Tag archive

Campeonato Nacional

Óquei de Barcelos empata a 4 na receção ao FC Porto

Outubro 25, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Mais um jogo neste fim de semana opondo equipas de Barcelos ao FC Porto. No caso, o Óquei Clube de Barcelos (OCB) recebeu os portistas e o empate foi o resultado final.



A contar para a 5ª jornada, com arbitragem de Joaquim Pinto (AP Porto) e Pedro Figueiredo (AP Minho), o jogo contou com os seguintes alinhamentos:

A apresentação dos protagonistas do jogo (Foto: BnH)

OCB – Conti Acevedo, Zé Pedro, Joca Guimarães, Miguel Rocha e Reinaldo Ventura (cinco inicial); Joka, Tomás Pereira, Darío Giménez, Luís Querido e Rafael Lourenço (banco inicial); Rui Neto (treinador).

A equipa do Óquei de Barcelos (Foto: BnH)

FC Porto – Xavi Malián, Giulio Cocco, Rafa, Xavi Barroso e Reinaldo García (cinco inicial); Tiago Rodrigues, Zé Miguel, Ezequiel Mena e Gonçalo Alves (banco inicial); Guillem Cabestany (treinador).

Aquecimento do OCB (Foto: BnH)

Entraram melhor os forasteiros, com o barcelense Rafa a abrir o marcador, aos 10’. De seguida, entraram em ação as bolas paradas, todas para o OCB. Tomás Pereira e Luís Querido, ambos dentro do minuto 13, falharam grandes penalidades; Darío Giménez (14’) falhou livre direto a penalizar os portistas pela 10ª falta.

Início do jogo (Foto: BnH)

Foi preciso esperar 9 minutos para Miguel Rocha apontar o golo de empate, novamente em bola parada, num livre direto a penalizar azul de Reinaldo García. Nesse mesmo minuto, o OCB chegou à 10ª falta, mas Gonçalo Alves não desfeiteou Conti Acevedo. Ao intervalo: 1-1 no marcador.

Conti Acevedo, guardião do Óquei de Barcelos (Foto: BnH)

A segunda parte trouxe mais golos. Aos 7´, a penalizar o FC Porto pela 15ª falta, Darío Giménez colocou o OCB na frente do marcador. No entanto, em 2 minutos, os portistas deram a volta ao marcador. Gonçalo Alves (8´) e Reinaldo García (9’) colocaram o FC Porto na frente, por 2-3. Seguiram-se momentos do jogo dedicados ao “amarelar” de jogadores e elementos de ambos os bancos, até que aos 12’, Miguel Rocha bisou e recolocou tudo empatado.

Momento do jogo (Foto: BnH)

Aos 21’, Ezequiel Mena fez o 3-4 para os portistas, apontando um golo contra a sua anterior equipa. No mesmo minuto, Rafael Lourenço apontou o golo de empate. Até ao final, destaque para o livre direto a favor dos portistas, a cerca de 15 segundos do final do jogo, penalizando o OCB pela 15ª falta. No entanto, Conti Acevedo levou a melhor sobre Gonçalo Alves e segurou o empate a 4 que se registou no final do encontro.

Momento defensivo do Óquei de Barcelos (Foto: BnH)

Com este empate, o OCB mantém a 3ª posição, com 11 pontos. Segue-se a deslocação ao pavilhão do Juventude de Viana, em jogo a contar para a 6ª jornada, dia 31 de outubro, pelas 21h30.

Momento ofensivo do FC Porto (Foto: BnH)

Fotos: BnH.

Basquete de Barcelos vence FC Porto B a contar para o Nacional da 1ª Divisão

Outubro 25, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Mais um desporto, mais um jogo de uma equipa de Barcelos frente ao FC Porto. Desta feita, no basquetebol. Ontem, dia 24 de outubro, o Basquete Clube de Barcelos (BCB) recebeu o FC Porto B, em jogo a contar para a 2ª jornada da Zona Norte 2 do Campeonato Nacional da 1ª divisão, tendo vencido por 82-74.

De relembrar que esta Zona Norte 2 é disputada, para além do BCB, por SC Braga, GDB Leça, Famalicense AC, CB Viana, FC Porto B, CAB Madeira e Guifões SC.

