca Municipal as delegações participantes apresentaram a sua visão sobre a temática em causa.

Outro dos encontros aconteceu na Escola Secundária de Barcelos, envolvendo a comunidade, especialmente jovens estudantes do ensino secundário e do IPCA, onde foi o tema debatido.

Fonte e foto: CMB.

Regulamentos municipais disponíveis em documento único

Dezembro 9, 2019 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

A Câmara Municipal de Barcelos promoveu a elaboração de um Código Regulamentar, cujo objetivo é “integrar num documento único as normas regulamentares municipais com eficácia externa, atualmente materializadas em várias dezenas de regulamentos, de forma a ir ao encontro da mais moderna dinâmica sistematização regulamentar municipal, à semelhança do que vem já acontecendo noutros municípios”, refere em nota.



O projeto de codificação e sistematização destes regulamentos está a ser elaborado em articulação com a Universidade Católica Portuguesa – Centro Regional do Porto, com o qual foi celebrado um contrato de aquisição de serviços, no valor de 19.900,00€, e um prazo de execução de 18 meses, que prevê, entre outros,  a análise e triagem de todos os regulamentos municipais em vigor, fase esta em que se terá em linha de conta não só aqueles que se encontram efetivamente já em vigor, mas igualmente, e de entre aqueles, os que estivessem a ser alvo de um processo interno de revisão, bem assim, não deixando de ter presente todo um conjunto de novos regulamentos que se projetam como necessários em vários domínios da atividade municipal; a realização de sessões de trabalho com as várias equipas do Município afetas às várias unidades orgânicas sob cuja alçada os regulamentos vinham estando a ser pensados e aplicados ou, mais recentemente, a ser desenhados; a elaboração e apresentação de uma proposta de Código Regulamentar do Município de Barcelos para discussão pública; ; a realização de ações formativas internas (dirigidas aos serviços) e externas (dirigidas aos munícipes), após a entrada em vigor do Código Regulamentar do Município de Barcelos, para esclarecimento e reforço da sua boa aplicação.

Para a Vereadora do pelouro dos serviços jurídicos, Anabela Real, “esta é uma ação muito importante por parte do Município que pretende ir ao encontro das necessidades dos cidadãos.” Com este Código, diz ainda Anabela Real, “os munícipes têm a facilidade em encontrar as normas que passam a estar sistematizadas num único diploma, e de forma menos burocrática e mais acessível”.

Este Código, que se prevê que entre em vigor em 2020, tem como objetivo uniformizar a legislação, evitando contradições entre as normas, assegurando, ao mesmo tempo que, da integração das mesmas, não resulte uma solução demasiado rígida que impeça a evolução natural do quadro normativo-regulamentar do Município.

Atualmente, os regulamentos municipais de eficácia externa encontram-se disponíveis no site do Município para consulta, sendo que, no final do processo de codificação, continuarão a estar acessíveis na sua nova configuração.

De igual modo, os serviços jurídicos municipais, atualmente concentrados no Gabinete de Apoio Técnico, estão a ser alvo de uma reestruturação tendo em vista a beneficiação da atuação entre Município e munícipe. A satisfação dos munícipes, das empresas e das instituições que operam em Barcelos, das pessoas que nos visitam ou que pretendam aqui investir nas mais diversificadas áreas, colocam hoje ao Município desafios e exigências cada vez maiores nos diferentes domínios, para os quais é necessário responder eficaz e rapidamente no plano técnico-jurídico.

Nesse sentido, e partindo do pressuposto que os serviços jurídicos têm por missão zelar pela legalidade da atuação do Município, prestando o acompanhamento jurídico necessário e assegurando a representação forense e a defesa contenciosa dos interesses municipais, procurou-se reorganizar e reforçar um serviço público com padrões de excelência, capaz de responder à multiplicidade de situações com que a atual administração pública se confronta.

Fonte e foto: CMB.

Câmara de Barcelos atribui mais de um 1,4 milhões euros às freguesias

Dezembro 9, 2019 em Atualidade, Concelho, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

A Câmara Municipal de Barcelos aprovou, em reunião ordinária de 29 de novembro, a transferência de 1.333.196,00€ para as freguesias do concelho, verba referente ao pagamento do quarto trimestre do contrato de cooperação entre o Município e as freguesias (protocolo dos 200%) que, em 2019, totalizou 5.332784,00€.



