Tag archive

Diogo Sendim Lourenço - page 2

Vais querer ter este conceito de Mac Mini com Touch Bar

Novembro 25, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
Diogo Sendim Lourenço

O Mac Mini pode estar desaparecido há uns tempos do mercado, mas isso não quer dizer que algumas pessoas não se perguntem como seria ver uma nova versão do computador. Um bom exemplo disso veio com um conceito feito por um estudante de design industrial chamado Louis Berger, que propôs um computador tão pequeno que muitos confundiriam com uma simples caixa de som, mas que, a uma olhadela mais atenta, pode mostrar-se o sonho de muitos fãs da Apple.



Com o curioso nome de Taptop Computer, o aparelho já chama a atenção pelo seu design cilíndrico, que é ainda mais compacto do que os seus antecessores. Diferente dos Mac Minis comuns, que eram feitos para ficarem praticamente escondidos na tua secretária, a ideia aqui é ficar bem à frente do teclado.

Obviamente, isto não é só uma questão de estética: o computador também adicionou uma combinação de Dock e Touch Bar para que utilizes as suas principais opções e navegues pelos principais programas com poucos toques. O resultado é simplesmente de tirar o fôlego, não há como negar.

Infelizmente, visto que não há grandes sinais relacionados com o computador há algum tempo, é melhor não ter esperanças em ver um regresso triunfal do Mac Mini por enquanto – quem dirá então com um design tão arrojado quanto este.

Nestas horas, só podemos cruzar os dedos e desejar algo mais.

Por: Diogo Sendim Lourenço*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Pré-venda do iPhone X esgotada, alta procura ou baixa produção?

Outubro 29, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora
Diogo Sendim Lourenço

A pré-venda do iPhone X acabou de começar e…bem, se estás a ler isto,  fica a saber que já é tarde demais para tentar reservar o teu iPhone X há algum tempo – pelo menos para o lançamento.



Isto porque, embora a pré-venda ainda esteja aberta para o público em 55 países diferentes, aqueles que tentarem conseguir uma unidade do dispositivo terão que esperar para depois de 3 de novembro — ou seja, para depois do lançamento do smartphone em si. Obviamente, a Apple nunca iria revelar quantas unidades estavam disponíveis, mas o prazo para a entrega já deixa claro que as unidades em stock para o lançamento foram esgotadas.

Para piorar, o tempo de espera previsto já atingiu números absurdos: em apenas duas horas depois da pré-venda começar, o prazo para a chegada dos aparelhos foi para 5 a 6 semanas, nos EUA, segundo o BGR. E parece que o mesmo está a acontecer no resto do mundo.

Alta expectativa, baixa disponibilidade!

Se isso se deve à enorme expectativa do público para o poderoso e inovador aparelho? Certamente – afinal, como muitos esperavam pelas fracas vendas do iPhone 8, o público preferiu esperar algumas semanas para ter acesso ao modelo mais poderoso. Tudo isto, no entanto, reforça os rumores dos problemas de produção do iPhone X, que resultou numa disponibilidade de poucas unidades nas primeiras semanas do smartphone nas lojas.

A boa notícia, por fim, é que a Apple pelo menos garantiu que todas as suas lojas terão unidades do iPhone X em stock no dia 3 de novembro. Mas também recomenda que os interessados cheguem cedo às lojas para conseguirem adquirir o dispositivo – o que indica uma disponibilidade um tanto limitada.

Por: Diogo Sendim Lourenço*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Samsung Note 8 está a chegar!

Setembro 2, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
Diogo Sendim Lourenço

A Samsung lançou, finalmente, um novo dispositivo da série Galaxy Note. Muita gente achou que a linha estava condenada após o fracasso comercial do Note 7, mas isso está longe de acontecer na realidade. Com o Note 8, a empresa líder do mercado está a tentar recuperar a confiança dos usuários de produtos grandes, os chamados phablets. Aparentemente, a empresa está na direção certa com o novo smartphone.



O Galaxy Note 8 chegará ao mercado em meados de setembro. Na Europa, os clientes que comprarem o dispositivo no lançamento levarão para a casa a dock DeX gratuitamente, que transforma o smartphone num PC. Outra característica interessante é que o Note 8 chega numa versão dual-SIM, pouco comum em alguns mercados.