Mais uma vez, valeu ao BCB a boa entrada em jogo e o bom último Período. O 1º Período (26-15) e o 4º (23-14) foram dos homens de Barcelos. Os portistas levaram de vencida o 2º (17-21) e o 3º (16-24), mas não foi o suficiente para retirar uma vitória tranquila ao BCB.

Individualmente, o barcelense Rui Silva (FC Porto) foi o melhor marcador, com 16 pontos. Pedro Dias (BCB) conquistou mais ressaltos (10); Alexandre Queiroz (FC Porto B) fez mais assistências: 7; Ricardo Dias (BCB) e Rui Silva (FC Porto B) fizeram 3 roubos de bola; e Ricardo Dias (BCB) conseguiu 1 bloqueio.

Nas percentagens de lançamento, BCB esteve melhor nos lances livres (74% vs. 56%), os portistas foram melhores nos de 3 pontos (30% vs. 24%) e ambas as equipas tiveram uma percentagem de 56% nos lançamentos de 2 pontos.

No próximo dia 30 de outubro, pelas 21h15, o BCB recebe o Famalicense AC, no Pavilhão da Escola Secundária de Barcelos.

Seniores Femininas com jogo adiado

Ainda no dia 24 de outubro, as Seniores Femininas do BCB iriam disputar mais um jogo a contar para a 2ª divisão feminina. No entanto, o jogo foi adiado, a pedido do CD José Régio (adversário neste jogo). Brevemente, será anunciada nova data para o disputar deste jogo.

Seniores do Basquete de Barcelos com sortes diferentes

Outubro 18, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Masculinos perdem e Femininas “esmagam”

Este sábado, as duas equipas seniores do Basquete Clube de Barcelos estiveram em ação, com resultados finais distintos.



A equipa Masculina deslocou-se ao Centro de Desportos e Congressos de Matosinhos para defrontar o GDB Leça, a contar para Zona Norte 1 do Campeonato Nacional da 1ª Divisão, tendo sido derrotada por 74-53.

O GD Leça, treinado por Rui Silva, apresentou a jogo Mário Meireles, Diogo Silva, Fernando Ramos, Pedro Meireles, Pedro Neves, Luís Salazar, Hugo Gomes, Rui Marques, Francisco Couto, Gonçalo Lafuente, Pedro Moreira e Leonardo Monteiro.

Já o BCB, treinado por Albino Mota, apresentou Justin Iton, Guilherme Melo, Luís Araújo, José Oliveira, Hélder Ferreira, Pedro Rodrigues, David Sá, Daniel Ramos, Pedro Dias, Ricardo Faria, Filipe Rodrigues e Ricardo Dias.

Marcador eletrónico do recinto (Foto: BCB)

Tal como os números apontam, o BCB entrou mal no jogo, e o 1º Período ditou o resultado final, com uma diferença de 15 pontos à maior para os da casa. O 2º e 3º trouxeram empates e o último trouxe mais 6 pontos de vantagem para os visitados: 19-04 (P1), 16-16 (P2), 18-18 (P3) e 21-15 (P4).

Nas estatísticas, Pedro Meireles (Leça) e Pedro Dias (BCB), com 15 pontos, foram os melhores marcadores. Pedro Dias (BCB) ganhou mais ressaltos: 13; nas assistências, Pedro Moreira (Leça) e David Sá (BCB) fizeram 4 cada; Pedro Meireles (Leça) fez mais roubos de bola: 3; e Fernando Ramos (Leça) conseguiu fazer 2 bloqueios.

Seniores Femininas “esmagam” Campo Sobrado

Pouco tempo antes dos Masculinos, a equipa sénior feminina do BCB recebeu o Campo Sobrado (Ndr: foto de destaque), a contar para a 1ª jornada da Zona Norte A1 do Campeonato Nacional da 2ª Divisão.

O placard apontou, no final, uma clara vitória das barcelenses por 82-43.

BCB perde na Taça de Portugal 2020-2021

Entretanto, o fim de semana foi de dois jogos para os seniores masculinos. Depois da deslocação a Matosinhos, visitou o Pavilhão Municipal de Nogueira da Maia, onde defrontou o JUVMAIA, para a Taça de Portugal 2020-2021.

O resultado não foi o desejado e o BCB ficou pelo caminho, tendo perdido por 67-63.

Fotos: DR.