Para além desta verba, a Câmara Municipal aprovou subsídios a 11 freguesias, no valor global de 143.530,00€, como comparticipação financeira em obras de alargamento, reparação e pavimentação de vias, construção de muros, entre outras finalidades.

Na mesma reunião, o executivo municipal aprovou um conjunto de apoios sociais, destacando-se: o apoio à habitação social, no valor de 2.146,78€, a uma munícipe; o apoio à renda a 27 famílias e o apoio às refeições escolares de 27 alunos dos jardins de infância e escolas do 1.º ciclo do concelho; a atribuição de um subsídio no valor de 1.000,00€, à equipa sócio-caritativa da Paróquia de Santa Maria Maior de Barcelos, tendo em vista o apoio às famílias mais carenciadas.

Quanto às restantes deliberações destacam-se as seguintes: a aprovação de dois protocolos que têm como finalidade o transporte de alunos do ensino pré-escolar e do 1.º Ciclo, um com a Associação de Pais e Encarregados de Educação da EB1 e JI de Alheira, para transportar os alunos de Igreja Nova e Panque e que inclui uma comparticipação financeira do Município no valor de 10.000,00€, e outro com a Associação de Pais e Encarregados de Educação da EB1 e JI de Martim, para transportar os alunos de Encourados e que inclui uma comparticipação financeira do Município no valor de 3.200,00€; protocolo com a Associação Bandeira Azul, no âmbito da parceira no programa Eco-Escolas, em que o Município assegura o valor de inscrição das escolas de Barcelos, no valor de 70,00€ cada; aditamento ao contrato de desenvolvimento desportivo com a Associação Clube Moto Galos, que inclui uma comparticipação financeira municipal no valor de 1.000,00€, no âmbito da 4ª Etapa do Campeonato Nacional de Trial 2019; um contrato programa de desenvolvimento desportivo com a Federação Portuguesa de Atletismo, tendo em vista a manutenção do gabinete de apoio ao utente do Centro de Marcha e Corrida de Barcelos, com uma comparticipação financeira municipal no valor de 14.044,00€.

Fonte e foto: CMB.

Natal marca a programação de dezembro do Theatro Gil Vicente

Dezembro 3, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

O Natal marca a programação cultural de dezembro do Theatro Gil Vicente (TGV). O teatro infantil tem especial relevo, mas o cinema e a música não deixarão de estar presentes.



E é com música que abre a programação, no dia 6, às 22h00, com o concerto “Maria Reis, Gabriel Ferrandini e André Cepeda”, espetáculo inserido no ciclo de concertos Linha TGV.

A música continua no dia 14, às 22h00, com a vertente do serviço educativo do triciclo com o espetáculo “O Gringo sou eu + Escola da Banda Musical de Oliveira”.

No dia 7, às 21h30, a Associação D’Improviso – Artes do Espetáculo apresenta a peça “Murmúrios em Flor”, uma homenagem à poetisa Florbela Espanca, na véspera da comemoração dos 125 anos do seu nascimento.

No dia 12, às 21h30, o espaço cénico recebe a peça de teatro “Os 4 Clowns do Apocalipse”, pelo Teatro do Montemuro e, no dia 21, a Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos apresenta a peça “A Ceia dos Cardeais”.

Duas peças de teatro infantil serão apresentadas nos dias 13 e 15. No dia 13, às 21h30, o Instituto Autodidata de Estudos Superiores do Minho apresenta uma peça alusiva às festividades com o título “Uma Prenda Especial”. A rubrica “Em família no TGV” reserva a tarde de domingo, dia 15, às 16h00, com o Tin.Bra| Academia de Teatro a apresentar a peça “O Velho Tristão”.

No dia 18, é um dia dedicado aos mais novos e a Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos leva à cena “Cinderela” com sessões às 11h00 e às 14h30.

Na programação de cinema da ZOOM – Associação Cultural, inclui a exibição de “A Herdade” de Tiago Guedes, no dia 10, às 21h30.

No dia 22, às 16h00, o Teatro recebe uma tarde muito divertida com uma panóplia de artes, dança, poesia, música, canto e dramatização com o espetáculo “Todos os dias é Natal” pelos “Meninos da União”.