As cores disponíveis são: Midnight Black, Maple Gold, o novo Deep Sea Blue e Orchid Gray. A disponibilidade do produto, das cores e acessórios dependerá de cada mercado.

Se já estás familiarizado com o visual dos Galaxy S8, então não irás estranhar o Note 8 e a sua construção. O visual característico da série está presente no dispositivo. Isso é algo positivo, pois temos a superfície frontal com bordas curvas e o formato de ecrã infinito que o tornam bastante elegante. O modelo tem espessura de 8,6 milímetros e pesa 195 gramas, que é um peso notável durante o seu manuseio.

Os botões do Note 8 estão posicionados no mesmo lugar do Galaxy S8. Não há um botão físico de home na parte frontal, visto que o sensor biométrico está na traseira e o scanner de íris está à direita do flash de LED. Assim como nos S8, a posição escolhida pela Samsung para a biometria é questionável tendo em vista que o Note 8 é um aparelho ligeiramente maior.

Em relação à segurança, o Galaxy Note 8 vem equipado com vários mecanismos de proteção. O mais seguro, segundo o fabricante, é o scanner de íris, seguido do desbloqueio facial, que captura o rosto do usuário com a ajuda da câmara frontal. A terceira solução é o sensor biométrico, que está um pouco desconfortável no lugar onde está posicionado.

A Samsung entrega o Note 8 com Android 7.1 e, obviamente, o modelo deve receber o Android 8.0 Oreo a qualquer momento, mesmo que isso aconteça no próximo ano. Sobre o Android, a interface do fabricante está mais conservadora, eficiente e com recursos consistentes.

A bateria do Note 8 não impressiona, mas pelo menos temos a confirmação de que foi projetada num tamanho compatível com o dispositivo e aprovada em testes internos de segurança. São 3.300mAh, cerca de 200 mAh a menos que o Galaxy S8+. É válido ressaltar que temos uma bateria maior em comparação com o S8+ e ainda um espaço extra no hardware que é o compartimento da S Pen. Carregamentos rápidos da bateria com ou sem fios estão presentes.

A marca não está a inovar ou a arriscar muito com este lançamento, mas esta cautela é compreensível devido aos problemas do modelo anterior.

Por: Diogo Sendim Lourenço*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

LG testa robôs que conduzem passageiros perdidos à porta de embarque

Julho 29, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
Diogo Sendim Lourenço

A empresa está a testar dois robôs inteligentes no maior aeroporto da Coreia do Sul

A LG está a testar robôs autónomos para limpeza de terminais e para auxiliar passageiros perdidos nos aeroportos durante os próximos Jogos Olímpicos de Inverno, em 2018, na Coreia do Sul.

Os robôs receberam o nome de Airport Guide Robot e Airport Cleaning Robot no maior aeroporto do país.

Antes de realizar esses testes no Aeroporto Internacional Incheon, na capital Seul, a empresa revelou essas duas máquinas na CES (International Consumer Electronics Show) deste ano e, como o próprio nome sugere, ambos os robôs foram desenvolvidos com o intuito de ajudar e guiar os turistas e atletas que irão passar, diariamente, pelo aeroporto.

O Guide Robot irá percorrer os terminais de todo o aeroporto e, quando for solicitado pelos passageiros, será capaz de fornecer instruções e informações sobre os horários em quatro línguas: coreano, inglês, chinês e japonês. Além disso, o robô conduzirá passageiros até às portas de embarque, mas, para isso, a pessoa deverá informar o seu cartão de embarque no ecrã da máquina.




Por fim, o Cleaning Robot, segundo a LG, possui sistemas e sensores automatizados, capazes de detectarem as áreas mais movimentadas e que realmente exigem uma limpeza com maior frequência. Em seguida, ele realiza cálculos de rotas para chegar até esse ponto no menor tempo possível.

A empresa afirmou ainda que está a investir fortemente em robôs comerciais e que será cada vez mais comum esse tipo de produto no mercado.

Por: Diogo Sendim Lourenço*.

Rua Duques de Barcelos, 17

4750-264 Barcelos

Email: diogosendimlourenco@gmail.com

Contacto: 932 908 025

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

O bilhete de comboio no teu corpo!

Junho 24, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora
Diogo Sendim Lourenço

Já é possível pagar uma viagem de comboio através de um chip implantado na mão.