[Ndr: notícia atualizada a 19.10.2020, pelas 9h40]

Óquei de Barcelos empata com AD Valongo e mantêm-se iguais na classificação

Outubro 17, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Duas equipas podem ver o Sporting CP igualá-las no 1º lugar

Em jogo a contar para a 4ª jornada do Campeonato Nacional da 1ª Divisão de Hóquei em Patins, a quadra do Pavilhão Municipal de Barcelos recebeu os dois primeiros classificados: Óquei Clube de Barcelos (OCB) e AD Valongo.



A arbitragem ficou a cargo de Rui Torres (AP Minho) e de Pedro Silva (AP Porto). Já as equipas apresentaram os seguintes alinhamentos:

OCB – Conti Acevedo, Zé Pedro, Joca Guimarães, Miguel Rocha e Reinaldo Ventura (cinco inicial); Joka, Tomás Pereira, Darío Giménez, Nicolás Gutiérrez e Rafael Lourenço (banco inicial); Passos Lomba (treinador-adjunto).

Equipa do OCB reunida (Foto: BnH)

AD Valongo – Ricardo Silva, Nuno Araújo, Diogo Abreu, Carlitos e Rafael Bessa (cinco inicial); Bernardo Mendes, Diogo Fernandes, Nuno Santos, Rúben Pereira e Diogo Barata (banco inicial); Edo Bosch (treinador).

Jogo muito equilibrado e “quente” entre duas equipas históricas do hóquei patinado português. Os visitantes foram para o intervalo a vencer por 0-1, com o golo apontado por Nuno Araújo, na marcação de uma grande penalidade. Ainda antes, aos 5’, Reinaldo Ventura não conseguiu desfeitear o guardião Ricardo Silva, de volta a Barcelos, na marcação de uma grande penalidade.

Momento do jogo (Foto: BnH)

No reatamento, os homens da casa voltaram com vontade de dar a volta à situação. Logo aos 4’, igualmente na marcação de uma grande penalidade, Tomás Pereira restabeleceu a igualdade a 1 golo. Cinco minutos depois, o OCB chegou à 10ª falta, mas Nuno Araújo, desta vez, não conseguiu bater Conti Acevedo na marcação do livre direto correspondente. Aos 12’, Carlitos recolocou os forasteiros na frente do marcador. Cerca de 7’ depois, Joca Guimarães recebe um azul, mas Rúben Pereira não consegue desfeitear o guardião “óquista”. Dois minutos depois, foi a vez dos valonguenses chegarem à 10ª falta, mas Darío Giménez não conseguiu empatar a partida, na marcação do livre direto, com a bola a embater na trave. A 20 segundos do final do jogo, a penalizar azul de Carlitos, Reinaldo Ventura marcou o 2-2, de livre direto, fechando o marcador e mantendo as duas equipas igualadas na classificação, em 1º lugar, mas podendo ser alcançadas pelo Sporting CP, que tem menos um jogo.

Momento do jogo (Foto: BnH)

Na próxima jornada, a 24 de outubro, e novamente às 21h30, o OCB recebe o FC Porto.

Não podemos terminar sem referir que as condições para a cobertura deste jogo foram más. Compreende-se que, por causa da pandemia, as medidas de segurança e prevenção levem a que as condições não sejam iguais às de uma época “normal”. No entanto, na zona de imprensa não havia espaço de segurança, nem espaço demarcado. A nossa equipa de reportagem não teve lugar nas mesas, nem conseguiu ligar o computador, tendo que ir para a bancada.

Fotos: BnH.

Casos de COVID-19 no plantel não impedem Óquei de Barcelos de jogar

Outubro 16, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

A comunicação social nacional avançou ontem, ao final da tarde, de que o plantel do Óquei Clube de Barcelos (OCB) tinha dois casos de infeção por COVID-19, sendo um deles de um jogador e outro do staff técnico.



Já antes de sabia que todo o plantel estava sob vigilância devido ao caso de infeção de um jogador do HC Braga, equipa que defrontou os barcelenses na jornada anterior.

Os infetados irão cumprir período de isolamento durante as próximas semanas. O portal “zerozero” refere que toda a estrutura fez testes à COVID-19 e não há mais casos positivos.

Sendo assim, e cumprindo as normas de segurança e proteção estabelecidas, o OCB continua a treinar e a preparar-se para o seu próximo jogo, já este sábado, frente à AD Valongo, que divide a liderança do Campeonato Nacional, apenas com vitórias.