Já bem perto do Natal, no dia 26, haverá a comemoração d’O Dia Mais Curto com a projeção de filmes infantis à tarde “Curtinhas para todos”, às 15h00, com entrada livre, e para adultos à noite, “Novas Curtas Portuguesas”, às 21h30.

A música fecha o TGV no dia 28, às 22h00, com o concerto de “Black Bombain & João Pais Filipe”, espetáculo também inserido na Linha TGV.

Ainda no âmbito da programação cultural do mês de dezembro, a Biblioteca Municipal recebe, no dia 21, às 22h00, o concerto de “Ruído Vário”, espetáculo inserido no ciclo de concertos “triciclo”. A entrada tem um custo de 3€.

Os bilhetes para assistir aos espetáculos no Theatro podem ser adquiridos no local, ou através de reserva por e-mail (tgv@cm-barcelos.pt) ou telefone (253 809 694).

Fonte e imagem: CMB.

Barcelos comemora Dia Internacional do Voluntariado

Dezembro 3, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo port barcelosnahorabarcelosnahora

A Câmara Municipal de Barcelos, através do Banco Local de Voluntariado (BLV), em parceria com o Grupo Temático de Voluntariado (GTV), comemora no dia 5 de dezembro, o Dia Internacional do Voluntariado.



“A iniciativa pretende enaltecer o trabalho individual de cada voluntário que, em todas as suas missões, trabalha em prol da paz global e do desenvolvimento humano sustentável, atuando como agentes de mudança nas suas comunidades”, refere em nota.

Nesse sentido, o Município comemora a efeméride com um percurso pelas ruas da cidade, com voluntários e estudantes do IPCA, da construção da frase: “Eu importo-me! E tu, do que estás à espera?” e, por fim, de uma largada de pombos, representando, simbolicamente, a paz no mundo.

O dia 5 de dezembro celebra o Dia Internacional do Voluntariado, que foi criado em 1985 pela Assembleia Geral das Nações Unidas, com o objetivo de apoiar grupos dedicados a ações voluntárias em diversas categorias sociais.

O voluntariado é caraterizado por um conjunto de ações sem fins lucrativos, de interesse social e comunitário, desenvolvido por entidades públicas e privadas de forma altruísta, no âmbito de projetos, programas e outras formas de intervenção ao serviço dos indivíduos e da comunidade. É uma atividade inerente ao exercício de cidadania que se traduz numa relação solidária com o próximo, participando de forma livre e organizada, contribuindo para o desenvolvimento social.

Fonte e imagem: CMB.

PSD Barcelos critica Câmara em relação à captação de Fundos Comunitários

Dezembro 2, 2019 em Atualidade, Concelho, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

Em comunicado datado de 01 de dezembro e assinado pelo Presidente da Comissão Política, José Novais, o PSD Barcelos criticou a Câmara Municipal de Barcelos pelo baixo nível de financiamento captado de Fundos Europeus, colocando-se “ao nível dos Concelhos médios e muito abaixo do que é conseguido pelos Concelhos grandes”, contrariamente aos projetos aprovados para apoio empresarial, com Barcelos em 3º lugar.



Segue o comunicado na íntegra:

«Empresários Barcelenses à frente da Câmara na captação de Fundos Comunitários

O NORTE 2020 publicou os valores de PROJETOS APROVADOS para apoio ao INVESTIMENTO MUNICIPAL nos 86 Municípios da CCDRN, apoiados por Fundos Comunitários, contabilizados até à data de 31 de outubro 2019.

O PSD de Barcelos lamenta a posição modesta da Câmara de Barcelos no ranking dos financiamentos aos diversos Municípios, porque está ao nível dos Concelhos médios e muito abaixo do que é conseguido pelos Concelhos grandes.