Na Suécia, a companhia ferroviária pública Statens Järnvägar’s (SJ) permite o pagamento das viagens através de um chip implantado debaixo da pele do passageiro.

Trata-se de um processo semelhante ao que ocorre com o sistema convencional de NFC, bastando que o cobrador passe um smartphone sobre a zona onde se encontra o chip. Uma aplicação lê a informação constante no chip e o pagamento é, assim, processado.

Segundo a SJ, esta inovação surge “para responder a uma necessidade demonstrada pelos utilizadores suecos”. Estima-se que no país existam cerca de 2 mil biohackers, ou seja, pessoas que realizam implantes tecnológicos nos seus próprios corpos.

O novo sistema está disponível desde o início do mês de junho e, de acordo com a empresa, tem ajudado os funcionários a poupar tempo, uma vez que “ler o chip na mão do passageiro é mais rápido do que fazer o mesmo com um cartão”. A forma tradicional de pagamento das viagens continua disponível.

Este método parece estar alinhado com as tendências do país, uma vez que, na Suécia, apenas 2% das transações financeiras são realizadas com dinheiro. O Banco Central sueco prevê que o dinheiro em papel deixe completamente de ser usado no território, até 2030.

Por: Diogo Sendim Lourenço*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)




Rua Duques de Barcelos, 17

4750-264 Barcelos

Email: diogosendimlourenco@gmail.com

Contacto: 932 908 025

Google Lens

Maio 27, 2017 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
Diogo Sendim Lourenço
Diogo Sendim Lourenço

“Google Lens”: uma tecnologia que basicamente transforma a câmara do teu telefone numa ferramenta de procura visual artificialmente inteligente

O Google I / O acaba de ser lançado e já estou a ver uma infinidade de novos softwares disponíveis para os usuários. Um dos primeiros novos recursos anunciados no keynote de abertura é o Google Lens, que pode ajudar-te a obter as informações que precisas usando o reconhecimento diretamente da câmara.

TEC-TALK-003-google-lens

Semelhante ao funcionamento do Bixby, da Samsung, o Google Lens pode captar as imagens da câmara e usar o assistente para mostrar as informações importantes. Outros exemplos do que o Google Lens pode fazer incluem os usuários que podem tirar uma foto da etiqueta na parte de trás de um router, após o qual o telefone conecta-se automaticamente à rede Wi-Fi sem que seja necessário fazer qualquer outra coisa, e até mesmo mostrar avaliações dos restaurantes apenas apontando a câmara para eles.

O Google Lens espera ser capaz de reconhecer as informações importantes que poderás querer do mundo real e ajudar-te a fazer as coisas mais rápido.

No Google Lens poderás identificar edifícios ou marcos, por exemplo, apresentando aos utilizadores as instruções e horários de funcionamento. Também poderás apresentar informações sobre uma famosa obra de arte; talvez poderá ele resolver o mistério de saber se Mona Lisa está a sorrir ou não!

Além disso, o Google Lens permitirá que os usuários liguem para um número diretamente do aplicativo “Fotos”, se um amigo enviar uma captura de ecrã com detalhes de contacto, por exemplo.




A Google não especificou quando o Google Lens vai chegar aos smartphones…mas vou estar atento.

Por: Diogo Sendim Lourenço*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Rua Duques de Barcelos, 17

4750-264 Barcelos

Email: diogosendimlourenco@gmail.com

Contacto: 932 908 025

Já é possível levantar dinheiro sem usar cartão

Abril 29, 2017 em Atualidade, Concelho, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
diogo-sendim-lourenço
Diogo Sendim Lourenço

É uma revolução na forma como levantamos dinheiro das caixas multibanco: a app MB Way passou a disponibilizar uma funcionalidade que permite fazer isto sem usar qualquer cartão.

A partir do passado dia 18 já é possível levantar dinheiro sem recurso ao cartão de multibanco. Através da aplicação MB Way pode levantar dinheiro em “caixas automáticas da rede multibanco sem necessidade de utilização de um cartão bancário”.

Isto deve-se à nova funcionalidade da app MB Way, que passa a disponibilizar um código que vai funcionar como “cartão”. O sistema permite usar, depois, esse código numa máquina multibanco para levantar dinheiro.