Foto: DR.

Joaquim Sousa é 5º, em H50, no Campeonato Nacional de Trail

Outubro 15, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Prova realizada em Penacova

No passado sábado, dia 10 de outubro, realizou-se o Campeonato Nacional de Trail, prova organizada em colaboração pela Carlos Sá Nature Events, Associação Trail Running de Portugal e Município de Penacova.



Depois da sua última competição, em Orientação, que se realizou em finais de fevereiro, o barcelense Joaquim Sousa voltou a competir, desta feita, em Trail e participando no acima referido campeonato

Momento da partida (Foto: DR)

Com a sua mudança para um novo clube, no caso o “Saca Trilhos Anadia”, também os seus desafios são diferentes, desde logo, a sua filiação na ATRP – Associação Trail Running Portugal. Por tal, esta sua participação serviu de conclusão da sua primeira época enquanto associado no Trail. “Infelizmente, esta participação veio numa altura em que estive mais de um mês a recuperar de uma lesão, o que fez com que a minha prova tenha sido muito, mas muito sofrível”, salientou Joaquim Sousa.

A prova adotou medidas de proteção por causa do COVID-19 (Foto: DR)

Mesmo assim, o atleta conseguiu ser 5º no escalão de H50 e 129º da geral, com 4h16m56s, tempo gasto para correr (e caminhar) os cerca de 32km, com 1950 metros de desnível.

Momento de abastecimento (Foto: DR)

“Agora é recuperar e esperar pelas próximas provas, que serão de Orientação, dias 7 e 8 de novembro. Quero agradecer a Serfísio Barcelos por me ter ajudado a debelar a lesão a tempo de ainda conseguir participar no trail. À ‘Saca Trilhos Anadia’ pela confiança depositada em mim. À Escola ‘Pé de Dança’, VALLE SAFRAS e INOV, por todo o apoio e confiança”, concluiu Joaquim Sousa.

Equipa “Saca Trilhos Anadia” (Foto: DR)

Fotos: DR.

Raquel Marques (Campeã) e José Dias (Vice-Campeão) em destaque no Nacional de BTT XCM

Outubro 14, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Dupla barcelense coleciona mais um êxito desportivo

No último domingo, Condeixa-a-Nova recebeu o Campeonato Nacional de BTT-XCM (Maratona), nas categorias de Elite (3 voltas/105km/3300D), Curta (2 voltas/70km/2200D) e Meia (1 volta/35km/1100D).



Na categoria máxima, a Elite, o barcelense José Dias, da DMT RACING TEAM, foi apenas batido pelo seu colega de equipa, e atual campeão europeu, Tiago Ferreira. Em 3º lugar ficou Bruno Sancho, da KORPO ACTIVO | PENACOVA. A distância que percorreram foi de 105km, com 3300D.

Pódio da Elite Masculina (105km) com José Dias em 2º (Foto: UVP-FPC)

Já em Master 40 Feminino, na Maratona Curta (70km, com 2200D), igualmente de Barcelos, Raquel Marques foi a grande vencedora e sagrou-se campeã nacional. A atleta da AXPO | FIRSTBIKE TEAM | VILA DO CONDE ficou adiante de Andreia Freitas (BTT LOULÉ | ELEVIS), em 2ª, e de Clarisse Fernandes (CLUBE BTT ÁGUEDA | FUNDIVEN), a fechar o pódio em 3º lugar.

Pódio das Master 40 Femininas (70km) com Raquel Marques como Campeã Nacional (Foto: UVP-FPC)

Fotos: UVP-FPC.  

Centro Ciclista de Barcelos no Campeonato Nacional de Estrada 2020

Outubro 14, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

No último domingo, realizou-se o Campeonato Nacional de Estrada, que teve lugar por terras de Castelo Branco.



O circuito, quer para os Cadetes, quer para Juniores, tinha a distância de 22km. No entanto, os Juniores tinham que realizar 4 voltas ao percurso, enquanto os Cadetes realizavam 3 voltas.

O CENTRO CICLISTA DE BARCELOS | A.F.F. | FLYNX | H.M. MOTOR marcou presença com as suas equipas de Juniores e de Cadetes.