1 – Porto – 22 projetos – 40.182.815,12€

2 – Gaia – 38 – 35.550.172,21

3 – Matosinhos – 52 – 27.343.956,29

4 – Braga – 21 – 23.696.514,03

5 – Maia – 41 – 18.827.577,95

6 – Bragança – 24 – 17.548.325,17

7 – Chaves – 46 – 17.364.477,58

8 – Viana Castelo – 32 – 16.633.654,67

9 – Famalicão – 22 – 16.486.386,95

10 – Valongo – 25 – 15.775.845,56

11 – Gondomar – 47 – 11.611.034,02

12 – Barcelos – 21- 10.854.943,64

13 – Povoa Varzim – 21 – 10.695.710,68

14 – Guimarães – 20 – 10.104.081,18

15 – Espinho – 12 – 9.215.296,41

16 – Mirandela – 13 – 8.539.737,16

17 – Amarante – 16 – 8.206.813,51

18 – Santo Tirso – 32 – 7.807.219,10

19 – Feira – 14 – 7.690.696,12

20 – Fafe – 16 – 7.610.538,55

21 – Ponte de Lima – 19 – 7.305.674,77

22 – Arcos Valdevez – 12 – 7.087.128,99

Em posição contrária estão os “PROJETOS APROVADOS para apoio ao INVESTIMENTO EMPRESARIAL”, da iniciativa das Empresas.

1 – PORTO – 547 – projetos 56.882.847,50€

2 – GUIMARÃES – 381 – 55.002.939,38

3 – BARCELOS – 252 – 40.195.052,41

4 – Braga – 329 – 39.195.874,60

5 – Oliveira Azeméis – 179 – 38.604.395,21

6 – Gaia – 304 – 38.006.711,20

7 – Maia – 252 – 34.813.061,65

8 – Famalicão – 257 – 33.024.632,86

9 – Feira – 213 – 29.457.724,12

10 – Paredes – 185 – 28.238.153,13

Os apoios ao investimento municipal destinam-se à “construção ou modernização de infraestruturas coletivas, de que são exemplo as escolas, a promoção do património cultural e natural, a aposta em eficiência energética, a promoção das TIC nos serviços públicos, bem como da reabilitação e mobilidade urbanas”.

“No contexto do sistema de incentivos às micro e pequenas empresas com investimentos na região, o NORTE 2020 apoia projetos de qualificação ou internacionalização, inovação e I&DT. Acresce, ainda, o estímulo ao microempreendedorismo previsto no SI2E – Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo e ao Emprego”.

Durante 10anos o Presidente da Câmara e os executivos PS não estiveram à altura dos Empresários Barcelenses, para desenvolver estratégias de aproveitamento dos Fundos Comunitários para desenvolver Barcelos!

A Câmara de Barcelos distingue-se pela inoperância, incompetência, desleixo e negligência, prisioneira da estratégia de interesse pessoal do Presidente da Câmara, do executivo e do PS, não coloca o superior interesse do nosso concelho em primeiro lugar e Barcelos continua a ficar para trás face aos grandes concelhos!

Barcelos 1 de dezembro de 2019.»

Programação de Natal em Barcelos

Novembro 30, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura port barcelosnahorabarcelosnahora

Não faltam motivos para visitar Barcelos, nesta quadra natalícia.  Às exposições de presépios do Figurado de Barcelos juntam-se os workshops que convidam a modelar o barro em criações verdadeiramente artísticas e as luzes de Natal que como por magia dão ainda mais brilho à cidade.



A programação de Natal do Município de Barcelos arrancou ontem, dia 29 de novembro, com a abertura ao público da exposição “Presépio, uma imagem, várias interpretações”, e que estará disponível na Torre Medieval e no Posto de Turismo até 6 de janeiro. E neste fim de semana, 30 de novembro e 1 de dezembro, tem lugar a 10ª edição do Concurso Barcelos Doce, que promove a excelência dos Doces Tradicionais de Natal, como o bolo-rei, o pão de ló e o tronco de Natal, confecionados pelas pastelarias, padarias e confeitarias do concelho de Barcelos.

Pelas ruas da cidade, de 7 de dezembro a 5 de janeiro, não faltarão espetáculos musicais e arruadas com as “Oferendas ao Menino Jesus”, visitas musicadas à Biblioteca Municipal, Torre Medieval, Museu de Olaria.

Nas igrejas da cidade, vão ecoar cânticos de Natal, com os concertos de Natal pelo Coral Magistrói (8/12, Igreja do Terço | 17h00), Conservatório de Música de Barcelos (14/12, Igreja Matriz de Barcelos | 21h30), Orquestra da Escola de Música da Banda Musical de Oliveira e Coro (21/12, Igreja da Santa Casa Misericórdia |16h30), Coro de Câmara de Barcelos e Orquestra Barcina (21/12, Igreja Matriz de Barcelos | 21h00) e Academia de Música de Viatodos (22/12, Templo do Bom Jesus da Cruz | 17h30).