A entidade que gere a rede Multibanco em Portugal, a SIBS, anunciou, sob a forma de comunicado, a entrada em funcionamento do levantamento de dinheiro no multibanco usando a aplicação MB Way. Depois de instalada no smartphone, basta selecionar o cartão do qual pretende fazer a operação, escolher a opção “Levantar dinheiro” na “app” MB WAY e introduzir o montante pretendido.

multibanco

O código pode ser utilizado pelo próprio utilizador, ou ser enviado para qualquer outra pessoa, que nem sequer precisa ser utilizador do MB Way, ou ter qualquer cartão bancário. Sendo que bastará dirigir-se a uma máquina Multibanco, carregar na tecla verde, e de seguida introduzir o código com os 10 dígitos. Estes códigos expiram ao fim de 30 minutos. A ideia é que os mesmos sejam utilizados no momento; sendo que, se por algum motivo não puderem ser usados a tempo, bastará criar um novo código quando necessário, ficando aqueles sem efeito e com a indicação de que os mesmos não foram utilizados na app do utilizador MB Way, que também poderá ver se os mesmos já foram utilizados.




Será uma forma simples e prática de enviar dinheiro para alguém em situações de emergência – por exemplo, alguém a quem tenham roubado a carteira durante as férias. Mas, também, já estou a imaginar que em breve se possa criar um novo passatempo nacional, com pessoas a sentarem-se à frente de uma caixa MB o dia todo a tentarem a introdução de códigos à sorte, a ver se por acaso acertam no “jackpot“.

Por: Diogo Sendim Lourenço*

Rua Duques de Barcelos, 17

4750-264 Barcelos

Email: diogosendimlourenco@gmail.com

Contacto: 932 908 025

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)



O indestrutível Nokia 3310 está de volta e traz o “Snake”

Março 18, 2017 em Atualidade, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
diogo
Diogo Sendim Lourenço

Um dos anúncios mais aguardados do Mobile World Congress (MWC) era mesmo o do 3310, «o renascer de um clássico moderno», como escreve a Nokia em comunicado.

Um mito do mundo mobile está de volta aos mercados, sendo ele o Nokia 3310. Sob o comando da HMD Global, a Nokia fez regressar um dos seus mais bem-sucedidos dispositivos, numa edição especial que serve, não só, para despertar a nostalgia no geek que existe dentro de todos nós, mas também, para assinalar um regresso em grande da gigante finlandesa.

Não é o mesmo aparelho indestrutível de antigamente.O novo modelo possui ecrã a cores, sistema operacional atualizado, leitor de cartão de memória e até uma câmara traseira. Mas o que importa é que o joguinho da cobrinha continua lá. Um executivo da Nokia “brincou” ao afirmar que este pode ser o telemóvel para quem quiser fazer um fim de semana detox. Outro dos regressos é o ringtone icónico da Nokia.

O design segue algumas linhas do modelo clássico, mas é mais colorido (ele estará disponível nas cores vermelha, azul, amarela e cinza) e, significativamente, mais fino. Enquanto o Nokia 3310 de 2000 tinha 22 mm de espessura (isso é provavelmente mais grosso que o teu notebook), a versão de 2017 tem apenas 12,8 mm.

O ecrã de 2,4 polegadas tem resolução de 320×240 pixels (bem melhor que o display monocromático de 5 linhas do antecessor) e mostra a interface do Nokia Series 30+, sistema operacional para feature phones que conta com um leitor de música. No entanto, terás que comprar um microSD, já que será difícil colocar muitos arquivos MP3 no armazenamento interno de 16 MB.

17274647_1438365822849235_1764197056_n

Completam as especificações, a conexão Bluetooth 3.0 (bem-vindo ao futuro), câmara traseira de 2 megapixels com flash LED e uma bateria de lítio (e não níquel-hidreto metálico: não vicia!) de 1.200 mAh, que dura nada menos que 31 dias em standby, 22 horas em conversação e 51 horas em reprodução de música. Ele suporta apenas conexões 2G.

Na Europa, o Nokia 3310 será vendido por 49 euros.

 

Por: Diogo Sendim Lourenço.

Rua Duques de Barcelos, 17

4750-264 Barcelos

Email: diogosendimlourenco@gmail.com

Contacto: 932 908 025

Ir Para Cima