Centro Ciclista de Barcelos na frente do pelotão (Foto: UVP-FPC)

Em Juniores, Luís Ribeiro foi 23º, Diogo Saleiro 29º, Sérgio Saleiro 38º, Rodrigo Santos OTL e Rolando Silva desistiu.

Já em Cadetes, Leonardo Neves foi 24º, Rodrigo Neves 27º, Francisco Martins 29º, André Ribeiro 40º, Luís Moreira 69º e João Fernandes OTL.

Momento da corrida com o Centro Ciclista de Barcelos em destaque (Foto: UVP-FPC)

Fotos: UVP-FPC.

“Penacova Trail do Centro 2020” dita campeões nacionais de Trail com Sérgio Sá (Águias de Alvelos) em destaque

Outubro 14, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Prova com a chancela da empresa barcelense Carlos Sá Nature Events

Penacova recebeu, no passado fim de semana, o Campeonato Nacional de Trail que ditou os novos Campeões Nacionais, numa parceria entre a Carlos Sá Nature Events, Associação de Trail Running Portugal e o Município de Penacova.



Sob fortes medidas de segurança devido ao momento controverso que vivemos, o evento foi um grande sucesso a todos os níveis.

Entreajuda entre atletas (Foto: Susana Luzir)

Se pelo lado dos atletas, se pode destacar o enorme fair-play e cumprimento de todas as medidas impostas pela organização, destaque, também, para a disponibilidade de todas as instituições locais, clubes e população que foram envolvidas de forma espetacular, mostrando o quão bem sabem receber e valorizando a importância deste tipo de atividades para o município.

Os atletas tiveram que escalar escarpas (Foto: Susana Luzir)

Num momento tão difícil para a economia, a Carlos Sá Nature Events, os seus parceiros e patrocinadores deram, dessa forma, um sinal positivo de que é possível organizar eventos com esta magnitude e em segurança.

Dário Moitoso (Foto: Susana Luzir)

No que respeita à competição, a mesma foi vivida ao rubro, com incerteza até aos últimos minutos pelos lugares cimeiros do pódio, numa autêntica festa do desporto, que tanta falta já fazia para todos os apaixonados pelo trail running.

Inês Marques (Foto: Susana Luzir)

Na prova de sábado, o Campeonato Nacional de Trail, foi Dário Moitoso, do Clube Independente Atletismo Ilha Azul, quem levou a melhor. Em 02h50m45s, o atleta açoriano conquistou o primeiro lugar.  Hélio Fumo, da equipa Runners do Demo, com 02h52m30s ficou em segundo lugar e Bruno Silva, da Oralklass – Amigos do Trail, fechou a tríade do pódio masculino desta distância, com um tempo de 02h53m21s.

Pódio masculino do Campeonato Nacional (Foto: Susana Luzir)

Nas mulheres, Inês Marques, que representa a equipa OCS – Arrábida Trail Team, conquistou o lugar mais alto do pódio, com 03h27m27s, 9 minutos à frente de Paula Soares, que conquistou o segundo lugar dos femininos, em 03h36m40s, para a equipa Associação Desportiva de Amarante. A atleta da Prozis Athlete, Lucinda Sousa, chegou em terceiro lugar com 03h43m33s.

Pódio feminino do Campeonato Nacional (Foto: Susana Luzir)

Domingo decorreu o Trail Ultra 43Km onde foi Guilherme Lourenço quem arrebatou o primeiro lugar, em 04h17m08s.  Agostinho Reis, com um tempo de 04h27m25s, classificou-se em 2º lugar e Sérgio Sá, dos Águias de Alvelos (Barcelos), com 04h34m42s ocupou o último lugar do pódio.

Guilherme Lourenço (Foto: Susana Luzir)

Virgínia Pereira foi a primeira das mulheres a cortar a linha de chegada. A atleta do Monsanto Running Team terminou a prova em 05h57m06s, seguida da segunda classificada, a atleta do Tomar Runners, Sónia Neto, que terminou o percurso em 06h07m01s. Fechou a tríade do pódio a atleta Rute Martins, da COA/ Corvus Trail Team, com 06h16m56s.

Virgínia Pereira (Foto: Susana Luzir)

No Trail Curto 17Km, Rui Figueiredo, do Trail Bela Bela, foi o primeiro, com um tempo de 01h26m45s. A menos de 1 minuto ficou o segundo classificado, Artur Rodrigues, da equipa PNB/ Bestofday.net. Hélder Lopes, do DCI/ Trilhos Luso Bussaco, foi o terceiro a atravessar a meta, com um tempo de 01h30m19s.