Para os mais novos, a aldeia Natal será o ponto de atração, com canhões de neve (7 a 24 /12), comboio Natal (7 a 24/12), insufláveis, distribuição de pais natais de chocolate e de balões, a chegada do Pai Natal (22/12), numa parceria do Município de Barcelos com a ACIB. Em tempo de pausa escolar, podem, ainda, divertir-se nas Férias de Natal promovidas pelo Município, que aliam atividades lúdicas e desportivas no Pavilhão Municipal, no Museu de Olaria, na Galeria Municipal de Arte, na Biblioteca Municipal e na Casa da Juventude. As inscrições poderão ser feitas através do formulário disponível em: https://buonline.cm-barcelos.pt/.

O Theatro Gil Vicente tem, também, uma programação especial de Natal com principal destaque para o teatro infantil, mas o cinema e a música não deixarão de estar presentes.

O “Portanheiro” tem reservado o Jardim Velho, no dia da consoada (24/12), a partir das 17h00, para todos os barcelenses brindarem ao Natal com um cálice de vinho do Porto.

Os barcelenses podem, ainda, desfrutar da festa de passagem de ano com muita música e DJ´s, no Pavilhão Municipal, e de um grandioso espetáculo de fogo de artifício no Largo da Porta Nova.

Porque são as luzes, os presépios, os workshops, a chegada do Pai Natal que convidam nesta quadra a visitar Barcelos, a celebrar e a viver o espírito de Natal pelas ruas da cidade.

Descarregue o programa em:

https://www.cm-barcelos.pt/2019/11/mil-e-uma-razoes-para-viver-o-natal-em-barcelos/

Fonte e imagens: CMB.

Município de Barcelos recebe bandeira de Município Familiarmente Responsável

Novembro 29, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Política port barcelosnahorabarcelosnahora

O Município de Barcelos é uma “Autarquia Familiarmente Responsável”, uma distinção atribuída pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR), tendo recebido a respetiva bandeira, numa cerimónia que decorreu no dia 27 de novembro, no Auditório da Fundação FEFAL, em Coimbra, e em que o Município esteve representado pela Vice-Presidente, Armandina Saleiro.



A entrega da bandeira é o ato simbólico que premeia as autarquias que desenvolvem uma política eficaz de apoio e ajuda às famílias, reconhecendo as boas-práticas em matéria de política familiar e distinguindo os municípios que investem na construção de uma política integrada de apoio à família.

A cerimónia contou com a participação do embaixador António Monteiro, do secretário de Estado da Descentralização e da Administração Local, Jorge Botelho, de Maria do Rosário Carneiro, do Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis e, ainda, de Rafael Lucas Pires, da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas.

A Vice-Presidente da Câmara Municipal de Barcelos destacou várias medidas concretas que se enquadram no âmbito dos valores que este prémio representa, considerando-o um galardão que “atesta que as políticas autárquicas, no campo da responsabilidade familiar têm, de facto, apoiado os munícipes, as famílias e as pessoas mais carenciadas do concelho”.

“Ciente de que a família é um marco de coesão social insubstituível para o bem-estar da comunidade e da promoção da integração social no território, o Município de Barcelos promove medidas facilitadoras da vida familiar, nomeadamente na habitação, através da redução do IMI para as famílias numerosas, assim como no arrendamento habitacional e habitação social em que é concedida, pelo Município, uma majoração de 30%, às famílias com três ou mais filhos e de 20% às famílias monoparentais”, refere em nota.

“Ainda neste alinhamento, ao nível cultural há uma grande preocupação em conceber programas adequados à participação das famílias. Destacam-se algumas das iniciativas na área cultural, bem como nas áreas de educação e formação, como sejam: o apoio ao transporte escolar, o apoio nas refeições escolares, a oferta de manuais escolares, bolsas de estudo para os estudantes do ensino superior, o projeto de intervenção psicossocial e psicoeducativa. Na área da saúde, através dos projetos Barcelos a Sorrir, Promoção da Saúde Ocular e Auditiva e Promoção de Imagem e o Transporte Solidário”, conclui.

Fonte e foto: CMB.

1 2 3 63
Ir Para Cima