Dureza da prova bem visível (Foto: Susana Luzir)

A jovem atleta Ana Domingues foi a primeira mulher a cortar a meta, conquistando, assim, o mais alto lugar no pódio feminino para a equipa do Olímpico Vianense, com um tempo de 01h56m26s. A atleta Marina Alves, do Turres Trail Team, classificou-se em segundo lugar, com 02h00m17s, e Raquel Ferreira, do Montanha Clube Trail Running EFAPEL, fechou o pódio das mulheres, com 02h04m07s.

Miradouro sobre Penacova (Foto: Susana Luzir)

A edição de 2021 já tem data marcada, com os trilhos de Penacova a serem percorridos a 5 de setembro.

A prova teve boas condições climatéricas (Foto: Susana Luzir)

Fonte: CSNE.

Um dos moinhos do percurso (Foto: Susana Luzir)

Fotos: Susana Luzir.

ACR Roriz com dois Tops-20 nos Campeonatos Nacionais de Fundo

Outubro 13, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

No passado domingo, realizaram-se, em Castelo Branco, os Campeonatos Nacionais de Fundo, destinados a Juniores e Cadetes, naquela que foi a última competição desta atípica temporada por motivo da Pandemia COVID-19.



Em Cadetes, para esta derradeira prova, a ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT marcou presença com 9 ciclistas, com o objetivo de estar na discussão da corrida, que tinha uma distância de 66km, e que se desenrolou num percurso de 22km que era percorrido por 3 vezes.

Pedro Castro (nº 95) (Foto: DR)

A corrida foi sempre bastante movimentada desde o km 0, com os jovens ciclistas rorizenses a responderem muito bem a todas exigências, tendo-se formado um grupo de 14 atletas na frente da corrida, já à entrada para a última volta, onde a equipa estava representada com Pedro Castro.

Prova decorreu em Castelo Branco (Foto: DR)

A vitória sairia desse restrito grupo, com Pedro Castro a terminar a prova na 13ª posição.

Chegada à meta (Foto: DR)

No pelotão, chegaram Diogo Carreiras, na 25ª posição, Tomás Carvalho foi 34°, Gabriel Baptista 42°, Bruno Lopes 55°, Guilherme Rodrigues e Miguel Peixoto, 60° e 61°, respetivamente, e Henrique Lopes 76°, num Nacional onde alinharam 125 ciclistas a partida.

Tomás Carvalho (nº 96) (Foto: DR)

Já Vítor Faria foi vítima de queda e teve, infelizmente, de abandonar. Quem não marcou presença, por lesão, foram Guilherme Vilas Boas e Afonso Luz, que ainda se encontra a recuperar da sua grave lesão.

Higienização obrigatória (Foto: DR)

“Encerrámos, assim, a temporada de Cadetes, num ano marcado pela ausência de competição, mas, principalmente, marcado pelo empenho, união e bastante aprendizagem. Muitos parabéns a todos!”, salienta a equipa em nota.

Ricardo Machado no Top-20 Nacional de Juniores

Já Ricardo Machado foi o único representante da equipa Júnior nestes Nacionais que decorreram por terras albicastrenses.

A realizou-se num circuito de 22km onde os juniores tinham que percorrer 4 vezes, totalizando 88km, revelava-se pouco seletiva, o que complicou, ainda mais, a sua prestação.

Ricardo Machado no grupo da frente (Foto: DR)

Apesar das dificuldades, Ricardo Machado manteve-se sempre junto dos melhores, respondendo a várias situações da corrida, tendo, na entrada para a última volta, danificado a roda frontal e, assim, perdido o contacto com o grupo principal.

Aquecimento (Foto: DR)

Apesar desse percalço, o jovem ciclista conseguiu recolar ao pelotão, mas ficou sem possibilidade de discutir uma melhor posição depois de alguns atletas terem atacado e ganho algum avanço na frente da corrida.

As “máquinas” alinhadas para a competição (Foto: DR)

Mesmo assim, Ricardo Machado finalizou na 18ª posição, sendo o melhor minhoto em prova, num total de 95 participantes.

Fotos: DR.

1 2 3 16
Ir Para Cima